Your SlideShare is downloading. ×
Progresso tecnológico
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Progresso tecnológico

1,084
views

Published on

Resumo sobre a história do computador e os beneficios para a humanidade. …

Resumo sobre a história do computador e os beneficios para a humanidade.
Entendendo o que é Tecnologia da Informação

Published in: Education

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,084
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Progresso Tecnológico A História do Computador
  • 2.
    • Podemos definir tecnologia como a possibilidade de resolver problemas, desde os primórdios da humanidade, de acordo com as suas necessidades. Para isso até os dias de hoje o homem não para de criar. Porém primeiro é melhor entender o que é Informática.
  • 3.
    • Podemos definir informática como “informação automática”, ou seja através de métodos, técnicas e ferramentas adequadas para o tratamento da informação. Uma desta ferramenta que utilizamos para o tratamento da informação é o computador.
    • Ao longo da história a tecnologia da informação contribuiu para a resolução de problemas e assim veremos nos slides seguintes ao estudar a história dos computadores.
  • 4.
    • Em 2000 a.C, os chineses inventaram a primeira máquina que facilitou a resolução dos problemas de cálculo, que foi chamada de ábaco ou soroban. Esta máquina utiliza o principio de posicionamento digital de colunas de bolinhas com valores numéricos 0, 1 e 5.
  • 5.
    • Em 1617, John Napier descobriu o algoritmo e usou-o para executar operações de multiplicação e divisão manipulando barras de osso com valores numéricos gravados nas quatro faces da barra. O algoritmo é um conjunto de procedimentos lógicos e matemáticos simples e bem definidos.
  • 6.
    • Em 1642, na França o jovem filosofo e matemático Blaise Pascal criou uma máquina para calcular de modo rápido, com essa máquina era possível efetuar soma e subtração de grandes números.
  • 7.
    • A máquina de Blaise Pascal teve mudança em 1680 pelo alemão Gottfried Wilhelm Von Leibniz. Ele inventou uma máquina capaz de efetuar adições, subtrações, divisões, multiplicações e ainda encontrava a raiz quadrada.
  • 8.
    • Como a tecnologia é a possibilidade de resolver problemas, em 1833, os ingleses Charles Babbage e Lady Augusta Byron tentou construir uma máquina que fosse capaz de realizar algum trabalho sozinha. Essa invenção ganhou o nome de “Máquina Analítica”.
  • 9.
    • A máquina analítica para funcionar deveria passar pelas seguintes etapas: entrada, processamento e saída.
    • Os estudos de Charles Babbage e Lady Augusta contribuíram para a construção do computador.
  • 10.
    • Herman Hollerith em 1890 contribuiu na construção de uma máquina de tabulação própria para contagens por meio de cartões perfurados, que ajudou os Estados Unidos a realizar o censo.
    • O trabalho que levariam oito anos para finalizar, foi concluído em apenas seis semanas.
  • 11. Máquina de tabulação cartão perfurado
  • 12.
    • Herman Hollerith não parou, construiu outras máquinas e as comercializou para vários países, desta forma iniciou a sua empresa de máquinas de contagem, que hoje é uma das maiores empresas de informática do mundo, a IBM (International Business Machines).
  • 13.
    • Um dos primeiros computadores a serem inventado foi o MARK I, no ano de 1943, na Universidade de Harvard que além de contar, multiplicava e dividia.
  • 14.
    • Depois da Segunda Guerra Mundial, na Universidade da Pennsylvania, inventaram o ENIAC (Eletronic Numeric Integrator and Calculator), que fazia alguns tipos de cálculos.
  • 15.
    • Em 1948, foi inventado o transitor, facilitando o uso dos primeiros computadores, pois eram enormes, alguns tinham mais de 800.000 peças se movendo e pesavam mais de 30.000 toneladas.
  • 16.
    • Depois de 1958, os computadores foram sendo melhorados com a invenção dos circuitos integrados. Sendo fabricados computadores menores, mais rápidos e mais fáceis de utilizar, que são os atuais PCs (Personal Computer) – Computador Pessoal.
  • 17. UNIVAC – Década de 50 primeiro computador comercial
  • 18.
    • Os primeiros PCs utilizavam microprocessadores (o “Cérebro” do computador, em que são processadas as informações) cujos códigos eram 8088 ou 8086. Esses computadores eram denominados PC XTs.
    Microprocessador 8088 PC XTs
  • 19.
    • A Segunda Geração de PCs foi chamada de AT (Advanced Technology) Tecnologia Avançada. Esses computadores são mais rápidos e tem maior poder de processamento da informação. Os microprocessadores da linha AT são divididos em três categorias:
    • 286
    • 386
    • 486
  • 20.
    • Após o modelo 486, a empresa fabricante dos microprocessadores, a industria Intel, criou uma linha chamada de Pentium.
  • 21.
    • Hoje a tecnologia da informação não contribui apenas para a resolução de problemas de cálculos e sim para o entretenimento, comunicação, pesquisa, aprendizado etc. Os computadores são máquinas que tornam virtual o mundo real através de três itens:
    • Linguagem: abstrai o presente
    • Técnicas: virtualiza ações
    • Contratos: Acordos em benefícios de ambas as partes
  • 22.
    • Exemplo:
    • Todos os processos físicos efetuados de modo virtual como operações bancarias via internet, Compras, Matriculas em cursos etc, sem a necessidade de estar presente no local.
    • Linguagem: programas e softwares
    • Técnicas: ações que o software executa após receber um comando
    • Contratos: Acordo em benefícios para ambas as partes, segurança da informação, licenças, direitos autorais etc.
  • 23.
    • Texto de Clayton de Almeida Souza
    • Analista de Sistemas e Professor de Informática
    • Bibliografia: Terminologia Básica Informática
    • Mário Gomes da Silva
    • Editora Érica