Your SlideShare is downloading. ×
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Coaprendizagem para coautorias com recursos, práticas e redes educacionais abertas

1,721

Published on

debate para o webinar organizado pelo grupo GETED MTS

debate para o webinar organizado pelo grupo GETED MTS

Published in: Education
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,721
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
24
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide
  • Como a escola contribui para est a autonomia – ou seja, como os educadores propiciam que seus estudantes possam construir pensamento próprio ? Ou seja ler o mundo e reescrever com suas próprias palavras ? Será que é necessário chegar num mestrado ? Isso traz outros questionamentos, por exemplo, professores que são orientadores de mestrado têm esse desafio... não? Orientar seus estudantes para que possam não apenas selecionar citações de outros autores relevantes mas reescrever agregando interpretação própria... Os professores que são examinadores de bancas observam que as teses de doutorado tem muito menos citações e uma narrativa de conhecimentos com predomínio maior das palavras do autor Mas então , será que é necessário chegar no doutorado para ter esta autonomia ?
  • O Projeto “ WESPOT Working Environment with Social and Personal Open Tools for inquiry based learning ” financiado pela comunidade européia tem como objetivo desenvover ambiente de trabalho para aprendizagem baseada em investigação com tecnologias sociais, personalizadas, analíticas, colaborativas e móveis. Trata-se de um projeto novo (período de 2013 a 2015) com o objetivo de propagar a pesquisa científica como a abordagem para a ciência de ensino e aprendizagem em combinação com práticas atuais.
  • Transcript

    • 1. Discussão colaborativa Coaprendizagem para Coautorias comRecursos, Práticas e Redes Educacionais Abertas Alexandra Okada The Open University Knowledge Media Institute a.l.p.okada@open.ac.uk
    • 2. Discussão colaborativa Coaprendizagem para Coautorias com Recursos, Práticas e Redes Educacionais AbertasApresentação – Skype para Webinar Grupo GETEDConteúdo – Slideshare ColearnDebate – http://oer.kmi.open.ac.uk/?p=3391 integrado com Facebook e twitter #colearn
    • 3. Contexto Coletivo – Comunidade COLEARN – ponto de partida Prof. Antônio Quintas Como ganhar autonomia em relação a um texto? Como lidar com a dificuldade de expressar o que um autor diz com nossas palavras?“Autoria” exige muito trabalho e muitos anos de experiência...Como quebrar a tendência de ficar colados nos textos que lemos...?http://oer.kmi.open.ac.uk/?p=2506
    • 4. Contexto Pessoal – ponto de encontroQual o meu papel como Qual o meu papel comoprofessor para possibilitar educador dos meus filhos paraa autonomia dos propiciar interpretação maisestudantes para reescrita consciente e crítica do mundo?do mundo? Será que as tecnologias Como observo minha atuação informações e redes abertas nesta era do conhecimento podem ajudar para esta digital? autonomia?
    • 5. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Educação Emancipatória (Freire) Coaprendizes (docentes & estudantes) que utilizam tecnologias digitais para leitura (acesso) e reescrita-crítica do mundo (recriação) acompanham os avanços e aprimoram sua prática com mais facilidade? “A web tem possibilitado não só um acesso mais fácil a conhecimentos; como também, abre um leque de novidades, de contatos, de possibilidades de aprender e compartilhar meu aprendizado.” Raquel Spelta Estudante "Com certeza, a experiência docente que temos vivenciada durante alguns anos, utilizando o apoio das tecnologias, tem revelado que o compartilhamento das reflexões sob a forma de diálogo contribui para que a Stela Piconez · autopoiese ocorra Pesquisadora Para quem usa tecnologia não apenas para acesso à informação, mas para debater, trocar, opinar, reconstruir e recriar com certeza tem condições de acompanhar com menos dificuldade os avanços tecnológicos aceleradíssimos...Beto Steimber O grande problema ainda pendente, com base naGerente minha prática, é como gerenciar o tempo...
    • 6. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REACibercultura e Inteligência Coletiva (Lévy)Será que os coaprendizes que compartilham suas recriações eformas de construí-las de modo aberto podem ampliar suas redessociais e oportunidades de coautorias mais elaboradas? “Quanto mais eu compartilho vejo que tenho mais acesso aos assuntos que quero aprender.”Raquel Spelta O advento the web já proporciona oportunidades de acões desta natureza independente the educação escolar. Entretanto, nem sempre educativas... Stela Piconez · Pesquisadora Achei bem interessante o projeto no qual criancas da Franca Portugal e Brasil criaram blog coletivo e fizeram webconferencia com FlashMeeting com o escritor, pesquisadores e representante do Ministério the Educação de Portugal.Lila RedConsultoraEducacional
    • 7. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Educação Aberta informal e formal Como nós temos usado conteúdo e redes abertas na nossa coaprendizagem? Aprendo muito com os amigos e gosto também de compartilhar o que sei Raquel Spelta Estudante Tenho certeza que pela Educação Formal podemos desenvolver com maior profundidade a capacidade de síntese, de generalizacão, de inferências e compartilhar metas e objetivos a serem alcançadas. Pela Educacão Informal, principalmente nos coaprendizes com Stela Piconez · menor idade corre-se o risco de maior amplitude e dispersão de Pesquisadora informações e menor capacidade de síntese e de profundidade. Martha Payne, a garota de 9 anos que conseguiu, com um blog, melhorar a merenda de sua escola e atrair milhões de pessoas ao redor do mundo para arrecadar mais de R$ 320 mil para a caridade, vai lançar um livro ". Isto foi compartilhado na web eNely Vati inspirou outros exemplos como no Brasil...Professora
    • 8. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAA rápida expansão de “conteúdos abertos” de alta qualidade na Internet tem favorecido muito a aprendizagem aberta colaborativa – COAPRENDIZAGEM Como usufruir dessa abertura na sala de aula ?Open Content OER - REA OpenJournal
    • 9. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Educação Aberta formal (escola) pode preparar coaprendizes para aprendizagem informal ? Como ?O que são conteúdos abertos? O que é coaprendizagem aberta? Open source Open learning Materiais em diversos formatos coaprendizes podem escolher(texto, imagem, video, aplicativo, - o que? (material) software...) - qual assunto/ordem? (grade curricular)Disponiveis na Internet - quando? (tempo) - como? (metodologia)Acesso gratuito - quais recursos técnicos? (tecnologia)Conteudo que pode ser modificado - onde? (local) - frequência de participação? (ritmo)Reconstrucao coletiva - quem contatar? (apoio/ suporte) coprendizes podem gerenciar - processo de aprendizagem - construção de conhecimentos
    • 10. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA O que são Recursos Educacionais Abertos? Recurso educacional universal, disponível para toda a humanidade, a ser referido doravante como Recursos Educacionais Abertos (UNESCO, 2000) A partilha de recursos do mundo para o bem comum ressoa com o compromisso internacional de Educação para Todos D´ Antoni (2012) Susan DAntoni  REA são materiais de aprendizagem, ensino Líder da ou pesquisa que estão em domínio público Comunidade REA ou liberados com uma licença de propriedade intelectual que permita a livre Grupo de Pesquisa utilização, adaptação e distribuição. EDUTECHI Recursos Educacionais Abertos tecnologias e conteúdos abertos com intencionalidade para aprendizagem projetados para serem amplamente usados, como recursos reproduzíveis, flexíveis que podem ser facilmenteAle Okada encontrados (endereçáveis); e então, podem ser adaptados várias vezes eUK OU reconstruídos de várias formas, em múltiplos propósitos, em vários formatosColearn e em diversos contextos por múltiplos usuários (Okada, 2010)
    • 11. Objetivo de coaprendizagem deste webinarQuestionar para gerar mais questões ... Bilal Kamoon
    • 12. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Com Comunidades Abertas de Aprendizagem podem contribuir ? COLEARN comunidade de pesquisa aberta com foco em 1.coaprendizagem 2.REA 3.Metodologias, tecnologias paracolearn.open.ac.uk inovar educação – (Education 3.0)
    • 13. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REACom Comunidades Abertas de Aprendizagem podem contribuir ? Obra REA elaborada pela Comunidade COLEARN OER.KMI.OPEN.AC.UK
    • 14. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Com Comunidades Abertas de Aprendizagem podem contribuir ? Obra REA elaborada pela Comunidade COLEARNDescription Português: Este desenho foi desenvolvido no decorrer de uma formação continuada entre pesquisadores da Universidade Católica Dom Bosco/UCDB e professores da etnia Terena do Estado de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de apresentar os caminhos de formação continuada desses sujeitos. Date 8 June 2012 Source Own work Author GETED OER.KMI.OPEN.AC.UK
    • 15. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA Com Comunidades Abertas de Aprendizagem podem contribuir ? Obra REA elaborada pela Comunidade COLEARNFigure Photo Paper Videoclip Book OER.KMI.OPEN.AC.UK
    • 16. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAComo a coaprendizagem ( aprendizagem aberta colaborativa)em comunidades abertas pode propiciar a coautoria ? OER.KMI.OPEN.AC.UK
    • 17. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAComo a coaprendizagem ( aprendizagem aberta colaborativa)em comunidades abertas pode propiciar a coautoria ? OER.KMI.OPEN.AC.UK
    • 18. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAComo diversos atores (estudantes, professores, pesquisadores) podemcolaborar e serem coautores juntos? REA e REDES
    • 19. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAComo diversos atores (estudantes, professores, pesquisadores comocolaborar e serem coautores juntos? REA e REDES
    • 20. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REAComo autonomia para coautoria pode acontecer na escola desde de cedo(não apenas depois de muitos anos - no doutorado) ? coAprendizagem baseada em coInvestigação
    • 21. Próximo Projeto que abre possibilidades de parcerias com escolas e universidades brasileiras
    • 22. Foco do debate: Questionar coautoria e coaprendizagem com REA O que é co Aprendizagem baseada em co Investigação ?co Aprendizes precisam desenvolver suas habilidades desde cedo paragerar perguntas e desenvolver suas próprias investigações e com issoserem coautores com base em conhecimentos coaprendidos na escola,nas redes sociais, no cotidiano, seja no contexto local como global…Para que possam desenvolver competências profissionais e tambématuarem como cidadãos participativos nesta era do conhecimento digital.
    • 23. Contexto de Coaprendizagem – ponto de encontro – questões que geram mais questões coletivas e que geram pesquisas colaborativas Qual o meu papel como Qual o meu papel como professor para possibilitar educador dos meus filhos para a autonomia dos propiciar interpretação mais estudantes para reescrita consciente e crítica do mundo? do mundo? (Okada) (Okada) Como observo minha atuaçãoComo trabalhar com a nesta era do conhecimentomultiplicidade de digital?conceitos, atores, (Okada)contextos numaEducação que possa Será que as tecnologiascontemplar princípios informações e redes abertasFreirianos para visão podem ajudar para estacrítica, dialógica e rigor Como formação de autonomia?metodológico? educadores pode (Okada)Participante do Webinar promover coautoria ? Participante do Webinar Como integrar cultura, tecnologia, ética naComo professor pode Educação e Formaçãousar REA e Mídias com O que é necessário para Docente?seus alunos para Professor usar REA? Participante do Webinarcoautoria? Participante do WebinarParticipante do Webinar
    • 24. Contexto de Coaprendizagem – ponto de encontro – questões quegeram mais questões coletivas e que geram pesquisas colaborativas Participantes do Webinar http://oer.kmi.open.ac.uk/?p=3391 Obrigada!
    • 25. Referências• http://search.creativecommons.org/• http://oer.kmi.open.ac.uk• https://www.facebook.com/colearn.coaprendizagem• http://kmi.open.ac.uk/projects/name/wespot

    ×