Helena Farrall e Livia Tirone

453 views
420 views

Published on

A resiliência urbana abrange as diversas dimensões de risco, às quais as cidades estão cada vez mais expostas. Um planeamento urbano responsável e sustentável precisa de considerar a prevenção, a mitigação e a capacidade de regeneração das cidades, face aos eventos extremos que as podem ameaçar. Os riscos, que podem ter causas naturais, tecnológicas ou sociais, ser previsíveis ou inesperados, ter consequências devastadoras ou locais, precisam de ser evitados com um Planeamento Urbano competente e de ser mitigados com uma gestão urbanística rigorosa, que partem do conhecimento em tempo real do estado de todos os processos dinâmicos que podem ameaçar as cidades. A resiliência urbana de uma cidade constitui-se como responsabilidade de todos que a planeiam, a gerem e dos cidadãos que a habitam. Neste Workshop sobre Resiliência Urbana, o enfoque será sobre a prevenção e o Planeamento Urbano, nas dimensões Económica, Social e Urbana / Ambiental.

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
453
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Helena Farrall e Livia Tirone

  1. 1. CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL®SOLUÇÕES PARA UMA PROSPERIDADE RENOVÁVELWORKSHOP Resiliência Urbana O Ciclo de Vida das CidadesCONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® www.construcaosustentavel.pt
  2. 2. VALORES Resiliência Urbana DESCENTRALIZAÇÃO REDUNDÂNCIAIDENTIDADE DIVERSIDADE AUTONOMIA COLABORAÇÃO FLEXIBILIDADE
  3. 3. VALORES Construção Sustentável PREPARAÇÃO INTELIGÊNCIAROBUSTEZ TRANSPARÊNCIA CONECTIVIDADE EFICIÊNCIA EFICÁCIA
  4. 4. QUAIS OS DESAFIOS DA RESILIÊNCIA URBANA? Somos 7 mil milhões de habitantes no planeta: 1/7 está à fome e sem acesso a água potável! Como promover a segurança alimentar?
  5. 5. QUAIS OS DESAFIOS DA RESILIÊNCIA URBANA? má qualidade As cidades sofrem do ar interior e exterior, saneamento básico insuficiente, níveis de ruído elevados, mais desconforto e desemprego: no entanto de 1/2 da população do planeta vive em cidades! Como melhorar a qualidade de vida nas cidades?
  6. 6. QUAIS OS DESAFIOS DA RESILIÊNCIA URBANA? 1/3 das pessoas que jamais atingiram 65 anos de idade estão vivos hoje! Como tornar o meio edificado mais simpático para os idosos?
  7. 7. QUAIS OS DESAFIOS DA RESILIÊNCIA URBANA? 1 em cada 2 cidadãosEm alguns países desenvolvidossofre de doenças crónicas!Como promover a saúde?
  8. 8. QUAIS OS DESAFIOS DA RESILIÊNCIA URBANA?Os nossos Oceanos estão a ser poluídos para alémda sua capacidade de regeneração!Como promover a boa gestão desterecurso indispensável?
  9. 9. QUAL É O CAMINHO?
  10. 10. ICLEI – RESILIENT CITIES CONGRESS 2010 2011 2012
  11. 11. ICLEI – RESILIENT CITIES CONGRESS RESILIÊNCIA SUSTENTABILIDADE VULNERABILIDADE / RISCO
  12. 12. QUEM FINANCIA A RESILIÊNCIA?Os Governos não podem pagar a fatura da RESILIÊNCIA! Governo
  13. 13. QUEM FINANCIA A RESILIÊNCIA?Os Governos não podem pagar a fatura da RESILIÊNCIA! São os Mas os Municípios Municípios que não têm dinheiro! têm de a pagar! Governo Municípios
  14. 14. QUEM FINANCIA A RESILIÊNCIA?Os Governos não podem pagar a fatura da Mas os Municípios RESILIÊNCIA! São os não têm dinheiro! Municípios que Precisamos de envolver Soluções financeiras? têm de a pagar! o sector privado! Sem qualquer problema! Governo Municípios Sector Financeiro
  15. 15. QUEM FINANCIA A RESILIÊNCIA?Os Governos não podem pagar a fatura da Mas os Municípios RESILIÊNCIA! São os não têm dinheiro! Precisamos de envolver Soluções financeiras? Municípios que O Que é isso o sector privado! Sem qualquer problema! têm de a pagar! “hipotecar Vamos hipotecar o futuro! o futuro”? Governo Municípios Sector Financeiro Comunidades Locais
  16. 16. QUEM FINANCIA A RESILIÊNCIA?Os Governos não podem pagar a fatura da Mas os Municípios RESILIÊNCIA! São os não têm dinheiro! Precisamos de envolver Soluções financeiras? Municípios que O Que é isso o sector privado! Sem qualquer problema! têm de a pagar! “hipotecar Vamos hipotecar o futuro! o futuro”? WHATEVA! Governo Municípios Sector Financeiro Comunidades Locais Gerações Vindouras
  17. 17. REABILITAÇÃO Atores RelevantesInstituições Europeias ∙ Concessionárias ∙ Bancos ∙Instituições de Crédito ∙ Seguradoras ∙ Organizaçõesnão Governamentais ∙ Estados Membros ∙ AgênciasGovernamentais ∙ Instituições de Investigação ∙Autarquias Locais ∙ Promotores Imobiliários ∙Cooperativas Habitacionais ∙ Equipa de Projeto ∙Empreiteiros Gerais ∙ Pequenos Empreiteiros ∙Fornecedores de Soluções Construtivas ∙Mediadoras Imobiliárias ∙ Facility Managers ∙Condomínios ∙ Utilizadores Finais
  18. 18. ICLEI – RESILIENT CITIES CONGRESS METODOLOGIAS AVALIAÇÃO BENCHMARKING MODELOS DE RUTURA
  19. 19. ICLEI – RESILIENT CITIES CONGRESS 2010 2011 2012 2013
  20. 20. ICLEI – RESILIENT CITIES CONGRESS 2012 Endereços a consultar Programa http://resilient-cities.iclei.org/fileadmin/sites/resilient- cities/files/Resilient_Cities_2012/Program_Updates/RC2012_Program_no_cover.p df Apresentações http://resilient-cities.iclei.org/bonn2012/program/download-presentations/ Relatório da EEA "Urban Adaptation to Climate Change in Europe" http://www.eea.europa.eu/publications/urban-adaptation-to-climate-change Publicação da UNISDR "How to Make Cities More Resilient: A Handbook for Local Government Leaders" http://www.unisdr.org/archive/26728
  21. 21. Parceiros:Apoios:Agência de Comunicação:
  22. 22. Pormenor de um quadro de: Franz Marc Agradecemos a Vossa Atenção Livia Tirone e Helena Farrall mail@liviatirone.com mail@helenafarrall.com

×