Acessibilidade

530 views
455 views

Published on

Published in: Design
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
530
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Acessibilidade

  1. 1. Acessibilidade:definições e história ©2012 Cláudio Diniz Alves e Janicy Rocha
  2. 2. o que é acessibilidade?Possibilidade e condição de alcance e uso deedificações, transportes, espaços, mobiliários eequipamentos urbanos e também de dispositivos,sistemas e meios de comunicação e informação,com segurança e autonomia total ou assistida (NBR9050/1994; BRASIL, 2004).BRASIL. Decreto nº 5.296 de 02 de Dezembro de 2004. Diário Oficial da União,Brasília: Senado Federal, 03 dez. 2004.NBR 9050: Associação Brasileira de Normas Técnicas. Acessibilidade de PessoasPortadoras de Deficiências a Edificações, Espaço, Mobiliário e EquipamentosUrbanos. ABNT. RJ. 1994.
  3. 3. o que é acessibilidade digital?Acesso universal a quaisquer recursos de Tecnologiada Informação.O que é acessibilidade na Internet?Acesso universal aos diversos componentes da redemundial de computadores, como chats, e-mail eoutros.FERREIRA, Simone Bacellar Leal et al. Panorama da acessibilidade na webbrasileira. In: Encontro Nacional dos Programas de Pós Graduação emAdministração, 2007, Rio de Janeiro. Anais do ENANPAD 2007.
  4. 4. O que é acessibilidade Web (e-acessibilidade)?Possibilidade de acesso, interação, percepção,compreensão, navegação e colaboração com ocomponente Web, representado pelo conjunto depáginas interligadas por links de hipertexto.FERREIRA, Simone Bacellar Leal et al. Panorama da acessibilidade na web brasileira.In: Encontro Nacional dos Programas de Pós Graduação em Administração, 2007, Riode Janeiro. Anais do ENANPAD 2007.Deve assegurar que as pessoas, independentementede suas limitações, possam acessar e interagir com osconteúdos disponíveis nesse meio.
  5. 5. acessibilidade WebRefere-se à prática de fazer websites que possam serutilizados por todas as pessoas, sejam deficientes ounão. Quando os sites são corretamente concebidos,desenvolvidos e editados, todos os usuários podem terigual acesso à informação.DIAS, C. Usabilidade na Web: Criando Portais mais Acessíveis. Alta Books, 2007.
  6. 6. Não só deficientes se beneficiam......idosos ...usuários de ...aparelhos ...mobilidade reduzida ...mecanismos de navegadores móveis temporariamente busca/SEO alternativos
  7. 7. 1,36% 5,09%76,1% 23,9% 18,75% 6,95% *a soma relativa a deficientes ultrapassa 23,9% porque algumas pessoas têm deficiência múltipla. Pessoas sem deficiência Auditiva Motora Pessoas com deficiência Mental/Intelectual Visual
  8. 8. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história
  9. 9. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história1994 - Fundação do World Wide Web Consortium (W3C)por Tim Berners Lee, com a missão de elaborar padrõespara a construção e a interpretação de conteúdos Web.Missão: Levar a Web ao seu potencial máximo,desenvolvendo protocolos e diretrizes que garantam seucrescimento a longo prazo.
  10. 10. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história1997 - Idealização dos primeiros padrões e leis deacessibilidade por Austrália, Canadá e Estados Unidos.
  11. 11. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história1998 - Entrou em vigor nos Estados Unidos a “Section508”, uma lei determinando que a tecnologia eletrônicae de informação dos órgãos federais seja acessível àspessoas portadoras de deficiência.Segundo essa lei, “a tecnologia inacessível interfere nacapacidade individual de adquirir e usar a informação demaneira rápida e fácil”.
  12. 12. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história1999 - Criação do WAI (Web Accessibility Initiative), grupode trabalho do W3C, com a competência de criar estratégias,diretrizes, orientações e recursos para auxiliar na construção eimplementação da acessibilidade Web.1999 - Publicação das Diretrizes para a Acessibilidade doConteúdo da Web (WCAG 1.0), pelo WAI.1999 - Definição de diretrizes de acessibilidade pelo governode Portugal, que se tornou o primeiro país da Europa e o quartodo planeta a criar leis sobre acessibilidade na web.
  13. 13. Iniciativas para a acessibilidade web: uma breve história2004 - Determinação da acessibilidade de websites governamentais para pessoas comdeficiência visual pelo Decreto 5296/04.Capítulo VIDo Acesso à Informação e ComunicaçãoArt. 47. No prazo de até doze meses a contar da data de publicação deste Decreto, seráobrigatória a acessibilidade nos portais e sítios eletrônicos da administração públicana rede mundial de computadores (internet), para o uso das pessoas portadoras dedeficiência visual, garantindo-lhes o pleno acesso às informações disponíveis.§ 1° Nos portais e sítios de grande porte, desde que seja demonstrada a inviabilidadetécnica de se concluir os procedimentos para alcançar integralmente a acessibilidade, oprazo definido no caput será estendido por igual período.Art. 48. Após doze meses da edição deste Decreto, a acessibilidade nos portais e sítioseletrônicos de interesse público na rede mundial de computadores (internet), deverá serobservada para obtenção do financiamento de que trata o inciso III do art. 2°.
  14. 14. Situação da acessibilidade Web noBrasil (CGI.br, 2010)• 6, 3 milhões de páginas de websites governamentais analisadas em 2010.• Nenhum website avaliado apresenta total conformidade às diretrizes de acessibilidade em todas as suas páginas.
  15. 15. Situação daacessibilidade 98%Web no Brasil(CGI.br, 2010) 2%
  16. 16. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história2005 - Publicação do Modelo de Acessibilidade do GovernoEletrônico (e-MAG) - Versões 1.0 e 2.0.2007- Institucionalização do e-MAG pela Portaria n.º 3, quedetermina sua adoção nos portais da Administração PúblicaDireta, Indireta, Autárquica e Fundacional.
  17. 17. Iniciativas para a acessibilidade web:uma breve história2007/2008 – Lançamento do Avaliador e Simulador paraAcessibilidadE de Sítios(ASES), ferramenta que permite avaliar,simular e corrigir a acessibilidade de sites e portais.2008 - Publicação da segunda versão das Diretrizes para aAcessibilidade do Conteúdo da Web (WCAG 2.0), pelo WAI.2011 - Publicação do Modelo de Acessibilidade do GovernoEletrônico (e-MAG) - Versão 3.0.
  18. 18. Componentes essenciais paraAcessibilidade Web
  19. 19. FIM

×