Estrutura de diretorios no Debian
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Estrutura de diretorios no Debian

on

  • 5,427 views

Slides da palestra realizada no dia Debian em inhumas - GO.

Slides da palestra realizada no dia Debian em inhumas - GO.

Statistics

Views

Total Views
5,427
Views on SlideShare
5,122
Embed Views
305

Actions

Likes
0
Downloads
72
Comments
0

4 Embeds 305

http://alemao.orgfree.com 286
http://4l3m4o.blogspot.com 13
http://translate.googleusercontent.com 5
http://4l3m4o.blogspot.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as OpenOffice

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Estrutura de diretorios no Debian Estrutura de diretorios no Debian Presentation Transcript

  • Bem-Vindo!
  • Estrutura de Diretorios no Debian
  • FHS
    • Filesystem Hierarchy Standard
    • 1996
    • FSSTND
    • O FHS é mantido pelo Free Standards Group, uma organização sem fins lucrativos formada por importantes empresas de hardware e software, como HP, Red Hat, IBM e Dell.
    • Segundo as normas da FHS Toda distribuiçao e obrigatoria ter no minimo 14 diretorios
  • FHS A estrutura dos sistemas de arquivos do Linux prevê um agrupamento que permite maior organização de dados , o que aumenta a funcionalidade do sistema. “Shareable”, “Unshareable”, “Variable”, “Static” Compartilhavel Incompartilhavel Estatico /usr /etc /opt /boot Variavel /var/mail /var/run /var/spool/news /var/lock
  • / bin boot dev etc home lib media mnt proc root sbin sys tmp usr var srv opt “ Para verificar a arvore de diretorios digite o comando tree ”
  • / bin boot dev etc home lib media mnt proc root sbin sys tmp usr var srv opt “ Para verificar a arvore de diretorios digite o comando tree ” tree -d -L 1 /
  • Estudando diretorio por diretorio
  • Diretorio Raiz
  •  
  • O diretório /bin é o diretório que contém o mínimo necessário para funcionar. Não deve haver subdiretórios em / bin. /bin
  • /bin chroot, chown, cp, date, echo, kill, dmesg, ps, pwd, sh, bash, csh, tcsh .....
  • /boot No diretório /boot estão os arquivos estáticos necessários à inicialização do sistema.
  • /dev Neste diretorio se encontra todos os dispositivos do sistema. EX: /dev/sda, /dev/cdrom, /dev/tty, /dev/psaux.
  • /etc Estão os arquivos de configuração do sistema da máquina local. Nesse diretório vamos encontrar uma miscelânea de dados de configuração. Como: Scripts de inicializaçao, Tabela te partiçoes, login, senhas, etc.
  • /home No /home e onde estarao todos os arquivos do usuario. (Parecido com o Meus documentos do Windows).
  • /lib Diretorio onde contem todas as bibliotecas necessarias do sistema. Como as bibliotecas do programas do /bin. ( Similar aos dll's do Windows).
  • /media Ponto de montagem para mídias removíveis. Ex: /media/cdrom /media/hd, etc.
  • /mnt Diretório usado como ponto de montagem de sistema de arquivos.
  • /proc O /proc é um diretório virtual, mantido pelo kernel onde encontramos a configuração atual do sistema. Como: informaçoes da memoria, dispositivos, cpu, etc.
  • /root Diretorio “home” do super-usuario.
  • /sbin O diretório /sbin guarda os comandos utilizados para inicializar, reparar, restaurar e/ou recuperar o sistema. Como: mount, mkfs, ifconfig, fdisk, etc.
  • /sys O diretório /sys, está presente a partir do kernel 2.6.
  • /tmp Utilizado para armazenar arquivos temporários. (Identica ao “ C: mp ” do Windows)
  • /usr /usr – Armazena dados compartilhados, e é montado como somente leitura. Eis que surge a abreviaçao de “usr” : unix shareable, read-only (Pode ser comparado ao “Arquivos de Programas” do Windows)
  • /var O diretório /var contém arquivos de dados variáveis. Por padrão, os programas que geram um arquivo de registro para consulta
  • /srv Diretório para dados de serviços fornecidos pelo sistema e, cuja aplicação é de alcance geral, ou seja, os dados não são específicos de um usuário. Por exemplo: /srv/www (servidor web), /srv/ftp (servidor ftp), etc.
  • /opt É utilizado por programas que foram instalados com o sistema já em funcionamento, e que precisam de uma quantidade maior em diso para sua instalação. Ex: Openoffice, KDE, VirtualBox, etc.
  • ?
    • Wikipedia - http://pt.wikipedia.org
    • Ivanix - http://ivanix.wordpress.com
    • Pathname - http://www.pathname.com
    • Debian - http://www.debian.org
    • Vivaolinux - http://www.vivaolinux.com.br
    • Red Hat - http://www.redhat.com
    Bibliografia
  • Obrigado!!! Nome: Joao Felipe E-mail: [email_address] Blog: http://alemao.tk