FEEVALE  DESING DE MODA E TECNOLOGIA  TECNOLOGIA TÊXTIL II TRABALHO  NANOTECNOLOGIA  PROFESSOR:  LUIS CARLOS  ALUNAS:  ANA...
1.0  INTRODUÇÃO   <ul><li>Um dos maiores fatores para a criação do vestes foi a necessidade de nos protegermos do meio amb...
2.0 – APLICAÇÃO DE TECIDOS SINTÉTICOS A MODA. <ul><li>Nos últimos tempos, muitas foram as previsões de como as pessoas est...
<ul><li>A história relata que o homem desde a criação de sua primeira vestimenta utilizou o algodão e o linho. Os primeiro...
<ul><li>Suavizando este desconforto, surge na década de 90, a Microfibra, proporcionando aos tecidos, novas característica...
3.0  NANOTECNOLOGIA   <ul><li>O principio básico da nanotecnologia é a construção de estruturas e novos materiais a partir...
O QUE É NANOTECNOLOGIA? <ul><li>A nanotecnologia é a engenharia de materiais em escala de átomos e de moléculas. É a capac...
O ÁTOMO   O NANOMÊTRO
 
A NANOTECNOLOGIA E O DESING DE MODA. Com o surgimento dos tecido inteligentes a forma começa a corresponder a função. Busc...
COLETE A PROVA DE BALA
Uniforme Inteligente Este uniforme inteligente é feito com fibras no seu interior que possui um fluído que pode se tornar ...
 
A Nanotecnologia na indústria têxtil : Foi introduzida para dar novas características a fibras, fios e tecidos. Ela permit...
Jeans ganha versões perfumadas Cimarron lançou a linha  scratch-and-sniff jeans  (esfregue e sinta), que associa aromas de...
Calcinha contra celulite  O produto contém micro cápsulas com substâncias anticelulite (cafeína, retinol A, chitosan e men...
1- Impregnação O tecido é inserido na cuba que contém as micro cápsulas com a substância ativa, por exemplo, um hidratante...
1-  As micro cápsulas ficam entre as fibras do tecido. 2-  Durante o uso, as ações de atrito e pressão exercidas contra o ...
CONCLUSÃO <ul><li>ESTANDO A SOCIEDADE EM CONSTANTES MUDANÇAS, O DESINGER DE MODA DEVE PRIORIZAR ESSA RELAÇÃO PRODUTO-CONSU...
BIBLIOGRAFIA <ul><li>SITES: </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>http://www.brasilescola.com/informatica/nanotecnologia.h...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Trabalho Nanotecnologia Textil

8,479

Published on

Published in: Design
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
8,479
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
128
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Trabalho Nanotecnologia Textil

  1. 1. FEEVALE DESING DE MODA E TECNOLOGIA TECNOLOGIA TÊXTIL II TRABALHO NANOTECNOLOGIA PROFESSOR: LUIS CARLOS ALUNAS: ANA FINGER, CAROLINA AFIUNE, CAROLINA M. ARMILIATTO. NOVO HAMBURGO, 08 DE JUNHO DE 2009.
  2. 2. 1.0 INTRODUÇÃO <ul><li>Um dos maiores fatores para a criação do vestes foi a necessidade de nos protegermos do meio ambiente. Sendo o vestuário, um elemento cultural, dele surgiu a moda; esta com propósitos estéticos desencadeou a evolução social tecnológica. </li></ul><ul><li>O objetivo deste trabalho é a aplicação dos denominados tecidos inteligentes no design de moda, baseados na nanotecnologia. </li></ul><ul><li>Verificou-se que tal aplicação visa adequar os fatores estéticos aos tecnológicos, para proporcionar uma vestimenta que atenda as expectativas sociais e as necessidades fisiológicas de seus usuários. </li></ul>
  3. 3. 2.0 – APLICAÇÃO DE TECIDOS SINTÉTICOS A MODA. <ul><li>Nos últimos tempos, muitas foram as previsões de como as pessoas estariam se vestindo nos primeiros anos do século XXI. A moda fez o uso, ou hábito, acompanhar a história da indumentária desde a origem humana e receber interferências que se refletiam no meio social e cultural. Porém , hoje vemos que o futuro distante dos filmes de ficção científica, se tornou presente e sabe-se que as pessoas não andam de naves espaciais e tão pouco fazem uso do figurino dos filmes Hollywoodianos. Tal cena não se concretizou e a indústria têxtil tem feito uso de toda a tecnologia disponível para criar fibras e tecidos cada vez mais ajustados ao estilo de vida contemporânea. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>A história relata que o homem desde a criação de sua primeira vestimenta utilizou o algodão e o linho. Os primeiros fios artificiais de acetato de celulose foram criados na Alemanha em 1869. A viscose fibra derivada da celulose (polpa da madeira) passou a ser produzida em 1905. E os sintéticos surgem só em 1938 com o lançamento do Nylon. </li></ul><ul><li>Passada a onda de sucesso na década de 60, as fibras sintéticas entram em declínio devido ao seu desconforto. As roupas feitas de poliamida e poliéster, grudavam no corpo impedindo a transpiração. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Suavizando este desconforto, surge na década de 90, a Microfibra, proporcionando aos tecidos, novas características como maior suavidade, maciez, brilho e caimento. </li></ul><ul><li>A empresa Rhodia em 1992, lançou a Microfibra no Brasil, que ficou conhecido como “Tecido Inteligente”. Juntamente com técnicos da Universidade de São Paulo (USP) e pesquisadores da Rhodia, foi possível descobrir, por exemplo, que a aplicação da Microfibra em roupas esportivas proporcionava aos atletas uma economia de 10% na energia gasta, durante a prática esportiva. </li></ul>RHODIA CRIATIVA E ECOLÓGICA !
  6. 6. 3.0 NANOTECNOLOGIA <ul><li>O principio básico da nanotecnologia é a construção de estruturas e novos materiais a partir dos átomos (os tijolos básicos da natureza). Ela está associada a várias áreas,como a medicina, eletrônica, ciência da computação, física, química, biologia, engenharia dos materiais e inclusive na área da moda. É uma área promissora, mas que esta dando apenas seus primeiros passos mostra, contudo, resultados surpreendentes. </li></ul><ul><li>Foi Richard P. Feynman o precursor da nanotecnologia, apesar de não ter usado este termo, quando apresentou suas idéias acerca do assunto em sua palestra para a sociedade americana de física, em 29 de dezembro de 1959. </li></ul><ul><li>A palavra nanotecnologia foi utilizada pela primeira vez pelo professor Norio Taniguchi em 1974 para descrever as tecnologias que permitem a construção de materiais a uma escala de 1 nanômetro (um bilionésimo de metro chama-se nanômetro). </li></ul><ul><li>Eric Drexler popularizou o conceito de nanotecnologia nos anos 1980 através do livro “Engines of Creation” (Motores da Criação). Drexler foi o primeiro cientista a doutorar-se em nanotecnologia e é considerado por muitos como o pai da nanotecnologia. </li></ul><ul><li>Drexler tem uma visão a longo prazo sobre o tema que prevê o aparecimento de nano-dispositivos de regeneração celular que poderão garantir a regeneração dos tecidos e a imortalidade; mas suas idéias são vistas com desconfiança por outros cientistas mais interessados nos aspectos práticos da nanotecnologia. </li></ul>
  7. 7. O QUE É NANOTECNOLOGIA? <ul><li>A nanotecnologia é a engenharia de materiais em escala de átomos e de moléculas. É a capacidade de criar objetos de qualidade superior aos que existem hoje. </li></ul><ul><li>O prefixo grego Nano, significa anão e faz referência a um padrão de medida que equivale a um bilionésimo de metro. Para se ter idéia do que isso significa, um fio de cabelo tem a espessura de 50 mil nanômetros. Assim ao se utilizar a tecnologia, trabalha-se com estruturas minúsculas cujas dimensões são complexas, capazes de executar funções especializadas tecnicamente muito interessantes. </li></ul>
  8. 8. O ÁTOMO O NANOMÊTRO
  9. 10. A NANOTECNOLOGIA E O DESING DE MODA. Com o surgimento dos tecido inteligentes a forma começa a corresponder a função. Buscando cada vez mais conforto e praticidade, as grandes novidades da moda são lançadas pelas avanços tecnológicos. Diferentemente das fibras sintéticas, os tecidos inteligentes, construídos através da nanotecnologia, são definidos de maneira a suprir as exigências, além das convencionais, possibilitando ao designer, maior liberdade para criar, pois a partir do nascimento desses tecidos, a preocupação em suprir as necessidades fisiológicas de seus usuários já não é responsabilidade apenas do projetista. Atualmente empresas experimentam esse material em produtos de alta tecnologia como coletes a prova de balas, mais leves, resistentes e maleáveis que os convencionais. Fala-se de uma geração de novos materiais: roupas que não suam, que repelem líquidos. A explicação para isso é que as nanopartículas permitem mudar as propriedades dos tecidos, podendo chegar a matar vírus e bactérias, bloquear toxinas, permitindo a troca de calor do corpo e lavá-los sem perder todas essas propriedades.
  10. 11. COLETE A PROVA DE BALA
  11. 12. Uniforme Inteligente Este uniforme inteligente é feito com fibras no seu interior que possui um fluído que pode se tornar sólido todas as vezes em que o tecido for perfurado por um projétil, permitindo o engessamento imediato de um membro fraturado. Esta está equipada com sistemas de sensores que permite além de bloquear as toxinas, controlar os sinais vitais. Juntamente com este projeto , esta sendo estudada uma bota que permite que o soldado pule em grandes distâncias. Dentre outras possibilidades em estudos como: cabines virtuais, visão de retina aguçada, etc.
  12. 14. A Nanotecnologia na indústria têxtil : Foi introduzida para dar novas características a fibras, fios e tecidos. Ela permite que os tecidos tenham características especiais como antibactericida a base de prata, minúsculas cápsulas de agentes hidratantes, desodorizantes, repelentes de insetos e anti-tabaco. Sem a nanotecnologia não seria possível tais aplicações pois elas ficam entre as fibras dos tecidos. Em escala maior, se partículas maiores de prata (que é anti-bactericida e anti-microbiana) fossem aplicadas aos tecidos acabariam influenciando a textura e o toque do tecido, deixando-o áspero.
  13. 15. Jeans ganha versões perfumadas Cimarron lançou a linha scratch-and-sniff jeans (esfregue e sinta), que associa aromas de fruta à cor de calças, shorts e jaquetas - como laranja, limão, morango e menta, com o cheiro resistindo a 20 lavagens. A aplicação da essência é feito pelo processo de micro cápsulas que liberam a fragrância mediante a fricção com o uso da roupa. Este tecido que repele líquidos e manchas à base de óleo e água, devido a uma fórmula a qual se aplica o Teflon.
  14. 16. Calcinha contra celulite O produto contém micro cápsulas com substâncias anticelulite (cafeína, retinol A, chitosan e mentol) que, segundo os fabricantes, duram cerca de 20 lavagens, mas não dispensam o uso de outros cremes, exercícios e outros cuidados contra a celulite. Soutien com hidratante Lingerie com substâncias micro capsuladas à base de aloe vera, planta medicinal com propriedades umectantes e regeneradoras. Segundo o fabricante (Triumph), não deixa a pele úmida. Contra germes e suor Camiseta da Adidas com tecido de secagem rápida (que transporta a umidade para longe do corpo) em regiões em que o corpo libera maior quantidade de suor. De acordo com o fabricante, possui uma malha especial localizada em áreas de maior calor, que é composta de fibras condutoras feitas com prata, que maximiza a dissipação do calor e ainda impede a proliferação de microorganismos.
  15. 17. 1- Impregnação O tecido é inserido na cuba que contém as micro cápsulas com a substância ativa, por exemplo, um hidratante 2- Espremagem As micro cápsulas impregnadas no tecido são distribuídas uniformemente na largura e ao longo do tecido durante a fase de espremedura, pela ação de dois cilindros de borracha que, mantendo o tecido sob pressão, regularizam a quantidade de liquido de impregnação contendo as micro cápsulas 3- Fixação das micro cápsulas Depois da foulardagem, o tecido é processado num outro aparelho, que normalmente é um secador, onde haverá a secagem e ao mesmo tempo a fixação, pela solidificação de uma cola misturada no líquido junto com as micro cápsulas. Esse tecido será usado para confeccionar as chamadas roupas tecnológicas ou tecidos inteligentes O Foulard é uma máquina destinada à impregnação de uma grande variedade de substâncias químicas têxteis que podem ser corantes, pigmentos e diversos produtos de acabamento. O processo recebe o nome de foulardagem ou impregnação. Dentre os acabamentos estão os especiais (aplicação de micro cápsulas, de protetores contra raios ultravioleta, bactericidas, bacteriostáticos etc.). COMO SE FAZ UM TECIDO TECNOLÓGICO ?
  16. 18. 1- As micro cápsulas ficam entre as fibras do tecido. 2- Durante o uso, as ações de atrito e pressão exercidas contra o corpo levam à ruptura de parte destas micro cápsulas. 3- A substância ativa sai da micro cápsula e entra em contato com a pele ou libera ao ar um perfume ou substância protetora, como um bacteriostático. COMO FUNCIONAM AS MICROCÁPSULAS ?
  17. 19. CONCLUSÃO <ul><li>ESTANDO A SOCIEDADE EM CONSTANTES MUDANÇAS, O DESINGER DE MODA DEVE PRIORIZAR ESSA RELAÇÃO PRODUTO-CONSUMIDOR.O CONSUMIDOR ATUAL, ESTA CADA VEZ MAIS BEM INORMADO, MAIS ATIVO E EXIGENTE, QUERENDO CRIAR SUA PRÓPRIA MODA. </li></ul><ul><li>LEMBRANDO QUE O DESIGN DE MODA CONSIDERA PRIMORDIAL E PROJETA EM CIMA DO MODELO, DO ESTILO, DA ERGONOMIA, DO CONFORTO E DA FORMA, O BEM-ESTAR DO CONSUMIDOR APARECE COMO RESULTADO DESSAS PRIORIDADES. </li></ul><ul><li>OS TECIDOS INTELIGENTES COM EFEITOS ANTIBACTERIANOS, ANTIMANCHAS E TÉRMICOS, ALÉM DO PROPÓSITO DA PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE, VEM AGREGAR QUALIDADE AOS PRODUTOS DE DESING DE MODA. </li></ul><ul><li>PORTANTO A NANOTECNOLOGIA ABRE, OU MELHOR, EXPANDE O LEQUE DE MATÉRIAS –PRIMA QUE TEMOS NO MERCADO, VISANDO ASSIM UMA MELHORA CADA VEZ MAIS AVANÇADA TECNOLÓGICAMENTE PARA OS PRODUTOS DE NOSSOS CONSUMIDORES. </li></ul><ul><li>TALVEZ AS GERAÇÕES FUTURAS CONSIGAM PRESENCIAR SITUAÇÕES DE MAIOR PRESTÍGIO, OU ATÉ DE MAIORES DIFERENCIAÇÕES POFISSIONAIS OU SOCIAIS, ATRIBUÍDAS AO VESTIÁRIO. </li></ul>
  18. 20. BIBLIOGRAFIA <ul><li>SITES: </li></ul><ul><li> </li></ul><ul><li>http://www.brasilescola.com/informatica/nanotecnologia.htm </li></ul><ul><li>http://www.revistasintetica.com.br/internasNoticias.asp?newsMundoEventosArtesDicasmodaCulturaruaEspeciasID=126 </li></ul><ul><li>http://www.lidertecidos.com.br/artigos_vis.php?id=000000000000008&idc=00002 </li></ul><ul><li>http://revistagalileu.globo.com/EditoraGlobo/componentes/article/edg_article_print/1,3916,832813-1719-1,00.html </li></ul>
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×