Your SlideShare is downloading. ×
9º ANO 2009
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

9º ANO 2009

3,784
views

Published on

Published in: Business

1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
3,784
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
81
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PLANO ANUAL ESCOLA ANO LETIVO ANO ESCOLA MUNICIPAL DONA 2009 9º Ano ALEXANDRINA DISCIPLINA CARGA HORÁRIA CARGA HORÁRIA CHS CHT MATEMÁTICA 5 aulas 200 JUSTIFICATIVA Sabemos que o estudo da Matemática deve estimular o aluno a resolver questões do seu cotidiano, pensando nisso o planejamento anual deve ter como principal objetivo criar homens criativos, inventivos e descobridores, com mentes que possam verificar e não aceitar tudo o que lhes é oferecido. OBJETIVOS Gerais: Adotar uma atitude positiva em relação a essa disciplina, ou seja, desenvolver sua capacidade de ¨fazer matemática¨ formulando e resolvendo problemas por si mesmo e, assim, aumentar sua auto-estima e perseverança na busca de soluções de problemas, percebendo que os conceitos e procedimentos matemáticos são úteis para compreender o mundo e, compreendendo-o, poder atuar melhor nele. Além disso, comunicar-se de modo matemático: lendo, argumentando, escrevendo e representando de várias maneiras, com textos, números, tabelas, gráficos, diagramas, relatórios, etc. Específicos: Operar com expoentes fracionários. Identificar a potência de expoente fracionário como um radical e aplicar as propriedades para a sua simplificação. Extrair uma raiz usando fatoração. Identificar uma equação do 2º grau na forma completa e incompleta, reconhecendo seus elementos. Determinar as raízes de uma equação do 2º grau utilizando diferentes processos. Interpretar problemas em linguagem gráfica e algébrica. Identificar e resolver equações irracionais.
  • 2. Resolver equações biquadradas através das equações do 2º grau. Utilizar a regra de três composta em situações problemas. Conhecer e aplicar as relações métricas e trigonométricas no triângulo retângulo. Utilizar o Teorema de Pitágoras na determinação das medidas dos lados de um triângulo retângulo. Realizar cálculos da superfície e do volume de poliedros. Expressar a dependência de uma variável em relação a outra. Reconhecer uma função afim e sua representação gráfica, inclusive sua declividade em relação ao sinal da função. Relacionar gráficos com tabelas que descrevem uma função. Reconhecer a função quadrática e sua representação gráfica e associar a concavidade da parábola em relação ao sinal da função. Analisar graficamente as funções afins. Analisar graficamente as funções quadráticas. Verificar se dois polígonos são semelhantes, estabelecendo relações entre eles. Compreender e utilizar o conceito de semelhança de triângulos para resolver situações-problema. Conhecer e aplicar os critérios de semelhança de triângulos. Aplicar o Teorema de Tales em situações-problemas. Verificar as noções básicas de geometria projetiva. Desenvolver o raciocínio combinatório por meio de situações-problema que envolva contagens, aplicando o princípio multiplicativo. Descrever o espaço amostral a um experimento aleatório. Calcular as chances de ocorrência de um determinado evento. Resolver situações-problema que envolvam cálculos de juros compostos. CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CONTEÚDO ESTRUTURANTE CONTEÚDO BÁSICO
  • 3. METODOLOGIA DE ENSINO Exposições verbais dialogadas. Proporcionar situações em que o aluno possa tomar decisão, confrontar resultados e discutir idéias, apoiado numa análise consciente e crítica da realidade. Utilizar os conhecimentos anteriores para ampliar e desenvolver o raciocínio dedutivo. Para trabalhar estatística: Preparar uma ficha-entrevista com a qual cada aluno irá entrevistar um colega de classe. Sugestão de informações a serem levantadas nas entrevistas: sexo, mês em que nasceu, estatura, peso, cor de olhos, cor dos cabelos, esporte preferido, time de futebol preferido, número de irmão, meio de transporte usado para chegar à escola, grau de instrução do pai, grau de instrução da mãe. Formar duplas de alunos que se entrevistarão mutuamente, preenchendo duas fichas-entrevistas. Dividir a classe em grupos e encarregar cada grupo de tabular uma determinada informação. Por exemplo: um grupo irá manusear as fichas-entrevistas e tabular “ mês de nascimento’’, ou seja, qual a freqüência dos nascidos em janeiro, em fevereiro, etc. Solicitar que cada grupo passe aos demais os resultados da tabulação (depois do professor tê-la examinado e aprovado). Pedir que cada grupo construa um gráfico (de colunas, de barras, de setores ou de linha) para cada uma das tabulações realizadas pela classe. Para encontrar o número π:
  • 4. Pedir aos alunos que levem para a sala de aula circunferências variadas como: CDs, tampa de vasilhas plásticas, tampa de panela, tampa de potes de vidro ou plástico, etc. Construir uma tabela que tenha em evidência: o nome do objeto circular, o comprimento da circunferência, o diâmetro e o quociente e entre o comprimento da circunferência e o diâmetro. Medir cada objeto e fazer as anotações na tabela. Com o uso da calculadora, encontrar o quociente. Aproveitar a atividade para conceituar número irracional. Utilizar a dinâmica Campo Minado para revisar conteúdos como: potenciação, radiciação, produtos notáveis, problemas que envolvem equação, etc. Resolver atividades em equipes, com o apoio de alunos monitores. Confeccionar cartazes para serem fixados na sala, com o objetivo melhorar a aprendizagem e fixação de alguns conteúdos. Utilizar músicas para a fixação das regras de produtos notáveis e razões trigonométricas Leitura de textos nos quais a Matemática está envolvida. RECURSOS DIDÁTICOS Quadro-giz Livro didático Calculadora Papéis diversos Cartazes – Resumo de conteúdos Régua Transferidor Cartaz – Campo Minado Atividades xerografadas Lápis de cor Ficha – entrevista CD de músicas: Produtos notáveis e Razões trigonométricas Letra de músicas CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO . A metodologia de ensino aqui proposta possibilita um sistema de avaliação diversificado e contínuo. A avaliação pode se dar em quase todos os momentos da atividade pedagógica: nas seções de resolução de problemas, nos diálogos e tocas de idéias, nas atividades individuais ou em grupo, etc. Além disso, pode-se contar com os instrumentos usados na avaliação tradicional: provas e listas de exercícios. BIBLIOGRAFIA BÁSICA
  • 5. Iezzi, Gelson, 1939- Matemática e realidade : 8ª série / Gelson Iezzi, Osvaldo Dolce, Antonio Machado – 5.ed. – São Paulo: Atual, 2 005. COMPLEMENTAR IEZZI, DOLCE e MACHADO; Gelson, Osvaldo e Antonio – Matemática e Realidade, Ensino Fundamental JAKUBOVIC, LELLIS E CENTURIÓN, José, Marcelo e Marília – Matemática na medida certa, Ensino Fundamental 1º ciclo, Editora Scipione – São Paulo GIOVANNI E GIOVANNI JR., José Ruy e José Ruy – Matemática Pensar e Descobrir: novo – São Paulo : FTD, 2000. DANTE, Luiz Roberto – Tudo é Matemática– Editora Ática – São Paulo Jornais, revistas e pesquisas na Internet. PROFESSOR DA DISCIPLINA: Maria Aparecida Alves Pereira Carimbo e Assinatura Coordenador (a) Pedagógico (a)

×