Como se sair bem na escola
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Como se sair bem na escola

on

  • 1,633 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,633
Views on SlideShare
1,632
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
14
Comments
0

1 Embed 1

http://www.facebook.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Como se sair bem na escola Como se sair bem na escola Document Transcript

    • !"#2 OUTUBRO DE 2012COMO SE SAIR BEM NA ESCOLA
    • Como se sair bem na escola ` Que palavra vem a sua mente quando ouve a palavra “escola”? Cansativa ou empolgante? Frustrante ou gratificante? Estressante ou divertida? ˆ ´ Se a imagem que voce tem da escola e um tanto negativa, o que pode fazer? E se for po- sitiva, como aproveitar ainda mais os seus ´ anos escolares? Usando a Bıblia como guia, ´ ˜ as paginas 3 a 7 desta revista apresentarao ˜ ˆ cinco sugestoes para voce se sair bem na escola. ´ ´ ˜ Muitos dos princıpios considerados nesta serie sao ´ ˜ ˆ uteis nao importa onde voce estude — quer seja numa ´ ´ escola publica ou particular quer seja no que e chama- do de ensino domiciliar.!"#2 ´ 10 Como vencer a ´ 22 O Conceito da BıbliaTIRAGEM MEDIA 41.042.000 obesidade infantil Os astros influenciamPUBLICADA EM 84 IDIOMAS sua vida? 12 Um encontro ´ 24 Desempenhem bem inesquecıvelComo se sair bem o papel de paisna escola 15 Teve um Projeto? ´ 26 A Bıblia — Um Livro Os sensores do ˆ besouro de Profecias Exatas 3 Crie animo — Parte 6 4 Seja organizado 16 Os Jovens Perguntam 29 Observando o Mundo 5 Procure ajuda O que posso esperar ´ do casamento? 30 Para Considerar em 6 Cuide da saude — Parte 2 ´ Famılia 7 Tenha uma meta ´ ˆ 19 O impacto das notıcias 32 Para ajudar voce a 8 O que os pais podem fazer em seus filhos se sair bem na escola
    • ˆCrie animo ˆPara ter animo em qualquer projeto, ˆ ´voce precisa ver seu valor pratico.˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ´ ´ ´ UAL e o valor pratico da escola? Ela o ajudara aQ ´ ter sabedoria, e a Bıblia diz que “a sabedoria e ˜para protecao”. (Eclesiastes 7:12) Como assim? Para ¸ ´ ˆ ´ilustrar: imagine que voce esta andando em um bair-ˆ Treinamentoro perigoso. O que voce preferiria — estar sozinho ou ´ praticoacompanhado de um grupo de amigos que, se neces- Habilidades ´ ˆ ˜sario, poderiam protege-lo? Com uma boa educacao, ˆ ´ ¸ ˜ sociaisvoce tem varios “amigos” fortes que sempre estarao ´ Raciocınioao seu lado. Eles incluem: ´ ` ˆ Raciocınio. Ir a escola pode ajudar voce a desenvol- ´ver o que a Bıblia chama de “sabedoria e compreen- ˜ ´ ´sao”. (Proverbios 3:21, Bıblia na Linguagem de Hoje) ˜ ´ ˆEssas habilidades serao uteis para voce resolver seusproblemas em vez de sempre depender de outros para Bons professoresisso. ˜ ´ ˜ sao importantes Habilidades sociais. A Bıblia aconselha os cristaos ˆ ´a cultivar qualidades como paciencia e autocontrole. “No ensino medio, tive um pro- ´ ´(Galatas 5:22, 23) Conviver com varios tipos de pes- fessor de economia que poderia ˜ ´ ˆ trabalhar numa instituicao finan-soas na escola da a voce muitas oportunidades para ¸ ˜ ´ ceira, mas havia escolhido ensinardominar essas e outras qualidades que serao uteis na ˆ numa escola de um bairro carentevida adulta, como tolerancia, respeito e empatia. ˜ ´ — onde a maioria dos jovens nao Treinamento pratico. A escola pode ensinar-lhe a ´ ˆ ´ ´ liga para essa materia. Mesmo as-importancia de uma boa etica de trabalho, que e de sim, ele ensinava economia degrande valor para conseguir e manter um emprego. ´ ´ ˆ uma forma simples, pratica e di- ´ ´Alem disso, quanto mais voce aprender sobre o mun- vertida para nos. Uma vez, ele ate ´ ˜do ao seu redor, mais preparado estara para conhe- ´ ligou para minha mae para dizercer a si mesmo e identificar o que e importante para ´ ˆ ´ ˜ ˆ como eu havia me saıdo bem numvoce. (Proverbios 14:15) Com essa conviccao, voce ¸ trabalho. Quando os alunos lhe ´ ˜tera condicoes de defender suas crencas de modo res- ¸ ¸ perguntaram por que trabalhavapeitoso. — 1 Pedro 3:15. naquela escola, ele respondeu que ˆ ˜ ´ Resumo: Visto que voce precisa de uma formacao ¸ era o melhor lugar em que ja haviaescolar, pouco adianta ficar pensando nas coisas que trabalhado. Ele nos entendia, se ˆ ˜ ˜ preocupava conosco e nos elogia-voce nao gosta na escola. Entao pense nos pontos ci- ˆ ´tados acima e crie animo. Talvez possa ate pensar em va. Foi o melhor professor que eu ´outros incentivos. ja tive!” — Reyon, Estados Unidos. ˆ ´ Que tal comecar logo? Para voce, qual e o principal ¸motivo para se sair bem na escola? Despertai! outubro de 2012 3
    • Seja organizado ´O pouco esforco necessario para se organizar ¸pode trazer grandes recompensas: mais tem-po, menos estresse e notas melhores.˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ MAGINE-SE entrando numa loja para com-I ´ prar uma unica coisa, mas as mercadorias ˜estao todas espalhadas sem nenhuma ordem. ˆQuanto tempo voce levaria para achar o que ˜ ´procura? Nao seria muito mais facil se todasas coisas estivessem bem organizadas e os ´ ˆ mais cedo possıvel — principalmente seu de-corredores identificados? Voce pode tomar ver de casa.medidas parecidas nos seus estudos. Como? ˜ ˜ Dica: Quando chegar da escola, nao ligue a Faca uma programacao. “Certa vez, quan- ¸ ¸ TV nem se envolva em nenhum passatempodo passei o fim de semana na casa de um ami- antes de fazer seu dever de casa.go, acabei esquecendo completamente de fa- ´ ˜ Organize seu material escolar. Ja aconteceuzer minha licao e deixando de lado algumas ¸ ` de chegar a escola e descobrir que esque-tarefas em casa”, contou Zachary, de 18 anos, ˆ ceu seu caderno, caneta ou livro? Voce podenos Estados Unidos. “Na segunda-feira, tivede implorar aos meus professores que me dei- evitar esse aborrecimento. Como? “Eu sem- ˜ pre arrumava minha mochila com antece-xassem entregar minhas licoes mais tarde.¸ ˆAgora, faco uma lista para me ajudar a lem- ¸ dencia”, diz Aung Myo Myat, um jovem debrar das coisas que tenho de fazer.” Mianmar. ˜ ´ Dica: Mantenha sua bolsa ou mochila or- Fazer anotacoes tambem ajudou Celestine, ¸ ´ ganizada para achar suas coisas mais facil-uma jovem de Papua-Nova Guine. Lembran-do seu tempo de escola, ela diz: “Eu tinha mente. ˜ ´uma programacao para tudo, como deveres ¸ Resumo: Ser organizado vai poupa-lo do es-de casa, provas e atividades sociais. Isso me tresse de esquecer coisas, de se atrasar e deajudou a estabelecer prioridades e cumprir parecer que nunca tem tempo suficiente paraprazos.” outras prioridades. Dica: Use um caderno, o celular ou outro ´ Que tal comecar logo? Identifique uma areaaparelho para ´ fazer sua lista. ˆ ¸ ˜ em que voce precisa se organizar. Entao, com ˜ ´ ´ Nao adie. E facil dizer: “Vou deixar isso os seus pais ou um amigo, pense em varias ´ ˆpara mais tarde.” O melhor e fazer as coisas o maneiras que voce pode melhorar. ´ ˜ ˜ ´ ´!"#26 ESTA REVISTA E PUBLICADA para o Esta publicac¸ ao nao e vendida. Ela faz parte de uma obra educativa bıblica, ´ ˜ mundial, mantida por donativos. A menos que haja outra indicac¸ ao, os textos benefıcio de todos os membros da ´ ´ ˜ ˜ famılia. Mostra como enfrentar os bıblicos citados sao da Traducao do Novo Mundo das Escrituras Sagradas ¸ ´ ´ ˆ problemas de´ nossos´ dias. Apresenta notıcias, historias de com Referencias. ´ pessoas de varios paıses e materias de natureza religiosa e ´ ´ ˜ Despertai! e publicada e impressa mensalmente pela Associac¸ ao Torre de cientıfica. Mas faz mais do que isso. Ela analisa a fundo os ´ ´ ´ Vigia de Bıblias e Tratados. Sede e grafica: Rodovia SP-141, km 43, Cesario acontecimentos atuais e identifica o verdadeiro significado por ´ ´ ´ ˜ Lange, SP, 18285-901. Diretor responsavel: Augusto dos Santos Machado tras deles. Ainda assim, e sempre politicamente neutra e nao ´ Filho. Revista registrada sob o n umero de ordem 511. 5 2012 Watch4 exalta nenhuma raca como superior a outra. O mais importante ´ ¸ Tower Bible and Tract Society of Pennsylvania. Todos os direitos reservados. e que esta revista aumenta a confianca na promessa de ´ ¸ Impressa no Brasil. que o Criador em breve substituira´ o atual mundo perverso e ´ anarquico por um novo mundo pacıfico e seguro. Vol. 93, No. 10 Monthly PORTUGUESE (Brazilian Edition)
    • Procure ajuda ´ Ter o apoio de outras pessoas e essencial, ˜ ´ nao so durante os anos escolares, ´ mas tambem na vida adulta. ˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ˆ UEM pode ajudar voce a se sair bem na Q escola? ´ ´ Dica: Pergunte a seus pais quem pode aju- Fam ılia. “Quando eu precisava de aju- da-lo em seus estudos. da com meu dever de casa”, diz Bruna, de ˜ ´ Resumo: Nao ha nada de errado em pedir 18 anos, no Brasil, “meu pai explicava a ma- ajuda! ´ teria e fazia perguntas bem escolhidas. Mas Que tal comecar logo? Faca uma lista de ¸ ¸ˆ ele deixava que eu mesma encontrasse as res- ˆ duas ou tres pessoas que voce admira e acha postas”.1 ˜ que sao bons exemplos. Alguma delas pode Dica: Para comecar, pergunte a seu pai ou ¸ ´ ˜ ´ ´ ajuda-lo com seus deveres escolares? sua mae como eles se saıram na materia que ˆ ´ ´ voce acha difıcil. Se eles se saıram bem, en- ˜ tao podem ser as pessoas certas para lhe aju- dar. “Meu professor favorito” Professores. A maioria dos professores fica ´ “Meu professor favorito era bem rıgido, mas feliz quando um aluno quer se sair bem nos todo mundo o respeitava. Ele era bem anima- ˆ estudos, e eles tem prazer em ajudar. do, gesticulava e andava de um lado para ou- Dica: Simplesmente diga ao seu professor: tro da sala enquanto falava. Fazia com que to- ˜ ´ dos participassem nas discussoes em classe. “Tenho dificuldade com esta materia, mas ˆ ˜ ˜ Se voce nao entendesse o ponto, ele paciente- quero melhorar. Tem alguma sugestao?” ´ ˆ ´ mente explicava ate voce entender. Sempre Outros. Um amigo de confianca da famılia ´ ´¸ nos incentivava a fazer perguntas. Dizia que pode ajudar. Isso tera dois benefıcios: primei- ˜ ´ ˆ ´ perguntas nao so o ajudavam a perceber o ro, voce recebera a ajuda que precisa; segun- ˜ ´ ´ ´ que nao havıamos entendido, mas tambem a do, aprendera a contar com o apoio de outros ´ ´ ´ se tornar um professor melhor. Ele se preocu- quando necessario — algo que lhe sera util na ´ ´ pava de verdade com cada um de nos. Muitos vida adulta. A verdade e que, para muitas coi- ´ alunos escolheram a carreira de contabilidade sas na vida, o segredo e trabalhar em equipe, ´ ˜ ´ — a materia que ele ensinava — depois de nao sozinho. — Proverbios 15:22. ` assistirem as suas aulas por apenas um ano.” ˜ ´ ´ 1 Um irmao mais velho tambem pode ajudar. — Alana, Australia. ˆ ˆ ˜ ´ ´ ˆ ˜ ´IDIOMAS: africaner, albanes, alemao,67 amarico, arabe, armenio, bislama, ´ ˆ ˆ ˆ GOSTARIA DE OBTER MAIS INFORMACOES OU UM CURSO BIBLICO DOMICI- ` ¸ ´bulgaro, canares, cebuano, chicheva, chines (simplificado), chines (tradicio- ´ ˆ LIAR GRATUITO? Escreva as Testemunhas de Jeova, usando um dos enderecos abaixo. ¸ ´nal)7 (audio apenas em mandarim), chitonga, chona, cibemba, cingales, co- ˆ Para uma lista completa dos enderecos das sedes, veja www.jw.org/contact. Africa do ¸reano,67 croata, dinamarques,7 eslovaco, esloveno, espanhol,67 estoniano, ˆ ˆ Sul: Private Bag X2067, Krugersdorp, 1740. Alemanha: 65617 Selters. Angola: Caixa Pos-eve, fijiano, finlandes,7 franc´ es,687 georgiano, grego, guzerate, hebraico, hili- ˆ ´ ˆ tal 6877, Luanda Sul. Argentina: Casilla 83 (Suc 27B), C1427WAB Cdad. Aut. de Bue-gaino, ˆ hindi, holandes,67 hungaro, ibo, ilocano, indonesio, ingles,67 ioruba, ´ ´ ˆ ˜ ˆ nos Aires. Belgica: rue d’Argile-Potaardestraat 60, B-1950 Kraainem. Bolıvia: Casilla ´ ´islandes, italiano,67 japones,67 kirundi, letao, lingala, lituano, macedonio, ˆ ˆ ˆ ˆ 6397, Santa Cruz. Brasil: CP 92, Tatuı, SP, 18270-970. Canada: PO Box 4100, George-malaiala, malgaxe, maltes, mianmar, noruegues,7 polones,67 portugues,687 ´ town, ON L7G 4Y4. Espanha: Apartado 132, 28850 Torrejon de Ardoz (Madrid). Es- ´punjabi, quiniaruanda, quirguiz,´ rarotongano, romeno, russo,67 samoano, se- ´ ˆ tados Unidos da America: 25 Columbia Heights, Brooklyn, NY 11201-2483. Franca: ¸pedi, servio,ˆ sesoto, silozi, suaıli, sueco,7 tagalo,7 tai, tamil, tcheco,7 tok pi- ˜ BP 625, F-27406 Louviers Cedex. Gra-Bretanha: The Ridgeway, London NW7 1RN. Holan-sin, tonganes, tsonga, tsuana, turco, tvi, ucraniano, urdu, vietnamita, xosa e ´ da: Noordbargerstraat 77, NL-7812 AA Emmen. Italia: Via della Bufalotta 1281, I-00138 ˜zulu. Rome RM. Japao: 4-7-1 Nakashinden, Ebina City, Kanagawa-Pref, 243-0496. Mocambi-¸ ´ ´ ´ ´ ´6 Tambem disponıvel em CD. 8 Tambem disponıvel em MP3 CD-ROM. ´ que: PO Box 2600, 1100 Maputo. Paraguai: Casilla 482, 1209 Asuncion. Portugal: Apar- ´ ´7 Audio tambem disponıvel no site www.jw.org /pt. tado 91, P-2766-955 Estoril. Timor Leste: Box 248, Dili.
    • ´Cuide da saude ´Cuidar bem da saude pode melhorarseu desempenho na escola— e sua qualidade de vida.˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ´ CLARO que devemos cuidar do corpoE que Deus nos deu. (Salmo 139:14) Parailustrar: imagine que voce tem um carro, mas ˆ ˜nunca tira tempo para fazer manutencao nele. ¸Mais cedo ou mais tarde, ele vai parar de fun-cionar. O mesmo pode acontecer com seu ˜ ˆcorpo. Que tipo de “manutencao” voce pre- ¸cisa? ˆ Descanso. Dormir pouco pode deixar voce ˆ ˜com a aparencia abatida, sem disposicao, con- ¸ ´fuso e ate mesmo deprimido. Por outro lado, ´ ˆvoce fica com mais energia quando dorme o ro que exercitar-se tambem pode ser divertido, ´ ˆsuficiente. Dormir bem tambem pode acele- pois pode incluir atividades que voce gosta. ´ ˜rar seu crescimento fısico, fortalecer seu siste- Resumo: Descanso suficiente, alimentacao ´ma imunologico e melhorar suas funcoes ce- ˜ ´ ˜¸ ˜ ¸ balanceada e exercıcios moderados ajudarao arebrais e seu bem-estar emocional. Sao muitos manter seu “motor” funcionando. E isso aca- ´ ˜ ˜benefıcios para tao pouco esforco, nao acha? ¸ ba melhorando seu desempenho na escola.1 ´ Dica: Se possıvel, tente ir para a cama no Que tal comecar logo? Crie uma rotina equi- ¸ ´ ´mesmo horario toda noite. librada de exercıcios. Faca um acompanha- ¸ ˜ ´ mento das suas horas de sono e de sua alimen- Alimentacao. Os adolescentes crescem rapi- ¸ ˜ ˆdo. Dos 10 aos 17 anos, por exemplo, a maio- tacao por um mes e veja se precisa melhorar ¸ria dos meninos dobra o peso corporal magro. em alguma coisa. ´ ˆAs meninas tambem tem um crescimento re- “Quando faco uma caminhada, fico compentino. Essa fase exige muito combustıvel e ´ ˜¸ mais disposicao — mesmo se estava cansado ¸energia. Certifique-se de dar ao seu corpo os ˆ antes de sair.” — Jason, Nova Zelandia.nutrientes que ele precisa. “Eu penso assim: Deus fez os alimentos ˜ ´ ˜ ˜ ´ Dica: Nao se esqueca do cafe da manha. Ir ¸ para abastecer nosso corpo, entao eu so que-para a escola ‘abastecido’ pode melhorar sua ´ ˜ ´ ro o melhor combustıvel para mim!” — Jill, Es-concentracao e memoria de curto prazo. ¸ tados Unidos. ´ ´ ˆ ´ Exercıcios. A Bıblia reconhece que “os exer- “Eu corro tres vezes por semana. Tambem ´ ˜ ´cıcios sao bons para seu corpo”. (1 Timoteo ando de bicicleta ou faco caminhada duas ve- ¸ ´4:8, Contemporary English Version) Eles po- zes por semana. Isso me da mais energia e ali- ´ ´dem fortalecer os musculos e ossos, melho- via o estresse.” — Grace, Australia. ˆrar a resistencia, controlar o peso, aprimorar ˜ ´ ´a capacidade mental, aumentar a imunidade, 1 Para mais informacoes sobre saude, veja o capıtulo 10 do ¸ ´ ´ livro Os Jovens Perguntam — Respostas Praticas, Volume 1, pu- ´aliviar o estresse e melhorar o humor. E cla- blicado pelas Testemunhas de Jeova.6 Despertai! outubro de 2012
    • Tenha uma metaA escola faz mais sentido ´ ´— e e mais agradavel — ˆquando voce entende seu objetivo.˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ` ´ R A escola sem um objetivo e como correrI numa pista sem linha de chegada. Certo es- ´critor bıblico disse: “Eu nao corro sem ter ˜ ´ ´ ´um objetivo.” (1 Corıntios 9:26, Bıblia Facil ´ ˆde Ler) Ter uma meta mantera voce focado e 3. Leve em conta as˜ oportunidades. Depois ´ ˜tornara sua transicao para o mercado de tra- ¸ de escolher a profissao, analise as oportuni- ˆ ˜balho mais suave. Como voce pode estabele- dades de emprego em sua regiao. Conhece al-cer uma meta? guma empresa ou pessoa que poderia contra- Pergunte-se: ‘Como pretendo me sustentar?’ ´ ˜ ´ ta-lo? Se conhece, ela oferece algum tipo deNao conclua que e novo demais para respon- ´ ´ estagio? Existem programas de treinamento ´der a essa pergunta. Planeje desde ja. Por vocacional disponıveis? ˆque? Pense assim: se quisesse fazer uma via- Dica: Converse com seus pais, professores ˆgem, voce precisaria primeiro escolher um e amigos adultos. Consulte os jornais locais ´destino. Daı, tracaria num mapa a melhor ¸ ou sites na internet. ` ˜rota. O mesmo se aplica a escola. Pense na Resumo: Se tiver uma meta, sua educacao¸ ˜ ˆ ´ ˜profissao que voce quer ter e depois escolha tera uma direcao e objetivo. ¸ ˜ ´cursos que o ajudarao a chegar a esse des- Que tal comecar logo? Enquanto ainda esta ¸tino. ˆ na escola, pense nos tres pontos menciona- Cuidado: muitos jovens querem trabalhar dos. Escreva suas metas e converse sobre elas ˜apenas na profissao dos seus sonhos, por com seus pais. ´exemplo, como musico profissional. Elesnem querem pensar em fazer outro tipo de ˜servico. Entao, o que seria melhor? ¸ 1. Pense em suas habilidades. Por exemplo, ˆvoce gosta de fazer coisas para ajudar os ou- ˆ ´ ˆtros? Leva jeito para mecanica? matematica? ´ Voce deve ter percebido que esta ´financas? consertar coisas? ¸ serie de artigos mencionou varias vezes ˜ ˜ ˜ ´ 2. Avalie suas opcoes. Que profissoes sao ¸ a Bıblia ao explicar como se sair bem na ´ ´compatıveis com suas habilidades? Conside- escola. As Testemunhas de Jeova, que ´ ˜ publicam esta revista, acreditam que are varias opcoes, em vez de se concentrar ape- ¸ ´ Bıblia ensina “a maneira certa de viver”.nas no emprego dos seus sonhos. E pense em ´ ´ ´ ´ ´ (2 Timoteo 3:16, BFL) Ela e pratica paratermos praticos. Por exemplo, sera que exis- ˜ ˜ ˆ o dia a dia — nao apenas na escola, ´te campo para a profissao que voce escolheu mas tambem no trabalho, em casa ouem outras cidades, caso precise se mudar? em qualquer outro lugar. Para mais ´ ´ ˜ ´Sera necessario fazer algum treinamento que informacoes sobre como a Bıblia pode ¸ ˆ ´o deixara muito endividado? ajudar voce, acesse o site www.jw.org/pt ´ e veja a pagina 32 desta revista.
    • O que os pais podem fazer“A sala de aula era abar- “Os poucos professores “Para a maioria dos meus ˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ ˜ ˜ rotada de alunos! Nao em nossa escola nao ti- professores, era uma luta ` ˜ havia nenhum ventilador, nham como dar atencao ¸ controlar a classe. As ve- e o calor era sufocante.” a todos os alunos. Tam- zes, os alunos eram mui- ´ ´ ˜ — Luis, Bolıvia. bem nao havia mapas, to indisciplinados, dificul- equipamentos de labora- tando muito mais o ´ torio nem biblioteca.” aprendizado.” — Nina, ´ — Dorcus, Mianmar. Africa do Sul. ´ OMO os comentarios acima mostram, al- nhar dinheiro. Mesmo assim, pesquisas mos-C ˜ gumas escolas estao longe de ser um lu- ˆgar de aprendizado. Se voce tem filhos, como tram que muitos jovens estudam justamente ´ com o objetivo de ficar ricos. A Bıblia incen- ´pode ajuda-los a tirar o maior proveito da edu- ˜ tiva um conceito equilibrado sobre as coisascacao, apesar dos desafios? Veja algumas su- ¸ ˜ materiais. Embora reconheca que “o dinhei- ¸gestoes. ˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ Tenha iniciativa. Em vez de se concentrar ˜nos problemas — muitos dos quais provavel- A educacao deve preparar ¸ ˜ seu filho para se tornarmente estao fora do seu controle —, concen- ˆ ´tre-se no que voce pode fazer. Se seu filho ´ um adulto responsavel comparece ter dificuldade com certa materia ou ´ habilidades diversificadasesta sobrecarregado com muitos deveres˜ decasa, pensem juntos em algumas solucoes. ´ ´ ¸Por exemplo, sera que e preciso criar um am- ´ ˜ ´ ro e para protecao”, ela tambem avisa que “os ˜ ¸ ˜biente mais adequado para estudar em casa? que estao resolvidos a ficar ricos” nao encon- ˜Seu filho precisa de ajuda para criar uma roti- trarao a verdadeira felicidade. — Eclesiastes ´na para realizar as tarefas mais importantes? 7:12; 1 Timoteo 6:9.Seria bom contratar um professor particular? ˜ Deixe seu filho aprender com os problemas.Para mais sugestoes, fale com o professor ou ´ ´ Muitos professores admitem que e difıcil li-orientador educacional de seu˜ filho. Encare dar com os alunos, mas lidar com os paisessas pessoas como aliados, nao inimigos. pode ser ainda pior. Alguns pais se apressam Ajude seu filho a ter em mente o objetivo da ˜ em falar com os professores e protestar quan- ˜educacao. A educacao deve preparar seu fi- ¸ ¸ do seu filho se mete em problemas ou tira no- ´lho para se tornar um adulto responsavel com tas baixas. Por exemplo, um artigo da revista ˜ ´habilidades diversificadas. O objetivo nao Time mencionou uma professora universita-deve ser simplesmente aprender como ga- ria que tinha alunos que “ligavam da sala de8 Despertai! outubro de 2012
    • Encare os professores de seu filho ˜ como aliados, nao inimigos ˜aula para os pais para reclamar de uma nota ´ solucao do problema por seus filhos enquan- ¸baixa e daı passavam o celular para ela, no to eles ficam sentados assistindo, os pais fi- ˜ ˜ ˜ carao mais fortes, mas os filhos ficam maismeio da aula, porque o pai ou a mae nao ti-nha gostado disso. Alguns pais diziam a ela fracos e caem quando tentam correr por si ´que estavam pagando muito caro pela educa- proprios.” ˜ ´cao do filho e davam a entender que apenas ¸ ´ Tenha equilıbrio no grau de escolaridade dea nota mais alta era aceitavel como retorno de ´ seu filho. Conforme ja mencionado, a educa- ˜seu investimento”. cao pode preparar seu filho para ser um adul- ¸ ´ ˆ˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝ to responsavel. (Genesis 2:24) Mas quanta ´ ´ escolaridade e necessaria para isso? Muitos professores admitem ˜ ´ ´ Nao conclua que seu filho precisa fazer ´ ´ que e difıcil lidar com os alunos, faculdade para receber um salario razoavel.` ˜ mas lidar com os pais pode ser Existem outras opcoes menos´ caras. As ve- ¸ ainda pior zes, pessoas com habilidades tecnicas podem ganhar o mesmo que as formadas em faculda- des. ˜ ˜ ˜ Esses pais nao ajudam em nada seus fi- ´ Resumo: As escolas nao sao perfeitas, e oslhos. Na verdade, em vez de “salva-los”, eles ˜ ˆ alunos hoje enfrentam desafios que nem po-os est ao privando de “terem experiencias ´ ´ ´ ˜ dıamos imaginar algumas decadas atras. Mas,reais de tomar decisoes, falhar e limpar sua ´ com seu apoio, seu filho pode se sair bem na´propria sujeira”, escreveu Polly Young-Eisen- escola.˜ Que acha de considerar em famılia as ´drath em seu livro A Armadilha da Autoesti- sugestoes apresentadas nas paginas 3 a 7 des-ma. Ela acrescenta: “Se os pais interferem na ta revista? Despertai! outubro de 2012 9
    • Como vencer a obesidade infantil ´ ˆ EGUNDO o Departamento de Saude e Servicos Quando voce comecou a terS ´ ¸ ´ ¸ Humanos, dos EUA, entre 1980 e 2002, o numero maus habitos alimentares? ´de adolescentes acima do peso triplicou e o de pre-ado- Quando terminei o ensino ´ ´lescentes mais do que dobrou. A obesidade infantil re- medio. Por volta dessa epoca,presenta riscos cada vez maiores de a pessoa desenvol- comecei a comer fora com ˜ ˆver a longo prazo doencas como hipertensao, diabetes, ¸ muita frequencia. Havia duas ´ ˆ lanchonetes perto do meu lo-doencas cardiovasculares e varios tipos de cancer.1 ¸ ˜ ´ cal de trabalho, entao eu al- A obesidade infantil pode estar relacionada a varios mocava numa das duas quase ¸fatores, como sedentarismo, publicidade dirigida aos jo- ´ todo dia. Eu achava muito maisvens e a facil disponibilidade e baixo preco de alimentos ¸ ´ facil comer numa lanchonetede pouco valor nutritivo. Segundo os Centros de Con- do que fazer meu almoco. ´ ¸trole de Doencas, dos EUA, “a obesidade infantil e con- ¸ ˆsequencia de se ingerir muitas calorias e se fazer pouca ˜ ´ A situacao melhorou ou piorou ¸ ˆatividade fısica”. quando voce saiu de casa? Criancas, adolescentes e adultos fariam bem em ana- ¸ ´ ˜ Piorou. Eu nao sabia cozi-lisar seus habitos alimentares. Algumas medidas sim- ˜ nhar e nao tinha muito dinhei-ples, sem exageros, podem fazer a diferenca. Veja, por ¸ ro; mas minha lanchonete fa-exemplo, o caso de Mark, que descobriu que mudancas ˜ ´ ´¸ vorita ficava apenas a duas ´na alimentacao trazem grandes benefıcios para a saude ¸ quadras. Comer la parecia ser ´ ˜ ´e o bem-estar. “Houve uma epoca em que eu era vicia- a opcao mais facil e barata.do em fast-food”, admite ele. Despertai! entrevistou Mark ˜¸ ´ Eu nao so comia o tipo errado ´para ver como ele conseguiu mudar. de comida, mas tambem co- ˜ ´ mia muito. Eu nao me conten- 1 O termo “obesidade infantil” se refere a um problema de saude que atin-ge criancas e adolescentes. Especialistas dizem que a probabilidade de jovens ¸ tava com a quantidade normal ´ servida. Sempre pedia mais fri-acima do peso continuarem assim na vida adulta e de 70%.10 Despertai! outubro de 2012
    • ˜tas, um refrigerante maior e com frutas: maca, banana, mo- ¸ eu como uma quantidade ra- ´ ´ ˜um hamburguer extra — tudo rango, mirtilo, framboesa e zoavel e ao mesmo tempo nao ˜ ´ ´ ´que pudesse pagar e na por- melao. Tambem incluı proteı- me sinto mal por deixar sobrar ˜cao maior. ¸ nas magras, como frango e comida no prato. ˜ atum, que agora estao entre ˆ os meus alimentos favoritos. ´O que levou voce a mudar seus ˜ Que benefıcios recebeu por ter ´ Numa refeicao, tento comerhabitos? ¸ feito essas mudancas? ¸ Pouco depois de fazer mais das verduras e legumes e Perdi peso, tenho mais dis- menos do prato principal. Per- ˜20 anos, comecei a levar mi- posicao e recuperei minha au- ¸ ´ ´ cebi que comer alguma coisa ´nha saude mais a serio. Eu es- ´ ˜ toestima. O melhor de tudo etava acima do peso. Nunca ti- saudavel entre as refeicoes me ¸ que me sinto feliz de saber ˜ ajuda a comer menos no almo- ´nha disposicao para nada e ¸ que, por cuidar de minha sau- ˜ co e no jantar. Com o tempo, ¸nao tinha autoestima. Sabia de, estou honrando o Deusque precisava fazer mudancas. ¸ minha vontade de comer fast- que me deu o dom da vida. food diminuiu. (Salmo 36:9) Eu achava que ˆ ´Como voce conseguiu contro- ˆ levar uma vida saudavel seria ˜ Voce parou de comer fora?lar sua alimentacao? ¸ sem graca. Mas agora que ¸ ˜ Comecei com pequenas mu- Nao, ainda saio para comer comecei a comer direito, ˜dancas. Primeiro, diminui a ¸ de vez em quando. Mas agora nao trocaria isso por nadaquantidade. Eu dizia a mim eu controlo a quantidade. Se a no mundo!1 ˜ ´ ´ ˜ ´mesmo: “Esta nao e minha ulti- porcao servida e muito gran- ¸ ˜ ˜ 1 Despertai! nao recomenda nenhumama refeicao; posso comer de ¸ de, peco uma embalagem para ¸ ´ ` ´ dieta especıfica. Cabe a cada um avaliar ˜novo mais tarde.” As vezes, eu viagem. Daı, coloco metade da cuidadosamente as opcoes e consultar um ¸ ˜ ´ medico antes de tomar qualquer decisao ˜precisava me levantar logo da refeicao na embalagem antes ¸ ˜ sobre alimentacao. Evite dietas da moda ¸ ˜ de comecar a comer. Assim, ¸mesa para nao repetir. Mas de- que podem ser perigosas.pois me sentia bem, com uma ˜ ´sensacao de vitoria. ¸Precisou fazer alguma mudan-ca radical? ¸ Algumas coisas, eu abando-nei por completo. Por exemplo,parei de beber refrigerante e ´comecei a beber apenas agua. ´Isso foi difıcil. Eu amava refri- ´gerante e odiava agua. Depois ´que bebia agua, eu tomava umgole de suco para sentir umpouco de sabor. Com o tempo, ´ ´a agua se tornou mais agrada-vel. ˆ ´O que voce fez alem de parar ˜de comer alimentos nao sau- ´daveis? ´ Substituı esses alimentos ˜por opcoes melhores. Comecei ¸
    • Um encontro ´ inesquecıvel ˜ CORACAO da floresta equato- ¸ ´ O rial da Republica Centro-Africa- na esconde uma joia da ´ fauna vista por poucas pessoas. Apos uma via- ´ gem difıcil de carro de 12 horas por trilhas acidentadas, chegamos ao Par- que Nacional de Dzanga-Ndoki, uma reserva natural intacta˜ no sudoeste ´ ´ do paıs, entre Camaroes e a Repu- blica do Congo. Nosso objetivo era conhecer um gorila-ocidental-das-ter- ras-baixas chamado Makumba e sua ´ famılia. Nossa guia, Bara, nos disse para fi- car juntos e tomar cuidado com os ´ elefantes, visto que passarıamos por trilhas usadas todo dia por eles em5 N A Planken-Kooij/YAY Micro/age fotostock busca de alimento. Mas os elefantes ˜ ´ nao eram o unico perigo. Bara disse: “Se um gorila avancar em sua dire- ˜ ¸ cao, fiquem parados e olhem para o ¸ ˜ ˜ ´ chao. Ele nao vai machuca-los; ape- ˜ nas vai fazer muito barulho. Nao ´ AFRICA olhem nos olhos dele. Eu, pessoal- mente, prefiro fechar os olhos.” ´ Nos e Bara fomos conduzidos por um rastreador experiente do povo BaAka, considerado um grupo pig- ´ meu por causa de suas caracterısti- ´ ´ cas fısicas, como a baixa estatura. REPUBLICA Para nosso rastreador, o menor in- ´ CENTRO-AFRICANA dıcio visual, cheiro ou som era sufi- ciente para detectar a presenca dos ¸ Parque Nacional de animais mais sorrateiros da flores- Dzanga-Ndoki ta. Cercados por enxames de abelhas 12
    • Um gorila-ocidental-das-terras-baixas ´ pode ter ate 1,80 metro e pesar mais de 200 quilos ˜ 5 Juan Carlos Mu noz/age fotostock A VIDA DO GORILA Nossa guia explicou que o enorme e pesa- do gorila se alimenta apenas de brotos, galhos ´ e folhas. Ele tambem come insetos e frutas ´ ´ ˆ da epoca e pode percorrer ate quatro quilo- ´ metros por dia em busca de alimento. A famılia ˜ ˜ pode dormir tanto no chao como em ninhos fei-Tamanho real da mao ´ ´de um gorila adulto. tos em arvores. O macho dominante e chama- ˜ do de dorso-prateado, visto que o pelo em suasColoque sua mao em cima.Ficou muito diferente? costas fica cinza com a idade. O dorso-prateado ˜ geralmente dorme no chao para proteger a fa- ´ mılia. Para ajudar os gorilas a se acostumar com ˆ ´ os humanos, rastreadores mantem contato dia- rio com eles por pelo menos cinco anos. Depois disso, podem-se levar turistas para conhecer os gorilas. O preco do ingresso do parque ajuda a ¸ cobrir os gastos com pesquisas e com a preser- ˜ ´ vacao dessa especie ameacada. ¸ ¸ 13
    • 5 FLPA/Terry Whittaker/age fotostock ´ ´irritantes, tentavamos acompanhar o passo nou com um bocejo. Nem e preciso dizer quedo rastreador enquanto ele avancava mata ¸ ficamos muito aliviados!adentro com facilidade. Apesar de o nome Makumba significar ´ Logo nosso rastreador estava nos levando “Veloz” na lıngua aca, o gorila Makumba es- ´ ´ tava parado, comendo sem pressa seu cafeatraves da floresta virgem onde poucos oci- ˜dentais haviam pisado. De repente, ele parou da manha durante todo o´ tempo que ficamos ´ ´ ali. Proximo de onde estavamos, dois gorilase indicou com seus bracos uma grande area ¸perto de nosso caminho. Vimos ali arbustos e jovens estavam brincando. Sopo, um filhotegrama esmagados onde gorilas jovens haviam de 10 meses de olhos enormes, brincava per- ˜brincado, bem como galhos quebrados e sem to de sua mae, Mopambi, que o puxava defolhas — sobras de um petisco. Nossa expec- volta com carinho sempre que sua curiosida- ´tativa foi aumentando durante o percurso. de insaciavel o levava a tentar se afastar dela. ´ ˆ ˆ O resto da famılia estava tirando folhas e ta-` Depois de uns tres quilometros, o rastrea- los de galhos ou se divertindo em grupos. Asdor diminuiu o passo. Para evitar assustar os ´ vezes, eles olhavam para nos, mas logo per-gorilas, ele fez um estalo bem peculiar com a diam o interesse e voltavam a brincar. ´ ´ ´lıngua. Podıamos ouvir perto de nos grunhi- ´dos graves intercalados com o barulho de ga- Apos uma hora, nosso tempo se esgotou. ´ Parecia que Makumba tambem tinha percebi-lhos quebrando. Bara sinalizou devagar para do isso — depois de dar um grunhido, ele seavancarmos. Com um dedo sobre a boca, in- ¸ ergueu com seus bracos enormes e sumiu na ´ ˆ ¸ ´dicou que deverıamos fazer silencio absoluto. floresta. Em poucos segundos, a famılia toda ´Ela pediu que ficassemos agachados e apon- desapareceu. Embora o tempo que passamos ´ ´tou para as arvores. A cerca de oito metros de com esses incrıveis animais tivesse sido bem ˆdistancia, ali estava ele: o gorila Makumba! pouco, jamais nos esqueceremos desse en- ˆ ´ O silencio havia substituıdo os barulhos da contro. ´ ´floresta, e a unica coisa que conseguıamos ´ ˜ouvir era o nosso coracao batendo. E claro ˜ ¸ na cena 2. 3. 152.000. 4. C.que nossa preocupacao era se Makumba nos ¸ ˜ 1. A escada esta na cena 3. 2. A teia de aranha estaatacaria. Ele olhou em nossa direcao aparen-¸ ´ RESPOSTAS DAS PAGINAS 30 E 31 ´temente sem fazer muito caso e nos recepcio- ´14 Despertai! outubro de 2012
    • TEVE UM PROJETO?Os sensoresdo besouro ˆ˘ Incendios florestais afastam a maioriados animais, mas atraem o besouro Mela- ˆ ´nophila acuminata. Por que? Porque arvo- ´ ˜res recem-queimadas sao o lugar ideal ´para ele depositar seus ovos. Alem disso, ´ ˆseus predadores fogem quando ha incen-dios, deixando os besouros livres para co-mer, acasalar e depositar ovos com segu- ´ Os receptoresranca. Mas como e que eles conseguem ¸ ˆ infravermelhoslocalizar incendios florestais? do besouro Analise o seguinte: Perto de suas per- ´nas medias, o besouro possui sensoreschamados fossetas loreais, que detectam ˜ ˜ ˆ tao o besouro pode ajudar a desenvolverradiacao infravermelha vinda de um incen- ¸ ˜ sensores melhores que funcionam em tem-dio florestal. A radiacao gera calor nas fos- ¸setas loreais e direciona o besouro para as peratura ambiente. As antenas do besou-chamas. ro levaram engenheiros a projetar sistemas ˜ ˆ ´ Mas esses besouros possuem outros de deteccao de incendio mais sensıveis e ¸sensores para detectar fogo. Quando suas que conseguem distinguir subprodutos de ´ ˆ ˆarvores favoritas queimam, suas antenas incendios florestais de outras substancias ´ ´detectam quantidades minusculas de cer- quımicas. ˆ ´ ´tas substancias quımicas liberadas pelo O modo incomparavel de o besouro de-fogo no ar. Segundo alguns pesquisadores, tectar locais para depositar seus ovos deixaessas antenas “detectoras de fumaca” con- ¸ pesquisadores impressionados. “Como es- ´ ´ ses besouros conseguem fazer isso?”, per-seguem encontrar uma unica arvore fume- ˆ ˆ gunta E. Richard Hoebeke, especialista emgando a quase um quilometro de distancia. ˜ besouros da Universidade Cornell, EUA.Em resultado da combinacao de suas habi- ¸ ´lidades, parece que esses besouros detec- “Pense no conhecimento limitadıssimo que ˆ temos sobre insetos com mecanismos sen-tam e localizam incendios florestais a qua- ´ ˆse 50 quilometros! soriais incrivelmente sensıveis e comple- ˜ xos!” Os pesquisadores estao estudando esse ˆ ´inseto para aprimorar equipamentos detec- O que voce acha? Sera que a habili- ˜tores de radiacao infravermelha e fogo. ¸ dade do besouro Melanophila acuminata ˆ ´Sensores infravermelhos tradicionais de de detectar incendios florestais e resultado ˜ ˜alta resolucao precisam ser resfriados, en- ¸ da evolucao? Ou teve um projeto? ¸ Foto do besouro: 5 Stephen Luk; receptores infravermelhos: 5 Volker Steger/Photo Researchers, Inc.
    • OS JOVENS O que posso esperar PERGUNTAM do casamento? PARTE 2 ´ NA PARTE 1 DESTA SERIE, ´ Espero que meu marido/minha esposa . . . consideramos alguns benefıcios ˆ e desafios que voce pode O esperar do casamento. seja fisicamente NA PARTE 2, veremos por atraente ˆ que voce deveria esperar o inesperado. aumente minha Coloque um O ao lado das autoestima ˜ opcoes que se aplicam e ¸ depois as numere em ordem ˆ ˆ tenha os mesmos de importancia para voce. objetivos que eu goste de fazer as mesmas coisas que eu para se divertir16 Despertai! outubro de 2012
    • ˜ ´ ˆ Se estiver pensando em se casar, nao ha ˘ Imagine que voce e a pessoa com quem ´nada de errado em ter as expectativas que vai se ´ casar querem ser missionarios em ou- ˆ ˆ tro paıs. Mas e se ela, depois do casamento,voce escolheu. Voce talvez chegue a encon- ´ ´ tiver um problema de saude grave que impecatrar alguem que satisfaca a todas elas. Mas ¸ ˆ ´ ¸sejamos realistas: as pessoas mudam com o voces de realizar esse desejo? Isso e bem pos- ´ ´ ˆ sıvel, pois a Bıblia diz que “coisas ruins po-tempo — bem como as circunstancias. ˜ dem acontecer a qualquer um”. (Eclesiastes Conclusao: Para ter um casamento bem- ˆ 9:11, Holy Bible—Easy-to-Read Version) Semsucedido, voce deve esperar o inesperado. ´ ˆ ´ A boa notıcia: Algumas coisas inesperadas duvida, voce ficaria triste˜ por causa da doen-do casamento podem ser uma boa surpresa. ca e desapontado por nao conseguir atingir ¸ seu objetivo. No entanto, se surgisse uma cir- “Agora que nos casamos, consigo ver o senso ˆ ˆ ˆ ˜ cunstancia inesperada assim, voce precisariade humor de Maria1 de um angulo que nao co- apenas aceitar a realidade e se adaptar a ela. ´ ˆ ˜nhecia totalmente na epoca do namoro. Por ter- Afinal, voce se casou com uma pessoa — nao ´mos um conceito mais descontraıdo, os proble- com um objetivo. ˜mas que surgem em nossa vida nao parecem ˜ ´ ˜ Conclusao: Como a Bıblia diz, os que setao ruins assim.” — Mark. ˜ ˜ ´ ˜ ˜ casam terao certa medida de “tribulacao”. ` ¸ ˜ A notıcia nao tao boa assim. Alguns as- ´ (1 Corıntios 7:28) As vezes, essa tribulacao ¸pectos inesperados do casamento podem ser vem de uma fonte inesperada. ´desagradaveis. Veja um exemplo. Como se preparar para o inesperado? Se ˆ ´ 1 Alguns nomes neste artigo foram mudados. voce se casar, precisara de duas coisas. O QUE OUTROS JOVENS DIZEM ` ´ ´ Sirvan — As vezes, alguem que esta namorando prefere ´ fechar os olhos quando percebe caracterısticas preocupan- ´ ˆ tes na outra pessoa. Isso e perigoso. Quando voce se der ´ ˜ conta, podera estar casado e infeliz, com a sensacao de que o ¸ ´ ´ unico modo de voltar a ser feliz e se divorciar daquela pessoa ˜ ˆ que antes era tao especial para voce. ´ Danielle — Muitos se casam apenas porque acham que e isso que se espera deles antes de certa idade. Por outro lado, ´ ´ ja ouvi dizer que e melhor esperar, visto que os jovens mu- ´ dam bastante. Ate mesmo casais felizes dizem que gostariam de ter esperado um pouco mais.
    • 1. UM CONCEITO REALISTA ´ ˆ Por mais compatıveis que voces dois se- ˆjam, voce deve esperar que ˜ ˘ nem sempre concordarao em tudo. ˜ ˘ nem sempre terao as mesmas priorida- des. ˜ ˘ nem sempre gostarao de fazer as mes- mas coisas. ˆ ˜ ˜ 1. Imagine que voce tem uma passagem de ˘ nem sempre se sentirao tao apaixonados ˜ aviao para viajar de graca para qualquer lugar ¸ ´ ˆ como no inıcio. do mundo. Que destino escolheria? Por que? ˜ ˜ Situacoes como essas sao comuns. Mas ´ ¸ ˜ ˆ Destino: ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝elas so estragarao seu casamento se voce dei- Motivo: ´xar! Lembre-se de que a Bıblia diz que o amor paisagem cultura“persevera em todas as coisas” e “nunca fa- ˜ ´ clima diversao outrolha”. — 1 Corıntios 13:4, 7, 8. ´ ´ ˜ ˜ 2. Agora, imagine que a passagem e so de Fato: No fim das contas, nao sao os proble- ˆ ´ ˜ ida e voce tera de morar nesse destino paramas que farao seu casamento dar certo ou fra- ´ ˆ ´ sempre.cassar — e o modo como voce lidara com eles. ´— Colossenses 3:13. Desta vez, que destino escolheria — se e que escolheria algum?2. COMPROMETIMENTO ˆ Destino: ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ Se voces dois estiverem determinados a fi- ou ˜car juntos, nao importa o que aconteca, esta- ¸ eu ficaria onde estou. ˜ ˜rao em melhores condicoes de superar pro- ¸ ´ ´ ´blemas inesperados. — Mateus 19:6. Nesse exercıcio, e provavel que sua segun- Alguns dizem que o comprometimento tor- da escolha tenha sido diferente da primeira. ˆna o casamento um fardo. Mas, na realidade, Mesmo que tenha sido a mesma, voce deve ´ ter pensado em aspectos diferentes na se-acontece o contrario. O comprometimento ´ gunda escolha. Em vez de ter se imaginadoda estabilidade ao relacionamento. Quando ˆ como um turista relaxando numaˆ praia ousurgirem problemas inesperados, voces pro- ˜ ˜ ˜ ´ ´ caminhando nas montanhas, voce precisoucurarao solucoes, nao a saıda mais facil. ¸ se imaginar morando no local, pensando nos Para criar um senso de comprometimento, ´ ˆ ´ pros e contras do dia a dia ali. ´voce precisara pensar no casamento de modo ˆ ˜ E assim que voce deve encarar o ˆcasamen-racional, nao sonhador. Para ajudar a enten-der a diferenca, tente o seguinte. ¸ to. Afinal, com o tempo, as circunstancias po- ´ ˆ ˆ dem mudar. Sem duvida, voce ´ e seu conjuge ˜ ´ ˆ mudarao tambem. Se voce tera um casamen- ˜ ´ to feliz ou nao, muito dependera de sua habi- lidade de esperar o inesperado e saber como QUE TAL PERGUNTAR A SEUS PAIS? lidar com isso. ˜ ˜ Pergunte-se: Como lido com situacoes ¸ Que situacoes inesperadas, boas ou ¸ inesperadas agora, enquanto sou solteiro? ˆ ´ruins, surgiram quando voces eram recem-casados? Como posso me preparar para si- ˜ Encontre mais conselhos para adolescentes no sitetuacoes inesperadas se eu me casar? ¸ www.jw.org /pt.18 Despertai! outubro de 2012
    • O impacto ´das notıciasem seus filhos “Minha filha de 11 anos ˜ ´ nao gosta de ver noticiarios. S40% arios?paisficam perturbados com osqua- se EUS´ filhos tici dos Segundo uma pesquisa, no- entrevistados disseram que Ela costuma ter pesadelos de- ´ seus filhos ficaram ´ assustados apos terem pois. Certa vez, ela assistiu a visto algo nos noticiarios e com medo de que uma reportagem sobre um ho- alguma coisa parecida pudesse acontecer a mem que decapitou um paren- eles ou a seus parentes e amigos. ` ˆ ´ te. A noite, sonhou que estava Por que? Um motivo e que as criancas in- ´ ¸ sendo decapitada.” — Quinn. terpretam as notıcias de modo diferente dos adultos. Por exemplo, algumas criancas pe- ´ ¸ ´ quenas acham que uma tragedia exibida va- ´ “Minha sobrinha de 6 anos rias vezes esteja realmente acontecendo varias viu reportagens sobre tornados vezes. ´ ´ ´ ´ em outras partes do paıs. Ela Outro motivo e que notıcias diarias de ficou morrendo de medo nas acontecimentos perturbadores podem distor- cer o conceito das criancas sobre o mun- ´ ¸ ´ semanas seguintes. Ela me li- do. E verdade que vivemos em “tempos crı- gava, certa de que um tornado ´ ´ ticos, difıceis de manejar”. (2 Timoteo 3:1) ˜ ˜ ´ estava vindo em sua direc¸ ao e Mas a exposicao repetida a notıcias chocan- ¸ que iria morrer.” — Paige. tes pode deixar os filhos totalmente trauma- tizados. “As criancas que assistem aˆ muitos ´ ¸ noticiarios tendem a exagerar a existencia de crimes e podem enxergar o mundo como um Despertai! outubro de 2012 19
    • EDUQUE PROTEJA ´ ´ lugar mais perigoso do que ele˜ e na rea- tos positivos da notıcia — por exemplo, ´ lidade”, comentou a Fundacao Kaiser ¸ esforcos de ajuda humanitaria presta- ¸´ Family. da a vıtimas de um desastre. ´ ˜ Se as notıciasˆ estao afetando seus fi- Tranquilize-os. Quando um aconteci- lhos, o que ˜voce pode fazer? Veja algu- ´ mento perturbador e noticiado, con- mas sugestoes. verse com seus filhos para descobrir Proteja-os. Determine a quantidade de o que eles acham. “Eu e minha espo- ´ ˜ sa aproveitamos para explicar a nosso notıcias que seus filhos poderao ver, de ˆ acordo com a idade, maturidade e es- ´ filho, Nathaniel, o que ele ve nos no- ´ ´ trutura emocional deles. E claro que, ˜ ticiarios. Tambem explicamos as pre- em ˜ nossa era da informacao, os filhos ˜ ¸ caucoes que temos tomado para evitar ¸ estao a par dos acontecimentos atuais. ´ que a mesma coisa aconteca conosco”, ¸ Ate mesmo criancas bem novas talvez ¸ ˆ conta um pai chamado Michael. “Cer- oucam ou vejam mais do que voce ima- ¸ ta vez, quando Nathaniel viu num noti- gina. Por isso, fique atento a qualquer ´ ciario cenas de uma casa desaparecen- sinal de medo ou ansiedade em seus fi- do em chamas, ele ficou com medo lhos. ´ ` de que a nossa poderia ser a proxima. ´ Eduque-os. A medida que seus filhos Para tranquiliza-lo, mostramos a ele to- ˆ dos os detectores de fumaca instalados ficam mais velhos, voce pode assistir ¸ ´ em nossa casa. Agora ele sabe onde aos noticiarios com eles, aproveitando ˜ ˜ a oportunidade para ensinar-lhes algu- eles estao e por que estao ali. Isso o dei- ˜ mas licoes. Destaque quaisquer aspec- ¸ xou mais tranquilo.”20 Despertai! outubro de 2012
    • ˆ “Criancas de 3 a 7 anos tem mais ¸ ´ medo de historias de desastres naturais e acidentes. As de 8 a ˆ 12 anos tem mais medo de ´ ˆ historias de crimes e violencia.” ˜ — Fundac¸ ao Kaiser Family. TRANQUILIZETenha um conceito equilibrado. Pes- tinha tanto medo de ser sequestradoquisadores descobriram que as pessoas que se escondeu da equipe de resga- ˆ ˆtem a tendencia de julgar a probabilida- te por quatro dias. Quando finalmen-de de algo acontecer com base na fa- te foi resgatado, ele estava fraco e de-cilidade com que elas se lembram de sidratado. Embora as chances de ser ˜ sequestrado fosse de 1 em 350 mil, oexemplos dessa situacao. Por exemplo, ¸ ˆ medo do menino o levou a correr o ris-se voce ouviu recentemente que uma ´ ´ co de passar fome em vez de aceitarcrianca foi raptada, e provavel que sin- ¸ta um medo exagerado de isso aconte- ´ ´ ajuda. ˜cer com o seu filho. E obvio que nao O que aprendemos? Certifique-seseria sensato minimizar os perigos. ˆ ´ de que voce e seus filhos tenham umMas especialistas dizem que as notı- ´ conceito equilibrado sobre as notıcias.cias podem nos fazer ter medo de si- ´ ˜ O ponto e que muitas calamidades es-tuacoes que dificilmente aconteceriam ˜ ´ ˜ ¸ ´ tao na mıdia porque sao relativamenteconosco. — Proverbios 22:3, 13. ˜ ˜ raras — nao porque sao comuns. ˜ ˆ Quando os pais nao conseguem ter Criminalidade, violencia e desastres ´ ˜ ´um conceito equilibrado das notıcias, naturais sao realidades tragicas de nos-eles podem sentir um medo exagerado. sos dias. Mas, como vimos neste arti-O mesmo pode acontecer com os fi- go, seus esforcos em proteger seus fi- ¸ ´ ´lhos. Por exemplo, em 2005, um me- lhos, educa-los, tranquiliza-los e ter um ˜nino de 11 anos se perdeu nas mon- conceito equilibrado os ajudarao a li- ´tanhas em Utah, Estados Unidos. Ele dar com notıcias perturbadoras. Despertai! outubro de 2012 21
    • O CONCEITO ´ DA B IBLIA Os astros influenciam sua vida? ´ Sera que ele me ama? Devo viajar hoje? Vou conseguir esse emprego? ´ ´ UITAS pessoas buscam respostas a per- ro ja esta escrito e que os astros podem reve-M ´ guntas como essas na astrologia.1 Massera que os astros influenciam mesmo sua ´ ´ ´ la-lo. Mas a Bıblia diz o contrario. Segundo ela, Deus deixa as pessoas fazer escolhas, in- ˆ ˆvida? Eles podem ajudar voce a saber o futu- dicando assim que elas tem certa medida de ´ ´ro ou a se conhecer melhor? O que a Bıblia controle sobre o que acontecera em sua vida.diz? Por exemplo, ele disse aos israelitas: “Pus ˆ ˜Os astros podem influenciar nosso futuro? diante˜ de ti a vida e a morte, a bencao e a in- ¸ ˜ vocacao do mal; e tens de escolher a vida para ¸ Algumas pessoas acreditam que nao pode- ˆmos fugir do destino. Elas dizem que o futu- ficar vivo, tu e tua descendencia.” — Deutero- ˆ nomio 30:19. 1 A astrologia estuda o Sol, Lua, planetas e estrelas acredi- ´tando que esses astros nos influenciam e podem nos ajudar a Com essas palavras, Jeova Deus deixou ´ claro a seu povo que eles tinham uma grandeconhecer a nos mesmos.22 Despertai! outubro de 2012
    • ´ ´medida de controle sobre seu futuro. Se obe- A Bıblia descreve Jeova Deus como “Aque- ´decessem aos seus mandamentos, seriam le que desde o princ ıpio conta o final”. ´ ´abencoados. Se desobedecessem, colheriam (Isaıas 46:10) Ele tem um proposito, e o rea- ´ ¸ ˆ ´ ´tragicas consequencias. lizara sem falta. (Isaıas 55:10, 11) Podemos ´ Pergunte-se: Se o futuro de cada israeli- aprender sobre o proposito de Deus lendo a ´ ´ ´ta ja estivesse escrito nas estrelas, faria sen- Bıblia. Esse antigo livro sagrado tambem ex- ´tido que Deus os aconselhasse a escolher a plica por que sofremos e como Deus acabara ˜vida? Seria justo eles terem de prestar contas com as condicoes que afligem a humanidade ¸ ˜ ˜ ˜a Deus por acoes sobre as quais nao tinham ¸ hoje.1 — 2 Pedro 3:13; Revelacao (Apocalip- ¸nenhum controle? se) 21:1-4. ˜ ´ ´ ˆ A licao da Bıblia e clara: o rumo da nos- ¸ Se voce quer conhecer melhor a si mes- ´ ´sa vida depende das escolhas que fazemos mo e melhorar sua personalidade, a Bıblia e a ˜ ´ ˜ ˆ— nao das estrelas. — Galatas 6:7. melhor fonte de orientacao. Por que? Porque ¸ ˜ ela nos ajuda a fazer uma avaliacao since- ¸ Os astros podem influenciar ´ ra de nos mesmos. Por exemplo, ela diz que nossa personalidade? ´ ´ ´ ˜ Jeova Deus e “misericordioso”, “vagaroso ˆ A maioria dos astrologos diz nao acreditar ´ ´ em irar-se” e esta “pronto a perdoar”. (Exodono destino. Um deles comentou: “Nos con- ´ ´ ´ 34:6; Salmo 86:5) Mas sera que nos somostrolamos nosso proprio destino, mas a data ´ ˆ assim? A Bıblia pode expor nossos pensa-de nosso nascimento tem uma influencia em mentos equivocados e nos ajudar a ver onde ˆnossa personalidade.” Muitas pessoas tem podemos melhorar.um conceito parecido. Para elas, visto que os ˜ ˆ ´ Assim, nao precisamos recorrer aos astrosastros exercem uma influencia fısica na Ter- ˜ ´ ˆ para saber sobre o nosso futuro e conhecer a ´ra, por que nao teriam tambem uma influen- ´ ` ´ ´ ´ nos mesmos. E melhor recorrer a Bıblia, quecia metafısica? O que a Bıblia indica? ´ ´ ˜ ´ ´ “e inspirada por Deus e proveitosa para ensi- A Bıblia nao e um livro cientıfico que ex- nar, para repreender, para endireitar as coi-plica em detalhes aspectos do corpo humano ´ sas”. — 2 Timoteo 3:16, 17.e do Universo. Mas ela explica o objetivo de ´ ˆ ˜ ´ 1 ´ Para mais informacoes sobre o proposito de Deus, veja oJeova ter criado os corpos celestes. Em Ge- ¸ ´ capıtulo 3 do livro O Que a Bıblia Realmente Ensina?, publica-nesis 1:14, 15, Deus disse: “Que haja luzes no do pelas Testemunhas de Jeova. ´ ´ceu para separarem o dia da noite e para mar- ˜carem . . . as estacoes . . . [e] para ilumina- ¸ ´rem a terra.” — Bıblia na Linguagem de Hoje. ´ Pergunte-se: Se Deus tivesse projetado os JA SE PERGUNTOU?astros para influenciar nossa personalidade, ˜ele nao teria nos informado disso? ˘ Por que Deus criou os astros? ˆ O que podemos concluir? Que os astros — Genesis 1:14, 15. ˜ ˜ ˜ ˆ ˜sao parte da criacao de Deus, mas nao in- ¸ ˘ Como voce pode fazer uma avaliacao¸fluenciam nossa personalidade. mais realista de sua personalidade? ´ — Hebreus 4:12. ´ Uma fonte mais confiavel ˆ ˘ Como voce pode saber ao certo E bom querer saber sobre o nosso futuro e ´ ´ o que o futuro trara? — Isaıas 46:10. ´conhecer melhor a nos mesmos, mas existe ˜ ´uma fonte de orientacoes mais confiavel do ¸que os astros.
    • Desempenhembem o papelde pais ˆVoce se lembra da primeiraˆvez ´ que segurou seu beberecem-nascido?Pouco tempo depois talvez tenha se ´sentido assustado so de pensar nosdesafios que enfrentaria para criar seu ` ˆfilho nos muitos anos a frente. Voce logosentiu o peso dessa responsabilidadeem seus ombros. ` 1 ˜ EMPRE foi desafiador criar Deixe claro quais sao seus valores. A medida queS ˆ ´ filhos, mas hoje e mais ain-da. ´ Por que? Porque o mundo ˜ ˜ crescem, os filhos sao bombardeados por informa- coes falsas sobre moralidade — algumas vindas de ¸ ´esta mais complicado do que na ´ ˆ seus colegas e a maior parte vinda da mıdia. Es- ´ ˆepoca em que voce era crianca. ¸ sas mas influencias ficam mais evidentes quando os fi- ˆAlguns dos desafios morais que lhos entram na adolescencia. Mas pesquisas mostram ˜os filhos enfrentam — ao usar a que, quando se trata de tomar decisoes importantes nainternet, por exemplo — nem se- ´ vida, muitos adolescentes valorizam mais o ponto dequer existiam algumas decadas ´ vista dos pais do que o de seus colegas.atras. ˆ ˆ O que voce pode fazer. Os pais no Israel antigo eram Como ˜ voce pode ajudar seu incentivados a conversar com os filhos frequentementefilho a nao cair nas armadilhas ˆ para ensinar-lhes bons valores. (Deuteronomio 6:6, ˜ 7) ˆmorais de nosso mundo moder- Faca o mesmo. Por exemplo, se voce segue os padroes ¸ ˆ ˜ ´ ˆno? Seguem tres sugestoes. morais da Bıblia, diga a seu filho por que voce acha que ´ fazer isso e a melhor maneira de viver.24 Despertai! outubro de 2012
    • 2 ´ ˆ ´ Ajude seu filho a saber que havera consequencias. A Bı- Para ajudar blia diz:´ “O que o homem ´semear, isso tambem ceifa- ´ ´ ´ sua famılia ra.” (Galatas 6:7) O princıpio de causa e efeito pode ser observado em praticamente todos os aspectos da ˆ ´ ˜ Para criancas: ´ ¸ ´vida. Pense na ˆsua infancia. Sem duvida, as licoes mais mar- ¸ Meu Livro de Historias Bıblicascantes que voce aprendeu foram aquelas em que teve de arcar ˆ ˜com as consequencias de suas acoes. ¸ ˆ ´ Meu Livro de O que voce pode fazer. Usando exemplos reais, explique ´ HISTORIAScomo pessoas que fizeram coisas erradas foram prejudicadas BIBLICASe como as que fizeram coisas certas foram˜ beneficiadas. (Lu- ´cas 17:31, 32; ˆ Hebreus 13:7) Alem disso, nao proteja seu filhodas consequencias dos erros dele. Por exemplo, imagine queele quebrou um brinquedo de outro menino por falta de cui- ˆdado. Voce poderia exigir que ele desse um de ´ seus brinque-dos para o outro menino. Seu filho se lembrara por um bom ˜ ´ ´tempo dessa licao sobre respeitar o que e dos outros. ¸ Para pre-adolescentes: Aprenda do Grande Instrutor3 ´ Ajude seu filho a desenvolver um bom carater. Um pro- ´ ´ ´ verbio bıblico diz: “A crianca mostra o que e pelo´ que ¸ faz; pelos seus atos´ a gente pode ´ saber se ela e ho- nesta e boa.” (Proverbios 20:11, Bıblia na Linguagem `de Hoje) ˜ A medida que crescem, as criancas desenvolvem ¸ ˜um padrao de comportamento que define quem elas sao. In- ´felizmente, algumas ficam conhecidas por mas qualidades. ˜ ´(Salmo 58:3) Mas outras criam uma reputacao elogiavel. Por ˜ ¸ ´ APRENDA DOexemplo, numa carta a uma congregacao, o apostolo Paulo es- ´ ¸ ˜ GRANDE INSTRUTORcreveu sobre o jovem adulto Timoteo: “Nao tenho a nenhum ˜ ` ´outro de disposicao igual a dele, que cuidara genuinamente ¸ ´das coisas referentes a vos.” — Filipenses 2:20. Para adolescentes: ˆ ´ ˆ O que voc´ e pode fazer. Alem de enfatizar as consequencias, Os Jovens Perguntam ´conforme ja considerado, ajude seu filho a pensar nas quali- — Respostas Praticas,dades pelas quais ele quer ser conhecido. Quando se deparam Volumes 1 e 2com desafios, os jovens podem aprender a tomar boas deci- ˜soes por se fazer as seguintes perguntas: ˘ Que tipo de pessoa quero ser? — Colossenses 3:10. ˜ ´ ˘ O que uma pessoa assim faria nesta situacao? — Prover- ¸bios 10:1. ´ ´ Os jovens perguntam ´ Os jovens perguntam A Bıblia contem muitos exemplos reais de homens e mu- ˜ respostas praticas VOLUME 1 ´ respostas praticas VOLUME 2lheres cujas acoes os definiram como bons ou maus. (1 Co- ´ ¸rıntios 10:11; Tiago 5:10, 11) Use esses exemplos para ajudar ´ Para adultos:seu filho a desenvolver um bom carater. O Segredo de ˜ ´ ´ Uma Famılia Feliz As publicacoes ˆ das Testemunhas de ´ Jeova podem ajudar ˆ ¸ ´ ´voce´ a ver como por em pratica os princıpios da Bıblia em sua O Segredo´ de Umafamılia e como ajudar seus filhos a fazer o mesmo. FAMILIA FELIZ
    • ´ A BIBLIAPARTE 1 2 3 4 5 6 7 8 UM LIVRO DE PROFECIAS EXATAS ´ Esta serie de oito partes da Despertai! ´ esta analisando um aspecto impressionante ´ ˜ da Bıblia: suas profecias, ou predicoes do ˜ ˆ ¸ futuro. Os artigos ajudarao voce a responder ` ´ as seguintes perguntas: sera que as profecias ´ ˜ ˜ bıblicas sao invencoes de humanos inteligentes? ¸ Como saber se elas foram realmente inspiradas ˆ por Deus? Analise algumas evidencias. ´ “Ultimos dias” ´ ´ IVEMOS em tempos difıceis. No mundo Cumprimento: Nos primeiros anos do secu- V ˜ todo, sao muito comuns as notıcias de ca- ´ lamidades e disturbios sociais. Essa situacao ´ ¸ ˜ lo 20, muitos imaginavam que o mundo conti- nuaria em paz. A Primeira Guerra Mundial ´ tem algum significado especial? chocou o mundo e marcou o inıcio de uma era ´ ´ de guerras sem precedentes. Conforme predi- Quase 2 mil anos atras, a Bıblia predisse ´ ˜ que os problemas do mundo atingiriam seu to no livro bıblico de Revelacao (Apocalipse), ¸ ´ ˜ a paz seria ‘tirada da terra, para que as pes- clımax na “terminacao do sistema de coisas”. ¸ ` ˜ ˜ soas se matassem umas as outras’. — Revela- (Mateus 24:3) Essa expressao nao se refere ao ˜ “fim do mundo” que muitas pessoas temem. cao 6:4. ¸ ´ ˜ Na verdade, a Bıblia descreve um padrao de O que os fatos revelam: eventos e atitudes, ou um sinal, que ocorre- ˘ “O estouro da Primeira Guerra Mundial ´ ´ ria durante um perıodo chamado de “ultimos em 1914 ainda parece marcar o fim de uma era ´ dias”. (2 Timoteo 3:1) Jesus disse a seus segui- e o comeco de outra.” — The Origins of the ¸ dores que, quando vissem “estas coisas ocor- First World War (Origens da Primeira Guerra ´ rer”, em breve haveria alıvio. (Lucas 21:31) Mundial), publicado em 1992. Considere algumas profecias que tornam nos- ´ ´ ˘ Embora a quantidade catastrofica de˜ sos dias uma epoca especial. mortos na Primeira Guerra Mundial nao pos- ˜ ´ ˜ ˜ Profecia 1: “Nacao se levantara contra nacao.” sa´ ser calculada ´ com precisao, certa enciclo- ˜ ¸ ¸ pedia sugere o numero de 8,5 milhoes de mor- — Mateus 24:7. tes apenas de soldados. 26 Despertai! outubro de 2012
    • ´ ˘ A Segunda Guerra Mundial foi muito ´ ˜ ano, causando em media 19.547 mortes. Nos ´mais mortıfera, matando de 35 milhoes a ˜ dez anos´ antes de 2012, a media foi de 28´ de-60 milhoes de soldados e civis. sastres sısmicos por ano, matando em media ˘ Desde o fim da Segunda Guerra Mun- ´ 67.954 pessoas. dial ate 2010, houve 246 conflitos armados em ´ ´151 lugares no mundo todo. Profecia 4: “Havera . . . epidemias em varios lugares.” — Lucas 21:11, BFL. ´Profecia 2: “Havera fome.” — Mateus 24:7, ´ ´Bıblia Facil de Ler. Cumprimento: Apesar dos avancos na medi- ˜ ¸ cina, milhoes de pessoas ainda morrem todo Cumprimento: A fome causou mais de ˜ ano de doencas infecciosas. Viagens interna- ¸ ˜ ´ cionais e a crescente populacao urbana mun- ¸70 milhoes de mortes no seculo 20 e continuaa ser um problema mundial. dial aumentam a probabilidade de surtos de doencas se espalharem com rapidez. ¸ O que os fatos revelam: ˜ ´ O que os fatos revelam: ˘ Segundo as Nacoes Unidas, a fome e o ¸ ` ´ ´maior risco do mundo a saude, e 1 em 7 pes- ˘ Calcula-se que a varıola matou de 300 mi- ˜ ˜ ˜ ´soas no mundo nao tem alimento suficiente. lhoes a 500 milhoes de pessoas no seculo 20. ˆ ˘ “As ˜ diversas carencias de oferta de ali- ´ ´ ˘ O Instituto Worldwatch relata que, nas ˆ ´mento nao resultam de uma unica falha, de- ultimas tres decadas, “mais de 30 doencas ¸terminada pelo clima, mas resultam de´ qua- anteriormente desconhecidas, como o ebola, ´ ˆ ´ HIV, hantavırus e Sars surgiram como novastro tendencias crıticas de longo prazo: rapidocrescimento populacional, perda da camada ameacas”. ¸ ˜ ˜ ´superior do solo, propagacao da escassez de ¸ ˘ A Organizacao Mundial da Saude aler- ¸ ´ ˜ tou sobre o aumento de germes resistentes aagua e elevacao das temperaturas.” — Scientif- ¸ic American Brasil. medicamentos, dizendo:´ “O mundo caminha ˜ ´ ´ em direcao a uma era pos-antibiotica na qual ¸Profecia 3: “Havera grandes terremotos.” ˜ ˜ ˜ muitas infeccoes comuns nao terao cura e, ¸ ˜— Lucas 21:11. mais uma vez, matarao sem parar.” ˜ ` Cumprimento: Visto que ´ mais pessoas mo- Profecia 5: As pessoas ‘trairao umas as outras’ ´ ´ram em areas de risco, o numero de mortes e e “o amor da maioria se esfriara”. — Mateuspessoas afetadas pelos terremotos aumentou 24:10, 12.drasticamente. ´ O que os fatos revelam: ´ ´ Cumprimento: Genocıdios alimentados por˜ ˘ O relatorio World Disasters Report 2010 odio causaram milhoes de mortes. Em muitos ´diz: “De todos os grandes desastres, os abalos paıses, crimes e conflitos armados resultaram ˆ ´ ´ em ciclos de crescente medo e violencia.sısmicos mataram o maior numero de pessoasnos anos recentes.” O que os fatos revelam: ˜ ˘ Segundo registros, de 1970 a 2001, hou- ˘ O regime ˜ nazista matou seis milhoes de ´ ´ judeus e milhoes de outras pessoas. Referin-ve uma media de 19 desastres sısmicos1 por ` ˜ ˜ do-se a reacao de cidadaos comuns, o autor ¸ ˜ 1 O Centro de Pesquisa ´ sobre a Epidemiologia dos Desas- Zygmunt Bauman comentou: ˜ “A dizimacaotres define um “desastre” sısmico como um terremoto que pro- ¸ ˜ ˆ em massa foi acompanhada nao de comocaovoca pelo menos uma das seguintes consequencias: dez ou ˆ ¸mais pessoas mortas, cem ou mais pessoas afetadas, a declara- ˜ ˆ ˜ emocional, mas de um silencio absoluto de in-cao de um estado de emergencia ou a solicitacao de ajuda in- ¸ ¸ternacional. diferenca.” ¸ Despertai! outubro de 2012 27
    • ´ ˘ Segundo o BBC News, calcula-se que ´ ´ O Reino de Deus — o que ele e e o que fa- ´cerca de 800 mil tutsis, incluindo hutus mo- ´ ra — e a mensagem´ central ensinada pelas Tes-derados, foram mortos num perıodo de pou- temunhas de Jeova no mundo inteiro.cos meses. Certo pesquisador acredita que O que os fatos revelam:200 mil pessoas participaram nesse assassina- ´ ˜to em massa. ˘ As Testemunhas de Jeova, que hoje sao ˜ ´ mais de 7 milhoes em mais de 230 paıses, en- ˘ Todo ano, mais de 740 mil pessoas mor- sinam as pessoas sobre o Reino de Deus.rem em resultado de crimes e conflitos arma- ´ ´dos. ˘ As Testemunhas de Jeova˜ ja publicaram ˜ ´ informacoes bıblicas nas versoes impressa e ¸ ˜ on-line em mais de 500 idiomas.Profecia 6: “Os homens serao amantes de si ˜mesmos, amantes do dinheiro, . . . sem afeicao ¸ O sinal e seu futuro ´ ´ ˆ ˜natural.” — 2 Timoteo 3:2, 3. Apos analisar as evidencias, milhoes de ` ˜ ˜ pessoas chegaram a conclusao de que o sinal Cumprimento: Nossos dias sao marcados ´ ´ ˆ dos´ ultimos dias, conforme descrito na Bıblia,por ganancia e falta de compostura moral. esta acontecendo em nossos ´ dias. Como osIsso tem fomentado muitos problemas sociais. primeiros seis artigos desta serie mostraram, ´ ´ ´ O que os fatos revelam: a Historia prova que a Bıblia e realmente um ´ livro de profecias exatas. ˘ Segundo um relatorio da Unicef do Rei- ˆ ´no Unido sobre bem-estar infantil, parece que Voce tambem pode ter certeza de que as ˜ ´ ˜pais e filhos no Reino Unido “estao presos coisas preditas na Bıblia acontecerao. Essas ˜ ˆnum ciclo de consumismo compulsivo”. Fa- profecias afetarao voce, pois Deus promete ´ ´ ´ acabar com esses traumaticos ultimos dias.mılias compram coisas “numa tentativa de ´ ´ ˜compensar os problemas de relacionamento e Os ultimos dois artigos desta serie explicarao ´ ˜a inseguranca social”. ¸ como os “ultimos dias” terminarao e descreve- ˜ ˜ rao o futuro maravilhoso que a Terra e a hu- ˘ Calcula-se que 275 milhoes de ˆ criancas ˜ ` ¸no´ mundo todo sao expostas a violencia do- manidade podem aguardar.mestica. ´ ˘ “So nos Estados Unidos, acredita-se que ˜ ´mais de 500 mil idosos sao vıtimas de abuso ˆou negligencia todo ano.” — Centros de Con- ˜trole e Prevencao de Doencas. ¸ ¸ ˜Profecia 7: “Estas boas novas do reino seraopregadas em toda a terra habitada.” — Mateus24:14. ´ Cumprimento: A Bıblia ensina que o Reino ´ ´de Deus e´ um governo real localizado no ceu,cujo Rei e ´ Jesus. Esse Reino celestial “esmiu- ´cara e pora termo a todos [os governos huma- ¸ ´nos], e ele mesmo ficara estabelecido por tem-pos indefinidos”. — Daniel 2:44. Cumprindo Mateus 24:14, ´ as Testemunhas de Jeova pregam as boas novas do Reino de Deus
    • OBSERVANDO O MUNDOO estresse da vida urbana “Quase metade dos casos de ˆ Pesquisas indicam que “pessoas que moram em cida- cancer diagnosticados todo ano ˆ no [Reino Unido] — mais dedes grandes reagem com mais violencia ao estresse do ´que as que moram em cidades pequenas”, disse a revis- 130ˆ mil, ao total — e conse- ´ ˜ quencia de escolhas pes-ta polonesa Przekroj. “Cidades sao lugares de exposi- ´ ˜ ´ soais evitaveis, ´ incluindo ocao a uma quantidade excessiva de estımulos”, explicou ¸ ´o psicoterapeuta Mieczysław Jaskulski, do Laboratorio fumo, consumo de alcool e ali- ´ ˜Psicoeducacional de Varsovia. “O risco de ter ataques mentacao errada.” — BBC NEWS, ˜ ¸ ´ GRA-BRETANHA.de ansiedade e 21% maior para quem mora em cidadesdo que para quem mora no interior. Quando se trata de ´transtornos de humor, o risco e 39% maior.” O que se “O enorme e cada vez mais ˜ ˜ ´pode fazer? “Nao se aborreca com coisas que estao fora ¸ sofisticado trafico de partes do ˜ corpo de animais selvagens co-do seu controle”, “deixe as preocupacoes do trabalho ¸ ˜no trabalho”, ´ “faca uma caminhada” e “nao tenha re- ¸ metido pelo crime organizado ´ ´ceio de tirar ferias”, sugeriu a revista. [esta] dizimando as espe- ˜ cies mais queridas doQuanta informacao fica armazenada ¸ mundo . . . numa escala nun-no Facebook? ca observada.” — SOCIEDADE PARA A ˜ ´ ˆ CONSERVACAO DA VIDA SELVAGEM, EUA. ¸ Depois de ser usuario por tres anos na maior rede ´social do mundo, um estudante ˜ de direito austrıaco ´quis descobrir quanta informacao a seu respeito ha- ¸ Pessoas que passam uma me-via sido armazenada. O Facebook lhe enviou um dia de seis horas por dia vendo ´ TV podem esperar viver 4,8 anosCD com 1.222 paginas de dados. Segundo o jornal Der ˜Tagesspiegel, o estudante disse: “Tudo havia sido arma- menos do que as que nao ´ veem TV. Em outras palavras,zenado — cada mensagem˜ e todo o historico de bate- `papo, incluindo informacoes confidenciais sobre ami- cada hora em frente a TV ˜ ¸ reduz cerca de 22 minu-gos.” Havia informacoes que ele tinha certeza de ter ¸apagado! tos da expectativa de vida de um adulto seden- ´ tario. — BRITISH JOURNAL OF SPORTS ˜ MEDICINE, GRA-BRETANHA. Na Alemanha, mais de ´ 90% das mulheres gravidas de ˆ bebes diagnosticados com ´ sındrome de Down deci- dem fazer um aborto. — DER TAGESSPIEGEL, ALEMANHA. Despertai! outubro de 2012 29
    • ´ PARA CONSIDERAR EM FAM ILIA ´ O QUE PODEMOS APRENDER DE . . . ˙ Pinte as figuras. ´ ˙ Leia os textos bıblicos, ´ resuma o que esta acontecendo e complete os dia- ´ Noe? ´ ´ ˜ logos em branco. ˙ Encontre os itens escondidos: (1) uma escada e (2) uma teia de aranha. J A SE PERGUNTOU POR QUE E T AO IM POR TA NTE OBEDEC ER A DEUS? ˘ As respostas de “PARA CONSIDERAR ´ ˜ ´ EM FAMILIA” estao na pagina 14. ´DEUS DISSE A NOE: “FAZE˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝˝” ˆ— GENESIS 6:14 ˜ DEUS DEU INSTRUCOES ¸ DETALHADAS. ˆ — GENESIS 6:15, 16 ˆ GENESIS 6:19, 20 ˆ GENESIS 6:22 ´ NOE “ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ˝ ” ´ Por que foi importante Noe ter obedecido a Deus? PISTA: Jeremias 7:23; 2 Pedro 2:5. ˆ GENESIS 7:17, 23 ´ ˆ O que ajudara voce a obedecer a Deus? PISTA: ˆ ´ ˜ 1 Cronicas 28:9; Isaıas 48:17, 18; 1 Joao 5:3. ˆ O que voce aprendeu desse relato? ˆ O que voce acha? Para obedecer a Deus, a ˆ quem mais voce deve ser obediente? PISTA: ´ Efesios 6:1-3; Hebreus 13:7, 17. ´ Para imprimir copias de “Para Considerar ´ em Famılia”, acesse o site www.jw.org /pt.
    • Colecione e Aprenda Recorte, dobre no meio e guarde ´ Bıblia e escrito Ultimo ´ livro da MEDIA 98 EC ˜ Susa ´ ´ ´ ´ Jerusalem PERSIA 1 EC Viveu por volta de 450 AEC NEEMIAS N E E M I A S PERFIL Ele se ausentou temporariamente de seu trabalho importante a fim de fazer ´ a obra de Jeova. Como governante dos judeus, Neemias tomou a dianteira na re- ˜ ´ construcao dos muros de Jerusalem, que ¸ levou apenas 52 dias. (Neemias 6:15) Seu ˜ exemplo de coragem e oracao nos ensina ´ ¸ ˜ a confiar em Jeova em qualquer situacao. ¸ — Neemias 2:3-8. PERGUNTAS RESPOS TASB IBLICOC A RT AO A. Neemias serviu como para o rei A. copeiro, Artaxerxes. ˜ persa . — Neemias 1:11; 2:1. B. O que o nome Neemias significa? B. “Jah Consola.” ´ C. Ele orou: “Lembra-te deveras de mim, ´ C. “. . . para o bem.” — Neemias 13:31. 22 o meu Deus, .” Adao e criado 4026 AEC ˜ ´ ´ Povos e Paıses 3. Somos Taonga e Mwelwa. Temos 6 e 8 anos e mora- ˆ mos em Zambia. Mais ou menos quantas Testemunhas ´ ˆ ˜ de Jeova vivem em Zambia? Sao 90.000, 152.000 ou 196.000? ´ ´ 4. Faca um cırculo no ponto que mostra onde nos mo- ¸ ˆ ´ ramos. Faca um ponto onde voce mora e veja se esta ¸ ˆ perto ou longe de Zambia. Para as Criancas ¸ A Consegue encontrar estas figuras nesta revista? Descreva em suas D ´ ´ proprias palavras o que esta acontecendo em cada figura. C B Despertai! outubro de 2012 31
    • ˆ Para ajudar voce a se sair bem na escola ˘ Como posso lidar com o estresse na escola? ˘ Como posso melhorar minhas notas? ˘ Como posso me dar bem com um professor complicado? ˘ Como alcancar meus alvos? ¸ ˜ Esses sao apenas alguns dos assuntos con- siderados em Os Jovens Perguntam — Respostas ´ Praticas, Volumes 1 e 2. ˆ ´ ´ Nesses livros, voce tambem encontrara conse- ´ lhos bıblicos sobre amizades, sentimentos e rela- cionamentos com pessoas do sexo oposto. Para solicitar os livros, preencha o cupom abaixo e o envie pelo correio para um dos ende- ´ recos alistados na pagina 5 desta revista. ¸Q Sem compromisso, solicito o livro Nome Os Jovens Perguntam, Volume 1.Q Sem compromisso, solicito o livro Endereco ¸ ´Os Jovens Perguntam, Volume 2. (Rua, numero e bairro) ˜ Q´ Peco informac¸ oes sobre seus cursos ¸ ´bıblicos gratuitos, em domicılio. Cidade Estado CEP www.jw.org/pt g12 10-T