• Like
  • Save
3. apostila   sub-redes
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

3. apostila sub-redes

on

  • 1,312 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,312
Views on SlideShare
1,312
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
46
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    3. apostila   sub-redes 3. apostila sub-redes Document Transcript

    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redesFundamentos: A máscara de sub-rede pode ser usada para dividir uma rede existente em "sub-redes". Isso pode ser feito para: 1) reduzir o tamanho dos domínios de broadcast (criar redes menores com menos tráfego); 2) para permitir que LANs em lugares geográficos diferentes se comuniquem ou 3) para separar uma LAN de outra por razões de segurança. Os roteadores separam as sub-redes e um roteador determina quando um pacote pode ir de uma sub-rede a outra. Cada roteador por onde um pacote passa é considerado um "salto". As máscaras de sub- rede ajudam as estações de trabalho, os servidores e os roteadores em uma rede IP a determinar se o host de destino do pacote que eles desejam enviar está na sua própria rede ou em outra. Faremos uma revisão da máscara de sub-rede padrão e depois nos concentraremos nas máscaras de sub-rede personalizadas, que usarão mais bits que a máscara de sub-rede padrão, "tomando emprestados" esses bits da parte do host do endereço IP. Isso gera um endereço com três partes: 1) o endereço de rede original atribuído, 2) o endereço de sub-rede formado pelos bits "emprestados" e 3) o endereço de host formado pelos bits restantes após ter sido tomado bits emprestados para as sub-redes.Conceitos básicos do endereço IP. Os endereços IP de rede são atribuídos pelo Internet Network Information Center (InterNIC). Se sua organização tiver um endereço de rede IP de classe "A", o primeiro octeto (8 bits) será atribuído pelo InterNIC e ela poderá usar os 24 bits restantes para definir até 16.777.214 hosts na rede. São muitos hosts! Não é possível colocar todos esses hosts em uma rede física sem separá-los com roteadores e sub-redes. Uma estação de trabalho pode estar em uma rede ou sub-rede e um servidor pode estar em outra rede ou sub-rede. Quando a estação de trabalho precisar recuperar um arquivo no servidor, precisará usar sua máscara de sub-rede para determinar a rede ou sub-rede onde o servidor está. A finalidade de uma máscara de sub-rede é ajudar os hosts e os roteadores a determinar o local da rede onde um host de destino possa ser encontrado. Consulte a seguinte tabela para fazer uma revisão das classes de endereço IP, máscaras de sub-rede padrão e o número de redes e hosts que podem ser criados com todas as classes de endereço de rede.Cls Intervalo Bits de ID de rede/ Máscara de Número de redes Hosts por rede decimal ordem host (N = sub-rede (endereços que do 1º superior Rede, H = padrão possam ser usados) octeto do 1º Host) octeto A 1 - 126* 0 N.H.H.H 255.0.0.0 126 (27 - 2) 16.777.214 (2 24 - 2) B 128 - 191 10 N.N.H.H 255.255.0.0 16.382 (214 - 2) 65.534 (2 16 - 2) C 192 - 223 110 N.N.N.H 255.255.255.0 2.097.150 (221 - 2) 254 (2 8 - 2)O processo de AND. Os hosts e os roteadores usam o processo de AND para determinar se um host de destino está na mesma rede ou não. O processo de AND é feito todas as vezes que um host deseja enviar um pacote para outro host em uma rede IP. Se você desejar se conectar a um servidor, deverá conhecer seu endereço IP ou poderá inserir apenas o nome do host (por exemplo, www.uol.com.br) e um Domain Name Server (DNS) converterá o nome do host em um endereço IP. Primeiro, o host de origem comparará (AND) seu próprio endereço IP com sua própria máscara de sub-rede. O resultado do AND visa identificar a rede onde o host de 1
    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redes origem reside. Ele comparará, então, o endereço IP de destino com sua própria máscara de sub-rede. O resultado do 2º AND será a rede onde o host de destino estará. Se o endereço de rede de origem e o endereço de rede de destino forem os mesmos, eles poderão se comunicar diretamente. Se os resultados forem diferentes eles estarão em redes ou sub- redes diferentes e precisarão se comunicar através de roteadores ou não poderão se comunicar de forma alguma. O AND depende da máscara de sub-rede. Um máscara de sub-rede padrão para uma rede de classe C é 255.255.255.0 ou 11111111.111111111.111111111.00000000. Ela é comparada com o endereço IP de origem a cada bit. O primeiro bit do endereço IP é comparado com o primeiro bit da máscara de sub-rede e o segundo bit com o segundo, etc. Se os dois bits forem 1s, então o resultado do AND é um UM. Se os dois bits forem um zero e um um ou dois zeros então, o resultado do AND será um ZERO. Basicamente, isso significa que uma combinação de dois 1s é igual a um UM, as demais são sempre iguais a zero. O resultado do processo de AND é o número de rede ou de sub-rede onde o endereço de origem ou destino está.Duas redes de classe C usando a máscara de sub-rede padrão. Este exemplo mostrará como uma máscara de sub-rede padrão de classe C pode ser usada para determinar em que rede o host está. Uma máscara de sub-rede padrão não divide um endereço em sub-redes. Se a máscara de sub-rede padrão for usada, a rede não será dividida em sub-redes. O Host X (origem) na rede 200.1.1.0 tem um endereço IP 200.1.1.5 e quer enviar um pacote ao Host Z (destino) na rede 200.1.2.0 e tem um endereço IP 200.1.2.8. Todos os hosts em todas as redes estão conectados a hubs ou switches e depois a um roteador. Lembre-se de que em um endereço de rede de classe C, o ARIN determina os três primeiros octetos (24 bits) como endereço de rede, portanto essas são duas redes de classe C diferentes. Resta um octeto (8 bits) para os hosts, de forma que cada rede de classe C pode ter até 254 hosts (2^8 = 256 - 2 = 254). O processo de AND ajudará o pacote a sair do host 200.1.1.5 na rede 200.1.1.0 para o host 200.1.2.8 na rede 200.1.2.0 usando as seguintes etapas. a.O Host X compara seu próprio endereço IP com sua própria máscara de sub-rede usando o processo de AND. Endereço IP do Host X 200.1.1.5 11001000.00000001.00000001.00000101 Máscara de sub-rede 255.255.255.0 11111111.11111111.11111111.00000000 Resultado do AND (200.1.1.0) 11001000.00000001.00000001.00000000 OBSERVAÇÃO: O resultado da etapa 3a do processo de AND é o endereço de rede do Host X, que é 200.1.1.0. 2
    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redes b.O próximo Host X compara o endereço IP do destino do Host Z com sua própria máscara de sub-rede usando o processo de AND. Endereço IP do Host Z 200.1.2.8 11001000.00000001.00000010.00001000 Máscara de sub-rede 255.255.255.0 11111111.11111111.11111111.00000000 Resultado do AND (200.1.2.0) 11001000.00000001.00000010.00000000 OBSERVAÇÃO: O resultado da etapa 3b do processo de AND é o endereço de rede do Host Z, que é 200.1.2.0. O Host X compara os resultados de AND das etapas A e B, e eles são diferentes. O Host X percebe que o Host Z não está na sua Local Area Network (LAN) e deverá enviar o pacote para o "gateway padrão" que é o endereço IP da interface do roteador 200.1.1.1 na rede 200.1.1.0. O roteador repetirá o processo de AND para determinar para que interface de roteador enviar o pacote.Uma rede de classe C usando uma máscara de sub-rede personalizada. Este exemplo usa um único endereço de rede de classe C (200.1.1.0) e mostrará como uma máscara de sub-rede de classe C personalizada pode ser usada para determinar em que sub-rede um host está e para rotear os pacotes de uma sub-rede para outra. Lembre-se de que em um endereço de rede de classe C, o ARIN atribui os três primeiros octetos (24 bits) como endereço de rede. Restam 8 bits (um octeto) para os hosts, de forma que a rede de classe C pode ter até 254 hosts (2^8 = 256 - 2 = 254). Talvez você deseje menos de 254 hosts (estações de trabalho e servidores), todos em uma rede e deseje criar duas sub-redes e separá-las com um roteador por razões de segurança ou para reduzir o tráfego. Isso criará domínios de broadcast menores e independentes e poderá melhorar o desempenho da rede e aumentar a segurança, já que essas sub-redes serão separadas por um roteador. Suponha que você precise de pelo menos duas sub-redes e pelo menos 50 hosts por sub-rede. Como você tem apenas um endereço de rede de classe C e somente 8 bits no quarto octeto disponíveis para um total de 254 hosts possíveis, você deverá criar uma máscara de sub-rede personalizada. Você usará a máscara de sub-rede personalizada para "TOMAR EMPRESTADOS" bits da parte do host do endereço. As seguintes etapas ajudarão a realizar isso: a.A primeira etapa para dividir em sub-redes é determinar quantas sub-redes são necessárias. Neste caso, você precisará de duas sub-redes. Para saber quantos bits devem ser emprestados da parte do host do endereço da rede, adicione os valores do bit da direita para a esquerda até que o total seja igual ou maior que o número de sub-redes necessárias. Como precisamos de duas sub-redes, adicione o bit um e o bit dois, encontrando três. Ele é maior que o número de sub-redes necessário, então precisaremos pegar emprestados pelo menos dois bits do endereço de host começando pela esquerda do octeto que contém o endereço de host. Endereço de rede: 200.1.1.0 Bits do endereço de host do 4º octeto: 1 1 1 1 1 1 1 1 Valores dos bits do endereço do host (a partir da direita) 128 64 32 16 8 4 2 1 (Adicione os bits começando da direita (o 1 e o 2) até obter um número maior que o número de sub-redes necessário) b.Quando soubermos quantos bits tomar emprestados, tomaremos esses bits da esquerda do primeiro octeto do endereço de host. Todos os bits tomados do host deixam 3
    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redes alguns bits para os hosts. Mesmo se aumentarmos o número de sub-redes, diminuiremos o número de hosts por sub-rede. Como precisamos tomar 2 bits da esquerda, deveremos mostrar o novo valor na máscara de sub-rede. A máscara de sub-rede padrão existente era 255.255.255.0 e a nova máscara de sub-rede "personalizada" é 255.255.255.192. O 192 vem do valor dos dois primeiros bits da esquerda (128 + 64 = 192). Esses bits tornam-se 1s e são parte da máscara de sub-rede. Restam 6 bits para os endereços IP do host ou 2^6 = 64 hosts por sub-rede. Bits emprestados do 8º octeto para a sub-rede: 1 1 1 1 1 1 1 1Valores dos bits para sub-rede: (a partir da esquerda) 128 64 32 16 8 4 2 1 Com essas informações, poderemos criar a tabela a seguir. Os dois primeiros bits são o valor binário da sub-rede. Os últimos 6 bits são os bits de host. Tomando emprestados 2 bits dos 8 bits do endereço do host, você poderá criar 4 sub-redes com 64 hosts cada. As quatro redes criadas são a rede "0", a rede "64", a rede "128" e a rede "192". Nº da sub- Valor Valor decimal Valores binários Intervalo decimal Pode ser rede binário dos bits da possíveis dos bits de de sub-rede/host usado? emprestado sub-rede host (intervalo) (6 bits) dos bits da sub-redeSub-rede nº0 00 0 000000 - 111111 0 - 63 SIMSub-rede nº1 01 64 000000 - 111111 64 - 127 SIMSub-rede nº2 10 128 000000 - 111111 128 - 191 SIMSub-rede nº3 11 192 000000 - 111111 192 - 254 SIM Observe que a primeira sub-rede sempre inicia em 0 e, nesse caso, aumenta 64 que é o número de hosts em cada sub-rede. Uma forma de determinar o número de hosts em cada sub-rede ou o início de cada sub-rede é elevar os bits de host restantes ao quadrado. Como tomamos dois dos 8 bits para sub-redes e restaram seis bits, o número de hosts por sub-rede será 2^6 ou 64. Outra forma de calcular a número de hosts por sub-rede ou o "incremento" de uma sub-rede para a próxima, é subtrair o valor decimal da máscara de sub-rede (192 no quarto octeto) de 256 (número máximo de combinações de 8 bits possíveis), que é igual a 64. Isso significa começar em 0 para a primeira rede e adicionar 64 para cada sub-rede adicional. Se tomarmos a segunda sub-rede (a rede 64) como um exemplo, o endereço IP 200.1.1.64 não poderá ser usado como uma ID de host porque é a "ID da rede" da sub-rede "64" (a parte do host tem apenas zeros) e o endereço IP 200.1.1.127 não poderá ser usado porque é o endereço de broadcast para a rede 64 (a parte do host tem apenas 1s). 4
    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redesUma rede de classe C usando uma Máscara de sub-rede personalizada. Tarefa: Use as informações a seguir e os exemplos anteriores para responder às questões a seguir relativas à sub-rede. Explicação: Sua empresa solicitou e recebeu o endereço de classe C 197.15.22.0. Você quer subdividir sua rede física em quatro sub-redes que serão interconectadas por roteadores. Você irá precisar de pelo menos 25 hosts por sub-rede. Você precisará usar uma máscara de sub-rede personalizada de classe C e terá um roteador entre as sub-redes para rotear um pacote de uma sub-rede para outra. Determine o número de bits que você precisará tomar emprestados da parte do host do endereço da rede e depois o número de bits que restaram para os endereços de host. (Dica: Há 8 sub-redes.) 1. Preencha a tabela abaixo e responda às questões a seguir:Nº da sub-rede Valor binário Decimal dos Valores binários Intervalo decimal Usar? emprestado bits da sub- possíveis dos bits de de sub-rede/host dos bits da rede e nº de host (intervalo) (6 bits) sub-rede sub-rede Sub-rede nº0 Sub-rede nº1 Sub-rede nº2 Sub-rede nº3 Sub-rede nº4 Sub-rede nº5 Sub-rede nº6 Sub-rede nº7Observações:_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________QUESTÕES: Use a tabela que acabou de criar para ajudar a responder as seguintes perguntas: 1.Que octeto(s) representa(m) a parte da rede de um endereço IP de classe C?_______________ 2.Que octeto(s) representa(m) a parte do host de um endereço IP de classe C?_________________ 5
    • REDES DE COMPUTADORES – Sub-redes 3.Qual é o equivalente binário do endereço de rede de classe C no cenário (197.15.22.0)?Endereço de rede decimal: __________ . __________ . __________ . __________ Endereço derede binário: __________ . __________ . __________ . __________ 4.Quantos bits de ordem superior foram tomados emprestados dos bits de host no quartoocteto? _____ 5.Que máscara de sub-rede você deve usar (apresente a máscara de sub-rede em decimal ebinário)?Máscara de sub-rede decimal: __________ . __________ . __________ . __________Máscara de sub-rede binária: __________ . __________ . __________ . __________ 6.Qual é o número máximo de sub-redes que podem ser criadas com essa máscara de sub-rede? _____ 7.Qual é o número máximo de sub-redes utilizáveis que podem ser criadas com essamáscara? ____ 8.Quantos bits restam no 4º octeto para as IDs do host? ______ 9.Quantos hosts por sub-rede podem ser definidos com essa máscara de sub-rede?_____________ 10.Qual é o número máximo de hosts que podem ser definidos para todas as sub-redesnesse cenário (levando em consideração que você não poderá usar o menor e nem o maiornúmero de sub-rede e também não poderá usar a maior e a menor ID do host em cada sub-rede)? _____________________________________________ 11.197.15.22.63 é um endereço IP de host válido para esse cenário? ____________ 12.Por que ou por que não?_____________________________________________________________ 13.197.15.22.160 é um endereço IP de host válido para esse cenário? ______ 14.Por que ou por que não?_____________________________________________________________ 15.O Host "A" tem um endereço IP 197.15.22.126. O Host "B" tem um endereço IP197.15.22.129. Esses hosts estão na mesma sub-rede? ______ Por que?________________________________________________________________________ 6