China   Parte 1
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

China Parte 1

on

  • 6,997 views

China - Antecedentes históricos - AULA

China - Antecedentes históricos - AULA

Statistics

Views

Total Views
6,997
Views on SlideShare
6,938
Embed Views
59

Actions

Likes
1
Downloads
175
Comments
0

3 Embeds 59

http://virginiageografia.blogspot.com 44
http://www.slideshare.net 13
http://geocsamousinho.blogspot.com 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    China   Parte 1 China Parte 1 Presentation Transcript

    • A 4ª MAIOR ECONOMIA MUNDIAL PARTE 1 ANTECEDENTES HISTÓRICOS CHINA Professora Virgínia
    • MIANMAR
    • O TERCEIRO PAÍS EM EXTENSÃO TERRITORIAL
      • 1º - Rússia (17.075.400 km2)
      • 2º - Canadá (9.922.330 km2)
      • 3º - China (9.461.300 km2)
      • 4º - Estados Unidos (incluindo o Alasca e Hawaii: 9.363.124 km2)
      • 5º - Brasil (8.511.996 km2)
    • Origens
      • 1 500 aC – Dinastia Chang
      • 221 – Dinastia Tsin
      A grande muralha foi construída pelo soberano Che Huang-Ti para defender o norte do reino Chinês das invasões nômades, por volta de 215 a.C. A Muralha fica na região mais ao leste que vai do golfo do Chile, no Mar Amarelo, até o começo da Ásia Central. A maior parte da fortificação, com cerca de 2500Km, ficou pronta no reinado de Huang-Ti. Ela se expandiu nos séculos seguintes, principalmente durante a dinastia Ming(1368 d.C - 1644 d.C). A muralha, incluindo todas as suas ramificações, tem cerca de 6400 quilômetros, de Po Hai no leste até o deserto central da Ásia.
    •  
    • Estrutura Social Imperador Mandarim Militares Comerciantes Sacerdotes G.Proprietários Camponeses Escravos Intermediário entre céu e terra Letrados : Justiça, Impostos e Div.do Trabalho
    • Religião Taoísmo
      • Fundador : Lao – Tsé ( aprox. 570 – 490 aC )
      • Tao : Caminho
      • Yin – Feminino, Passivo, Frio, Norte, Escuro
      • Yang : Masculino, Ativo, Sul, Calor, Cor Clara
      Equilíbrio O Taoísmo é o único conjunto de ensinamentos filosóficos e práticas religiosas que se originou na China. Os taoístas acreditam que o homem deve viver em harmonia com a natureza por meio do Tao, ou “O Caminho”, a idéa de uma grande harmonia cósmica. As crenças taoístas ressaltam a auto-desenvolvimento, a liberdade e a busca da imortalidade. O Taoísmo é fortemente influenciado pela religião popular chinesa, e os deuses taoístas são figuras históricas que demonstraram poderes excepcionais em vida.
    • Religião Confucionismo Pregava o Equilíbrio O pressuposto do pensamento confucionista é que o homem pode atingir a perfeição através da educação e, conhecendo o caminho dos antigos, chegar a uma vida virtuosa que lhe permita comportar-se corretamente, conforme seu papel na sociedade. 551-479 A.C
    • Dominação e exploração
      • PORTUGUESES
      • FRANCESES
      • BRITÂNICOS
      • RUSSOS
      • JAPONESES
      Os conflitos dessa dominação levaram a guerras e os orientais foram derrotados. Vietnã Ocupou a península da Coréia e Taiwna Macau
    • Guerra do Ópio: I 1839-1842 e II 1856-1860
      • Na 1ª guerra, com a vitória da Inglaterra a China foi forçada a assinar o Tratado de Nanquim em 1842 pelo qual foi submetida a franquear ao comércio com a Inglaterra cinco portos e a extinguir a sua firma comercial encarregada de efetuar o comércio com os empresários ocidentais e pagar uma indenização de guerra: entregar ao domínio inglês a ilha de Hong-Kong.
      • Na 2ª guerra do ópio teve como motivo o fato de oficiais chineses terem revistado um navio de bandeira inglesa. Nesta segunda campanha a Grã-Bretanha teve como aliada a França. Com a derrota da China foi imposto o Tratado de Tianjin que obrigou a China a abrir mais 11 portos ao comércio com as potências ocidentais e aos missionários cristãos.
      TRATADOS DESIGUAIS O ópio é um suco espesso extraído dos frutos imaturos de várias espécies de papoulas soníferas, utilizado como narcótico. Planta essa que cresce naturalmente na Ásia, sendo originária do Mediterrâneo e Oriente Médio.
    • Revolta dos Boxers (1898) Revolta nacionalista chinesa contra o domínio estrangeiro (ocidentais e cristãos chineses) iniciado pela Sociedade Harmoniosos Punhos Justiceiros (Sociedade dos Boxers). Os boxers contavam com o apoio popular e promoveram diversos, ataques e rebeliões até que em 17 de Junho de 1900, os rebeldes sitiaram Pequim. O objetivo dos Boxers era libertar a China da dominação imperialista. SALDO: Derrota para britanicos, franceses, russos e japoneses que invadiram a China e reprimiram a revolta. Um Boxer
    • Dinastia Manchu
      • Os manchus invadiram o norte da China em 1644 e derrotaram a dinastia Ming. Estabeleceram a dinastia Manchu e governaram até 1912.
      • Durante a maior parte dos 150 primeiros anos de governo da dinastia Manchu, a China permaneceu isolada do mundo ocidental. Os manchus obrigaram os comerciantes e missionários europeus a sair do país. Até por volta de 1800, o período de governo da dinastia Manchu havia sido um período estável, mas sem o mesmo desenvolvimento da arte e da literatura.
    • Em 1900, o médico Sun Yat-sen funda o Partido Nacionalista (Kuomintang)
      • 1912 – revolução põe fim no Império Manchu e instaura a República
      • A URSS procurou estabelecer aliança entre o Kuomintang e o PCCh
      A morte de Sun Yat-sen, em 1925, provoca uma luta pelo poder no Kuomintang.
      • Chiang Kai-shek, une-se ao Partido Comunista Chinês (PCCh) – fundado em 1922 – contra os senhores feudais do norte do país. A aliança dura apenas até 1927, quando uma insurreição operária é reprimida com violência pelo Kuomintang em Xangai.
      Chiang Kai-shek
    • Grande Marcha (1934-1935) 100 mil comunistas, liderados por Mao, deslocam-se 9 mil quilômetros rumo ao norte do país, para escapar do cerco do Kuomintang Mao Tsé - tung O PCCh, SOB A LIDERANÇA DE MAO , RETIROU-SE PARA O CAMPO A FIM DE REORGANIAZAR SUAS BASES DE APOIO (+ 09/09/1976)
    • Resultado da Grande Marcha
      • VITÓRIA DE MAO TSÉ TUNG
      • DERROTA E FUGA DOS LÍDERES DO KUOMINTANG (NACIONALISTAS) PARA TAIWAN
    • Em outubro de 1949 foi proclamada a República Popular da China
    • Duas Chinas
    • China Continental
      • Alinhada com Moscou
    • China comunista
      • Coletivização das terras
      • Coletivização dos bancos
      • Expropriação das fábricas
      • CONTROLE ESTATAL DA ECONOMIA
      • Ditadura do partido único
      • PCCh
      China, censura sem fim
    • O Grande Salto à Frente (1957-1961)
      • Objetivos:
      • Duplicar a produção industrial
      • Queimar etapas do processo de consolidação do modo de produção socialista, através da implantação de um parque industrial
      • O Estado passou a dar prioridade para a o setor de base – (produção caseira do ferro-gusa)
      • O GRANDE SALTO FRACASSOU
    • 1966-76: Revolução Cultural Proletária Esse movimento foi um esforço de transformação ideológica contra o revisionismo soviético, uma implacável perseguição dos contra-revolucionários e uma forma de isolamento econômico em relação ao exterior.
    • Aproximação com os EUA
      • 1971 – EUA rever sua posição de reconhecer apenas Taiwan
      • Aceita a adesão da China
      • Continental como membro
      • do CS da ONU e a exclusão
      • Da China Nacionalista
      • (Taiwan)
      Conselho de Segurança da ONU
      • Membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU:
      • EUA
      • Reino Unido
      • França
      • China
      • Rússia
    •  
    • PÃO DE AÇUCAR - RJ Professora Virgínia Ribeiro Geografia