Your SlideShare is downloading. ×
Erosão+e+..
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Erosão+e+..

5,023
views

Published on


0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
5,023
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
8
Actions
Shares
0
Downloads
167
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Erosão e Sedimentação
  • 2. EROSÃO
  • 3.
    •   É a destruição do solo e seu transporte em geral feito pela água da chuva, pelo vento ou, ainda, pela ação do gelo, quando este atua expandindo o material no qual se infiltra a água congelada. A erosão destrói as estruturas que compõem o solo . Estas são transportadas para as partes mais baixas dos relevos e em geral vão assorear cursos d’água .
  • 4. Tipos de Erosão
  • 5. Erosão causada pela água
    • Pode ser de três tipos:
    • • Laminar;
    • • Sulcos;
    • • Voçorocas.
  • 6. Laminar
    • Arrasta primeiro as partículas mais leves do solo.
  • 7. Sulcos
    • Resulta de pequenas irregularidades na declividade do terreno que faz com que a enxurrada, atinja volume e velocidade suficientes para formar sulcos mais ou menos profundos.
  • 8. Voçorocas
    • Forma mais avançada da erosão, ocasionada por grandes concentrações de enxurrada
  • 9. Erosão fluvial Causada pelas águas dos rios que provoca desgaste nas encostas dos rios e removem porções do solo das margens dos rios, provocando desmoronamento de barrancos. Rio Piranhas-açu / Jucurutu
  • 10. Erosão Eólica
    • É um tipo de erosão pelo vento com a retirada superficial de fragmentos mais finos.
  • 11. Erosão Pluvial
    • Provocada pela retirada de material da parte superficial do solo pelas águas da chuva.
    Canoa quebrada - Ceará Niterói – São Paulo
  • 12. Erosão Glacial
    • Causada pelo gelo.
  • 13. Erosão causadas pela água do mar
    • Conhecida também por erosão marinha ou abrasão marinha.
  • 14.
    • Pode ocorrer por ação de fenômenos da natureza ou do ser humano.
    • Causas Naturais - Se refere às ações da natureza;
    • Causas Humanas – Quando o homem é um agente provocador.
  • 15.
    • As causas naturais são aquelas que ocorrem naturalmente, sem a ação da mão do homem.
  • 16.
    • As causas humanas são aquelas em que o homem é o agente (ou o principal agente ) provocador.
  • 17. Maior erosão urbana Mãe Biela
    • Considerada por muito tempo como a maior erosão urbana do Brasil. Foram 40 anos combatendo a enorme voçoroca que ainda hoje está lá presente.
    Ano: 1972. Autor: Eleutério Langowski. Voçoroca Mãe Biela, Cianorte – Paraná
  • 18. Conseqüências
  • 19.
    • Encobrir porções de terrenos férteis e sepultá-los com materiais áridos;
    • Morte da fauna e flora do fundo dos rios e lagos por soterramento;
    • Turbidez nas águas , dificultando a ação da luz solar na realização da fotossíntese, importante para a purificação e oxigenação das águas;
    • Instabilidade causada nas partes mais elevadas podem levar a deslocamentos repentinos de grandes massas de terra e rochas que desabam talude abaixo, causando, no geral, grandes tragédias .
  • 20. Sedimentação
  • 21. O que é sedimentação
    • Processo (Geológico) de separação em que a mistura de dois líquidos ou de um sólido suspenso num líquido é deixada em repouso.
  • 22. Processo da sedimentação
  • 23.
    •   As rochas sedimentares são formadas a partir da pressão exercida sobre as partículas de sedimentos carregados e depositados pela ação do ar(vento), gelo ou água. Conforme os sedimentos se acumulam, eles vão sofrendo cada vez mais pressão, se solidificando, num processo conhecido como litificação (formação rochosa) e os fluídos originais acabam sendo "expulsos" .
  • 24.  
  • 25. Estratificação
  • 26.
    • Os sedimentos e as rochas sedimentares são caracterizados pela presença de  estratificação  - que resulta da formação de camadas paralelas e horizontais, pela deposição contínua de partículas no fundo de um oceano, de um lago, de um rio ou numa superfície continental. Uma outra característica das rochas sedimentares é a sua ordenação temporal . Assim numa seqüência de estratos que não tenha sido modificada da sua posição original, um estrato é mais antigo do que aquele que está por cima, e mais recente do que o que está por baixo - Princípio da sobreposição .
  • 27. A estratificação das rochas sedimentares e o princípio da sobreposição:
  • 28. Rochas Sedimentares
  • 29. Arenito Dolomia Calcário Rocha Sedimentar Química Clástica
  • 30. Ambientes de sedimentação
  • 31.
    • São compostas por sedimentos carregados pela água e pelo vento, acumulados em áreas deprimidas . Correspondem a 80% da área dos continentes e é nelas que foi encontrada a maior parte do material fóssil.
  • 32.  
  • 33. Depósitos Sedimentares
  • 34.
    • Incluem algumas fontes minerais mais valiosas do planeta. Muitos depósitos são formados pela segregação química e física decorrentes de processos sedimentares.
  • 35. Depósitos sedimentares formados pela sedimentação química
  • 36.
    • Os depósitos de origem sedimentar química incluem aqueles formados pela precipitação de compostos, tais como os calcários, os evaporitos e os fosforitos.
    Calcário Fosforitos
  • 37. Depósitos de evaporitos
  • 38.
    • São formados quando a água do mar , em canais isolados e baixos de regiões áridas, ou de uma bacia oceânica restrita, evapora mais rapidamente que seu reabastecimento , através de conexões com o mar aberto.
  • 39. Depósitos sedimentares : Fontes de metais
  • 40.
    • Os depósitos sedimentares são também fontes importantes de metais. Um exemplo desses metais são o cobre e o ferro, mas podendo ser encontrados outros metais.
    Ferro Cobre
  • 41.
    • Depósitos sedimentares formados por sedimentação física
  • 42.
    • Os principais depósitos formados pela concentração mecânica de minerais, resistentes ao intemperismo físico e químico das rochas, são os pláceres . ( depósito de materiais pesados ).
  • 43.
    • Muitos depósitos ricos em minerais pesados, tais como ouro, a cassiterita, a magnetita e ilmenita, são encontradas em pláceres.
    Ilmenita Magnetita Cassiterita
  • 44.
    • Os principais minerais encontrados em pláceres são minerais de estanho, platina, nióbio, tântalo, zircônio, ouro e elementos terras raras, além de diamante.
    Nióbio Elementos terra Zircônio Ouro
  • 45.
    • No Brasil têm-se os depósitos ricos em Ilmenita, Rutilo, e magnetita em Bojuru, na planície costeira do Rio Grande do Sul, e os depósitos de Almandina, Rutilo e Monazita em Guarapari, no Espírito Santo.
    Bojuru Guarapari
  • 46. Depósitos Residuais
  • 47. São formados por processos intempéricos que ocorrem sobre a superfície terrestre.
  • 48. Minerais encontrados em Depósitos Residuais Ouro Magnetita Nióbio Ganierita Anatásio
  • 49. Obrigado pela atenção!

×