Biblioteca 2.0

590
-1

Published on

Web 2.0 has generated deviations in the route of information, which causes irreversible changes in information systems. With the use of these resources by the library emerge the concept of Library 2.0, innovations in services and greater user participation, which became also a developer. The article is cut in international scientific literature, with the chronological marker using the term Web 2.0 and aims to describe the main products and services offered, as: blog, wiki, content syndication, social bookmarking, social cataloging, OPAC 2.0 and social networking. The Library 2.0 represents a growth in traditional services, and asynchronous static library, providing opportunities for winning new users. The deployment of products and services in libraries, with the use of Web 2.0 resources, requires planning, critical analysis of politics and reality of the library and notes the uncertainties of new paradigms.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
590
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Biblioteca 2.0

  1. 1. BIBLIOTECA 2.0: <br />produtos e serviços <br />CASSIA FURTADO<br />LÍDIA OLIVEIRA <br />
  2. 2.
  3. 3. LIBRARY 2.0 <br />Michael Casey,<br />no Blog LibraryCrunch<br />(hoje Michael e Casey)<br />set. 2005<br />“evolucionário, não revolucionário” <br />Michael Stephens, <br />Conference Internet Librarian<br /> out. 2005<br />“é maior do que tecnologia”<br />
  4. 4.
  5. 5. Library 2.0 is a model for constantandproposefulchange (Casey, 2009)<br /> NÃO HÁ RECEITAS!!!<br /><ul><li> Análise crítica das políticas e práticas da biblioteca
  6. 6. Estudo da comunidade e do usuário
  7. 7. Processo integrado com o planejamento estratégico
  8. 8. Envolver todo o pessoal da biblioteca
  9. 9. Diagnóstico realista das possibilidades</li></li></ul><li>PRODUTOS E SERVIÇOS MAIS UTILIZADOS NA BIBLIOTECA 2.0<br />BLOGS - Casey (2007) estratégia para aproximação do utilizador e caminho para a Biblioteca 2.0<br />WIKIS - Farkas (2007) páginas web com característica de edição colaborativa <br />SINDICALIZAÇÃO DE CONTEÚDO - García (2009) similar aos antigos DSI das bibliotecas, mas agora o processo de seleção e envio é feito automaticamente <br />MARCADORES SOCIAIS - Margaix-Arnal (2007) - social bookmarking - oferecem a possibilidade de etiquetar, organizar e compartilhar links relevantes<br /> CATALOGAÇÃO SOCIAL -Wal (2005) - tags- o resultado da marcação livre de informações pessoais e objetos (qualquer coisa com uma URL) para uma recuperação própria <br />OPAC 2.0 - Margaix-Arnal (2007) integração do usuário com a base de dados, com comentários, avaliações e possibilita relações associativas entre os itens nas ferramentas de recuperação da informação<br />REDES SOCIAIS - Maness (2006) usuário com perfil da rede da biblioteca para troca de informações com base em perfis semelhantes, demográficos e fontes previamente acessadas<br />
  10. 10. ...o processo de criação, distribuição e acesso a informação mudou....<br />OPORTUNIDADES<br />Mais visibilidade - estar onde o usuário está e ser útil onde o usuário está<br />Maior relevância - olhar para fora da biblioteca e buscar oportunidades de serviços e produtos<br />Ação inovadora - atento a necessidade dos novos públicos - 24/7<br />Novos serviços e produtos - novas formas de recuperar, criar e disseminar informação<br />“as bibliotecas están sufriendo una crisis de identidad” (Seoane García, 2006)<br />
  11. 11. O que ele espera das bibliotecas?!?<br /> Cassia Furtado cfurtado@ua.pt<br />Lídia Oliveira lidia@ua.pt<br />

×