A revolução tecnológica

25,472 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
25,472
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
53
Actions
Shares
0
Downloads
124
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A revolução tecnológica

  1. 1. SOCIEDADE EM REDE A REVOLUÇÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
  2. 2. Ponto de partida “É mais fácil, mas também mais útil apreender o real que está nascendo, acompanhar e guiar seu movimento de forma que venham à tona suas potencialidades mais positivas” LÉVY, Pierre. As tecnologias da inteligência: O futuro do pensamento na era da informática. p.118
  3. 3. O que é tecnologia Aurélio: Do grego technología. 1.Conjunto de conhecimentos, esp. princípios científicos, que se aplicam a um determinado ramo de atividade. Harvey Brooks e Daniel Bells: “(...) o uso de conhecimentos científicos para especificar as vias de se fazerem as coisas de uma maneira reproduzíveli” CASTELLS, Manuel p.67
  4. 4. Intervalo histórico Stephen J. Gould: “A história da vida, como a vejo, é uma série de situações estáveis, pontuadas em intervalos raros por eventos importantes que ocorrem com grande rapidez e ajudam a estabelecer a próxima era estável”. CASTELLS, Manuel p.67  Um novo paradigma tecnológico se organiza em torno da tecnologia da informação Microeletrônica, Computação, Telecomunicações, Engenharia genética
  5. 5. Contextualização: fim do séc. XX  Colapso do estatismo soviético;  Fim da Guerra Fria;  Alteração geopolítica global;  Descentralização das empresas;  Fortalecimento do capital frente ao trabalho;  Declínio dos movimentos trabalhistas;  Intervenção estatal;  O pacífico asiático como novo centro industrial;  A unificação econômica da Europa;  ACENTUAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO DESIGUAL
  6. 6. Enquanto isso...  Um novo sistema de comunicação que fala uma língua digital promove a integração global da produção e distribuição de palavras, sons e imagens de nossa cultura como personalizando-os ao gosto e humores dos indivíduos;  As redes de computadores, em crescimento contínuo e exponencial, vai criando novas formas de comunicação, moldando a vida e sendo moldada por ela.
  7. 7. Tecnologia e sociedade Castells: “É claro que a tecnologia não determina a sociedade. Nem a sociedade escreve o curso da transformação tecnológica (...) o resultado final depende de um complexo padrão interativo. (...) O dilema do determinismo tecnológico é infundado, dado que a tecnologia é a sociedade, e a sociedade não pode ser entendida ou representada sem suas ferramentas tecnológicas.” p.43
  8. 8. A tecnologia é o homem  Computadores, sistemas de comunicação, decodificação e programação genética são todos amplificadores e extensões da mente humana. O que pensamos e como pensamos é expresso em bens, serviços, produção material e intelectual, sejam alimentos, moradia, sistemas de transporte e comunicação, mísseis, saúde, educação ou imagens. CASTELLS, Manuel p.69
  9. 9. A expansão tecnológica  A revolução tecnológica, assim como a Revolução Industrial (XVIII). induziu um padrão de descontinuidade nas bases materiais da economia, sociedade e cultura.  A linguagem digital comum na qual a informação é gerada, armazenada, recuperada, processada e transmitida.  Penetrabilidade em todos os domínios da atividade humana
  10. 10. Paralelo: Revolução Industrial  1ª FASE Entre 1670 e 1860: máquina a vapor, tear mecânico, locomotiva, navio a vapor, telégrafo, etc.  2ª FASE Entre 1860 e 1945: eletricidade, petróleo, motor de combustão, automóvel, avião, televisão, telégrafo sem fio, rádio, etc.
  11. 11. A Revolução Tecnológica  No sentido de que um grande aumento repentino e inesperado de aplicações tecnológicas transformou os processos de produção e distribuição, criou uma enxurrada de novos produtos e mudou de maneira decisiva a localização das riquezas e do poder no mundo, que ficaram ao alcance dos países capazes de comandar os novos sistemas tecnológicos.

×