• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Boletim Informativo Nº 07
 

Boletim Informativo Nº 07

on

  • 324 views

 

Statistics

Views

Total Views
324
Views on SlideShare
318
Embed Views
6

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

2 Embeds 6

http://cspconlutascorreios.blogspot.com 5
http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Boletim Informativo Nº 07 Boletim Informativo Nº 07 Document Transcript

    • Você sabe o que é o CONREP? O CONREP (Conselho dos Representantes) é um encontro que acontece todos os anos, na maioria dasvezes em Brasília, onde são discutidos vários assuntos que tratam do dia-a-dia dos trabalhadores dos Correios, como por exemplo: as deflagrações degreve, atos públicos e vários outros assuntos. As pessoas que farão partedo encontro são tiradas nas assembléias estaduais através de chapas.A assembléia em Santa Catarina para tirada de delegados ocorreu no dias25 de junho. Os companheiros eleitos pela Frente Nacional de Oposição(FNO) à Maioria da Direção da FENTECT para nos representar em Brasíliasão: Giovani de Blumenau, Gilson de Itajaí, Gisele Caran de BalneárioCamboriú, Hélio Samuel de Florianópolis, Maurício Rosa de Florianópolis.Os companheiros eleitos pela direção do sindicato são: Alexandre dosSantos Gonçalves de Blumenau e Luciano Alves de Joinville.
    • COMO SURGIU A FRENTE NACIONAL DE OPOSIÇÃO A MAIORIA DA DIREÇÃO DA FENTECT?Durante a campanha salarial em 2009, o presidente Lula chamou decovardes os trabalhadores que estavam em greve, lutando por melhorescondições de trabalho e salário. Este recado foi muito bem entendido pelascentrais governistas e traidoras, que alguns dias mais tarde começaram adesmontar a greve. A CTB (ligada ao PCdoB) de forma burocrática eantidemocrática encerrou a greve no RJ e depois foi para SP e com a ajudada CUT (ligada ao PT) conseguiram desmobilizar a categoria em nívelnacional.O enterro da greve teve como eixo central a candidatura de Dilma Rousseffem 2010, já que o PT e o PCdoB, preocupados em elegê-la não queriamuma greve que se chocasse com o patrão Lula este ano. Para conseguirisso, criaram o Acordo Bianual, que anula a campanha salarial no anoeleitoral.O quadro nacional de greve terminou com 18 sindicatos, todos ligados aCUT/PT e CTB/PCdoB, aceitando o acordo bianual (destes, em algunsSINTECT’s houveram fraudes para garantir a traição). Do outro lado,estavam 17 sindicatos defendendo que o Acordo salarial fosse válido porum ano e que em 2010 tivéssemos aumento salarial. Diante destes fatos, a FENTECT literalmente rachou em duas partes. Uma lutando contra todas estas “maracutaias” formou a FRENTE NACIONAL DE OPOSIÇÃO A MAIORIA DA DIREÇÃO DA FENTECT (FNO), composta pela CONLUTAS e parte da CUT, defendendo: Anulação do Acordo Bianual, por uma campanha salarial anual; Contra o PCCS da empresa e o governo Lula; Não pagamento do rombo do POSTALIS com o dinheiro da categoria; PLR de R$ 2.000,00; Contra a privatização da ECT via Correios S/A ou qualquer outra forma como a terceirização e o sucateamento da empresa; Contratação via concurso público já, para acabar com as dobras e a sobrecarga de trabalho.
    • A outra parte da FENTECT (CUT/CTB), defendendo a empresa e o governoLula, com as bandeiras: Aprovação do Acordo Bianual 2009/2011; Implantação do PCCS que propõe o AADC no lugar do adicional de risco (30%), o banco de horas e liberdade para a empresa modificar como quiser os próximos PCCS sem consultar a categoria; Implantação do Correios S/A de Lula (privatização); Pagamento do rombo do POSTALIS (R$ 737 milhões) com o dinheiro dos trabalhadores da ECT.SINTECT/SC, um caso a parteNosso sindicato, em 2009 posicionou-se contra o Acordo Bianual e aderiu aFRENTE NACIONAL DE OPOSIÇÃO mobilizando a categoria, porém algunsmeses mais tarde o SINTECT/SC retirou-se do bloco nacional e algunsdiretores liberados (Olívio, Milton, Evandro) passaram a defender aaprovação do PCCS em assembléia aqui em SC. Na última plenária nacionalcompanheiros ligados a direção votaram para que os trabalhadorespagassem o rombo do Postalis. Ou seja, o SINTECT/SC que estava lutandojunto com os trabalhadores, agora está defendendo o bloco traidor queapóia a empresa e o governo Lula.A CONLUTAS em Correios de Santa Catarina juntamente com algunsdiretores do SINTECT/SC que romperam com o Srs. Olívio, Milton, Luciano,Evandro e Beto, estão trabalhando em prol da Frente Nacional deOposição, defendendo as propostas apresentadas pelo Bloco, como nocaso da assembléia antidemocrática onde conseguimos derrotar aproposta da maioria da direção que tentou aprovar o PCCS da escravidão.Além disso, na assembléia do dia 25/06, a oposição à diretoria doSINTECT/SC elegeu 5 delegados contra 2 da diretoria, para participar doXXIX CONREP e defender a categoria. Isto mostra que os trabalhadorescansaram de serem mal representados e querem mudança. 3
    • Todos delegados de SC devem lutar pelos trabalhadores Nos dias 21 a 23 de julho ocorrerá o XXIX CONREP onde poderão ser deliberado indicativo de greve em agosto com as seguintes bandeiras de luta: PLR de R$ 2.000,00; Contra a privatização via Correios S/A; Contra o Acordo Bianual, por aumento salarial todo ano; Rejeição do PCCS; Fora Biffano, Fora Custódio; Contratação via concurso público Já! Fim das dobras e sobrecarga de trabalho e melhores condições de trabalho.Chamamos os companheiros eleitos pela direção do sindicato (Luciano eAlexandre) a votarem junto conosco e a FRENTE NACIONAL DE OPOSIÇÃOnas propostas que defendam a categoria.Lembramos que os 7 delegados que foram eleitos na assembléia estãorepresentando cada trabalhador dos Correios em SC e devem ser cobradospela base em quais propostas eles votarão em Brasília.É dever de todos os eleitos e da direção do SINTECT/SC esclarecer para abase da categoria sobre todos os acontecimentos do CONREP.Dia Nacional de ParalisaçãoQueremos esclarecer a todos os companheiros que lutaram bravamente noDia Nacional de Paralisação (26/05), onde foram coletadas assinaturasexigindo contratação imediata via concurso público e distribuição da cartaaberta e que tiveram o dia descontado, cabe lembrar que o SINTECT/SCtem a responsabilidade de encaminhar ajuizamento de ação de imediato,pois os trabalhadores que lutaram não podem ser penalizados pela ECT.Lembrando que a paralisação não foi abusiva e foi deflagrada em razão dodescumprimento da ECT do ACT em vigor, o que impediria qualquerdesconto no salário dos trabalhadores. Cobrem dos diretores do sindicatoseus direitos! Assinam: Giovani/Blumenau, Gilson/Itajaí, Gilmar/Florianópolis, Jacques/São José, Fernando (DH)/Florianópolis, Emanuel/Florianópolis 4