Estudo de caso

13,496 views
13,056 views

Published on

Estudo de caso

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
13,496
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
459
Actions
Shares
0
Downloads
233
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Estudo de caso

  1. 1. 1 UN. INSTITUTO CAIVS IVLIVS CAESAR – UNICICCURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSO: ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA CLINICA E INSTITUCIONAL TRABALHO DE GRADUAÇÃO AUTORA Genessi de Fatima Pasquali PROFESSORA ORIENTADORA Lucivani Cervieri ESTUDO DE CASO Colider - MT Março/2012 1
  2. 2. 2 ESTUDO DE CASO Genessi de Fátima PasqualiRESUMOO referido estudo de caso busca criteriosamente uma abordagem metodológica deinvestigação, relacionando as diversas informações coletadas com as causas que possam estaratrapalhando a vida escolar da aluna, visando auxiliá-la a desenvolver com êxito suashabilidades. Realizar uma avaliação das possíveis causas que possam estar interferindonegativamente seu desempenho de suas potencialidades. Através deste estudo de casopretendemos alcançar um conhecimento e experiência maior sobre um relato de umacriança com queixa escolar. A partir dos dados oficiais sobre a defasagem escolar daaluna na disciplina de língua portuguesa juntamente aos questionamentos de pais eprofessores sobre as dificuldades de aprendizagem na leitura e na escrita, em especial,aos erros ortográficos. Este estudo visa apresentar uma proposta de intervenção de caráterpsicopedagógico envolvendo a importância da desvinculação entre a oralidade e a escrita.Relatada pela professora e família foram: Grandes dificuldades no domínio da leitura eescrita, apresentando omissões de letras ou distorções com frequencia. O processo reeducativoe os resultados do trabalho multidisciplinar. Constata com as informações obtidas a respeitodo caso da criança em estudo, diferentes fontes de informações. O objetivo deste estudo édiagnosticar a causa do problema desta criança na educação.PALAVRAS CHAVES: Dificuldade na aprendizagem, diagnóstico e intervenção.ESTUDO DE CASO 2
  3. 3. 3Paciente: Iasmim Fernandes.Psicopedagogo (final de curso): Genessi de Fátima Pasquali1 – APRESENTAÇÃO DO PROBLEMA: Iasmim, é uma garota de 10 anos que vive com os pais ela são provenientes de umafamília de quatro filhos. Tem três irmãos com a idade respectivamente de 7, 12, 14 anos todosmenores de idade todos cursando a mesma escola aonde a aluna Iasmim estuda. O pai éagricultor a mãe e doméstica. Iasmim frequenta uma sala de aula regular de uma escola Estadual de Mato Grosso.Ela esta cursando a 1º fase do 2º ciclo entrou para a escola no 1º ciclo com sete anos de idadequeimando as primeiras etapas do aprendizado, por não ter frequentado à educação infantil.A professora responsável por esta classe constata desde inicio do ano escolar, Iasmim semostra dispersa, pouco atenta e muito tímida. Ela somente realiza as suas tarefas proposta emsala com ajuda da professora ou dos colegas. Antes de iniciar uma tarefa a aluna não demonstra muito interesse em fazer suasatividades, mas prefere ocupar seu tempo em desenhar e fazer suas pinturas, sendo assim otempo passa e ela não realizou suas atividades. Somente quando ela está acompanhada pelaprofessora ou por outro colega é que ela começa a se engajar na realização de suas tarefas esempre procura estar copiando as atividades dos colegas que esta ao seu lado ou espera aprofessora corrigir na lousa para ela copiar. Quando a professora cobra ela sempre diz que éincapaz de efetuar suas tarefas e que é muito difícil. Através das dificuldades apresentadas por Iasmim a professora toma uma iniciativa eusa outros métodos para favorecer o desenvolvimento de sua autonomia:1ª - escolhas entre diferentes tarefas com obrigação de trabalhar em grupos.2ª – impedir que Iasmim faça outros tipos de atividades quando ela tem uma tarefa a cumprir. 3
  4. 4. 43ª - estar sempre pedindo o auxílio de Iasmim para ajudar nas distribuições de materiaispedagógicos para realizações das atividades.4ª - Oferecer recursos didáticos para que a aluna avance em seu raciocínio lógico matemático. Por tanto esses métodos não alcançaram os objetivos esperados.Diante desta situação, a professora responsável pela classe de Iasmim pediu ajuda aprofessora responsável pela articulação se possível uma intervenção a fim de levar Iasmim atrabalhar com autonomia no seu processo de aprendizagem. Pois a professora se sente preocupada com o desenvolvimento intelectual e social dacriança, assim como na sua aprendizagem escolares. No mais ela notou que Iasmim e muitotímida e parece estar prejudicando sua própria aprendizagem. No final do encontro a professora apresentou uma lista de comportamentosinadequados que ela observou em Iasmim. A professora pode notar que sua aluna:1ª – Não é metódica na realização de sua tarefa;2ª – Termina raramente o trabalho começado;3ª – Para de trabalhar se o professor não a lembra que ela tem um trabalho a cumprir;4ª – Necessita de ajuda, mas não se manifesta por ser tímida.5ª – Coopera muito pouco na ocasião de trabalhar em grupo;6ª – Diz frequentemente que não é capaz de realizar as atividades quando ela esta em situaçãode aprendizagem;7ª – Tem facilidade em se distrair com outras atividades a não ser com atividades propostapela professora;2 – ESCLARECIMENTO DO PROBLEMA: Após o encontro com a professora da classe a professora da articulação sugeriu umconjunto de procedimento a fim de descrever um quadro das principais características daaluna e do meio no qual ela interage. 4
  5. 5. 5 A coleta de informações implica observações em sala de aula e no pátio de recreação,troca com o professor responsável pela sala do referida aluna, uma entrevista com os pais,avaliação da aluna na sala de articulação para fazer uma avaliação do seu desenvolvimentointelectual, da sua aprendizagem.2.1 – Encontro Com Os Pais: No encontro com os pais da aluna, a professora da articulação constatou que estesdividiam mais o menos os mesmos pontos de vista sobre a filha. Eles descrevem como umacriança dócil e de temperamento alegre e muita vezes tímida. Uma criança muito sociável ebem aceita no seu meio. Eles consideram que a filha não e indisciplinada. Ela se comportamuito bem em casa. Eles afirmam também que Iasmim aceita facilmente assumir algumaspequenas responsabilidades. Ela arruma o quarto aonde ela dorme juntamente com os trêsirmãos e ajuda a mãe com as tarefas da casa. A aluna faz suas tarefas escolares de casa semprecom ajuda da mãe quando a mãe não pode ajudar não consegue realiza-las. No tempodisponível ela se reúne com as amigas da mesma idade da vizinhança para brincar deescolinha, de casinha, jogar bola, pega-pega e outras atividades lúdicas, algumas vezes elalidera as brincadeiras. De acordo com os pais, os irmãos de Iasmim são muito próximos a elae participam de muitas atividades juntas ela se sente amada por ser a única irmã daquelafamília. Os pais afirmam que a gravidez da filha foi planejada esperavam o nascimento comtodo amor e carinho, mas no 5ª mês de gravidez a mãe levou uma queda ás preocupaçõescomeçaram, teve o restante da gravidez com ameaça de aborto e em partes sobre observaçãomédica e todo o cuidado necessário, até está criança nascer. Apesar das complicações nagravidez. O nascimento de Iasmim foi tranquilo não teve nem uma alteração. Em relação à história escolar os pais destacam que Iasmim frequênta sala de aularegular desde o inicio da escolarização. Desde o primeiro ano de escola ela teve oportunidadede freqüentar à sala de articulação, que acompanhava com plano de intervenção que ajudou aprogredir nas aprendizagens escolares e também a sua interação em sala de aula. Na opinião dos pais apesar de cada ano escolar ser uma professora diferente todas elasse dedicaram e se preocuparam com o aprendizado de Iasmim, na opinião dos pais a filha não 5
  6. 6. 6teve muito avanço na sua aprendizagem, mas não por falta de incentivo em relação aosprofessores, pois todos afirmavam que Iasmim teria capacidade de aprender. Teve um desenvolvimento dentro dos parâmetros considerados normais sendo apenasde referir um ligeiro atraso na idade com que começou a andar e a falar. Os pais destacam que estão sempre em contato com a escola para conversar sobre asdificuldades de Iasmim, pois eles não percebem que esta atrapalhando o aprendizado quandoresolve os deveres de casa para ela. Temos visto hoje muitos professores enfrentam estes problemas e estão sofrendo opeso do fracasso do aluno, mas estão buscando meios, elogiando os pais que aparecem naescola, colocando os problemas, muitos ainda acreditam no ensino do passado afirma que acriança aprendia mais, hoje só existe rabisco, desenhos a professora não passa letras como quevai aprender? Como diz Içami Tiba: “O que leva alguns pais e mães fazer as lições de casa dos filhos.Intenção de prejudicar, certamente não tem, mas acabam prejudicando. O propósito é adoçar e facilitar a vida do filho. Por que o pobrezinho tem de se esforçar tanto se em pouco tempo eles podem fazer para o filho o que o filho levaria a tarde inteira? Fazer significa aprender. Como não aprendeu a criança perde aquela parte e está sujeita a ter maiores dificuldades na aula seguinte”.” Estudo é progressão, portanto, ele vai de mal a pior.” (Tiba 2002, p.190). Isto é um questionamento que é feito na maioria das vezes e o problema é sério, acriança na educação infantil, e série inicial precisa desenvolver a coordenação e é pelosrabiscos que vai adquirindo habilidades. Talvez muitos pais fazem isto por falta de informações, ficam ansiosos em ver odesenvolvimento da criança e isso se torna muitas vezes barreira para o professor onde elepode deixar de desenvolver outras atividades para se deter em escrita e leitura para não sercriticado pelos pais. 6
  7. 7. 72.2 – Observações Em Sala Comum E No Pátio De Recreação: As observações em sala de aula permitem a professora regente de sala constatar que ocomportamento da aluna em situação de aprendizado corresponde muito aos descritas pelaprofessora. Está deve lembrar a aluna que tem uma tarefa para realizar e que comoconsequência ela deve estar atenta ao seu trabalho. Realmente a aluna só se implica na tarefaquando a professora ou colega de turma a acompanha nas realizações das tarefas. A alunamantém boas relações com os outros colegas de classe e da escola apesar de sua timidez. Ela ébem acolhida pelos alunos da sala e com todos os membros da escola. Enfim, ela constatouque durante a recreação a aluna e participativa nas brincadeiras com os colegas quando nãotem muitos alunos envolvidos. Ela parece gostar no ambiente em que vive.2.3 – Avaliações Na Sala Multifuncional: Dentro das avaliações realizadas na sala de articulação a professora utilizou avaliaçõesde raciocínio-matemático de Iasmim, foi realizada avaliação pedagógica baseado no métodoclinico de Piaget. Os resultados revelaram que a aluna possui estruturação para trabalhar comos algarismos da adição, não percebe o valor posicional do número. Apresenta dificuldade emregistrar o raciocínio solicitado nas provas operacionais. Durante a aplicação da prova aprofessora observou em Iasmim dificuldade de concentração e atenção. Por várias vezes aprofessora precisou solicitar a Iasmim para se concentrar na tarefa. Avaliação da linguagem oral verificou-se que Iasmim encontra-se no estágioalfabético, com tipo de leitura silabado, sua leitura se apóia quase que exclusivamente naestratégia da decodificação, o que se torna muita lenta. No desrespeito as regras de pontuaçãoe acentuação e a influencia e presença de substituição de grafemas e compreensão parcial dotexto. Na linguagem oral ela consegue se destacar através da leitura visual se apoiando nasfiguras. Linguagem escrita indica que Iasmim está no início da escrita silábica – alfabética queem situação de leitura oral e escrita sob ditado ocorreram 100% de erros, devido assubstituição surdo-sonora e a imprecisão articulatória na leitura e transposição silábica e 7
  8. 8. 8grafemica. Durante a realização da escrita sob ditado observamos sincinesia de lábios e apoiosubvocal. A professora da articulação juntamente com a professora da sala constata que a alunapraticamente não progrediu em suas aprendizagens no que consiste na linguagem escrita, orale matemática..3 – IDENTIFICAÇÃO DA NATUREZA DO PROBLEMA:. Com todas as informações já obtidas a professora responsável pala articulação asclassificou com ajuda das seis esferas relativa as característica dos alunos e do ambiente comqual ela interage. Esse procedimento lhe permitiu fazer as seguintes constatações.3.1 – Esfera Funcionamento Cognitivo E Linguagem Oral: De acordo com a professora responsável pela articulação constatou-se que nodesenvolvimento cognitivo apresentou dificuldade nos aspectos lógico-matemáticos, poucodomínio das unidades numéricas e em estabelecer correspondência termo a termo, conservar equantificar, no entanto, apresenta facilidade para estabelecer critérios para classificar edesenhar. Nos testes específicos de linguagem apresentaram grandes dificuldades em memória eseqüência de palavras, dificuldades com rimas. Grandes dificuldades em memorizar letras enúmeros. Na linguagem oral apresentou centralização do pensamento, o que é natural na suaidade. Nas atividades desenvolvidas com ela apresentou pouca iniciativa para criar e lentidãopara executar uma tarefa, apesar de planejá-las com desenvoltura, perdia facilmente a linha depensamento.3.2 – Esfera do Meio Ambiente: 8
  9. 9. 9 A aluna vive em um meio familiar onde reina a harmonia, a garota é considerada comoum membro da família. Ela é amada, mas muito protegida. Seus pais lhe confiamresponsabilidades que ela assume sem dificuldade. Ela conserva uma relação forte e muitopositiva com suas amigas de sua idade da mesma turma e também da vizinhança. Apesar dadificuldade de aprendizagem e de sua timidez é uma aluna que gosta de ajudar os colegas e sesente valorizado podendo contribuir com as atividades. A professora regente da turmatrabalha as tarefas diferenciadas com a aluna, mas sempre necessita de ajuda para realizá-las,mas quando consegue desenvolver sozinhas as atividades ela se sente orgulhosa e feliz. O seucomportamento que se caracteriza por uma falta de atenção e por uma procura constante deajuda exterior.3.3 – Esfera das Aprendizagens Escolares: A professora da articulação percebeu que a aluna não evoluiu de maneira satisfatóriana sua aprendizagem da leitura e a escrita, ela não progrediu quase nada durante vários anosestudados ela se encontra ainda no estágio silábico-alfabético. A aluna melhorou um pouco acaligrafia, mesmo assim consegue copiar todo o conteúdo proposto na lousa. Um pouco adificuldade em que a aluna se encontra foi à queima de fase, segundas informações queobtivemos da mãe, a aluna não fez a educação infantil e nem a 1º fase do 1º ciclo ingressoudiretamente na 1º série com sete anos de idade. Segundo as informações da professora regenteda sala percebeu que quando Iasmim trabalha sozinha realiza as atividades com muitolentidão e precisava de algum apoio por parte da professora. Tem muitos erros ortográficos àsdificuldades na leitura continuam a ser muito lenta, lendo, silabadamente palavras simples.Em matemática sabe contar e escrever os algarismos até 50 ela teve alguns progresso noscálculos simples. Na opinião da professora da articulação Iasmim tem capacidade paraevoluir.3.4– Esfera Desenvolvimento Afetivo-Social E Interações Sociais: 9
  10. 10. 10 Através das informações recolhidas pela professora o desenvolvimento afetivo-socialda aluna. Do lado das interações sociais a professora constata que a aluna conserva boasrelações tanto com os colegas de sua idade tanto com os adultos. Ela aprecia estar em relaçõese trocas com os alunos da sala e este sentimento parece compartilhado, exceto quando a alunatrabalha em equipe, pois, ela coopera muito pouco com os colegas, pois não tem iniciativapara colaborar com as atividades proposta em sala e no pátio da escola por ser uma alunatímida. Assim, para que a criança tenha um desenvolvimento saudável e adequado dentro doambiente escolar, e consequentemente no social, é necessário que haja um estabelecimento derelações interpessoais positivas, como aceitação e apoio, possibilitando assim o sucesso dosobjetivos educativos.3.5 – Esfera Comportamentos E Atitudes Em Situação De Aprendizagem: Aparentemente no nível das atitudes e dos comportamentos da professora daarticulação observa as maiores dificuldades de Iasmim. Dificuldade de atenção e deconcentração na tarefa a realizar. Ela manifesta falta de autonomia e de motivação narealização das atividades as quais em geral ela não termina. Em suma, a professora daarticulação constata muito mais dificuldades do que facilidade em aprender. Devido essescomportamentos acaba refletindo os resultados expressos nos conceitos da aluna e pelaavaliação feita pelos professores do 1ª e 2ª ciclo.3.6 – Esfera Desenvolvimento Psicomotor e Saúde: A informação obtida pela professora da articulação constatou que o desenvolvimentoPsicomotor de Iasmim aparentemente não apresenta nem uma estabilidade motora. A saúdede Iasmim e considerada normal não provocando nem um problema em relação a suaparticipação em atividades esportivas em certos jogos coletivos. 10
  11. 11. 11 O desenvolvimento motor é de extrema importância. Significa que a criança tem queser capaz de controlar seu próprio corpo. Afinal, é através do corpo que a criança brinca eganha recursos adequados para sua sociabilidade, garantindo sua independência e, ainda,contribuindo para que tenha um bom conhecimento de si mesma. A psicomotricidade está ligada ao desenvolvimento da linguagem oral e escrita e noscomunicamos com o corpo. Para Fonseca (1996:142) (...) alfabetizar a linguagem do corpo esó então caminhar para as aprendizagens triviais ligados por coordenadas espaços-temporais e correlacionados por melodias rítmicas de integração e resposta. Nodesenvolvimento da fala, por exemplo, o corpo desempenha papel fundamental nesteprocesso, pois é através de seu corpo que a criança descobre o mundo..3.7 – Hipótese: A partir destas diferenças constatações, a professora da articulação se engaja emuns procedimentos que visa delimitar as razões que podem explicar porque Iasmim estagarota amável e sociável, que cresceu em um meio familiar favorável ao desenvolvimentoda sua autonomia, manifesta tanta dependência do seu meio quando está em situação deaprendizagem ou de resolução de problema? Porque, nesta situação ela antecipa ofracasso desde o inicio da atividade e não chega a apelar para suas próprias estratégias. A professora da articulação constata que as dificuldades de Iasmim que motivarama professora a procurá-la, se situam nas esferas comportamentais e atitudes da aluna emsituações de aprendizagem. A professora observou e constatou que a dificuldade deIasmim vem vindo no decorrer dos anos escolares. Os problemas começam a surgir noaprendizado da leitura-escrita, desde o início do processo de alfabetização, como dificuldadesna correspondência som-letra, gerando prejuízos para a escrita e para a leitura, e o nível deleitura encontra-se abaixo do esperado para a escolaridade. Ela investiga mudanças que aconteceram com Iasmim ou no seu meio escolar e quepoderia ter uma relação com as dificuldades que ela sente. Ela começa então a agir através deeliminação. Ela começa eliminar primeiramente a saúde de Iasmim, pois aparentemente sua 11
  12. 12. 12saúde é estável, não comprometendo seu desenvolvimento. Apesar de sua família ter um casode um irmão com problemas neurológicos constatado pelo médico que consequentementetambém é um aluno com problemas de aprendizagem escolar, em relação a este fato pode ter amínima probabilidade de apresentar alguma consequência por causa da hereditariedade.Podemos eliminar também o meio familiar, pois parece estável e favorável aodesenvolvimento de Iasmim. Apesar de Iasmim manter relações aparentemente positiva tanto com os adultos e comas crianças de sua idade, pode ter alguma influência no seu aprendizado, pelo fato demonstrarmuita timidez dificultando assim a sua interação com os colegas e alunos em sala. O atraso do ritmo de suas aprendizagens escolares é provavelmente decorrente daperda de confiança da aluna em seus recursos internos e o desenvolvimento de umcomportamento de dependência dos recursos externos logo que ela deve apelar para oraciocínio. Através dos dados coletados, pela família e professores conseguimos contatara uma hipótese que a aluna Iasmim teria uma probabilidade de ser uma criança disléxica.Sendo assim a professora da articulação formula hipótese estabelecendo um plano deintervenção para melhorar seu processo da aprendizagem. “Segundo Soares (2001) “Letramento e o resultado da ação de ensinar e aprenderas práticas sociais de leitura e escrita”. Tendo em vista que a leitura e a escrita são tãoimportante quanto o saber.4 – RESOLUÇÕES DO PROBLEMA DO CASO: A professora da articulação logo após formular sua hipótese sobre natureza doproblema da Iasmim levanta algumas questões: Quais é a potencialidade de Iasmim que podeser usada para contribuição no sentido de assegurar o sucesso do plano de articulação? E quaissão os recursos humanos e materiais ao mesmo tempo necessários e disponíveis que podecontribuir no plano de intervenção? Percebemos que a intervenção é essencial e devem-secriar recursos que permitam a análise do comportamento desta aluna. É importante, também, 12
  13. 13. 13que se façam intervenções para que se aumente o repertório dela em habilidades sociais que écomprometido por questões sócio-econômicas ou pessoais. Tendo essa etapa de questionamento formulada, ela identifica as principaispotencialidades de Iasmim e no seu ambiente escolar e familiar sobre as quais será possível seapoiar para construir o plano de intervenção. As potencialidades de Iasmim e do meio são:- A linguagem oral e a formação de histórias mediante a leitura de imagens;- Laços positivos com seu professor.- Qualidade de sua linguagem verbal.- A disponibilidade de sua professora em colaborar com a professora da articulação.- Interesse da professora da sala regular pela aprendizagem de Iasmim.- Interações sociais positivas apesar de sua timidez.- Demonstra Interesse em participar das apresentações e brincadeiras escolares.5 – ELABORAÇÃO DO PLANO DE AEE: Para a elaboração desse plano a professora da articulação se dedica no objetivo paraqual ela quer alcançar. Nesse caso objetivo do plano de intervenção e favorecer que Iasmimse engaje espontaneamente nas tarefas que lhes são propostas e fazendo o uso do letramentocomo ferramenta em direção à autonomia, partindo da decodificação da leitura e escrita; Para alcançar esse objetivo a professora se apoiara em algumas vertentes. Nalinguagem oral, verbal, formação de histórias mediante a leitura de imagens e interaçõessociais positivas e ao seu ambiente. Acompanhamento que a família e a professora oferecem a Iasmim, com qualidade doseu meio que esta inserida bem como pelo desejo a professora da sala de aula de favorecer oprogresso de iasmim nas suas aprendizagens escolares. No que diz respeito na sala de aula de Iasmim a professora da articulação constata aausência de uma pedagoga centrada sobre a heterogeneidade com atividades que favorecem adiversificadas possibilidades de aprendizagem dos alunos, o que ela considera como uma 13
  14. 14. 14dificuldade para aprendizagem da turma e especialmente da aluna com dificuldade intelectual.Esta e uma realidade sobre a qual a professora da articulação considera imprescindível incluirno plano de intervenção. Desse modo o plano deve prever ações que envolvam tanto a criançaquanto o meio escolar no qual ela esta inserida. Se apoiando em todos esses elementos aprofessora da articulação elabora seu plano de intervenção visando tantas ações na sala dearticulação quanto na sala de aula. Com o objetivo de trabalhar a autonomia de Iasmim aprofessora da articulação decide atendê-la durante uma hora na sala de articulação nafrequência de duas vezes por semana. Considerando as dificuldades de Iasmim no que se refere à atenção e memória aprofessora decide trabalhar autonomia da aluna a partir desses dois aspectos. Deste modo elaplaneja atividades de curta duração especialmente utilizando papel e lápis que permitammobilizar estratégias de observação e também de memória. A estratégia de mediaçãoutilizada pela professora da articulação consiste em engajar a aluna a vencer por ela mesma osdesafios propostos, fazendo intervenções somente quando constatam que apesar de fazer umesforço Iasmim não consegue realizar de modo independente as atividades propostas. Em suamediação a professora estará atenta para relação entre o esforço da aluna e o resultado obtido. A professora da articulação juntamente com a professora do ensino comum discute umplano de intervenção, o plano de articulação voltado para a sala de aula propõe que aprofessora programe em suas ações pedagógicas umas atividades de aprendizagem, quemotivam a aluna a se dedicar e se destacar nas atividades, além das atividades propostas aprofessora trabalhará com figuras ilustrativas e desenhos com as atividades de que ela maisgosta, destacando suas potencialidades dando oportunidade para o seu desenvolvimento deaprendizagem. A primeira tarefa do professor é resgatar a autoconfiança do aluno. Descobrirsuas habilidades para que possa acreditar em si mesmo ao se destacar em outras áreas. O papel do professor é dirigir um olhar flexível para cada aluno que tenha dificuldade,é compreender a natureza dessas dificuldades, buscarem um diagnóstico especializado, umaorientação para melhorar o dia-a-dia da criança. A aprendizagem cooperativa permite a colaboração entre os alunos de diferentesníveis de desenvolvimento durante a realização de um projeto comum. Esse tipo de atividades 14
  15. 15. 15favorece aos alunos viverem experiência de participação na construção de um saber comum epermite ainda confrontar o seu ponto de vista positivamente e finalmente a obrigação deassumir sua responsabilidade individual para permite o sucesso do grupo, Dandooportunidade para a aluna que se desenvolva na sua interação social e perca sua timidez paramelhorar sua aprendizagem. Diante disso a professora formula atividades para trabalhar emgrupos. Após um período de seis meses as professoras avaliam seu plano verificando se esteobteve o resultado esperado em relação ao comportamento de Iasmim acima citado. Àmedida que Iasmim demonstrava mais autonomia às professoras observaram que elaprogredia em suas aprendizagens dos conteúdos escolares. Uma coisa de suma importância que foi notado é que ela precisa sempre serestimulada a todo o momento para que tenha interesse e passe a melhorar o seu aprendizado esua auto- estima.REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASCARVALHO, Rosto Edler (2000) Removendo barreiras para a aprendizagem- Educaçãoinclusiva. Porto Alegre: Mediações.FONSECA, V. Psicomotricidade. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1985.FREIRE Paulo- Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários a Prática educativa. Rio dejaneiro: Paz e terra. 33ª edição.TIBA, Içami: Coleção Intragação Relacional. Editora Gente. Edição 121. 2002 15
  16. 16. 16VIGOTSKI L.S. A formação Social da mente. S.P Ed. Martins Fontes, 1999. ANEXOSANEXO 01FICHA DE AVALIAÇÃO INDIVIDUAL DO ALUNOIDENTIFICAÇÃONome do aluno:Nascido em / / idade anosNatural de EstadoEndereço:Nº Bairro 16
  17. 17. 17Cidade UFTelefone:Filiação:PaiMãeDeficiência:Responsável:Turma:Educadora (o):Data: / / a / /1 Compreensãoa) Sua compreensão depende de explicações detalhadasSim ( ) Não ( )b) É extremamente vagaroso na compreensão das explicaçõesSim ( ) Não ( )c) Algumas vezes não consegue compreender o tema de estudoSim ( ) Não ( )2 Memóriaa) Apresenta dificuldade para recordar de fatos e conteúdosSim ( ) Não ( )b) É capaz de fornecer dados corretos desde que lhe sejam propiciados indicações que lhefacilitem a lembrançaSim ( ) Não ( )c) Da pouca atenção a aprendizagem inicialSim ( ) Não ( )3 Atençãoa) Tem relativa facilidade de manter a atenção, embora algumas vezes mostra-se distraído. 17
  18. 18. 18Sim ( ) Não ( )b) Presta atenção com alguma dificuldadeSim ( ) Não ( )c) Concentração difícil e oscilanteSim ( ) Não ( )d) Parece não escutar quando lhe falam diretamenteSim ( ) Não ( )e) Responde de forma intempestiva, antes que a pergunta esteja completamente formulada.Sim ( ) Não ( )f) Tem dificuldade para aguardar pela sua vezSim ( ) Não ( )g) Se intromete ou interrompe os outrosSim ( ) Não ( )4 Perseverançaa) Pode vencer algumas dificuldades se incentivado, resistindo a pequenas distrações.Sim ( ) Não ( )b) Desiste logo ao encontrar alguma dificuldadeSim ( ) Não ( )c) Persiste na realização de seus propósitosSim ( ) Não ( )5 Estrutura emocionala) Não se excita a não ser por forte estimulaçãoSim ( ) Não ( )b) Estado de animo variadoSim ( ) Não ( )c) É inquieto, fica com as mãos e pés se mexendo, constantemente, quando sentadoSim ( ) Não ( )d) Fala excessivamenteSim ( ) Não ( ) 18
  19. 19. 196) Fatores Pessoaisa) Higiene boaSim ( ) Não ( )b) AssíduoSim ( ) Não ( )c) Participa das atividades de rotinaSim ( ) Não ( )d) Anda sozinhoSim ( ) Não ( )e) Perde coisas necessárias para atividades ou trabalhosSim ( ) Não ( )7 Aprendizagema) Linguagens (Português, Educação Artística, educação Física)Bom ( ) Regular ( ) Insuficiente ( )b) Ciências Naturais e MatemáticaBom ( ) Regular ( ) Insuficiente ( )c) Ciências Humanas (História, Geografia, Ensino Religioso)Bom ( ) Regular ( ) Insuficiente ( )8 Aspecto Afetivoa) Quer saber as coisasSim ( ) Não ( ) As vezes ( )b) Inicia as atividadesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )c) Conclui as atividadesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )d) Resolve problemasSim ( ) Não ( ) As vezes ( ) 19
  20. 20. 20e) Conta históriasSim ( ) Não ( ) As vezes ( )f) Concentra-se nas atividadesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )g) Faz uso do tempo livreSim ( ) Não ( ) As vezes ( )h) Gosta do ambiente naturalSim ( ) Não ( )i) Questiona as coisasSim ( ) Não ( ) As vezes ( )9 Aspectos Sociaisa) Trabalha em grupoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )b) Participa de jogos com regrasSim ( ) Não ( ) As vezes ( )c) Relaciona-se com adultosSim ( ) Não ( ) As vezes ( )d) Constrói normas e regrasSim ( ) Não ( ) As vezes ( )e) Respeita o material alheioSim ( ) Não ( ) As vezes ( )f) Bom relacionamento com o professorSim ( ) Não ( ) As vezes ( )g) Gosta de fazer parte de uma equipe e de ajudar os outrosSim ( ) Não ( ) As vezes ( )h) Se solicitado geralmente cooperaSim ( ) Não ( ) As vezes ( )10 Aspectos cognitivosa) Conhece cor 20
  21. 21. 21Sim ( ) Não ( ) Algumas ( )b) Conhece formaSim ( ) Não ( ) Algumas ( )c) Conhece temperaturaSim ( ) Não ( ) Algumas ( )d) Conhece pesoSim ( ) Não ( )e) Conhece consistênciaSim ( ) Não ( ) Algumas ( )f) Tem noção de tempoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )g) Tem noção de espaçoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )h) Tem noção de causa e efeitoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )i) Tem muita imaginação (imagem mental)Sim ( ) Não ( ) As vezes ( )j) Faz imitaçõesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )l) Boa linguagem oralSim ( ) Não ( )11 Aspectos perceptivo-motora) Expressão corporalSim ( ) Não ( ) As vezes ( )b) Exercício rítmicoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )c) Participa de jogosSim ( ) Não ( ) As vezes ( )d) Faz atividades livresSim ( ) Não ( ) As vezes ( )e) Encaixe simples 21
  22. 22. 22Sim ( ) Não ( ) As vezes ( )f) DançaSim ( ) Não ( ) As vezes ( )g) Recortes com a mãoSim ( ) Não ( ) As vezes ( )h) Recortes com tesoura-simplesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )i) Amassar e rasgar papelSim ( ) Não ( ) As vezes ( )j) Fazer dobraduras simplesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )l) Faz traçados simplesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )m) Modelagem simplesSim ( ) Não ( ) As vezes ( )n) Pinta e desenhaSim ( ) Não ( ) As vezes ( )o) Desenhos gráficosSim ( ) Não ( ) As vezes ( )12 O educando está preparado para a integração nas séries iniciais ensino fundamental?Sim ( ) Não ( )ANEXO 02FICHA DE ANAMNESE1) IDENTIFICAÇÃO DO ALUNO:a) Nome completo: ___________________________________________________________b) Sexo: ( ) Masculino ( ) Feminino 22
  23. 23. 23c) Idade: _____________________Data de Nascimento:______________________________d) Naturalidade:________________________________ Nacionalidade:_________________e) Escola onde estuda: _________________________________________________________f) Série:_________________Turma:__________________Turno:______________________g) Endereço da Escola:_________________________________________________________h) Professora:_________________________________Fone da Escola:__________________i) Nome do pai: _____________________________________Profissão: ________________ Grau de escolaridade: _______________________Local de trabalho: _________________j) Nome da mãe: _____________________________________Profissão: ________________ Grau de escolaridade: _______________________Local de trabalho: _________________2) INFORMAÇÕES FAMILIARES:a) Irmãos do aluno:NOME SEXO IDADE SÉRIE DE ESTUDOb) Há parentes ou outras pessoas morando com a família? Em caso positivo, relacione-oscom: NOME / SEXO / IDADE / GRAU DE PARENTESCO / EMPREGADO____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________3) DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA COM RELAÇÃO À SAÚDE:a) Gestação:_ Este filho foi programado? ( ) Sim ( ) Não 23
  24. 24. 24_ Teve acompanhamento médico no Pré-Natal? ( ) Sim ( ) Não_ Com que idade a mãe engravidou desse filho?______________________________________ O pai acompanhou a gravidez? ( ) Sim ( ) Não. Em caso negativo, por quê?______________________________________________________________________________________ Houve complicações durante a gravidez que devam ser registradas? Em caso positivo,quais? ( ) Sim ( ) Não____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ A mãe fez uso de bebida alcoólica ou cigarro durante a gravidez? ( ) Sim ( ) Nãob) Nascimento:_ Tipo de parto? ( ) Normal ( ) Cesariana ( ) Forceps_ Foi prematuro? ( ) Sim ( ) Não_ Parto de gêmeos? ( ) Sim ( ) Não_ Com relação ao sexo do bebê, foi o que o casal esperava? Como reagiram?_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Houve complicações durante o nascimento? Em caso positivo, quais?( ) Sim ( ) Não __________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Qual o peso da criança quando nasceu?__________________________________________c) Infância:_ A criança recebeu todas as vacinas obrigatórias? ( ) Sim ( ) Não_ A mãe amamentou o filho? ( ) Sim ( ) Não. Quanto tempo?________________________ Se não amamentou, que tipo de alimentação utilizava?_______________________________ Quem cuidou da criança nos primeiros meses ou anos de vida? ( ) Mãe ( ) Avó ( ) Babá ( ) Outros_ A criança usou: Chupeta ( ) Sim ( ) Não. Quanto tempo?_________________________ Mamadeira ( ) Sim ( ) Não. Quanto tempo?_______________________ 24
  25. 25. 25 Andador ( ) Sim ( ) Não. Quanto tempo?__________________________ Dormiu no quarto da mãe? ( ) Sim ( ) Não. Quanto tempo?_________________________ Qual horário em que vai dormir?_____________ Em que horário acorda?________________ A criança solicita atenção especial do adulto na hora de dormir? De que forma? ______________________________________________________________________________________ Ela necessita de algum elemento especial para dormir? (Usa chupeta, chupa dedo, enroscacabelo, luz acesa, fralda no nariz, etc.) _____________________________________________ Como é o sono dela:( ) Tranquilo ( ) Fala dormindo ( ) Sonâmbulo ( ) Agitado ( ) Tem pesadelos( ) Range os dentes ( ) Tem controle urinário à noite ( ) Acorda à noite_ Ela dorme em quarto separado dos pais? ( ) Sim ( ) Não. Desde que idade?____________ Divide o quarto com alguém? Quem?_____________________________________________ A criança: • Tem controle urinário durante o dia? ( ) Sim ( ) Não • Tem controle esfincteriano? ( ) Sim ( ) Não_ Ela chora com facilidade? ( ) Sim ( ) Não_ A criança revela medo? De quê?________________________________________________ Ela manifesta curiosidade sexual, interessando-se sobre: • Como nascem os bebês? ( ) Sim ( ) Não • Como o bebê entrou na barriga da mãe? ( ) Sim ( ) Não • Que explicação lhe foi dada? Por quem?_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ A criança já sofreu algum acidente? Ficou com lesões ou sequelas?________________________________________________________________________________________________ Ela sofreu com algum tipo de doença? ( ) Sim ( ) Não. Em caso positivo, qual?_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Ela apresenta algum tipo de alergia? ( ) Sim ( ) Não. Em caso positivo, qual?___________________________________________________________________________________4) DESENVOLVIMENTO SOCIAL DA CRIANÇA: 25
  26. 26. 26_ O pai e a mãe se apoiam ou concordam entre si no momento das correções de condutaaplicadas à criança? ( ) Sim ( ) Não._ Os pais têm conseguido orientar e educar com as correções aplicadas?______________________________________________________________________________________________ Quanto à obrigação de seguir regras e limites, como a criança reage?_______________________________________________________________________________________________ A criança tem apelido? ( ) Sim ( ) Não._ Esse apelido a incomoda? ( ) Sim ( ) Não. Por quê?_______________________________ Ela prefere brincar: ( ) Sozinha ( ) Com os irmãos ( ) Com outras crianças_ Os amigos são:( ) Do mesmo sexo ( ) Da mesma idade Primos ( ) Do sexo oposto ( )De menos idade( )Vizinhos ( )De ambos os sexos ( )De mais idade ( )Colegas da escola ( )Filhos deamigos dos pais ( )Crianças do clube ( ) Ou ela não tem amigos_ Onde ela brinca:( ) Dentro de casa ( )Quintal de casa ( )Casa de amigos ( )Rua ( )Praça_ Ela toma iniciativa de brincar? ( ) Sim ( ) Não._ Lidera brincadeiras? ( ) Sim ( ) Não._ Quais as brincadeiras preferidas por ela?____________________________________________________________________________________________________________________A criança pratica esportes? ( ) Sim ( ) Não. Quais?_________________________________ Que passeios ela faz com mais frequência?___________________________________________________________________________________________________________________ Qual é a sua diversão preferida? ________________________________________________ Que experiências de viagem ela já teve?_____________________________________________________________________________________________________________________ A criança gosta de ouvir histórias? ( ) Sim ( ) Não. Quem lê para ela? _______________ Ela gosta de assistir TV? ( ) Sim ( ) Não. Quais programas?___________________________________________________________________________________________________ O que mais ela gosta de fazer?__________________________________________________ Ela presta pequenos serviços em casa? ( ) Sim ( ) Não_ Ela costuma guardar seus brinquedos e pertences? ( ) Sim ( ) Não5) CONVIVÊNCIA FAMILIAR: 26
  27. 27. 27_ A criança passa a maior parte do tempo com:( )Pai ( )Irmãos ( )Empregados ( )Mãe ( )Avós ( )Outros_ Com quem ela fica quando os pais saem de casa?___________________________________ Quem toma as decisões a respeito dela?( ) Sempre o pai ( ) Sempre a mãe ( ) Sempre os dois ( ) Conforme o caso_ As decisões tomadas separadamente encontram apoio da outra parte? ( ) Sim ( ) Não_ A quem a criança recorre quando tem alguma dificuldade? ___________________________ Ela costuma procurar para:• Contar novidades: ( ) o pai ( ) a mãe • Pedir explicações: ( ) o pai ( ) a mãe• Contar um problema: ( ) o pai ( ) a mãe • Solicitar ajuda: ( ) o pai ( ) a mãe• Pedir sugestões: ( ) o pai ( ) a mãe7 – Quando ela apresenta um comportamento de desobediência, qual a atitude mais frequentedos pais? ( ) Castigam ( ) Fazem ameaças ( ) Ignoram o fato ( ) Chamam a atençãoatravés de conversa ( ) Comparam com o comportamento de outros filhos, parentes ouamigos ( )Batem ( ) Prometem recompensas ( ) Não dão algo que ele gosta._ Qual é a reação do filho (a) diante das atitudes assinaladas acima?_________________________________________________________________________________________________ Há algum tipo dessas atitudes que gera conflito entre o filho (a) e os pais? Qual?_____________________________________________________________________________________ A criança tem horários estabelecidos para a alimentação? ( ) Sim ( ) Não_ Come fora de hora? ( ) Sim ( ) Não. Quando? ___________________________________ O apetite dela é:( ) Pouco ( ) Regular ( ) Bom ( ) Muito bom_ Existem restrições quanto às suas atividades regulares na Escola? ( ) Sim ( ) Não. Secaso for positivo, quais?___________________________________________________________________________________________________________________________________6) DESENVOLVIMENTO MOTOR E DA LINGUAGEM:_ A criança: 27
  28. 28. 28• Sentou sem apoio com __________meses.• Engatinhou com ______________ meses.• Começou a andar com_____________ meses._ Ela apresenta alguma dificuldade motora? Qual?_______________________________________________________________________________________________________________ Cai com frequência? ( ) Sim ( ) Não_ É muito agitada? ( ) Sim ( ) NãoA criança:( ) Veste-se sozinha ( ) Toma banho sozinha ( ) Sabe abotoar ( ) Sabe calçar sapatos( ) Consegue dar laços ( ) Escova os dentes sozinha ( ) Come sozinha( ) Sabe pentear-se ( ) Solicita constante ajuda do adulto nessas atividades._ Com que idade começou a falar? _______________________________________________8 – Apresenta algumas dificuldades quanto à expressão verbal? ( ) Sim ( ) Não7) DESENVOLVIMENTO EMOCIONAL:_ Em relação aos familiares, a criança é:( ) Carinhosa ( ) Tímida ( ) Agressiva ( ) Isolada_ Ela manifesta atitudes de ciúme ou competição com irmãos ou outras crianças?( ) Sim ( ) NãoQue coisas ela é proibida de fazer?___________________________________________________________________________________________________________________________ Além dos pais, há alguém que interfere na educação dessa criança? ( ) Sim ( ) Não_ Há parentes ou outras famílias muito ligadas à vida dela? ( ) Sim ( ) Não Quem?__________________________________________________________________________________ A criança, em relação aos irmãos:( ) Relaciona–se bem ( ) Apanha ( ) É protegido ( ) Briga ( ) Bate ( ) Protege_ Ela respeita os empregados da casa? ( ) Sim ( ) Não_ A atitude dos empregados em relação à criança é de:( ) Obediência ( ) Amizade ( ) Autoridade ( ) Respeito 28
  29. 29. 29_ Ela recebe instrução religiosa? ( ) Sim ( ) Não_ Como a família passa os finais de semana?___________________________________________________________________________________________________________________ A criança realiza as refeições com a família? ( ) Sim ( ) Não7) VIDA ESCOLAR:_ Já freqüentou outras escolas? ( ) Sim ( ) Não. Caso for positivo, relacione-as, por favor:• NOME DA ESCOLA ________________________________________________________• IDADE DO ALUNO ________________________________________________________• MOTIVO DA SAÍDA ________________________________________________________ Como foi a adaptação da criança às escolas anteriores?__________________________________________________________________________________________________________ Sofreu bullyng ou alguma discriminação? ( ) Sim ( ) Não. No caso de positivo, citequaisforam:__________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Quais as expectativas dos pais em relação à Escola onde ela estuda atualmente?______________________________________________________________________________________ Teve dificuldades de aprendizagem? ( ) Sim ( ) Não. Em que disciplina?______________ Foi reprovada alguma vez? ( ) Sim ( ) Não.8) INFORMAÇÕES ESPECIAIS:_ A criança já teve alguma experiência fora do comum? Qual?_____________________________________________________________________________________________________ Como os pais descreveriam a personalidade desse filho?________________________________________________________________________________________________________8) DADOS FINAIS:_ Data do preenchimento: ________/_______/________ 29
  30. 30. 30_ Nome do Informante: ________________________________________________________ 30

×