SGA e ISO 14000
Profª. Dra. Maria Cecília Pereira Soares
ENERGIA
ÁGUA
RECURSOS
NATURAIS
PRODUTOS EMISSÕES
RESÍDUOS
EFLUENTES
É o contexto físico, biológico e sócio–econômico no qu...
Alteração das condições e/ou da qualidade
natural dos aspectos ambientais
 Impacto Ambiental
EFEITO
GLOBAL
EFEITO
LOCAL
...
Definição:Conjunto de ações sistematizadas que visam o
atendimento das Boas Práticas, das Normas e da
Legislação Ambiental...
QUE VANTAGENS OFERECE UM SISTEMA
DE GESTÃO AMBIENTAL ?
• Criação de uma imagem “verde”;
• Acesso a novos mercados;
• Reduç...
A implementação de um Sistema de
Gestão Ambiental, além de promover a
redução dos custos internos das
organizações, aument...
Normalização
 Organismos Normalizadores
 Função: Elaborar e publicar normas técnicas
consensuais aplicáveis a produtos, ...
ABNT – Associação Brasileira de
Normas Técnicas
 Representante da ISO no Brasil e um dos seus
fundadores;
 Reconhecida p...
NORMAS ISO 14000
- Objetivo: “Prover às organizações os elementos
de um Sistema de Gestão Ambiental eficaz,
passível de in...
6/4/2014
Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte – Tecnologia em
Eventos
Eventos com Consciência Ambiental – Profª. Fern...
As Normas ISO 14000 não substituem,
portanto, a legislação ambiental vigente no
local onde está instalada a empresa. Na
re...
Tendo por base um Sistema de Gestão
Ambiental, as normas da série ISO 14000
também vão estabelecer, quando inteiramente
im...
Melhoria Contínua
Processo de aprimoramento do sistema de gestão
ambiental, visando atingir melhorias no
desempenho ambien...
 Publicada em Setembro de 1996
(1ª Versão);
 Revisão e complementação em 2.000
Histórico
ISO 14000
Norma que estabelece uma estrutura de
gerenciamento ambiental a qual permite
qualquer organização controlar os ...
POR QUE TER A NBR ISO 14.000?
DIFERENCIAL COMPETITIVO
 Melhoria da imagem
 Conquista de mercados
 Aumento da produtivid...
MINIMIZAÇÃO DOS CUSTOS
 Eliminação dos desperdícios
 Conquista da conformidade com menor custo
 Racionalização dos recu...
ISO 14001:2004
SGA – SISTEMA DE
GESTÃO AMBIENTAL
O que é a ISO 14001:2004
O SGA – Sistema de Gestão Ambiental foi
revisado , sob o sistema estabelecido em
1996, apresentan...
O que é a ISO 14001:2004
As mudanças ocorreram na ISO 14001:
1996, com a seguinte finalidade:
Esclarecer adequadamente os ...
O que é a ISO 14001:2004
A ISO 14001:2004 é um padrão de
gerenciamento e não é um padrão de
desempenho ou de produto e que...
O que é a ISO 14001:2004
O Sistema de Gestão Ambiental contém os
seguintes elementos:
Política ambiental suportada pela Al...
O que é a ISO 14001:2004
O Sistema de Gestão Ambiental contém os
seguintes elementos: (cont.)
Treinamento e procedimentos ...
O que é a ISO 14001:2004
Existem três componentes, para um sistema
de gestão ambiental:
Um programa escrito;
Educação e tr...
Benefícios
É um método para alcançar a proteção ambiental
para os negócios de uma organização;
Integração com os sistemas ...
Agosto/09
REQUISITOS DO PROCESSO
• Diretrizes para Implementação do Sistema
de Gestão Ambiental – ISO 14001:2004;
• Diretr...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
1 Objetivo e campo
de aplicação.
1 Objetivo e
campo de
aplicaç...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.2 Política de SOS 4.2 Política Ambiental 5.1
5.3
8.5.1
•Comp...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.3.2 Requisitos Legais
e outros requisitos
4.3.2 Requisitos l...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.4.1 Recursos, funções,
responsabilidades
e autoridades
4.4.1...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.4.3 Comunicação,
participação e
consulta
4.4.3 Comunicação 5...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.4.6 Controle
Operacional
4.4.6 Controle
Operacional
7.1
7.2
...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.4.6
4.4.7
Controle
Operacional
Preparação e
resposta à
emerg...
Seção OHSAS:18.001:07 Seçã ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.5 Verificação e
ação corretiva
4.5 Verificação e
ação correti...
Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08
4.5.3
4.5.3.1
Investigação de
incidentes não
conformidades,
aç...
Seção OHSAS:18.001:
07
Seção ISO
14.001:04
Seção ISO 9001:08
4.5.4 Controle de
registros
4.5.4 Controle de
registros
4.2.4...
O que é a ISO 9001
Produtos não conforme: como isolar produtos falhos
e prevenir o uso;
Ações preventivas e corretivas: Se...
O que é a ISO 9001:
Auditoria: em que tempo são avaliadas as etapas do
processo e se olham as oportunidades de melhoria;
T...
O que é a ISO 9001:
Retorno ao cliente: encontrar o que os clientes
pensam do serviço ou trabalho realizado e usar
ferrame...
Benefícios
Invariavelmente ajuda o controle dentro de um
determinado negócio e também permite que o
negócio cresça para os...
OHSAS
18001:2007(Occupational
Health and Safety Assessment
Series)
SÉRIE DE AVALIAÇÕES DE
SEGURANÇA E SAÚDE
OCUPACIONAL
O que é a OHSAS 18001:2007
As organizações ao longo do mundo estão
mostrando melhorias para alcançar e
demonstrar desempen...
O que é a OHSAS 18001:2007
A OHSAS 18001 é aplicável a qualquer
organização, para todos os tipos de
negócios, setores ou a...
O que é a OHSAS 18001:2007
O Sistema de Gestão de Segurança e Saúde
Ocupacional apresentam os seguintes
benefícios chaves:...
O que é a OHSAS 18001:2007
O Sistema de Gestão de Segurança e Saúde
Ocupacional apresentam os seguintes
benefícios chaves:...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Principios ISO 14001

2,371

Published on

Segue aula 2 para Engenharia Elétrica - Osasco.

Published in: Engineering
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
2,371
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
206
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Principios ISO 14001

  1. 1. SGA e ISO 14000 Profª. Dra. Maria Cecília Pereira Soares
  2. 2. ENERGIA ÁGUA RECURSOS NATURAIS PRODUTOS EMISSÕES RESÍDUOS EFLUENTES É o contexto físico, biológico e sócio–econômico no qual a empresa se instala e opera, incluindo o ar, as águas, o solo, os recursos naturais, fauna e flora, a sociedade e suas interações  Meio Ambiente
  3. 3. Alteração das condições e/ou da qualidade natural dos aspectos ambientais  Impacto Ambiental EFEITO GLOBAL EFEITO LOCAL  Aquecimento da Terra  Redução da Camada de Ozônio  Chuva Ácida  Redução da Biodiversidade  Alteração na Qualidade do Ar  Alteração na Qualidade da Água;  Contaminação dos Solos  Impacto Visual;  Ruído
  4. 4. Definição:Conjunto de ações sistematizadas que visam o atendimento das Boas Práticas, das Normas e da Legislação Ambiental. Objetivos:Empresarias / Econômicos Redução de custos com: autuações, passivos ambientais, matérias primas, resíduos e emissões Ambientais -Promover a melhoria do Meio Ambiente -Implementar e difundir os “Princípios do Desenvolvimento Sustentável” SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL - SGA
  5. 5. QUE VANTAGENS OFERECE UM SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL ? • Criação de uma imagem “verde”; • Acesso a novos mercados; • Redução de acidentes ambientais e custos de remediação; • Conservação de energia e recursos naturais; • Menor risco de sanções do Poder Público; • Redução de perdas e desperdícios; • Maior economia; e • Facilita acesso a financiamentos.
  6. 6. A implementação de um Sistema de Gestão Ambiental, além de promover a redução dos custos internos das organizações, aumenta a competitividade e facilita o acesso aos mercados consumidores, em concordância com os princípios e objetivos do desenvolvimentos sustentável.
  7. 7. Normalização  Organismos Normalizadores  Função: Elaborar e publicar normas técnicas consensuais aplicáveis a produtos, processos e métodos de ensaios.  Normas ISO  As normas ISO são normas ou padrões desenvolvidos pela International Organization for Standartization (ISO), organismo internacional não governamental com sede em Genebra.
  8. 8. ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas  Representante da ISO no Brasil e um dos seus fundadores;  Reconhecida pelo governo brasileiro como Fórum Nacional de Normalização  Responsável pela elaboração de normas técnicas e pelo fomento de seu uso;  Representa o Brasil nos Organismos Internacionais de Normatização.  Entidade privada, independente e sem fins lucrativos, fundada em 1940, que atua na área de certificação.
  9. 9. NORMAS ISO 14000 - Objetivo: “Prover às organizações os elementos de um Sistema de Gestão Ambiental eficaz, passível de integração com outros requisitos de gestão, de forma a auxiliá-las a alcançar seus objetivos ambientais e econômicos”. - As normas ISO 14000 orientam a organização a “formular uma política e objetivos que levem em conta os requisitos legais e as informações referentes aos impactos ambientais significativos”.
  10. 10. 6/4/2014 Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte – Tecnologia em Eventos Eventos com Consciência Ambiental – Profª. Fernanda Alves R, Guimarães - www.fernandaalves.com.br 10 Família de normas NBR ISO 14000 ISO 14001* Sistema de Gestão Ambiental (SGA) – Especificações para implantação e guia ISO 14004 Sistema de Gestão Ambiental – Diretrizes Gerais ISO 1410 Guias para Auditoria Ambiental – Diretrizes Gerais ISO 14011 Diretrizes para Auditoria Ambientais e Procedimentos para Auditorias ISO 14012 Diretrizes para Auditoria Ambiental – Critérios de Qualificação ISO 14020 Rotulagem Ambiental – Princípios Básicos ISO 14021 Rotulagem Ambiental – Termos e Definições ISO 14022 Rotulagem Ambiental – Simbologia para Rótulos ISO 14023 Rotulagem Ambiental – Testes e Metodologias de Verificação ISO 14024 Rotulagem Ambiental – Guia para Certificação com Base em Análise Multicriterial ISO 14031 Avaliação da Performance Ambiental ISO 14032 Avaliação da Performance Ambiental dos Sistemas de Operadores ISO 14040* Análise do Ciclo de Vida – Princípios Gerais ISO 14041 Análise do Ciclo de Vida – Inventário ISO 14042 Análise do Ciclo de Vida – Análise dos Impactos ISO 14043 Análise do Ciclo de Vida – Migração dos Impactos ISO 14050 Vocabulário (termos e definições)
  11. 11. As Normas ISO 14000 não substituem, portanto, a legislação ambiental vigente no local onde está instalada a empresa. Na realidade a reforçam, ao exigirem o cumprimento integral dessa legislação local, para que possa ser concedida a certificação da empresa. As normas também não estabelecem padrões de desempenho. Esses devem ser estabelecidos pela própria empresa, dentro de limites compatíveis com sua Política Ambiental.
  12. 12. Tendo por base um Sistema de Gestão Ambiental, as normas da série ISO 14000 também vão estabelecer, quando inteiramente implantadas, as diretrizes para Auditorias Ambientais, Avaliação do Desempenho Ambiental, Rotulagem Ambiental e Análise do Ciclo de Vida dos produtos, exigindo assim a total transparência da empresa e de seus produtos com relação aos aspectos ambientais.
  13. 13. Melhoria Contínua Processo de aprimoramento do sistema de gestão ambiental, visando atingir melhorias no desempenho ambiental global de acordo com a política ambiental da organização. Meio-Ambiente Circunvizinhança em que uma organização opera, incluindo ar, água, solo, recursos naturais, flora, fauna, seres humanos e suas inter-relações. SÉRIE ISO 14000 - ALGUMAS DEFINIÇÕES
  14. 14.  Publicada em Setembro de 1996 (1ª Versão);  Revisão e complementação em 2.000 Histórico
  15. 15. ISO 14000 Norma que estabelece uma estrutura de gerenciamento ambiental a qual permite qualquer organização controlar os impactos ambientais de seus produtos, atividades e serviços NÃO é uma Uma norma de critérios de performance ambiental NÃO é Limitada a certos tipos de empresa, ou seja, qualquer tipo de organização pode desenvolver um SGA com base na ISO 14001 NÃO é Limitada a um tamanho particular de organização
  16. 16. POR QUE TER A NBR ISO 14.000? DIFERENCIAL COMPETITIVO  Melhoria da imagem  Conquista de mercados  Aumento da produtividade MELHORIA ORGANIZACIONAL  Gestão ambiental sistematizada  Integração da qualidade ambiental à gestão dos negócios da empresa  Conscientização dos funcionários  Relacionamento e parceria com a comunidade
  17. 17. MINIMIZAÇÃO DOS CUSTOS  Eliminação dos desperdícios  Conquista da conformidade com menor custo  Racionalização dos recursos humanos, físicos e financeiros MINIMIZAÇÃO DOS RISCOS  Minimização dos acidentes ambientais  Eliminação dos passivos ambientais  Minimização dos riscos dos produtos  Identificação das vulnerabilidades
  18. 18. ISO 14001:2004 SGA – SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL
  19. 19. O que é a ISO 14001:2004 O SGA – Sistema de Gestão Ambiental foi revisado , sob o sistema estabelecido em 1996, apresentando a ISO 14001:2004, o Guia para especificação de uso, e a ISO 14004:2004, o Sistema de Gestão Ambiental – Guia geral nos princípios, sistemas e técnicas de suporte.
  20. 20. O que é a ISO 14001:2004 As mudanças ocorreram na ISO 14001: 1996, com a seguinte finalidade: Esclarecer adequadamente os requisitos da norma; Alinhamento com os requisitos da norma ISO 9001; Alterações no conteúdo do texto. Correlação entre os impactos e atendimento aos requisitos legais aplicáveis
  21. 21. O que é a ISO 14001:2004 A ISO 14001:2004 é um padrão de gerenciamento e não é um padrão de desempenho ou de produto e que as empresas devem adotar para melhorar o seu desempenho nas questões ambientais.
  22. 22. O que é a ISO 14001:2004 O Sistema de Gestão Ambiental contém os seguintes elementos: Política ambiental suportada pela Alta Administração; Identificação de aspectos e impactos significativos; Identificação de requisitos legais e outros requisitos; Metas, objetivos e alvos ambientais – Política; Programa de gestão ambiental; Definição de regras, responsabilidades e autoridades;
  23. 23. O que é a ISO 14001:2004 O Sistema de Gestão Ambiental contém os seguintes elementos: (cont.) Treinamento e procedimentos de mérito; Processos de comunicação do SGA para interessados; Procedimentos de controle operacional e documentos; Procedimentos para monitoramento e medição; Procedimentos para corrigir não conformes; Programa de auditoria e procedimentos de revisão.
  24. 24. O que é a ISO 14001:2004 Existem três componentes, para um sistema de gestão ambiental: Um programa escrito; Educação e treinamento; conhecimento dos regulamentos ambientais relevantes locais e federais.
  25. 25. Benefícios É um método para alcançar a proteção ambiental para os negócios de uma organização; Integração com os sistemas de gestão da qualidade dentro dos negócios e das operações da organização, sem deixar de atender aos requisitos das leis externas.
  26. 26. Agosto/09 REQUISITOS DO PROCESSO • Diretrizes para Implementação do Sistema de Gestão Ambiental – ISO 14001:2004; • Diretrizes para Implementação do Sistema de Gestão da Qualidade – ISO 9001:2008. • Diretrizes para Implementação de Sistema de Gestão em Segurança e Saúde Ocupacional – OHSAS 18001:2007;
  27. 27. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 1 Objetivo e campo de aplicação. 1 Objetivo e campo de aplicação 1 Objetivo e campo de aplicação 2 Publicações de referências normativas 2 Referências normativas 2 Referências normativas 3 Termos e definições 3 Definições 3 Termos e definições 4.1 Requisitos Gerais 4.1 Requisitos Gerais 4.1 Requisitos Gerais, responsabilidades autoridades.
  28. 28. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.2 Política de SOS 4.2 Política Ambiental 5.1 5.3 8.5.1 •Comprometimento da direção •Política da Qualidade •Melhoria Contínua 4.3 Planejamento 4.3 Planejamento 5.4 Planejamento 4.3.1 Identificação de perigos, avaliação de risco e definição de controles 4.3.1 Aspectos Ambientais 5.2 7.2.1 7.2.2 • Foco no cliente • Determinação dos requisitos relacionados ao produto •Análise critica dos requerimentos relacionados ao produto
  29. 29. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.3.2 Requisitos Legais e outros requisitos 4.3.2 Requisitos legais e outros requisitos 5.2 7.2.1 •Foco no cliente •Determinação dos requisitos relacionados ao produto 4.3.3 Objetivos e programas 4.33 Objetivos, e metas e programas 5.4.1 5.4.2 8.5.1 Objetivos da Qualidade Planejamento do sistema da gestão da qualidade Melhoria Contínua 4.4 Implementação e operação 4.4 Implementação e operação 7 •Realização do produto
  30. 30. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.4.1 Recursos, funções, responsabilidades e autoridades 4.4.1 Recursos, papéis, responsabilidade e autoridade 5.1 5.5.1 5.5.2 6.1 6.3 •Comprometimento da direção •Responsabilidade e autoridade •Representante da direção •Provisão de recurso •Infraestrutura 4.4.2 Competência, treinamento, conscientização 4.4.2 Competência, treinamento, conscientização 6.2.1 6.2.2 8.5.1 Recursos Humanos Generalidades Competência, conscientização e treinamento
  31. 31. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.4.3 Comunicação, participação e consulta 4.4.3 Comunicação 5.5.3 7.2.3 •Comunicação interna •Comunicação com o cliente 4.4.4 Documentação 4.4.4 Documentação 4.2.1 •Requisitos de documentação 4.4.5 Controle de documentos 4.4.5 Controle de documentos 4.2.3 •Controle de documentos
  32. 32. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.4.6 Controle Operacional 4.4.6 Controle Operacional 7.1 7.2 7.2.1 à 7.2.2 7.3.1 à 7.3.7 7.4.1 7.4.2 •Planejamento da realização do produto •Processos relacionados ao cliente •Determinação dos requisitos e análise critica relacionados ao produto •Planejamento do projeto e desenvolvimento com , entradas, saídas, análise critica, verificação, validação e controle de alterações de projetos. •Controle de alteração de projetos •Processo de aquisição •Informações de aquisição
  33. 33. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.4.6 4.4.7 Controle Operacional Preparação e resposta à emergências 4.4.6 4.4.7 Controle Operacional Preparação e resposta à emergências 7.4.1 7.4.2 7.4.3 7.5.1 7.5.2 7.5.5 8.3 •Desenvolvimento • Processo aquisição •Informação aquisição •Controle de produção e fornecimento de serviço. •Validação dos processos de produção e fornecimento de produto •Preservação de produto •Controle de produto não conforme
  34. 34. Seção OHSAS:18.001:07 Seçã ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.5 Verificação e ação corretiva 4.5 Verificação e ação corretiva 8 •Medição, análise e melhoria 4.5.1 4.5.2 Monitoramento e Medição Avaliação do atendimento a requisitos legais e outros 4.5.1 4.5.2 Monitorament o e medição Avaliação do atendimento a requisitos legais e outros 7.6 8.1 8.2.3 8.2.4 8.4 8.2.3 8.2.4 •Controle de dispositivos •Generalidades •Medição e monitoramento de processos •Medição e monitoramento produto •Análise de dados •Medição e monitoramento de processos •Medição e monitoramento de produto
  35. 35. Seção OHSAS:18.001:07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.5.3 4.5.3.1 Investigação de incidentes não conformidades, ação corretiva e ação preventiva Investigação de incidentes 4.5.3.2 Não conformidade, ação corretiva e preventiva 4.5.3 Não conformidade ação corretiva e ação preventiva 8.3 8.4 8.5.2 8.5.3 •Controle de produtos não conformes •Análise de dados •Ação Corretiva •Ação Preventiva
  36. 36. Seção OHSAS:18.001: 07 Seção ISO 14.001:04 Seção ISO 9001:08 4.5.4 Controle de registros 4.5.4 Controle de registros 4.2.4 •Controle de registros 4.5.5 Auditoria Interna 4.5.5 Auditoria interna 8.2.2 •Auditoria Interna 4.6 Análise pela administração 4.6 Análise pela administraçã o 5.1 5.6 5.6.1 à 5.6.3 8.5.1 •Comprometimento da direção, análise critica pela direção, generalidades, entradas e saídas para análise critica, e melhoria contínua
  37. 37. O que é a ISO 9001 Produtos não conforme: como isolar produtos falhos e prevenir o uso; Ações preventivas e corretivas: Se falhas ocorrem, como são geridas e como prevenir que ocorram novamente e o planejamento para evitar problemas na primeira vez; Manuseio e armazenamento: como se gerencia o estoque, embalagem e entrega, assim como os dados dos materiais e produtos; Registros da qualidade: que registros são mantidos para provar que se faz, tudo o que se diz ser feito;
  38. 38. O que é a ISO 9001: Auditoria: em que tempo são avaliadas as etapas do processo e se olham as oportunidades de melhoria; Treinamento: como comprovar que as pessoas que realizam o trabalho são qualificadas e se existe um processo de treinamento atual e revisado; Serviços: como são realizados os serviços e como são controlados; Estatísticas: as análises de dados chave dos processos são usadas para melhoria continuada dos resultados dos processos;
  39. 39. O que é a ISO 9001: Retorno ao cliente: encontrar o que os clientes pensam do serviço ou trabalho realizado e usar ferramentas para revisar e melhorar a gestão dos resultados; Melhorias internas: manutenção de base de dados de cada processo e decidir o que fazer para melhorar o desempenho sobre o resultado.
  40. 40. Benefícios Invariavelmente ajuda o controle dentro de um determinado negócio e também permite que o negócio cresça para os clientes os quais não utilizariam o produto, se o negócio não existisse; São obtidas mudanças relevantes para o resultado do negócio, são obtidos retornos dos clientes, são obtidos dados internos sobre o desempenho do negócio e os reflexos das melhorias implementadas no negócio.
  41. 41. OHSAS 18001:2007(Occupational Health and Safety Assessment Series) SÉRIE DE AVALIAÇÕES DE SEGURANÇA E SAÚDE OCUPACIONAL
  42. 42. O que é a OHSAS 18001:2007 As organizações ao longo do mundo estão mostrando melhorias para alcançar e demonstrar desempenho em Segurança e Saúde Ocupacional, para seus acionistas, empregados, clientes e outros parceiros pela gestão de riscos e melhoria e melhorando os efeitos benéficos do negócio.
  43. 43. O que é a OHSAS 18001:2007 A OHSAS 18001 é aplicável a qualquer organização, para todos os tipos de negócios, setores ou atividades, com foco na gestão de Segurança e Saúde Ocupacional e endereçar as organizações que podem ser usadas para das aos acionistas e outros a segurança e conformidade com a Política de SOS.
  44. 44. O que é a OHSAS 18001:2007 O Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional apresentam os seguintes benefícios chaves: Melhoria da cultura de segurança da organização; Melhoria na eficiência e conseqüentemente reduz os riscos de acidentes e produção de perda de tempo; Melhora o controle dos perigos e a redução de riscos, através do estabelecimento de metas, objetivos e desenvolve a responsabilidade dos envolvidos;
  45. 45. O que é a OHSAS 18001:2007 O Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional apresentam os seguintes benefícios chaves: (cont.) Demonstra conformidade legal e responsabilidade social; Melhora a reputação para SOS; Reduz os prêmios com seguros; É parte integrante de estratégias de sustentabilidade; Demonstra compromisso e proteção para organização.
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×