• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Vamos Brincar
 

Vamos Brincar

on

  • 3,677 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,677
Views on SlideShare
3,614
Embed Views
63

Actions

Likes
0
Downloads
46
Comments
0

4 Embeds 63

http://claudia57rocha.blogspot.com 42
http://claudia57rocha.blogspot.com.br 19
http://www.slideshare.net 1
http://claudia57rocha.blogspot.de 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Vamos Brincar Vamos Brincar Presentation Transcript

    • Vamos Brincar? Imagens (fonte): www.brincadeiradecriança.com.br Criação: Cláudia Maria Lima da Rocha
    • Pipa, esconde-esconde, amarelinha, bola de gude...
      • ...quem se lembra dessas brincadeiras?
      • Bastante esquecidas nos dias de hoje, onde os jogos eletrônicos prevalecem, as brincadeiras infantis de rua são ótimos recursos para socialização e desenvolvimento motor das crianças. Então porque deixá-las cair no esquecimento? Aqui está um convite para você resgatar esse mundo encantado! Vamos?
    • PIQUE - ESCONDE
    • Nomes: Esconde-esconde e pique-esconde, no Brasil, e escondidas, em PortugaL Jogadores: 3 ou mais. Onde brincar: em um espaço amplo que tenha possíveis “esconderijos”. Regras: Um jogador é escolhido para “bater cara” (fazer a contagem do tempo). Ele deve fechar os olhos e, rosto virado para uma parede ou um poste (o “pique”), começar a contar o tempo (determinado antes do início do jogo). Enquanto ele conta, os outros devem se esconder. Assim que termina, ele sai à procura dos amigos. Quando encontra um jogador, grita seu nome e corre para o pique, onde deve bater três vezes, gritando: "Fulano, 1, 2, 3". Para se salvar, o jogador encontrado deve ser rápido o suficiente para chegar ao pique primeiro. Se não conseguir, está fora da jogada. Os escondidos não precisam esperar serem encontrados para tentar se salvar. Se perceberem que o pegador está afastado, podem arriscar sair do esconderijo e correr para o pique, gritando também "Fulano, 1, 2, 3". A brincadeira pode durar minutos ou horas, dependendo de quão bons são os esconderijos e de quantas crianças estão participando. O último a ser pego faz o papel de pegador na próxima rodada. Fonte:http://criancas.hsw.uol.com.br/esconde-esconde.htm
    • Bolas de Gude
      • Como jogar
      • Existem vários jeitos diferentes de jogar, mas a base de todos é tentar acertar bolas nas áreas delimitadas (linhas, círculos, buracos) e nas dos adversários , podendo conquistá-las para si ou não. Depende se os participantes combinaram de jogar para valer, ou seja, concordando em perder as bolinhas se for o caso (“à vera”, “à ganhe”) ou se no fim do jogo cada um volta para casa com as mesmas bolinhas que levou (“à brinca”, “à brinques”).
      • Fonte: http://criancas.hsw.uol.com.br/bola-de-gude1.htm
    • Amarelinha
      • Desenhe no chão um diagrama com quadrados, intercalando quadrados solitários com duplas e numerando cada um de 1 a 10. No topo, faça uma meia-lua – este será o "Céu". Antes da casa número 1, outra meia-lua: o "Inferno".
      • Comece a brincadeira atirando a pedrinha na casa 1. Pule a casa 1 e vá passando todas as outras casas. Seu objetivo será passar por todas as outras casas (pisando com apenas um pé nas únicas e com os dois nas duplas) até chegar no Céu, onde pisará com os dois pés. De lá, retorne do mesmo jeito, só que, dessa vez, pare antes da casa 1 e, com apenas um pé no chão, se abaixe para pegar a pedrinha e pule em direção ao início do jogo. Cuidado para não cair no Inferno!
      • Recomece jogando a pedra na casa 2 e assim por diante, pulando sempre a casa onde está a pedra. Se você errar a mira e a pedrinha cair fora da casa certa, perde a vez. Isso também acontece com quem pisar no inferno, colocar os dois pés no chão nas casas únicas ou na hora de recolher a pedrinha que estiver em casa dupla.
      • Fonte: http://criancas.hsw.uol.com.br/amarelinha2.htm
    • Brincadeiras de roda
      • Uma brincadeira muito gostosa e divertida e ainda muito divulgada nas escolas, as brincadeiras de roda são bastante simples. Basta que seus participantes de mãos dadas movimentem-se cantando músicas de cantigas populares como: ciranda-cirandinha, alecrim dourado, pai Francisco entre outras.
    • Carrinhos de Rolimã
      • Carrinho de rolimã , carrinho de rolemã ou carrinho de rolamentos é o nome dado a um carrinho, geralmente construído de madeira e rolamentos de aço, feito por crianças para a disputa de corridas ladeira abaixo.
      • A construção de um carrinho geralmente é artesanal, isto é, feita com ferramentas simples tais como martelo e serrote. O carrinho pode conter três ou quatro rolimãs (rolamentos) (quase sempre usados, dispensados por mecânicas de automóveis) e é constituído de um corpo de madeira com um eixo móvel na frente, utilizado para controlar o carrinho enquanto este desce pela rua. O freio deve ficar em posição diagonal, e para diminuir a velocidade deve-se puxar o pedaço de madeira para uma posição em que encoste no chão.
      • Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Carrinho_de_rolim%C3%A3
    • Soltar Pipas
      • Soltar pipas é sem dúvidas uma da brincadeiras de rua mais divertidas. Fáceis de fazer, as pipas podem ser coloridas e diferentes, dependendo da criatividade de cada um.
      • Material para fazer uma pipa:
      • três varetas de bambu ou do tipo japonês – duas de 32 centímetros e uma de 40 centímetros;
      • pelo menos três folhas de papel de seda colorido;
      • um carretel de linha número 10;
      • uma lata de refrigerante vazia ou outro objeto em que você possa enrolar a linha;
      • cola branca ou goma-arábica;
      • tesoura de ponta redonda, régua e caneta.
    • Pulando Corda
      • Para pular corda é necessário pelo menos três pessoas. Enquanto duas pessoas seguram a corda para batê-la uma pessoa fica no meio para pular cantando e executando vários movimentos. É muito divertido além de gastar muita energia!
    • Telefone de lata
      • Para fazer um telefone de lata, você vai precisar de: 2 latas vazias e limpas (de milho, leite condensado, ervilha, etc.) 2 metros de barbante fino 1 vela Com muito cuidado, amasse (ou peça a um adulto) as bordas da lata com um martelo pequeno ou com um alicate. É preciso fazer isso para que não haja perigo de se cortar quando estiver brincando. Usando um prego fino, faça um furo bem no centro do fundo de cada lata. Passe a lateral da vela por toda a extensão do barbante, até que ele fique encerado. Enfie uma ponta do barbante no furo da lata, de fora para dentro. Depois, dê um nó na ponta do barbante para que ele não escape. Faça o mesmo do outro lado. Está pronto! Agora é só brincar. Lembre-se de que o barbante deve ficar esticado para o telefone funcionar bem.
      • Fonte: http://www.jangadabrasil.com.br/marco19/ca19030b.htm
    • Cabo de Guerra
      • Cabo de guerra, também conhecido por jogos da corda, é uma atividade esportiva que envolve força, onde duas equipes disputam entre si um teste da mesma. Segundo as regras internacionais cada equipe deve ser composta de oito integrantes. Os competidores ficam dispostos em linha reta, seguidos ao longo do cabo, de aproximadamente 10 cm de diâmetro. Entre os dois grupos existe uma linha central. O cabo é marcado em seu ponto central e em dois outros pontos distantes quatro metros de seu centro. A disputa é iniciada pelos dois times com a marca central do cabo coincidindo com a linha central. O objetivo do jogo é puxar o grupo oponente, fazendo com que ele cruze a linha central com sua marca de quatro metros do cabo. Outra forma de vencer a disputa é conseguir fazer o oponente cometer uma falta. O esporte foi incluído nos Jogos Olímpicos de 1900 a 192 0.
      • Fonte: http://www.brasilescola.com/educacaofisica/cabo-guerra.htm
    • Essas são apenas algumas brincadeiras infantis. Aposto que você conhece as próximas também? Confira...
    • Marimba
    • Cabra Cega
    • Jogar Bola
    • Jogando Finca
    • Perna de pau
    • Pião
    • Balanço
    • Puxando lata
    • Barquinho de papel
    • Vamos Brincar? As brincadeiras não acabaram aqui apenas começaram, principalmente na nossa imaginação! E lembrem-se, não tem idade para brincar e ser feliz. Por Cláudia Maria lima da Roha Imagens: www.brincadeirasdecrianca.com.br (Ivan Cruz)