Jornal Da Unas - Outubro 2011

  • 1,511 views
Uploaded on

Jornal Da Unas - Outubro 2011 …

Jornal Da Unas - Outubro 2011

União de Núcleos Associações e Sociedades de Moradores de Heliópolis e São João Clímaco

More in: News & Politics
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,511
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
3
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Fiquei encantada, como 20 anos), o cadastro da uma vez, ficou ileso da situ- pação das ações da UNAS. mulher, ao ver a nossa pre- Lagoa. E outras áreas que ação. Apresentamos o Pro- Outras datas importan- sidenta Dilma Roussef na foram removidas como Ro- jeto República Jovem, para tes e de muita emoção Assembléia das Nações cinha, Buraco do Facão, que os jovens que foram foram a Caminhada da Unidas (ONU), defendendo Heliópolis, o alojamento, criados em abrigo possam, Paz (junho/11), que acon- a paz, o fim das armas nu- etc. Imagino que já foram com autonomia, construir teceu mesmo debaixo de cleares, o reconhecimento construídos mais de quatro uma vida com dignidade e chuva, e a Corrida de Heli- do Estado da Palestina, a mil apartamentos nos últi- cidadania. ópolis (agosto/11). Isso pro- liberação de remédios de mos 10 anos de luta pela Fizemos, eu e outras com- va que temos que manter doenças crônicas (diabe- urbanização. Quem pode- panheiras, um grande es- firme nossa missão e luta, tes, meningite, AIDS). ria imaginar que há 15, 20 forço de mobilização para e sempre, sempre, trazer O Brasil marcou posição anos isso seria possível? a Conferência Municipal mais gente e não perder sem dar ‘amém’ aos Esta- Temos também lutado das Mulheres (veja maté- por nada os que já estão dos Unidos e à Europa. E muito pela melhoria da ria na página 8). Vamos conosco. aqui, no Brasil, o povo co- qualidade de ensino. Con- pressionar para criar aqui, Acredito em nossa força, meçar a exigir honestida- quistamos o Pólo Cultural, em Heliópolis, um Centro carinho e determinação que Antonia Cleide Alves de e transparência com as uma Escola Técnica (ETEC), de Defesa da Mulher, com só aumenta junto com vo- Presidente da UNAS verbas públicas. temos mais de 300 pessoas atenção especial para as cês: moradores de Heliópolis. Já os Estados Unidos e a nas aulas de alfabetização vítimas da violência domés- Por fim, peço a todos osExpEdiEntE Europa falam a todo o mo- do MOVA/UNAS, estamos tica. E que este Centro con- moradores que votem no mento de uma crise econô- articulando a ampliação temple também um acom- dia 16 de outubro para asEditor: mica. E parece que alguém dos CCA Heliópolis e a im- panhamento psicológico eleições do Conselho Tute-José Geraldo de Paula Pinto vai precisar pagar pelo des- plantação de um novo em para os agressores. lar. Temos três candidatos controle dos gastos deles, nossa região. Temos boas notícias que na nossa comunidade: aJornalistas : Lais Fonseca mas que não sejamos nós, Além da ampliação de nos alimentam e dá sentido Maria Antônia (na regiãoMTB 22.544 os trabalhadores. ações na região do Parque ao nosso trabalho: o Proje- Heliópolis), Macarrão (nas Em Heliópolis, como pre- Bristol. E o grande sonho da to Jovens Alconscientes e casinhas) e Rodrigo (Di-Revisão: Nina Fideles sidente da UNAS e mulher, UNAS é fazer de Heliópolis o Programa Jovens Urba- menor) na região sudeste.Projeto gráfico: temos assumido grandes um bairro educador! nos (PJU). Estes jovens têm Acreditamos que eles pos-Alexandre De Maio desafios. Um deles é o pro- Agora, estamos implan- demonstrado muita vida, sam fazer valer o EstatutoFotografias: Gildivan Felix jeto de urbanização que tando um abrigo para força de vontade e alegria, da Criança e Adolescentee Isís de Sousa está em andamento com crianças abandonadas. Vi- promovendo ações como (ECA) e garantir os direitos as construções de unida- mos o caso das meninas da a Balada Black, as ‘blitz’ de nossas crianças.Redação UNAS des habitacionais, a ca- Vila Mariana, onde as mães contra as drogas e o álco-Rua da Mina, 38 nalização dos córregos passaram a ser as respon- ol em diversos pontos da Antonia Cleide AlvesHeliópolis – São Paulo – SP Independência e Sacomã sáveis pela infração das nossa comunidade. Já os Presidente da UNASCep. 04235-460 (o qual morei por mais de garotas e o Estado, mais Jovens Urbanos na partici-Tel. (11) 2272-01402272-0148 Fax 2272-9968www.unas.org.br Lenda viva do xadrez visita HeliópolisTiragem 20 mil exemplares. O russo Garry Kasparov jogou com as crianças e prestigiou o projeto de Xadrez da UNASApoio: O antigo campeão mundial de xadrez, o russo Garry Kaspa- rov, esteve na sede da UNAS Heliópolis no dia 03 de setembro. O jogador foi recebido pelo vice - presidente da Semp ToshibaUNAS lANçA Ricardo Freitas e pela Presidente da UNAS, Antonia Cleide Alves.Novo Site A Estava presente também a campeã mirim Katherine Vescovi, deServiço de 12 anos. Kasparov discursou aos presentes falando de sua alegria deHeliópoliS estar na comunidade. Cleide agradeceu o apoio dado pela empresa Semp Toshiba e outros parceiros. Ressaltou ainda aEm breve, você, morador presença do Secretário Municipal de Educação, Alexandrede Heliópolis, poderá par- Scheneider, que é um incentivador do esporte na cidade deticipar também das lutas São Paulo.por meio do novo site da O Projeto Xadrez em Heliópolis é realizado pelo Clube do Xa-UNAS: www.unas.org.br. drez do Brasil e recebe 120 crianças, de 7 a 14 anos, pertencen- tes ao CCCA Heliópolis.Vamos ter um canal de Maria Antonia Cleide Alves, Ricardo Freitas Vice Pre- Para a Coordenadora do CCCA Heliópolis e sidente da Semp Toshiba e Kásparouinformação interativo, candidata ao Conselho Tutelar, Maria Antônia, opossibilitando o acom- evento eleva a auto-estima das crianças, de seuspanhamento de obras, familiares e de toda a comunidade.o valor gasto nelas . E astomadas de decisões do É importante para as crianças que no dia a dia jogam xadrez verem de pertinho um ídolo seu.poderes público municipal, Para nós, educadores, e também para os familiares. Isso tudo fortalece o trabalho mais amploestadual. São as novas que desenvolvemos com a comunidade e nos mostra que o que fazemos não é um atotecnologias da informa- isolado, mas que vai ganhando outros espaços na nossa cidade, no Brasil e no mundo.ção, a serviços da luta dosmoradores de Heliópolis. Maria Antônia, Coordenadora do CCCA Heliópolis
  • 2. UNAS realiza a vi Corridae Caminhada de Heliópolis O evento aconteceu na manhã do dia 28 de agostocom a presença de centenas de moradores, além de atle-tas profissionais. Às 9h em ponto, o Prefeito de São Paulo,Gilberto Kassab, deu a largada à corrida. “Quero parabe-nizá-los pela iniciativa. Que Heliópolis continue cada vezmais dando exemplos para São Paulo, da união dos mo-radores, da vontade de crescer e de fazer daqui um bairroreferência na cidade”, afirmou minutos antes do início daatividade. A corrida atraiu 400 atletas entre profissionais, iniciantes epessoas com deficiência física que completaram um per-curso de 6,3 Km pelas ruas da comunidade. O primeiro colocado (foto), Fábio Nascimento, cruzou alinha de chegada após 19”18 de corrida. A diferença entreele e o 2º colocado, Ivanildo Dias de Souza, foi de apenasum segundo, seguindo de Ariano Pacheco da Cruz (3º lu-gar) e Marcelo Moreira Braz (5º lugar). Na categoria feminina, quem brilhou no pódio com otempo de 23”18 foi a atleta Beatriz Gomes Nascimento, se-guida de Jucimara Felix dos Santos que ocupou o 2º lugar,Rozirene Ferreira Moraes (3º lugar), Damiana Coimbra Re-gis (4º lugar) e Walquiria Milaine Martins (5º Lugar). O evento é patrocinado pela Caixa Econômica Federal(CEF) que premia do primeiro ao quinto colocado na cate-goria masculina e feminina. Todos os participantes recebe-ram camisetas, kit lanche e medalhas. Prefeito Kassab, diretora da Caixa Econômica Federal , Cleide (Pres. Unas) e João Miranda (Vice). Heliópolis Bairro educador Na lutaAs atividades do ponto pela preveNção da dst/aidsde Cultura “Heliópolis: Os grandes meios de comunicação - TV, rádio programação da Rádio Heliópolis. e outras mídias - não conseguem passar a mensagem Para 2012 estão previstas ainda aCultura em ação” de prevenção e, tampouco, as novas tecnologias so- organização de um torneiro de fu- ciais como o facebook, internet, entre outras. tebol entre os times de Heliópolis. O Ponto de Cultura de Heliópolis participou Conhecer o seu corpo, saber negociar com o par-do Fórum da Cidadania, no dia 17 de setem- ceiro a relação e respeito mútuo são algumas das ar-bro. O evento contou com a participação mas para se prevenir destas doenças. Sabendo disso,de mais de cinco mil pessoas durante todo a UNAS firmou parceria com a Secretaria Municipal deo dia. Os participantes puderam tirar do- Saúde para que os moradores tenham a oportunidade Jovens em ação nas ruas distribuindocumentos como a carteira profissional, RG, de receber preservativos e, de uma forma participati- preservativosCertidão de nascimento e casamento, além va, falarem sobre sexo, sexualidade, prazer e tambémde fazer exames de diabetes, participar de dos riscos de contaminação. Falar disto é, sem sombraoficinas de orientação sexual e prevenção de dúvida, quebrar tabus.às DST/AIDS. As crianças ainda tiveram aulas O projeto também irá promover outras açõesde higiene bocal. dentro do calendário já tradicional da comunidade: Em um palco organizado pelo Ponto de Corrida de Heliópolis, Festa Junina e das Crianças,Cultura se apresentaram o Instituto Bacarre- reuniões de pais dos projetos da UNAS como as cre-li, estudantes da Escola Campo e um grupo ches e CCCA’s, e projetos com adolescentes. Alémde dança afro, entre outras atrações. da temática sobre prevenção passar a fazer parte da Espaço do Corpo é um espaço para ginástica, reflexão e conhecimen- to do corpo, por meio de aulas de Pilates, Yoga e exercício físico. As atividades são dirigidas pelo professor de educação física Silvio Barros. Também tem acompanhamento médico e ofi- cinas de artesanatos e prevenção às DST/Aids. Podem se inscrever jovens com mais de 16 anos, homens e mulheres. O início está condicionado à formação de uma turma de 10 pessoas. Inscrições abertas na UNAS. Aulas as segundas e sextas-feiras, das 8 às 10h. Patrocínio: Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a UNAS, Projeto Prevenção Dst/ Aids - Heliópolis, Bairro educador.
  • 3. As eleições para o Conselho Tutelar do Ipi- atuação do Conselho está prevista no Estatutoranga acontecem no dia 16 de outubro, das da Criança e do Adolescente (ECA) - nos arti-9 às 17h. Todo eleitor do Ipiranga (zonas 260 , gos 131 à 140 -, e seus representantes devem ser259 e 413) pode votar nos locais oficiais de vo- eleitos pela comunidade para um mandato detação, ou seja, nos locais onde votam normal- três anos. Cada região de nossa cidade tem ummente em outras eleições (Veja box ao lado). Conselho com cinco representantes, os mais vo- tados de cada região, que poderão se reeleger O Conselho Tutelar tem como missão prote- apenas uma vez.ger as crianças e adolescentes, receber de-núncias de maus tratos e encaminhar assuntospara a rede de proteção social. A formação e veja os nossos candidatos da comunidade de Heliópolis A companheira Maria Antônia, 48 anos, 01 filho, coordenadora do CCCA Heliópolis. Ela é membro da diretoria ampliada da UNAS e coordena o movimento de mulheres de Heliópolis. Uma referência na luta por melhores condições de vida da região. Temos ainda como candidato o companheiro Macarrão, 38 anos, pai de três filhos. Está na UNAS há mais de 10 anos atuando na luta pela moradia. veja os nossos candidatos da região do ipiranga Atua no movimento Hip Hop e trabalha no projeto Ação Família e Abrigos. DiMenor, tem 30 anos, 02 filhos, sendo um deles, uma criança com necessidades especiais. Nós estamos com eles! Legenda - 01. Braz Nogueira - 02. João Prefeito 03. Diva - 04. Cleide - 05. Negui- nha Lagoa - 06. Gerlado - 07.Solange 08. Fábio Rubson 09.João Miranda - 10. Genésia 11. Mércia - 12. Buiu - 13. Gerô - 14. João Bosco 15. Sandra - 16. Reginaldo 17. Geraldo da Unas
  • 4. SAF – SERVIçO DE APOIO A FAMíLIA Desde 2005, a UNAS vem expandindo a sua atuação naregião sudeste de São Paulo, mais especificamente nos O SAF é um serviço de acompanhamen- SAF – SERVIçO DE APOIO A FAMíLIAbairros do Jardim Clímax, São Savério, Água Funda, Vila to das famílias em estado de vulnera-Moraes, e outros. A entidade vem somando força ao forte bilidade social e funciona por meio demovimento existente na região na área de moradia e nas complementação de renda, ações delutas por melhores condições de vida. Exemplo desta apro- geração de renda e qualificação profis-ximação foi a 2ª Caminhada da Paz realizada este ano. sional. Funciona de 2ª a 6ª feira, das 8 Para João Bosco, liderança da região, “já há muito tem- às 18h.po temos uma articulação com os companheiros de Heli-ópolis. Neste atual momento do Brasil, com nove anos do Recentemente mudou suas instalaçõesgoverno Lula/Dilma e com o cenário da barbárie social em para uma casa confortável e aconche-nossa comunidade - que nos mostra uma fotografia triste gante, e tem uma equipe muita anima-da realidade com crianças abandonadas, famílias sem da. Eles têm o desafio da inclusão socialmoradia, escolas sendo apontadas simplesmente como e incentivar o protagonismo da comuni-uma das piores escolas de são Paulo -, resolvemos agir e dade. O SAF é em parceira com a Se-cobrar do Estado sua obrigação de distribuição de renda cretaria Municipal de Desenvolvimento CCCA SACOMÃe promotor de justiça social, fazendo chegar para os traba- e Assistencial Social (SMADS).lhadores projetos sociais e mais que isso: cidadania”. CCCA SACOMÃ Como o exemplo das oito unidades de CCCA existentes em Heliópolis, a unida- de da Sacomã é mais um projeto voltado à complementação escolar, atividades sócio- educativas e esportivas. Oferece ainda alimentação e acompanhamen- to social. O CCCA Sacomã atende, no momento, a apenas 60 crianças de 2ª a 6ª feira das, 7h às 16h, em duas turmas no contra turno escolar. CEI CLíMAX O Projeto tem um espaço com quadra esportiva, e boas condições físicas. A parceria é com a CRAS Ipiranga e Se- cretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMADS). CEI CLíMAX Localizado no bairro no Jardim Clímax. O Centro de Educação Infantil (CEI), mais conhecido como creche, atende de 2ª a 6ª feira, das 7 às 17h, 190 crianças en- tre 0 e 4 anos. O Centro conta com 28 profissionais capacitados, sendo 17 edu- cadores com formação em pedagogia. CEI ÁGUA FUNDA Pelo segundo ano também foi realizada a A parceria é com a Secretaria Municipal de Educação (SME). 2ª CAMINHADA DA PAz NOS BAIR- ras com formação em pedagogia. ROS JARDIM SÃO SAVÉRIO, PARQUE CEI ÁGUA FUNDA O espaço tem o diferencial de estar em BRISTOL E ADJACêNCIAS. O evento Localizada no bairro onde funcionava cima de um túnel e foi construído todo neste local reuniu mais de mil pessoas que per- antigamente a fundição Aliperti (que na com material alternativo: paredes de vi- correram várias ruas dos bairros, envolvendo década de 70 poluiu toda nossa região dro e uma estrutura leve sustentada por mais de 10 escolas e projetos sociais. e virou tema para a novela Grito de Aler- troca de arvores de eucalipto. O bairro ta, de Janete Clair), a creche da Água é apontado, por estudos técnicos, como Funda está localizada em cima do túnel um dos mais carentes da região com vá- Maria Maluf (Av. Tancredo Neves). rios núcleos de cortiço e pequenos núcle- A creche atende 130 crianças, de 0 a 4 os de favela. A parceria da creche da anos, em período integral (das 7 às 17h). Água Funda é com a Secretaria Municipal São 20 profissionais, sendo 10 educado- de Educação.
  • 5. MedidA SóCio-edUCAtivA NA vilA MorAeS SEDE DO MSE BRISTOL/VILA MOARES NOVO CCCA O projeto de Medidas Só- mas estratégias, sonhos e objetivos cio-Educativas defende a ga- do MSE Vila Moraes. Em Sacomã Vila Santo Estefa- rantia de direitos previstos no são atendidos 180 jovens em con- no/Água Funda. Estatuto da Criança e do Ado- flito com a lei. O que o diferencia lescente (ECA) de jovens em é o público alvo que são, em sua A UNAS participou de audi- conflito com a lei. maioria, do Alto do Ipiranga, He- ência pública e foi escolhida São atendidos 100 jovens por liópolis e Patente, Arapuã e São para criar um CCCA no bair- mês e o trabalho consiste na João Clímaco. ro da Água Funda. O CCCA realização de visitas domicilia- Esta ação na região foi lembra- – Centro para a Criança e res, encontros com a família, e da pela presidente da UNAS, Clei- Centro para Adolescente, é uma conversa individual, onde de, como parte da missão da en- um projeto que irá atender a são traçados projetos pessoais tidade em promover a cidadania, 120 crianças de 6 a 14 anos e para enfrentar os desafios e a a melhoria da qualidade de vida 11 meses, de 2ª a 6ª feira, no escolha de caminhos de supe- e o desenvolvimento integral da horário alternativo a escola. ração. comunidade. “Para nós, é im- Além de oferecer almoço É também um espaço de portante estar na nossa região O Projeto Arte e Vida é uma e café da manhã, o proje- convivência, troca, e expres- e não nos isolarmos. Nossos parceria da UNAS com o to desenvolve atividades são cultural e esportiva. O pro- esportivas, culturais e de jeto funciona de 2ª a 6ª feira, projetos não são meros presta- Fundo Municipal da Criança das 8 às 18h. Excepcionalmen- dores de serviços. Eles têm um e Adolescente (FUMCAD), com meio-ambiente. O CCCA te são realizadas atividades e foco que é a formação social patrocínio da iniciativa privada, que visa é uma parceria da UNAS com Secretaria Municipal reuniões com os pais nos fins das pessoas e a formação de atender 30 jovens de Heliópolis e região de Desenvolvimento Social de semana. Parceria com a lideranças. Nosso compromis- que estão em conflito com a Lei. A idéia (SMADS). SMADS. so é sensibilizar, cobrar e de- é promover o acompanhamento das No Sacomã também funcio- nunciar o poder público, assim medidas sócio-educativas por meio de na o projeto que tem as mes- como quando eles agirem, atividades culturais, esportivas e de inclusão social.SolidAriedAde iNterNACioNAlA parceria entre a ONG ActionAid Brasil e UNAS em Heliópolis Há mais de 10 anos, a UNAS, dades do poder público munici- a doadores italianos. Estes cola-em parceria com a Organiza- pal, estadual e federal e realizar boradores acompanham o tra-ção Não Governamental (ONG) campanhas nas áreas de saúde, balho da UNAS através do rece-de origem inglesa ActionAaid moradia e educação. Ao longo bimento periódico de mensagensBrasil, desenvolve em Heliópolis o desta parceria houve grandes das crianças vinculadas, além deProjeto Desenvolvimento Local. avanços na organização da UNAS ocasionalmente visitar os locaisEste trabalho consiste em orga- e na melhoria da qualidade de onde o projeto está atuando. Osnizar os moradores para lutar vida da comunidade. A ActionAid recursos captados são investidospelos seus direitos, exigindo do acompanha de perto estas ações de forma coletiva e não individu-poder público a implantação contribuindo com a formação so- almente nas crianças.de escolas, creches e a urbani- cial das lideranças comunitária. Os doadores recebem por par- Diretores da Actionaid participam da Cami-zação da favela. Para viabilizar recursos financei- te da ActionAid. Brasil relatórios nhada da Paz. As ações do projeto envolvem ros para estes projetos são organi- semestrais do desenvolvimentoa organização comunitária, zados os SVS – Sistema de Víncu- do projeto e as contas são anu-como o movimento dos sem- los Solidários, que consistem no almente auditadas por uma em--teto e sem-creches, além de apadrinhamento de crianças da presa independente de renomepromover reuniões com autori- comunidade de Heliópolis junto internacional. APROVADO PROJETO DO VEREADOR CHICO MACENA (PT) QUE INSERE JOVENS NO MERCADO DE TRABALHO Programa cria primeiro emprego na administração municipal. Se a lei for sancionada pelo Prefeito Kassab, muitos jovens de Heliópolis irão se beneficiar A lei do vereador Chico Macena (PT), A participação no programa do vereador Chico Macena. Durante o ano de que institui o Programa Primeiro Emprego será de dois anos. O jovem pre- 2000, quando o vereador foi Presidente da Cia de na Administração Direta e Indireta do Mu- cisa estar cursando o 1° e 2° grau Engenharia e Trafego (CET), centenas de jovens nicípio de São Paulo, permite aos jovens da rede pública de ensino e ser de Heliópolis puderam participar de estágios na estudantes do ensino médio, que ainda indicado por uma entidade sem Cia. Hoje, eles estão trabalhando em empresas e não tenham ocupado vagas no merca- fins lucrativos, que promove assis- esta experiência foi de grande relevância em suas do de trabalho formal, uma oportunidade tência a jovens em situação de vidas. E agora, como lei, pode fazer a diferença de estagiar na administração direta e em risco social. na vida de muitos outros jovens de Heliópolis, re- empresas e autarquias da Prefeitura. A UNAS apóia a sanção da lei gião e da cidade de São Paulo.
  • 6. ESPORTES NA COMUNIDADE OUTUBRO É Heliópolis tem vários times de Heliópolis estará repre- A festa do Chopp foi O MêS DAS de futebol. Ratatá, o Can- tareira e o Social Clube, en- sentando na final e vai levar a taça. badalada do Time Social Futebol Clube, que é co- CRIANçAS tre outros O Cantareira tem muito Já o Ratatá Futebol Clube é tocado por Jonas, e tem ordenado pelo Pistolinha e envolve vários jovens e tempo de estrada. Seu pre- sua sede central no Copa moradores. Na festa, com- No próximo dia 12 de outubro, a partir das 10h, acon- sidente, o Bubu, toca o time Rio. O time marca presen- pareceram famílias inteiras.tecem as Festas das Crianças em Heliópolis. E assim como desde 1993. O time está ça todo domingo, das 12 O time também é uma re-aconteceu no ano passado, serão quatro pontos de ati- participando da Copa Kai- às 14h, no campo da Vila ferência de Heliópolis pelavidades simultâneas. São esperadas mais de 20 mil crian- ser e ganhou o último jogo, Arapuã, com um belo jogo cidade afora.ças para o evento. Patrocinada pela Caixa Econômica que aconteceu no dia 28 entre amigos. O Ratatá já é Se você quiser falar tam-Federal (Superintendência regional do Ipiranga) Veja os de setembro, contra o rival quase um sinônimo de He- bém do seu time, mande olocais abaixo do bairro de Santo Amaro. liópolis. Aonde o time vai, recado para a próxima edi-1)Núcleo da Mina - Rua Paraíba O próximo desafio será no leva uma mensagem de ção por email:2)Núcleo do Morro da USP dia 02 de outubro. Bubu tem paz e valorização das coi- tesourariaunas.geraldo@Estrada das lágrimas, altura nº 3.000 certeza que a comunidade sas positivas de nosso bairro. gmail.com.3)Sede da UNAS/Heliópolis R. Cel. Silva Castro, 584)Núcleo das Casinhas Em frente a casa do Macarrão UNAS RECEBEM VISI- doações arrecadadas, aUNAS pede doAçõeS TA DA ONG ATITUDE,As Festas das crianças só UNAS irá promover, juntosão possíveis com a colabo- aos artistas da comunidade DE BRASíLIAração de muitas pessoas da e outros convidados, shows, Durante uma semana intei-comunidade e de fora dela. sorteios e muita brincadeira. ra, o coordenador da ONGPara podermos fazer bonito FAçA SUA DOAçÃO: Grupo Atitude, Sérgio Nasci-estamos arrecadando doa- Na UNAS, Rua da Mina, 38. mento, visitou os projetos dações de doces, brinquedos Com Josy, das 8h30 às 16h. UNAS como o Jovens Alcons-simples (estes que se com- De seg. a sex. Infos: O BAR DO GERALDO REúNE UMA CLIEN- cientes, Programa Jovem Ur-pra na Rua 25 de março) e (11)2272-0140/482272-9968refrigerantes. TELA FIEL HÁ 17 ANOS. E lá que moradores e vi- bano e a Rádio Comunitária sitantes de Heliópolis param para tomar uma cerveja Heliópolis. A visita tem comoAlém da distribuição das VOCê AGORA ou uma cachaça nordestina, ouvindo sertanejo e forró. objetivo a troca de experi- PODE SER UM Com o bar, Geraldo Pereira de Souza, 53 anos, 27 deles ência e intercâmbio nas áre- em Heliópolis, conquistou sua estabilidade financeira. as de mobilização social e MICRO políticas públicas. “Já comprei casa, carro e coloquei minhas filhas na fa- EMPRESÁRIO culdade. A mais velha é enfermeira e a caçula cursa A entidade atua em Brasília, A Presidente Dilma, em par- Direito”, conta orgulhoso. no bairro da Ceilândia, com ceria com a Prefeitura de Aos finais de semana, o boteco sempre tem partidas projetos semelhantes aos de São Paulo, lançou o pro- de dominó e churrasquinho – feito com carnes com- Heliópolis como uma rádio grama MEI- Micro Empre- pradas pelo público e assadas gratuitamente por Ge- web, estúdio de gravação, endedor Individual. Você, raldo. Geraldo já recebeu alguns clientes famosos de oficinas artísticas, sala de Lei- dono de bar, proprietária fora de Heliópolis como o senador Eduardo Suplicy tura, Cine Clube, Prevenção (o) de salão de beleza, me- (PT-SP), o arquiteto Ruy Ohatke, o cantor e composi- às Dst/Aids, projetos de ge-SUCESSO EM cânico, pedreiro e tantas tor Gilberto Gil, o secretário municipal de educação, ração de renda e é tambémHELIOPOLIS É O outras profissões, pode se Alexandre Schneidder, e até o prefeito de São Paulo. um Ponto de Cultura.MAC FAVELA legalizar e ter oficialmente “Sempre que podem dão uma passada no bar. O Para Sérgio, “ESTAR EM HE- o seu próprio negócio. LIóPOLIS FOI UMA OPORTU-Um hambúrguer por Ruy vem e toma uma pinguinha, tem até um copoR$ 2,00 você só encontra Para fazê-lo basta acessar NIDADE úNICA DE TROCA só dele. Já o Suplicy chega, bebe uma Coca-Co-no Mac Favela. Bom e o site www.portaldoempre- E MOTIVAçÃO PARA FOR- endedor.gov.br, tendo em la e come um doce de amendoim”, afirma. TALECER A NOSSA LUTA DEbarato Geraldo é também liderança comunitária e um gran-Anselmo, dono do Mac mãos o CPF, RG e compro- TRANSFORMAçÃO SOCIAL”. vante de residência, com de incentivador da tradicional Festa Junina da Rua O visitante participou tam-Favela, começou o Paraíba e da Festa das Crianças, que já está em suanegocio em 1996. Ele é CEP. O CNPJ sai na hora bém da Balada Black que e é gratuito. Você pagará 13ª edição, e que neste ano acontece no dia 12 de aconteceu no último dia 24.morador de Heliópolis há outubro.23 anos. apenas uma cota mínima ao INSS em torno de R$ Para conferir, dar uma passada e tomar alguma coisa:Começou com um BAR DO GERALDOinvestimento de cerca de 40,00 por mês. Outra forma de se legalizar Rua Paraíba, 1 C. (Perto do COPA RIO)dos mil reais. E ele sempreouvia muito os clientes, é indo ao Posto da Caixa,que sempre pediram na Rua da Mina, 38, de se- gunda a sexta-feira, das 9 LAVANDERIA COMUNITÁRIA SUSPENDElanches. Tanto ouvia que onegócio tinha outro nome, às 16 . SEU FUNCIONAMENTOmas os clientes, em tom de A Lavanderia Comunitária da UNAS, que funcio-brincadeiras, colocaram o na a dez anos na comunidade, teve o convênionome atual. suspenso pela Unilever/OMO. A decisão unilateralHoje, o Mac Favela vende partiu da empresa (Unilever), que alegou buscar300 lanches por dia e tem apoiar outras ações voltadas para crianças naseis funcionários. área de educação Infantil. A UNAS está articulando novos parceiros para dar continuidade ao projeto.
  • 7. RECEBE PRêMIO DO RÁD IO HELIóPOLIS/UNAS to à comunidade MINIS TÉRIO DA CULTURArádio comunitária no Brasil. O prêmio será pela sua atuação jun erência de ref de Heliópolis e por ser e capacitação da eq uipe. investido na susten tabilidade da rádio UNAS DEFENDE IMPLANTAçÃO DO CENTRO DE DEFESA PARA MULHERES QUE SOFREM VIOLêNCIA DOMÉSTICA. No dia 06 de agosto, o Pólo Cultural Heliópolis recebeu para a Pré-Conferência de Políticas *Implantar um Centro *Instalação de creches 24h para as Mulheres centenas de de Referência da Mulher mulheres de Heliópolis. Elas re- (CRM) na região *Capacitação para mulheres em áreas especificas. velaram que têm que trabalhar duro para sustentar suas casasDJ zOIO, RECEBE O *Facilitar acesso aos programas de transferência e ainda são espancadas pelosPRêMIO HIP HOP/2011, de renda maridos. “A nossa luta é pelaCONCEDIDO PELA criação de um Centro de Defe-SECRETARIA DO ESTADO sa da Mulher porque a situaçãoDA CULTURA. da maioria em Heliópolis ainda éDanilo Barreto de de vulnerabilidade. Temos aquiOliveira, 27 anos, atua casos muito sérios de violênciavoluntário na UNAS contra mulheres e está mais quehá mais de 12 anos, na hora desse problema ser re-onde comanda o solvido”, afirmou Antônia Cleideprograma Revolução Alves, Presidente da UNAS.Rap que vai ao ar de Além das mulheres de Heliópolis,2ª a 6ª feira, das 20 às cerca de 60 outras da região Ipi- *Garantir atendimento em Já a 4ª. Conferencia Municipal de Mulheres rece-22h. A premiação foi ranga tomaram o teatro do Pólo saúde mental e integral beu 40 companheiras de Heliópolis.pela sua inovação ao Cultural e apoiaram a decisãoapresentar o mesmo de lutar pela criação do Centro, *Capacitação profissional da E a Conferência Nacional de Políticas Públicasprograma via WEB, projeto que está em estudo no área da saúde para a ques- para as mulheres acontece entre os dias 12 e 14direto da ONG Ação Centro de Referência da Assis- tão da violência doméstica. de dezembro, em Brasília, um grupo de compa-Educativa, iniciativa tência Social (CRAS) – Ipiranga nheiras de Heliopolis estarão presentes.esta que atravessou os desde 2010. Foram deliberados *CAPS com olhar voltadolimites da comunidade, ainda outros pontos importantes para a mulherchegando a ter ouvin- para as mulheres como: O Código Penal criou a Lei Maria da Penha quetes nos quatro cantos *A exemplo do Governo Fe- prevê punição aos agressores, sejam maridos,da cidade e no exterior *5% das moradias construídas deral (Ministério das Mulhe- namorados e até mesmo os pais, com o objetivocomo Japão e EUA. pela Prefeitura voltadas para res) a criação da Secretaria de promover a igualdade e a justiça social.O programa Revolu- mulheres em situação de risco Municipal da Mulherção Rap vai ao ar pelaRádio ComunitáriaHeliópolis fm 87,5. República Jovem será implantada pela a Secretaria Municipal de Assistência e UNAS na região Ipiranga. O projeto vai Desenvolvimento Social (SMADS). Os be- atender, 12 jovens egressos de abrigos neficiários irão morar em casas (alugada entre 18 e 21 anos por 24h. Tem como pelo projeto) e serão acompanhados objetivo emancipar o jovem tornando por um psicólogo e assistente social. sua vida autônoma. A parceria é com O Centro de Convivência Educativa e Heliópolis I, CEI Heliópolis II; E.M.E.I. Antônio Francis- Cultural de Heliópolis é fruto da luta da co Lisboa; E.M.E.F. Presidente Campos Salles; ETEC comunidade de Heliópolis. Tem como – Heliópolis; Centro Cultural; Complexo Esportivo; objetivo aglutinar ações educativas e Biblioteca; Torre da Cidadania e praças. culturais como promoção de acesso à educação, cultura, esporte, lazer e Estrada das Lágrimas, 2385 - São João Clímaco - SP cidadania contribuindo para a trans- Fone: (11) 2083-2203 formação de Heliópolis em um bairro centrodeconvivenciaheliopolis@yahoo.com.br educador. Veja a programação e eventos dos próximos meses São: Três Centros de Educação Infantil: no site: www.ccheliopolis.blogspot.com CEI Nora Auler de Arruda Botelho, CEI
  • 8. Area do DSU Canalização do córrego Independente Prédios desenhados pou Rut OthakeURBANIzAçÃO DE HELIóPOLISO projeto de urbanizaçãode Heliópolis, com recursosfinanceiros do PAC – Pro- UM BALANçO DO QUE ATÉ O QUE PRECISA AVANçAR NOS PRóXIMOS ANOSgrama de Aceleração do AGORA FOI REALIzADOCrescimento do GovernoFederal, além do Governo - Regularização Fundiária (legaliza- - Regularização da numeração - Canalização de Córregos, inde- ção da terra) das ruas e nomes com a partici-do Estado e Municipal. pendência e Sacomã, benefician-Desde o inicio do Governo pação dos moradores do mais de 4 mil famílias - Desapropriação de novas áreasLula foram destinados R$196 milhões para serem para moradia (Petrobras, DSV, - Inclusão da área do Morro da - Construção de moradias popu- entre outras) USP no projeto Heliópolisaplicados exclusivamente lares nas áreas da quadra H.N eem Heliópolis. Sabesp 1 e 2, totalizando cerca de - Finalização de obras da quadra H - Reforma e construção de cen- 1.500 moradias tros comunitários - Urbanização dos núcleos da - Colocação e revisão da rede de Gaivota e Imperador - Regularização de espaços água, esgoto e asfalto na áreas da comunitários (igrejas católicas, quadra N e K - Construção de equipamentos evangélicas e outras denomina- públicos, principalmente novas ções) - Início da urbanização das áreas escolas, posto de saúde e creches Buraco do Facão, Rocinha e, mais - Por fim, a conclusão de um pla- recentemente, Lagoa - Regularização do trânsito e no diretor de Heliópolis, que entre implantação de um trajeto de outros pontos, trate também - O fim dos alojamentos provisórios transporte público em Heliópolis, sobre áreas de lazer e cultural e a inclusão de mais de 3,5 mil acatando a proposta do arquiteto famílias no auxílio- aluguel Ruy OthakeSEM-TETO* DE HELIóPOLIS CONQUISTAM MO-RADIAS E SE REORGANIzAM PARA UMA NOVAJORNADA DE LUTA. * Sem-teto são pessoas que pagam aluguel ou moram de favor. Milhares de pessoas de Heliópolis e da Os Sem-teto se reúnem sempre no 4º sábado deregião Ipiranga, há mais de 10 anos, lu- cada mês, em duas turmas, às 14h e 16h. O grupotam pelo direito à moradia. Ao longo tem um regimento interno que conta pontos con-desta jornada promoveram ocupações forme a participação individual das pessoas. Atu-e realizaram várias reuniões com repre- almente esta presença é computada por sistemasentantes do poder público. No governo informatizado. Para Manoel Otaviano, diretor da UNAS e membroMarta Suplicy, os sem-teto firmaram um da coordenação dos Sem Teto “é importante a or-acordo determinando que, de todas as O Sem-Teto Heliópolis está também vinculado a ganização de todos e todas que não têm casa, emoradias construídas em Heliópolis, 10% Central dos Movimentos Populares (CMP) e União o Sem Teto e uma oportunidade de cobrar dos go-seria destinada às famílias do sem-teto. Nacional do Movimento de Moradia. vernos municipal, estadual e federal o nosso direito Este acordo foi cumprido no governo de à Moradia. Porém isto não se dá de uma hora paraKassab e agora os primeiros sem-teto se- outra. É preciso muita luta e perseverança para arão beneficiados. Além dos 10% das mo- conquista da moradia digna”.radias construídas em Heliópolis, o movi- A prxima reunião seraá dia 29 de outubro demento reivindica o repasse de áreas para 2011, com as turmas a , às 14 e turma b , às 15ha construção de moradias populares. excepecionalmente na Escola Municipal LuizEntre outras estão as áreas do Pátio do Gonzaga Junior (Gonzaguinha) que fica EstradaDSV, Petrobras e Henriqueta (na região das lágrimas, 1.000.do parque Bristol).
  • 9. O DE CON STRUçà ES NOVA S CRECH e precisa d e região Heliópolis conquis- hes. Para mais crec de nossas crian- COMO FAzER AS tar o dire ito u vários INSCRIçõES PARA AS indico ças, a UN a Prefeitu ra de VAGAS ? terre nos para taria de via Secre As inscrições para esperar por Sã o Paulo, I – Supe- uma vaga nas creches estão o e HAB Educaçã bitação cia de Ha sempre abertas, e podem serA 13ª CAMINHADA DA PAz REAFIRMA O rintendên ra realizar a feitas em qualquer creche da pa Popular , ovas cre - comunidade. O pai (ou respon-TEMA: POLíTICAS PúBLICAS E constru ção de n mbém ta sável) precisa levar um compro- s podem ches . Ela s aluga-CONSCIêNCIA COMUNITÁRIA, se r criada s em casa ção stru vante de endereço, RG, CPF,assegurando a construção de uma sociedade educadora. m, a con Titulo Eleitoral, a certidão de das, poré róprios g arante nascimento e o comprovanteNem mesmo a forte chuva que caiu no dia 09 de junho foi sp de prédio o atendi-capaz de desanimar quem participou da Caminhada da Paz. lidade n de vacinação da criança. De mais qua segunda a sexta-feira, das 8h às mento. 16h. Participe das reuniões queCom a presença de cinco mil pessoas e a participação demais de 25 escolas do entorno de Heliópolis, o evento percor- lutam pela construção de novasreu 20 ruas da comunidade, pedindo a paz e a melhoria da creches em Heliópolis.qualidade de vida.Para Adeílton Pereira, estagiário de direito, a caminhada aju- A comunidade de Heliópolis ganhada a diminuir a violência na comunidade.“Eu acho que se compararmo Heliópolis desde a realização mais de 300 universitários formados. Desdeda primeira caminhada até essa, muita coisa mudou. Esse 2005, a UNAS iniciou uma parceria com a Universidade São Marcos paramovimento passa uma consciência para as pessoas”, disse. ampliar o acesso de estudantes de nossa comunidade a cursos superiores e tecnólogos.A Caminhada da Paz teve início em 1999 e foi motivada pelamorte de uma aluna da Escola Campo Salles: Leonarda. A Foram mais de 300 pessoas que concluíram o cursos de pedagogia, admi-garota foi assassinada logo após sair da escola. Com o senti- nistração de empresas, enfermagem e tecnólogos. Outros 200 estudantesmento de omissão do poder público, o diretor Braz Rodrigues, estão finalizando os cursos de: Direito, Administração de empresas e Peda-o professor Orlando e o então Presidente da Unas, João Mi- gogia. Apesar das dificuldades do projeto e da Universidade, a comunidaderanda, decidiram criar a caminhada para diminuir a violência ganhou muito com estes novos formandos, principalmente as creches dae promover a cultura da paz nos lares e escolas do bairro. UNAS, que hoje têm 100% dos profissionais formados em Pedagogia, além de profissionais de outras áreas. A caminhada da Paz teve o patrocínio da Caixa EconômicaFederal (CEF). Temos ainda que lutar para ampliar o acesso a cursos superiores para nossa comunidade. Além de intensificar a inclusão de nossos jovens na ETEC – He- liópolis. E temos ainda um sonho de criar um faculdade na comunidade de Heliopolis. Nota Fiscal Paulista - Doe sua nota ou cupom à UNAS A Unas atende diariamente cinco mil crianças nas creches e projetos como CCCA, além de outros 500 adolescentes. Atua ainda na rádio Heliópolis e na mobilização dos moradores pela urbanização de Heliópolis. Para dar conta deste desafio precisa da ajuda de muita gente da comunida- de e de fora dela. Você agora pode contribuir de uma forma simples: solicite, quando for fazer compras, o cupom ou nota fiscal (sem CPF) e entregue na UNAS, Rua da Mina, 38, das 8h30 às 17h. Falar com a Josy. Parte do ICMS (imposto) arrecadado pelo Governo do Estado de São Paulo/ Secretaria da Fazenda será doada para as atividades da UNAS.
  • 10. CURSO DE CONSTRUTOR DE MóVEIS JÁ É SUCESSO ENTRE JOVENS O curso de Construtor de Móveis, uma parceria entre a UNAS E SENAI, tem sido um sucesso entre os mais de 60 jovens que participam da ativida- de no período da tarde e noite. Os alunos estão vivenciando na prática a montagem de móveis e aprendendo também sobre cidadania e con- Alunos, instrutor do Senai e cCordenador do projeto daSESI E UNAS, UMA vivência comunitária. O curso tem uma carga horária de 80 horas e agora, em novembro, Unas, João Prefeito (Isaias)UNIÃO A FAVOR formará a primeira turma. Todos os participantes receberão certificados pelo SENAI.DA EDUCAçÃO Outro parceiro no projeto é o Instituo Leo Ma- deiras que financia a iniciativa, além de acom- E não perca tempo! As inscrições para a próxima turma já estão abertas. E para participar você precisa ter entre 16 eO SESI vem realizando na UNAS panhar as ações pedagógicas e a colocação 32 anos, morar em Heliópolis, estar estudando e ter dispo-uma ação com o objetivo de destes jovens no mercado de trabalho ou em nível 4 horas (de segunda a sexta-feira) nos períodos damelhorar o desempenho pedagó- ações de geração de renda. Para o Coorde- manhã, tarde ou noite. Se tiver interesse procure a Josy, nagico de nossas crianças e adoles- nador do projeto na UNAS, João Isaías, “o curso Rua da Mina, 38, das 9 às 16h.centes. O trabalho ocorre dentrodos CCCA – Centro para Criança, é uma oportunidade para os jovens elevaremCentro para Adolescente. São a sua auto-estima e abrirem muitas portas aquioito CCCA’s na comunidade da em Heliópolis e fora dela”.UNAS, que tem como objetivo umtrabalho de complementaçãoescolar, além de oferecerem SER JOVEM EM HELIóPOLIS HOJEalimentação“Com a chegada do SESI, ascrianças ficaram mais motivadase aplicadas aos estudos e os re-sultados aparecem no desempe-nho escolar. As notas agora sãoboas e é só alegria”, declara umamãe que tem o filho no CCCA daMina.Os profissionais do SESI estão ain-da firmes e solidários com a nossaluta por cidadania e melhorescondições de vida, participandoda Caminhada da Paz, da Corri-da de Heliópolis e fortalecendo osvínculos familiares e comunitáriosdas crianças.O SESI trabalha ainda com oseducadores dos CCCA (hoje sãomais de 100 pessoas), promoven-do cursos de qualificação, encon-tros, seminários e debates. Mais de mil jovens participam das ações da UNAS. PROGRAMA JOVENS URBANOS DE HELIóPOLIS (PJU) Reúne mais de 300 adolescentes em ações culturais, de complementação de estudo e convivência em quatro núcleos (Mina, Heliópo- lis, Lagoa e Imperador). Além do trabalho na comunidade eles fazem periodicamente visita a museus, assistem peças de teatro e filmes em cinemas. E ainda constroem grandes amizades e laços de solidariedade e fraternidade na comunidade. O PJU é uma parceria da UNAS e da Fundação Itaú Social e Cenpec.
  • 11. UNAS NA MIDIANeste primeiro semestre de 2011 nossaluta por melhores condições de vida foinoticiada em vários meios de comuni-cação. Entre eles: Diário de São Paulo,Revista Veja, Jornal Valor Econômico,Programa Hebe Camargo Rede TV, SBTRepórter e no Programa a Liga da TVBandeirantes. O jornal Ipiranga News,Jornal Logradouros e Gazeta do Ipiran-ga também destacaram as ações daUNAS/Heliópolis e regiãoPROJETOALCONCIENTESDA UNASBALADA BLACK CONSCIENTE discutir com os moradores o consumo de álcool, o consumo consciente, os males dasDE HELIóPOLIS doenças causadas pelo alcoolismo e promo-Uma noite por mês acontece, sempre às ver a diversão sem o uso do álcool por jovens19h, a Balada Black em Heliópolis. São e adolescentes.em média 1,5 mil jovens que se juntam O encontro mensal entre os jovens tem cadapara dançar, paquerar, encontrar os vez mais contagiado as pessoas da comu-amigos, sem ingerir uma gota de bebida nidade e de fora dela. Além da Baladaalcoólica. Black, os jovens que participam do ProjetoA festa é uma das frentes do Projeto aprendem a usar ferramentas de edição deJovens Alconscientes, coletivo compos- imagem e vídeo, realizam programas de Tvto por dez jovens da comunidade para Web, contribuem com o Site Catraca Livre, tem aulas de leitura e escrita e participam ati- vamente das diversas atividades que a UNAS desenvolve em Heliópolis. O Projeto Jovens Alconscientes é coordena- do por Regina Barros, Alexandre De Maio e Reginaldo Gonçalves, as aulas de redação ficam com Nina Fideles . A Balada Black acontece todo último sábado de cada mês para mais informações acesse o site www.jovensalconscientes.com.br Esse projeto conta com a parceria da Ambev e faz patte do program Jovens de Responsa. A unas apresentou no projeto Alconscintes ao Conselho Municipal da Criança e Ado- lescente, através do Fumcad e o mesmo foi Movimento Sol da Paz Já vem reunindo aprovado para captação de recursos junto a para organizar a próxima caminhada empresas. da paz, o proximo encontro será Maiores informações com Fabio Rubson /unas 26/10 às 9h no Polo Cultura, R. Cava- (farusi@ig.com.br) lheiro Frontinia, s/no. (alexandre favor TEL.:2272.0140/48 fax 2272.9968 publicar no final da materia da cami- nhada da paz de heliopolis em um box e na materia do Polo Cultural repetir Encontro Sarau Com Poetas da comuni- dade e região 18/10, às 19h. Participem, tragam sua poesias...