Formação online para Instituições Publicas.

918 views
844 views

Published on

Palestra de encerramento do 2º Encontro Nacional de EaD - Rede de Escolas de Governo (Brasil): "Inovações e Desafios na Capacitação por meio da Educação a Distância para Instituições Públicas", realizada por Cristina Balari, Gerente do Programa "Redes de Especialistas Íbero-americanos" da Fundação CEDDET. 21 de agosto de 2009, Natal.

Published in: Education, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
918
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
23
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Formação online para Instituições Publicas.

  1. 1. FORMAÇAO POR INTERNET PARA INSTITUIÇOES PUBLICAS<br />Cristina BALARI URANGA<br />II ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA REDE DE ESCOLAS DE GOVERNO <br />Natal, 21 de agosto de 2009<br />
  2. 2. APRENDIZAGEM ONLINE (Prof. Litto)<br /><ul><li>1) Com estrutura de curso
  3. 3. 2) Sem estrutura de curso: comunidades virtuais de pratica e de aprendizagem, portal, arquivos digitais, operação de equipamentos científicos a distancia, tutorial avulsa, ambientes de realidade virtual
  4. 4. 3) Acervos digitais: Bibliotecas, repositórios de objetos, arquivos</li></ul> <br />
  5. 5.
  6. 6. OPORTUNIDADES<br />Entorno favorecedor: novos modelos gestão pública<br />Cambio percepção: do gasto a inversão <br />As TIC como ferramentas de desenvolvimento<br />Crescimento do mercado e reconhecimento dos governos <br />Processos de terceirização <br />
  7. 7. AMEAÇAS<br />Brecha digital: diferenças de acesso<br />Escassa inversão: produtos de terceiros<br />Escassa qualidade: tecnologia como fim e não como meio<br />Ambiente de crise<br />5/40<br />
  8. 8. FORTALEZAS <br /><ul><li>Planos nacionais promoção Sociedade da Informação
  9. 9. Demanda e consciência crescente
  10. 10. Coletivo de professores com potencial de serem tutores online
  11. 11. Custo-benefício
  12. 12. Amplitude geográfica: facilidade de acesso
  13. 13. Servidores de nível médio -alto abertos a inovações
  14. 14. Melhora equipamentos informáticos
  15. 15. Equipes de criação de conteúdos online
  16. 16. Participação equilibrada dos sexos
  17. 17. Idade e nível de estudos dos participantes</li></li></ul><li>DEBILIDADES<br /><ul><li>Pouco planejamento políticas RH
  18. 18. Difícil reconhecimento da formação online no CV administrativo
  19. 19. Pouca capacidade de gestão de projetos de e-learning
  20. 20. Falta de pessoal técnico informático
  21. 21. Formadores excelentes mas sem competências tecnológicas
  22. 22. Visão consagrada da formação presencial versus educação a distancia
  23. 23. Conteúdos disponíveis não adaptados para as necessidades
  24. 24. Falta de alfabetização digital dos funcionários públicos
  25. 25. Barreiras culturais e organizacionais (oposição do chefe)</li></li></ul><li>
  26. 26. NOVAS FERRAMENTAS, WEB 2.0, REDES<br />
  27. 27. CROSS, Aprendizado informal<br />WENGER, Comunidades pratica<br />Fonte: Dolors Reig<br />
  28. 28.
  29. 29.
  30. 30.
  31. 31.
  32. 32.
  33. 33.
  34. 34.
  35. 35.
  36. 36.
  37. 37. ASPECTOS CLAVE<br />
  38. 38. A FUNDAÇÃO<br />CEDDET<br />
  39. 39. QUE É E QUAIS SÃO OS OBJETIVOS DO CEDDET? <br /> OCentro de Educação a Distância para o Desenvolvimento Econômico e Tecnológico <br /><ul><li>Fundação sem fins lucrativos que tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento econômico e social através do fortalecimento institucional e intercambio de conhecimentos e experiências entre países latino americanos
  40. 40. Desenvolve programas de capacitação profissional e redes de conhecimento destinados fundamentalmente a gestores de organizações públicas
  41. 41. Utilizando as Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs)</li></ul>www.ceddet.org<br />
  42. 42. www.ceddet.org<br />2008<br />
  43. 43. REVISTAS DIGITAIS<br />As Revistas Digitais são publicadas com uma periodicidade semestral e são abertas para as contribuições de todos os participantes, coordenadas por um Redator Chefe, participante da Rede. Dispostas para a canalização e gestão do conhecimento da REI.<br />SÃO O CANAL DE DIFUSÃO DO CONHECIMENTO GERADO NA REDE<br />
  44. 44. redes@ceddet.org<br />
  45. 45. redes@ceddet.org<br />
  46. 46.
  47. 47. Apresentam novidades e reformas e difundem novas políticas e ações de Instituições ibero-americanas nas áreas de interesse das redes<br />
  48. 48. OS DESAFIOS FUTUROS<br />Como continuar crescendo? <br />Como manter a qualidade junto com o crescimento?<br />Como interagir com outras instituições e redes? <br />Como inovar?<br />Como novos atores são envolvidos? <br />Como captar recursos?<br />Como o conhecimento gerado é difundido?<br />Como medir o impacto nas instituições participantes?<br />Como fidelizar os participantes? <br />Como materializar as novas idéias?<br />Como gerenciar uma equipe cada vez maior?<br />Como avaliar as ferramentas tecnológicas disponíveis?<br />
  49. 49. Algumas idéias finais<br />Mapeamento oferta <br />Programas regionais de capacitação<br />Planejamento dos RH: planos formação <br />Reconhecimento nos CV dos servidores <br />Experiências piloto: começar pelo mais fácil <br />Desenvolver indicadores: importante mostrar resultados <br />Incentivos<br />Planejar recursos: potencializar bons projetos<br />“Knowhow” saber como e “Knowhownots” saber como não<br />Trabalhar em rede!!!<br />
  50. 50. Cristina BALARI URANGA<br />Gerente Programa “Redes de Especialistas”<br />cbalari@ceddet.org <br />redes@ceddet.org<br />

×