0
ECA/USP – 17/11/2009 A Comunicação Organizacional em tempos de redes sociais online e de blogs corporativos Carolina Terra...
Agenda “ Eu acho bom que as marcas tenham algo como uma pele grossa hoje em dia ”. Alex Bogusky - chairman da Crispin Port...
 
Contexto <ul><ul><li>Cenário da comunicação </li></ul></ul>
Contexto <ul><ul><li>Cenário da comunicação </li></ul></ul>
Mídias sociais <ul><ul><li>Podemos definir a mídia social como aquela  utilizada pelas pessoas por meio de tecnologias  e ...
Mídias sociais <ul><ul><li>Características: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Formato de  conversação  e não de monólogo </li...
Mídias sociais <ul><ul><li>“ Alguém está falando mal de sua empresa neste momento. Em segundos, essa pessoa vai mandar o c...
 
 
Usuário-Mídia
Usuário-Mídia
Usuário-Mídia
Caso Uniban <ul><li>Comunicado pós-ocorrido: </li></ul><ul><li>“ No dia seguinte ao fato a Universidade instaurou sindicân...
Caso Uniban
Usuário-Mídia <ul><li>Como lidar com sites produzidos por consumidores que afetam a organização? </li></ul>
Usuário-Mídia
Usuário-Mídia
Usuário-Mídia
Usuário-Mídia (case Kryptonite) <ul><li>O fato é que após ter uma executiva (Donna Tocci)  blogando  paralelamente à empre...
Usuário-Mídia (case Kryptonite) <ul><li>A crise foi pauta de um dos blogs mais famosos de tecnologia do mundo: o  Engadget...
Usuário-Mídia (case Kryptonite) Fonte: http://www.mktg2.net/2007/10/13/kryptonite-um-exemplo-de-buzz-negativo/
O Papa é Pop!
Redes sociais como estratégia
Redes sociais como estratégia
Redes sociais como estratégia
Redes sociais como estratégia <ul><ul><li>Relacionamento com investidores via Twitter. </li></ul></ul>
Redes sociais proprietárias Rede Social Sulamérica (Sulamérica.com Você) -  http://www.sulamericacomvoce.com.br/co mmunity...
Blogs corporativos
 
Blogs corporativos <ul><li>O blog é considerado um  veículo  opinativo , pois exprime pontos de vista de quem os redige.  ...
Blogs corporativos <ul><li>Mudança de linguagem: mais objetividade e concisão </li></ul><ul><li>Mudança de foco: de grupos...
Tipos <ul><li>Externo </li></ul><ul><li>Comunicação de Marketing </li></ul><ul><li>Inteligência competitiva </li></ul><ul>...
Tipos – Blog de comunicação de marketing
Tipos – Blog de comunicação de marketing
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
Tipos – Blog externo
“ Possuir o próprio blog será tão obrigatório quanto possuir um e-mail ou um telefone, quem não tiver um blog se tornará i...
Tipos – Blog de comunicação interna
Usos <ul><li>Geração de tráfego para o website </li></ul><ul><li>Fonte de idéias e inovações para os produtos e serviços d...
Usos
Pontos positivos <ul><li>Posição de vanguarda para a companhia que adota a estratégia de inclusão das mídias sociais em se...
Desvantagens <ul><li>Direitos autorais (ex. Daniela Cicarelli x Youtube) </li></ul><ul><li>Conteúdo ofensivo (xingamentos,...
Blogs como estratégia de comunicação <ul><li>Definição dos objetivos do canal </li></ul><ul><li>Definição e treinamento de...
Políticas de uso e de comentários <ul><ul><li>http://mlonlinegeneration.wordpress.com/sobre/ </li></ul></ul>
Criação <ul><li>Ser criativo na divulgação da iniciativa. Case: Intruso ESPN </li></ul>
Mensuração <ul><li>Visitantes únicos </li></ul><ul><li>Cliques </li></ul><ul><li>Engajamento </li></ul><ul><ul><li>Número ...
Mensuração Membros envolvidos com iniciativa de um banco
Mensuração
Principais métricas <ul><ul><li>volume  ( número de posts publicados utilizando determinado termo); </li></ul></ul><ul><ul...
Promoção <ul><li>Ferramentas de busca (blog tem que ser conhecido) </li></ul><ul><ul><li>Links patrocinados </li></ul></ul...
Promoção
Promoção
Promoção © 2008 JumpEducation
Promoção
@carolterra @cypolzer
<ul><li>O que é Twitter?  </li></ul><ul><li>É  uma comunidade de amigos e pessoas desconhecidas que mandam updates, flashe...
Alguns usuários:
Se até Deus está no Twitter, por que vc ainda não?
Tendências <ul><li>Meios de comunicação bidirecionais (mão-dupla) </li></ul><ul><li>Oposição ao marketing de interrupção <...
Modismo ou tendência? <ul><li>São irreversíveis: </li></ul><ul><ul><li>As novas tecnologias da comunicação </li></ul></ul>...
<ul><ul><li>Obrigada </li></ul></ul>Carol Terra  www.meadiciona.com/carolterra [email_address]
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

ComunicaçãO Org Em Tempos De Redes Sociais Online E Blogs Corporativos

2,054

Published on

Apresentação sobre a comunicação organizacional em tempos de redes sociais online, usuários-mídia e blogs corporativos.

Published in: Technology, Business

Transcript of "ComunicaçãO Org Em Tempos De Redes Sociais Online E Blogs Corporativos"

  1. 1. ECA/USP – 17/11/2009 A Comunicação Organizacional em tempos de redes sociais online e de blogs corporativos Carolina Terra – http://www.meadiciona.com/carolterra
  2. 2. Agenda “ Eu acho bom que as marcas tenham algo como uma pele grossa hoje em dia ”. Alex Bogusky - chairman da Crispin Porter, o Google das agências dos EUA.
  3. 4. Contexto <ul><ul><li>Cenário da comunicação </li></ul></ul>
  4. 5. Contexto <ul><ul><li>Cenário da comunicação </li></ul></ul>
  5. 6. Mídias sociais <ul><ul><li>Podemos definir a mídia social como aquela utilizada pelas pessoas por meio de tecnologias e políticas na web com fins de compartilhamento de opiniões, idéias, experiências e perspectivas. </li></ul></ul><ul><ul><li>São consideradas mídias sociais os textos, imagens, áudio e vídeo em blogs, microblogs, comunidades, quadro de mensagens, fóruns de discussão on-line, podcasts, wikis, vlogs e afins que permitem a interação entre os usuários. </li></ul></ul>
  6. 7. Mídias sociais <ul><ul><li>Características: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Formato de conversação e não de monólogo </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Deve facilitar a discussão bidirecional e evitar a moderação e a censura </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Protagonistas = pessoas e não as empresas ou marcas, isto é, quem controla sua interação com as corporações são os próprios usuários </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Principais valores: honestidade e transparência </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Distribuição em vez da centralização (uma vez que têm diversos interlocutores que tornam a informação heterogênea e rica). </li></ul></ul></ul>
  7. 8. Mídias sociais <ul><ul><li>“ Alguém está falando mal de sua empresa neste momento. Em segundos, essa pessoa vai mandar o comentário para outra, que vai inseri-lo num blog e, em pouco tempo, surgirá uma comunidade no Orkut a respeito desse mesmo tema. Em minutos, a reputação de sua marca, na lista dos dez mais clicados do Google estará ameaçada para todo o sempre” . (Viviane Maia, PEGN) </li></ul></ul>
  8. 11. Usuário-Mídia
  9. 12. Usuário-Mídia
  10. 13. Usuário-Mídia
  11. 14. Caso Uniban <ul><li>Comunicado pós-ocorrido: </li></ul><ul><li>“ No dia seguinte ao fato a Universidade instaurou sindicância para apurar o ocorrido no campus ABC. Alunos, professores, seguranças e também a aluna estão sendo ouvidos individualmente pela Universidade, que pretende aplicar medidas disciplinares aos causadores do tumulto, conforme o seu Regimento Interno, respeitando-se o contraditório e a ampla defesa. A posição da UNIBAN é de total repúdio a qualquer manifestação de preconceito de gênero e qualquer forma de difamação ou violência. </li></ul><ul><li>Cumpre esclarecer que algumas matérias veiculadas estão equivocadas quando se refere ao crime de tentativa de estupro, uma vez que não houve qualquer contato físico nem perseguição à aluna. O que houve foram manifestações verbais de caráter ofensivo. </li></ul><ul><li>Atenciosamente, </li></ul><ul><li>Assessoria de Comunicação Uniban” </li></ul>
  12. 15. Caso Uniban
  13. 16. Usuário-Mídia <ul><li>Como lidar com sites produzidos por consumidores que afetam a organização? </li></ul>
  14. 17. Usuário-Mídia
  15. 18. Usuário-Mídia
  16. 19. Usuário-Mídia
  17. 20. Usuário-Mídia (case Kryptonite) <ul><li>O fato é que após ter uma executiva (Donna Tocci) blogando paralelamente à empresa, agora eles abriram seu próprio blog oficial . </li></ul>
  18. 21. Usuário-Mídia (case Kryptonite) <ul><li>A crise foi pauta de um dos blogs mais famosos de tecnologia do mundo: o Engadget e também da revista Wired. </li></ul>
  19. 22. Usuário-Mídia (case Kryptonite) Fonte: http://www.mktg2.net/2007/10/13/kryptonite-um-exemplo-de-buzz-negativo/
  20. 23. O Papa é Pop!
  21. 24. Redes sociais como estratégia
  22. 25. Redes sociais como estratégia
  23. 26. Redes sociais como estratégia
  24. 27. Redes sociais como estratégia <ul><ul><li>Relacionamento com investidores via Twitter. </li></ul></ul>
  25. 28. Redes sociais proprietárias Rede Social Sulamérica (Sulamérica.com Você) - http://www.sulamericacomvoce.com.br/co mmunity/aspx/Front/Home.aspx Contém alguns recursos interessantes como um software que mostra a sua aparência aos 60 anos, uma espécie de agenda do seu carro que avisa todos os reparos e manutenções que precisam ser feitas e um game. Usuário responde um quiz e ganha wallpapers e download de músicas.
  26. 29. Blogs corporativos
  27. 31. Blogs corporativos <ul><li>O blog é considerado um veículo opinativo , pois exprime pontos de vista de quem os redige. </li></ul><ul><li>Como instrumento de comunicação, deve seguir a mesma linha dos demais veículos da empresa . </li></ul><ul><li>Cada blog apresenta links para outros diários, formando, assim, uma imensa rede de pessoas publicando idéias afins . </li></ul><ul><li>Estratégia </li></ul><ul><li>Relações Públicas </li></ul><ul><li>Criatividade </li></ul><ul><li>Influência </li></ul><ul><li>Conversação </li></ul><ul><li>Propaganda </li></ul>
  28. 32. Blogs corporativos <ul><li>Mudança de linguagem: mais objetividade e concisão </li></ul><ul><li>Mudança de foco: de grupos massificados e homogeneizados para audiências segmentadas e/ou agrupadas por interesses afins </li></ul><ul><li>Mais velocidade </li></ul><ul><li>Oportunidade de retorno, resposta e participação </li></ul><ul><li>Construção coletiva on-line </li></ul><ul><li>Rápida difusão (capacidade viral) </li></ul>
  29. 33. Tipos <ul><li>Externo </li></ul><ul><li>Comunicação de Marketing </li></ul><ul><li>Inteligência competitiva </li></ul><ul><li>Relações Públicas </li></ul><ul><li>Gestão de relacionamento com o cliente </li></ul><ul><li>Suporte ao cliente </li></ul><ul><li>Interno </li></ul><ul><li>Comunicação interna </li></ul><ul><li>Gestão de projetos </li></ul><ul><li>Gestão do conhecimento </li></ul>
  30. 34. Tipos – Blog de comunicação de marketing
  31. 35. Tipos – Blog de comunicação de marketing
  32. 36. Tipos – Blog externo
  33. 37. Tipos – Blog externo
  34. 38. Tipos – Blog externo
  35. 39. Tipos – Blog externo
  36. 40. Tipos – Blog externo
  37. 41. Tipos – Blog externo
  38. 42. Tipos – Blog externo
  39. 43. “ Possuir o próprio blog será tão obrigatório quanto possuir um e-mail ou um telefone, quem não tiver um blog se tornará inútil.” (Justificando porque um CEO deve ter um blog)
  40. 44. Tipos – Blog de comunicação interna
  41. 45. Usos <ul><li>Geração de tráfego para o website </li></ul><ul><li>Fonte de idéias e inovações para os produtos e serviços da organização </li></ul><ul><li>Fonte de pesquisa </li></ul><ul><li>Pode evitar crises proeminentes, nos permite antecipar ações para minimizar desgastes </li></ul>
  42. 46. Usos
  43. 47. Pontos positivos <ul><li>Posição de vanguarda para a companhia que adota a estratégia de inclusão das mídias sociais em seus planejamentos </li></ul><ul><li>Aproximação com as audiências por meio da rede </li></ul><ul><li>Formação de novos públicos para a organização </li></ul><ul><li>Termômetro gratuito sobre a imagem da empresa </li></ul>
  44. 48. Desvantagens <ul><li>Direitos autorais (ex. Daniela Cicarelli x Youtube) </li></ul><ul><li>Conteúdo ofensivo (xingamentos, ofensas, reclamações) </li></ul><ul><li>Ausência de controle (ex. MercadoLivre Beijo -oficial - versus MercadoLivre 300 - paródia) </li></ul><ul><li>Filtros e seleções (ex. conteúdos de baixa qualidade). De editores e mediadores (profissionais de comunicação) </li></ul><ul><li>Como lucrar? </li></ul>
  45. 49. Blogs como estratégia de comunicação <ul><li>Definição dos objetivos do canal </li></ul><ul><li>Definição e treinamento de porta-vozes (blogtraining) </li></ul><ul><li>Estimular a comunicação circular e não apenas a descendente </li></ul><ul><li>Criar um repositório de conhecimento </li></ul><ul><li>Estimular a auto-gestão (colaboração, P2P) </li></ul><ul><li>Contar boas histórias e em uma linguagem pessoal/informal </li></ul>
  46. 50. Políticas de uso e de comentários <ul><ul><li>http://mlonlinegeneration.wordpress.com/sobre/ </li></ul></ul>
  47. 51. Criação <ul><li>Ser criativo na divulgação da iniciativa. Case: Intruso ESPN </li></ul>
  48. 52. Mensuração <ul><li>Visitantes únicos </li></ul><ul><li>Cliques </li></ul><ul><li>Engajamento </li></ul><ul><ul><li>Número de comentários em outros blogs </li></ul></ul><ul><ul><li>Quantidade de propagações daquela informação </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Só os vídeos do canal da companhia no Youtube foram exibidos mais de 3 milhões de vezes e o número de assinantes desse conteúdo já superou 156 mil pessoas. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Do ponto vista comercial, a brincadeira da Blendtech rendeu bons dividendos. As vendas do seu produto que custa US$ 400 saltaram, incluindo o Brasil. E os vídeos do Youtube foram um grande instrumento para alavancar as vendas. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Tempo lendo sobre determinado assunto </li></ul></ul><ul><ul><li>Pesquisas qualitativas </li></ul></ul>
  49. 53. Mensuração Membros envolvidos com iniciativa de um banco
  50. 54. Mensuração
  51. 55. Principais métricas <ul><ul><li>volume ( número de posts publicados utilizando determinado termo); </li></ul></ul><ul><ul><li>relevância (densidade de rede de um blog, permite identificar os sites pessoais ou blogs mais referenciados por outros consumidores a partir do uso de links); </li></ul></ul><ul><ul><li>popularidade (comunidades mais populares por número de membros, mensuração do interesse crescente ou decrescente sobre a comunidade e/ou assunto); </li></ul></ul><ul><ul><li>influência (tamanho da rede de amigos dos interlocutores em comunidades); </li></ul></ul><ul><ul><li>repercussão (número total de comentários associados como resposta a tópicos de sites de relacionamento ou posts de blogs. Quanto mais comentários um blog ou tópico maior é sua repercussão e consequentemente maior é o interesse por aquele assunto); </li></ul></ul><ul><ul><li>dispersão (pode ser calculada pelo boca-a-boca disperso por cada serviço monitorado). </li></ul></ul>
  52. 56. Promoção <ul><li>Ferramentas de busca (blog tem que ser conhecido) </li></ul><ul><ul><li>Links patrocinados </li></ul></ul><ul><ul><li>Busca natural </li></ul></ul><ul><li>Conteúdo viral (algo que se espalha com facilidade pela web, ou seja, possui as características de um vírus que consegue propagar a sua “mensagem” por diversos websites e blogs) </li></ul><ul><li>Rede de links </li></ul><ul><li>Comentários </li></ul><ul><li>Anúncios, publicidades e notícias </li></ul>
  53. 57. Promoção
  54. 58. Promoção
  55. 59. Promoção © 2008 JumpEducation
  56. 60. Promoção
  57. 61. @carolterra @cypolzer
  58. 62. <ul><li>O que é Twitter? </li></ul><ul><li>É uma comunidade de amigos e pessoas desconhecidas que mandam updates, flashes do que elas estão fazendo no momento ou o que ela quer você preste atenção. </li></ul><ul><li>Por que virou essa febre ? </li></ul><ul><li>F acilidade de acessar de qualquer lugar </li></ul><ul><li>Mensagens curtas transmite e retransmi te os fatos rapidamente </li></ul><ul><li>Para que serve o Twitter? </li></ul><ul><li>Para ler as notícias </li></ul><ul><li>Para manter-se informado sobre tudo o que seus amigos estão fazendo </li></ul><ul><li>Comentar sobre produtos, serviços, eventos, promoções, etc. </li></ul><ul><li>Mandar micro-scraps </li></ul>Fonte: Revista Época
  59. 63. Alguns usuários:
  60. 64. Se até Deus está no Twitter, por que vc ainda não?
  61. 65. Tendências <ul><li>Meios de comunicação bidirecionais (mão-dupla) </li></ul><ul><li>Oposição ao marketing de interrupção </li></ul><ul><li>Mídia gerada pelo consumidor </li></ul><ul><li>Colaboração, construção e contribuições coletivas </li></ul><ul><li>Sistema de recomendação e influência </li></ul><ul><li>Formação de comunidades </li></ul><ul><li>Comunicação direta </li></ul>
  62. 66. Modismo ou tendência? <ul><li>São irreversíveis: </li></ul><ul><ul><li>As novas tecnologias da comunicação </li></ul></ul><ul><ul><li>As tendências </li></ul></ul><ul><li>Não se trata da ferramenta em si, mas dos conceitos que permeiam as tecnologias digitais </li></ul><ul><li>Portanto, tirem suas próprias conclusões! </li></ul><ul><li>;-) </li></ul>
  63. 67. <ul><ul><li>Obrigada </li></ul></ul>Carol Terra www.meadiciona.com/carolterra [email_address]
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×