Mrfg release 2 t12
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Mrfg release 2 t12

on

  • 801 views

Receita recorde de R$5,82 bilhões;

Receita recorde de R$5,82 bilhões;
EBITDA de R$767,6 milhões;
Lucro de R$15,5 milhões, que reverteu o prejuízo do 2T11;
Geração de caixa operacional de R$328,4 milhões;

Statistics

Views

Total Views
801
Views on SlideShare
642
Embed Views
159

Actions

Likes
0
Downloads
7
Comments
0

3 Embeds 159

http://www.clebersonmsouza.com 154
http://www.blogger.com 4
http://37771282_017279951b6ae6880c1c2bb68cad88c5ce493863.blogspot.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Mrfg release 2 t12 Mrfg release 2 t12 Presentation Transcript

  • MARFRIGDivulgação de Resultados - 2T12
  • Destaques 2T12 Destaques Financeiros Receita recorde de R$5,82 bilhões, crescendo 9,3% comparada ao 2T11; Margem Bruta cresceu 130 p.b. para 14,7% comparada ao 2T11; EBITDA de R$767,6 milhões, 176,4% superior ao resultado de 2T11; Lucro de R$15,5 milhões, que reverteu o prejuízo do 2T11; Geração de caixa operacional de R$328,4 milhões, sem as operações descontinuadas; Alavancagem ficou em 3,73x no 2T12 contra 4,51x no trimestre anterior; Destaques Operacionais Participação de produtos processados e com valor agregado atingiu 46,8% da receita total no 2T12, contra, 36,8% no 2T11; Entrada das primeiras plantas advindas da troca de ativos com a BRF, a partir de Junho/2012.2
  • Destaques Financeiros Consolidados Receita por Produto (R$ milhões) + 9,3% 5.818 Processados 5.322 Carne in natura + 38,8% 8,7% Outros 3.558 1.961 2.722 858 2T12 46,8% 2.406 44,5% 1.217 708 2.653 2.588 2.302 207 1.502 870 708 508 140 196 397 2T08 2T09 2T10 2T11 2T12 Receita por Segmento (R$ milhões) 5.818 5.322 Seara Foods + 13,3% Marfrig Beef 3.558 3.922 32,6% 3.461 2.406 2T12 1.868 1.217 1.316 67,4% 317 1.689 1.861 1.896 901 1.090 2T08 2T09 2T10 2T11 2T123
  • Destaques Financeiros Consolidados Evolução de Margem (R$ Milhões) 5,18 4,49 4,68 4,42 3,89 3,96 15,4% 14,7% 13,4% 0,76 0,60 0,72 2T12 2T11 1T12 Margem Bruta% Preço Médio / Kg CPV/ Kg Lucro Bruto/ Kg Abertura das Despesas (R$ Milhões) 7,3% 4,0% 4,0% 6,9% 6,6% 3,6% 381,9 389,8 211,1 211,0 362,7 210,4 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 Comerciais Comerciais / Receita Líquida Administrativas e gerais A&G / Receita Líquida4
  • Destaques Financeiros Consolidados EBITDA e Margem EBITDA EBITDA Ajustado e Margem EBITDA Ajustada (R$ Milhões) (R$ Milhões) 13,2% 767,6 7,8% 7,9% 7,9% 5,2% 5,4% 460,8 410,7 415,9 277,8 288,7 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 EBITDA Margem EBITDA EBITDA Ajustado Margem EBITDA Ajustada Lucro Líquido de R$15,5 milhões no período ou R$0,04 por ação5
  • Destaques Financeiros Consolidados Efeitos das operações descontinuadas 1T12 2T12 Demonstração de Resultados TOTAL KF - D TOTAL ¹ TOTAL KF - D TOTAL ¹ (R$ milhões) RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA 5.232,5 (226,1) 5.006,4 5.818,3 113,0 5.705,3 LUCRO BRUTO 803,2 (36,2) 767,0 852,9 26,6 826,3 % Margem bruta 15,4% 16,0% 15,3% 14,7% 23,6% 14,5% SG&A (573,7) 33,3 (540,4) (592,3) (24,2) (568,1) % sobre a Receita Líquida -11,0% -14,7% -10,8% -10,2% -21,4% -10,0% Comerciais (362,7) 0,6 (362,1) (381,9) (0,2) (381,7) Administrativas e gerais (211,0) 32,7 (178,3) (210,4) (24,0) (186,4) RESULTADO OPERACIONAL antes dos efeitos Financeiros 224,3 (4,2) 220,1 567,4 153,7 413,7 RESULTADO FINANCEIRO (249,5) 2,2 (247,3) (846,2) 7,1 (853,3) RESULT LÍQUIDO DAS OPERAÇÕES CONTINUADAS 34,4 (1,4) 33,0 15,4 254,8 (239,4) (*) Não considera as outras Receitas/Despesas Operacionais ¹ PRO FORMA excluindo a Keystone Logística, que teve sua venda parcial ocorrida no 2T12. KF - D - Keystone Foods - Distribuição6
  • Gestão da Estrutura de Capital Foco na estratégia de gestão da estrutura de capital e perfil da dívida. Breakdown dos Vencimentos (R$ Milhões) Curto Prazo 26,4% R$ 3,1 bi Dívida de CP: Longo Prazo 73,6% • 40% ACC/NCE 2.389 • 40% Trade Finance • 20% Outros 1.454 1.477 1.100 1.076 980 851 894 651 707 164 10 3T12 4T12 1T13 2T13 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 Perfil da Dívida Breakdown da Dívida Bruta e Disponibilidades por Moeda (R$ Milhões) 75,6% 24,4% 75,7% 8.649 24,3% 82,2% Moeda Nacional 3.103 3.028 1T12 2T12 Moeda Estrangeira 57,7% 65,8% 42,3% 17,8% 34,2% Endividamento Endividamento Caixa e Curto Prazo Longo Prazo Disponibilidades7
  • Fluxo de Caixa e Geração Operacional Redução do índice de alavancagem para 3,73x Fluxo de caixa simplificado (R$ milhões) 2T12 1T12 Atividades Operacionais Lucro líquido do período 15.451 34.476 Itens de resultado que não afetam o caixa 393.582 389.110 Variação de capital de giro – contas operacionais ¹ 15.998 (374.997) Contas a Receber (146.930) (53.915) Fornecedores e Adiantamentos 150.125 (168.930) Estoques 59.731 (30.026) Tributos (46.929) (122.127) Outras contas ativas e passivas (96.583) (138.475) Fluxo de caixa das atividades operacionais ¹ 328.448 (89.887) ¹ Considera Contas a receber, Estoques, Fornecedores e Tributos EBITDA LTM PRÓ FORMADetalhe do Endividamento 2T12 1T12 2T12(R$ milhões) pro forma 189,0*Endividamento Bruto 11.657,4 11.752,3 11.752,3 2.493,1 (12,5)Disponibilidades 3.321,0 3.028,4 3.028,4 2.337,1Endividamento Líquido 8.336,4 8.723,9 8.723,9 45,5EBITDA (LTM) 1.847,4 2.337,1 2.493,1*Índice de Alavancagem 4,51x 3,73x 3,50x EBITDA LTM (-) KF Log. (-) Quickfood (+) TCD EBITDA LTM* EBITDA dos ativos TCD pro forma LTM (abr/11-mar/12) = R$189 milhões PRO-FORMA8
  • Investimentos: Foco em Otimização das Estruturas e Geração de Resultados Foco na estratégia de gestão da estrutura de capital e perfil da dívida Investimentos (R$ milhões) 2T12 1T12 Aplicações em Ativo Imobilizado 232,8 189,5 Ativo Fixo 131,6 103,5 Matrizes 101,2 86,0 Aplicações em Intangível 17,0 2,0 Investimento Total 249,8 191,5 • Investimentos em ativo fixo aumentaram 27,2% em relação ao 1T12 para R$ 131,6 milhões, dois terços dos quais ocorreram em ampliações de capacidade e manutenção na Seara Foods. • Aplicações em Intangível de R$ 17,0 milhões foram destinadas à implantação de sistemas para as novas unidades da Seara Alimentos no Brasil provenientes da troca de ativos e despesas pré- operacionais nessas unidades.9
  • Elevação de utilização de capacidade pelas operações adicionadas Previsão de incremento de capacidade até o 1T13Processados Processamento de Suínos Processamento de Frangos Milhares de toneladas/mês Milhares /mês Milhões/mês + 150% 88,1 + 50% 353,3 + 24% 55,3 118,3 44,5 Novas Unidades 52,9 234,8 10,8 35,2 Seara Pré Aquisição Pós Aquisição Pré Aquisição Pós Aquisição Pré Aquisição Pós Aquisição Capacidade/Ano Seara Brasil Total Marfrig Processados (mil tons) 1.072 2.005,8 Frangos (milhões de cabeças) 663,2 1.068,9 Perus (mil cabeças) 5.292,0 10.332,0 Suinos (mil cabeças) 4.239,2 4.239,2 Bovinos (mil cabeças) n/a 5.400,3 Ovinos (mil cabeças) n/a 2.998,810
  • DESEMPENHO POR SEGMENTO MARFRIG BEEF
  • Destaques Marfrig Beef Destaques Financeiros Receita de R$1,90 bilhão, em linha com os R$1,86 bilhão registrados no 2T11; EBITDA Ajustado de R$221,9 milhões, 61,3% superior ao resultado de 2T11; Evolução de 540pbs na Margem Bruta, em comparação ao mesmo período do ano anterior. Destaques Operacionais Nas operações brasileiras, encerramos o trimestre com 70,1% de utilização da capacidade nas plantas em operação e crescemos as vendas em 9,1% em comparação ao trimestre anterior; Aumento das vendas e dos preços de produtos elaborados e processados no mercado interno, na Operação Internacional; Os preços médios do gado em comparação com o 2T11 caíram 21,9% no Brasil e 10% no Uruguai, enquanto na Argentina permaneceram praticamente estáveis.12
  • Marfrig Beef – Breakdown da Receita 2T12 - R$1,90 bilhão 2T11 - R$1,86 bilhão 1T12 - R$1,74 bilhão Op. Brasil - MI 20,1% 20,5% 18,1% Receita por 31,2% 32,7% 34,6% Op. Brasil - ME Operação 15,8% 10,7% 14,7% Op. Int. - MI 14,3% 18,6% 13,0% Op. Int. - ME 23,1% 17,3% 15,3% Outros 2T12 2T11 1T12 20,1% 21,0% 20,5% 11,6% 18,1% 22,9% Processados Receita por Carne in natura Produto 58,9% 67,8% 59,0% Outros 2T12 - R$787,7 milhões 2T11 - R$771,8 milhões 1T12 - R$638,2 milhões 9,7% 10,2% 11,4% Europa Ásia Exportações 17,4% 34,1% 33,6% 16,9% 36,3% Oriente Médio 26,4% por Destino América Central / Sul 17,5% 13,0% 6,7% 8,8% 14,2% Rússia 8,2% 14,3% 10,7% 10,5% Outros13
  • Marfrig Beef – Breakdown da Receita Brasil – Mercado Interno Brasil – Exportações (R$ milhões) (R$ milhões) -1,6% +32,9% 353 601 591 +1,5% -3,0% 266 +24,3% +6,9% 1T12 Volume Preço 2T12 1T12 Volume Preço 2T12 Médio Médio Op. Internacionais – Mercado Interno Op. Internacionais – Exportações (R$ milhões) (R$ milhões) -9,9% +17,3% 300 300 271 256 -19,7% +12,2% +22,1% -3,9% 1T12 Volume Preço 2T12 1T12 Volume Preço 2T12 Médio Médio14
  • Marfrig Beef - Brasil Abate de Bovinos – Brasil¹ Market Share em Exportações de Bovinos – Brasil² 23,7% 5.761 5.758 5.455 5.375 317 15,7% 15,4% 11,7% 10,8% 10,4% 9,0% 11,9% 215 202 112 2T09 2T10 2T11 2T12 2T09 2T10 2T11 2T12 Abate Total (mil cabeças) Market Share - Marfrig Exportações Marfrig (USD Milhões) Market Share - Marfrig (%) Estimativa de consumo de carne bovina¹ Estimativa de produção de carne bovina¹ ¹ FONTE: Marfrig / MAPA ² FONTE: Marfrig / SECEX
  • Marfrig Beef - Destaques Financeiros Evolução de Margem (R$ Milhões) 6,17 6,12 5,39 4,83 4,81 4,52 21,6% 21,4% 16,2% 1,33 1,31 0,88 2T12 2T11 1T12 Margem Bruta% Preço Médio / Kg CPV/ Kg Lucro Bruto/ Kg Abertura das Despesas (R$ Milhões) 7,2% 7,1% 4,9% 6,8% 4,7% 134,1 129,6 124,2 93,7 3,3% 82,3 61,1 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 Comerciais Comerciais / Receita Líquida Administrativas e gerais A&G / Receita Líquida16
  • Marfrig Beef - Destaques Financeiros EBITDA e Margem EBITDA EBITDA Ajustado e Margem EBITDA Ajustada (R$ Milhões) (R$ Milhões) 17,3% 11,7% 11,5% 327,5 11,6% 221,8 7,4% 200,1 7,5% 202,1 137,6 139,7 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 EBITDA Margem EBITDA EBITDA Ajustado Margem EBITDA Ajustada Crescimento das margens refletindo a evolução no desempenho operacional17
  • DESEMPENHO POR SEGMENTO SEARA FOODS
  • Destaques Seara Foods Destaques Financeiros Receita de R$3,92 bilhões, crescendo 13,3% comparada ao 2T11; EBITDA Ajustado de R$239,0 milhões, 58,2% superior ao resultado de 2T11; Crescimento de preços médio de 16,6% em relação ao 2T11 e 14,6% em relação ao 1T12 Destaques Operacionais Participação de produtos processados e com valor agregado atingiu 59,3% da receita total no 2T12, contra, 50,4% no 2T11; Concluída venda dos ativos de logística da Keystone Foods, em 30 de abril de 2012, para The Martin-Brower Company, por USD390,1 milhões, disponíveis no caixa no 2T12. Entrada das primeiras plantas advindas da troca de ativos com a BRF, a partir de Junho/2012.19
  • Seara Foods – Breakdown da Receita 2T12 - R$3,92 bilhões 2T11 - R$3,46 bilhões 1T12 - R$3,49 bilhões 3,2% 9,4% Op. Brasil - MI 9,4% 6,2% 14,2% 12,9% 15,1% Receita por 6,1% 5,7% Op. Brasil - ME Operação 25,5% 28,2% 23,3% Op. Int. - MI 50,9% 43,4% 46,5% Op. Int. - ME Outros 2T12 2T11 1T12 3,2% 9,4% 9,4% Processados Receita por 37,5% 50,4% Carne in natura Produto 59,3% 40,2% 34,7% 55,9% Outros 2T12 - R$1,31 bilhão 2T11 - R$1,21 bilhão 1T12 - R$1,04 bilhão 4,9% 3,7% 6,1% Europa 7,4% 5,0% 3,9% Ásia 6,2% Exportações 3,6% 36,6% 45,5% 7,1% 38,1% Oriente Médio 16,2% por Destino 23,8% 20,9% América Central / Sul 23,4% Rússia 23,7% 23,8% Outros20
  • Seara Foods – Breakdown da Receita Brasil – Mercado Interno Brasil – Exportações (R$ milhões) (R$ milhões) +6,1% +22,6% 558 1.000 526 +0,1% +6,0% 816 +9,1% +12,3% 1T12 Volume Preço 2T12 1T12 Volume Preço 2T12 Médio Médio Op. Internacionais – Mercado Interno Op. Internacionais – Exportações (R$ milhões) (R$ milhões) +22,7% +21,5% 1.995 242 1.626 +4,0% +18,0% 199 +12,8% +7,7% 1T12 Volume Preço 2T12 1T12 Volume Preço 2T12 Médio Médio21
  • Seara Foods – Evolução do Market Share Carnes Congeladas¹ Industrializados de Carnes² Novas Unidades Novas Unidades 17,4 16,7 Seara + 12,3 pp Seara + 8,9 pp 7,8 9,2 + 4,5 pp 9,6 7,8 7,5 7,5 6,2 5,1 Seara Seara Seara + Novas Marcas TCD Seara Seara Seara + Novas Marcas TCD (Abr-Mai/10) (Abr-Mai/11) (Abr-Mai/12) (Mai-Jun/10) (Mai-Jun/11) (Mai-Jun/12) ¹ Pratos Prontos, Hamburger, Steak, Pequenos Moldados, Almondegas, Kibe, Tortas, ² Mortadela, Linguiças, Carnes Saudáveis, Salsichas, Salame e Fatiados embalados. Recheados, Lanches Prontos, Salgadinhos Exportações de Aves – Brasil ³ Exportações de Suínos – Brasil ³ 23,1% 16,5% 15,7% 20,2% 14,4% 19,2% 19,9% 494 9,5% 62 389 58 327 246 41 34 2T09 2T10 2T11 2T12 2T09 2T10 2T11 2T12 Exportações Marfrig (USD Milhões) Market Share - Marfrig (%) Exportações Marfrig (USD Milhões) Market Share - Marfrig (%) ¹ FONTE: Nielsen ² FONTE: Marfrig / SECEX
  • SEARA FOODS Evolução de Margem (R$ Milhões) 4,80 4,26 4,12 4,19 3,63 3,67 11,9% 12,3% 11,3% 0,54 0,49 0,52 2T12 2T11 1T12 Margem Bruta% Preço Médio / Kg CPV/ Kg Lucro Bruto/ Kg Abertura das Despesas (R$ Milhões) 7,4% 4,3% 6,8% 6,4% 255,7 3,7% 150,0 252,3 238,5 3,0% 128,7 116,6 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 Comerciais Comerciais / Receita Líquida Administrativas e gerais A&G / Receita Líquida23
  • SEARA FOODS EBITDA e Margem EBITDA EBITDA Ajustado e Margem EBITDA Ajustada (R$ Milhões) (R$ Milhões) 11,2% 6,1% 6,2% 4,4% 239,0 440,2 215,8 6,0% 151,1 4,0% 208,6 138,0 2T12 2T11 1T12 2T12 2T11 1T12 EBITDA Margem EBITDA EBITDA Ajustado Margem EBITDA Ajustada Crescimento das margens refletindo a evolução no desempenho operacional.24
  • Mensagem Final e Prioridades para 2012 Aumento de participação de produtos elaborados e processados; Integração dos novos ativos; SEARA FOODS: potencial de sinergias de R$ 230 - 330 milhões após materialização em até 5 anos; Foco no mercado de Food Service por meio da Keystone Foods e Keystone Foods América Latina; Diagnóstico da plataforma global de produção; Crescimento nos mercados da China e Brasil; Redução de custos e despesas e melhora no gerenciamento de working capital Perfil conservador de endividamento25
  • Aviso Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira e internacional. Essas declarações estão baseadas em certas suposições e análises feitas pela Companhia de acordo com a sua experiência e o ambiente econômico e nas condições de mercado e nos eventos futuros esperados, muitos dos quais estão fora do controle da Companhia. Fatores importantes que podem levar a diferenças significativas entre os resultados reais e as declarações de expectativas sobre eventos ou resultados futuros incluem a estratégia de negócios da Companhia, as condições econômicas brasileira e internacional, condições do mercado financeiro, incerteza a respeito dos resultados de suas operações futuras, planos, objetivos, expectativas e intenções e outros fatores assim descritos no Prospecto Preliminar arquivado na Comissão de Valores Mobiliários. Em razão desses fatores, os resultados reais da Companhia podem diferir significativamente daqueles indicados ou implícitos nas declarações de expectativas sobre eventos ou resultados futuros. Este material inclui declarações sobre eventos futuros sujeitas a riscos e incertezas, as quais baseiam-se nas atuais expectativas e projeções sobre eventos futuros e tendências que podem afetar os negócios da Companhia. Essas declarações incluem projeções de crescimento econômico, além de informações sobre posição competitiva, potenciais oportunidades de crescimento e outros assuntos. Inúmeros fatores podem afetar adversamente as estimativas e suposições nas quais essas declarações se baseiam.26
  • Contato – Diretoria de Relações com InvestidoresRicardo FlorenceVice Presidente de Finanças e DRIRemi Kaiber Junior www.marfrig.com.br/riDiretor de Relações com Investidores ri@marfrig.com.br Marfrig Alimentos S/A Av. Chedid Jafet, 222 Bloco A 1º andar CEP: 04551-065 – Vila Olímpia Fone: (55 11) 3792-8600/8650