Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Perfil profissional%20 tecnólogo%20 análise e desenvol
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Perfil profissional%20 tecnólogo%20 análise e desenvol

  • 428 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
428
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
7
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. VERSÃO PRELIMINAR PARA ANÁLISE E VALIDAÇÃO PERFIL PROFISSIONALQualificação Profissional: Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de SistemasEixo Tecnológico: Informação e ComunicaçãoÁrea Tecnológica: Tecnologia da InformaçãoSegmento Tecnológico: InformáticaEducação Profissional: Tecnológica de GraduaçãoNível de Qualificação: 41(texto na cor azul, sugere inserir e texto na cor vermelha, sugere excluir.)1. COMPETÊNCIAS PROFISSIONAISCompetência Geral:Texto inicialAnalisar o contexto de uso de software para identificação e validação de requisitos,prototipar soluções para geração de modelos conceitual, coordenar aplicações demetodologias de o desenvolvimento e o gerenciamento de projetos computacionais,desenvolver códigos a partir de modelos conceituais computacionais, modelar dados,codificar, e realizar estruturar a realização de testes,atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relaçõesinterpessoais.Nota 1: verificar se essas frases sintetizam as principais funções da qualificação e as capacidadesessenciais. E se o texto descreve a identidade profissional da qualificação.1 Corresponde a atividades profissionais que implicam alta complexidade técnica e intelectual. O trabalhador realizafunções de integração e coordenação dos trabalhos realizados por ele e por seus colaboradores, assim como aorganização desses trabalhos. Realiza atividades profissionais com alto grau de autonomia e iniciativa e desenvolvecompetências que incluem responsabilidades de supervisão e controle de qualidade, solução de problemas técnicos esua aplicação.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 1/12
  • 2. Observação: este quadro: relação das unidades de competência, será atualizado de acordo com a validaçãoda competência geral.Relação das Unidades de CompetênciaUnidade de Competência 1: Analisar o contexto de uso de software para identificação e validação de resuisitos, , atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais.Unidade de Competência 2: Prototipar soluções para geração de modelos conceitual, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais.Unidade de Competência 3: Coordenar aplicações metodológicas de o desenvolvimento e o gerenciamento de projetos computacionais, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais.Unidade de Competência 4: Modelar dados, atuando com eficácia profissional, respeitando normas, padrões e as relações interpessoais.Unidade de Competência 5: Codificar, Desenvolver códigos a partir de modelos conceituais, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais.Unidade de Competência 6: Realizar Estruturar a realização de testes de software, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 2/12
  • 3. Unidade de Competência nº 1:Analisar o contexto de uso de software para identificação e validação de resuisitos,,atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relaçõesinterpessoais. Elementos de Competência Padrões de Desempenho1.1Identificar requisitos de 1.1.1Planejando a coleta de dados para análise desoftware contexto de uso; 1.1.2Coletando dados para análise do contexto de uso; 1.1.3Elaborando relatório contendo a síntese dos dados coletados. e os requisitos. 1.1.4Elaborando relatório com o dimensionando dos requisitos e funcionalidade do software; 1.1.5Comunicando-se e interagindo com colegas e clientes.1.2Analisar requisitos de 1.2.1Especificando arquiteturas e micro-arquiteturas comsoftware uso de diagramas padrão.1.3Validar requisitos de 1.3.1Confrontando o que foi identificado na análise comsoftware as expectativas do usuário final; 1.3.2Refinando os requisitos especificados nas arquiteturas e micro-arquiteturas. Unidade de Competência nº 2: Prototipar soluções para geração de modelos conceitual, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais. Elementos de Competência Padrões de Desempenho2.1Escolher a técnica de 2.1.1Realizando técnicas e dinâmicas para a geração deprototipagem soluções; 2.1.2Realizando técnicas e dinâmicas para a seleção de soluções; 2.1.3Analisando o mercado para o qual o produto foi criado; 2.1.4Selecionando a tecnologia ou o processo mais adequado.2.2Construir o protótipo da 2.2.1Implementando protótipos de alta fidelidade,solução seguindo padrões e guias de recomendação; 2.2.2Implementando protótipos de baixa fidelidade. 2.2.3Seguindo padrões e referenciais teóricos guias de recomendação. aplicáveis ao desenvolvimento do protótipo.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 3/12
  • 4. 2.3.1Analisando o protótipo no contexto de uso e/ou desenvolvimento;2.3Avaliar o protótipo da 2.3.2Registrando observações e refinando o protótipo dossolução resultados obtidos; 2.3.3Retroalimentando e refinando o protótipo, conforme resultados. Unidade de Competência nº 3:Coordenar aplicações metodológicas de o desenvolvimento e o gerenciamento deprojetos computacionais, atuando com eficácia profissional, respeitando normas,padrões e as relações interpessoais. Elementos de Competência Padrões de Desempenho3.1Estudar documentação de 4.1.1Analisando documentação de requisitos;projetos computacionais 3.1.1Criando primeira versão de dicionário de dados.3.2Redigir Elaborar plano de 3.2.1Definindo Selecionando metodologias de construçãodesenvolvimento de projetos de sistemas mais adequadas;computacionais 3.2.2Estimando recursos financeiros, humanos e materiais necessários ao projeto. custos; 3.2.3Estimando tempo; 3.2.4Estimando recursos; 3.2.5Estimando Avaliando riscos; 3.2.6Definindo ferramentas de gerenciamento de projetos computacionais; 3.2.7Definindo papéis e atribuições da equipe de trabalho; 3.2.8Selecionando pessoas profissionais para composição da equipe; 3.2.9Determinando cronograma para construção de projeto; 3.2.10Redigindo plano de projeto.3.3Construir modelagem de 4.1.2Identificando entidades;dados de projetos 4.1.3Identificando relacionamentos;computacionais 4.1.4Identificando atributos; 4.1.5Identificando processos computacionais; 4.1.6Identificando ambientes de desenvolvimento de projetos; 3.3.1Documentando na ferramenta de modelagem.3.4Executar plano Construir 3.4.1Realizando unidades de trabalho;projetos computacionais, de 3.4.2Alimentando ferramentas de gerenciamento comacordo com modelos gerados. dados da produção; 3.4.3Utilizando softwares apropriados; 3.4.4Coordenando a unidades de trabalho.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 4/12
  • 5. 3.5Monitorar trabalho a 3.5.1Acompanhando o cumprimento do cronograma tempoexecução dos projetos e recursos previstos e riscos;computacionais 3.5.2Administrando os riscos; 3.5.3Mensurando a qualidade do produto; 3.5.4Avaliando o desempenho da equipe; 3.5.5Retroalimentando a execução do projeto; 3.5.6Avaliando o produto final. Unidade de Competência nº 4:Codificar, Desenvolver códigos a partir de modelos conceituais, atuando comeficácia profissional, respeitando as normas, os padrões e as relaçõesinterpessoais. Elementos de Competência Padrões de Desempenho 5.1 Entender Interpretar 5.1.1 Analisando documentação de requisitos; modelos 5.1.2 Analisando modelos de arquitetura; 5.1.3 Analisando modelos de dados; 5.1.4 Analisando modelo conceitual.5.2 Planejar algoritmos 5.2.1 Pesquisando componentes existentes; 5.2.2 Estruturando raciocínio lógico.5.3 Desenvolver algoritmos 5.3.1 Escrevendo o código fonte; 5.3.2 Documentando o código.5.4 Elaborar Construir testes 5.4.1 Construindo Elaborando scripts de testes;unitários 5.4.2 Executando scripts de testes.5.5 Atualizar repositório 5.5.1 Submetendo código; 5.5.2 Controlando versão de software. Unidade de Competência nº 5:Realizar Estruturar a realização de testes de software, atuando com eficáciaprofissional, respeitando as normas, os padrões e as relações interpessoais. Elementos de Competência Padrões de Desempenho6.1 Elaborar Planejar testes 6.1.1 Definindo estratégia de teste;de software 6.1.2 Definindo ambiente de testes; 6.1.3 Construindo casos de testes.6.2 Executar Aplicar testes de 6.2.1 Selecionando casos de testes;software 6.2.2 Submetendo o software a casos de testes; 6.2.3 Reportando os resultados.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 5/12
  • 6. 6.3 Automatizar testes de 6.3.1 Selecionando ferramentas;software 6.3.2 Configurando ferramentas; 6.3.3 Desenvolvendo Elaborando testes automatizados; 6.3.4 Executando testes automatizados; 6.3.5 Reportando os resultados. Competências de Gestão•Demonstrar atitude pró-ativa;•Ser Inovador;•Comunicar-se e interagir com clientes, colegas, superiores e outros profissionais do seucampo de trabalho, por meio escrito, oral e eletrônico;•Respeitar os procedimentos técnicos;•Gerenciar recursos e liderar pessoas e ou grupos de trabalhos.•Fazer uso de raciocínio lógico e crítico-analítico para a solução de problemas;•Demonstrar capacidade de organização do ambiente de trabalho;•Atuar em equipe, cooperando com os integrantes e demonstrando postura crítica e ética;•Aplicar metodologias de gestão de qualidade, saúde, segurança e meio ambiente•Demonstrar criatividade na execução da função;•Gerenciar projetos;•Possuir uma visão geral das fases de desenvolvimento de software considerandoconjuntamente os aspectos técnicos, organizativos, econômicos e humanos envolvidos;•Analisar alternativas e tomar decisões para resolução de problemas que afetematividades sob sua responsabilidade ou que lhes são delegadas.•Articular, motivar e liderar equipes para a captação de dados, geração e disseminação deinformações.•Solucionar problemas baseado em modelos computacionais de forma inovadora,acompanhando a inovação tecnológica.•Ter noções de escrita e gramática da língua Inglesa.2. CONTEXTO DE TRABALHO DA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL Meios (equipamentos, ferramentas, instrumentos e materiais)•Plataformas de desenvolvimento;•Ferramentas de modelagem;•Servidores;•Dispositivos interativos (Tablets, Mobiles);•Dispositivos embarcados•Métodos de planejamento e gerenciamento de projetos•Métodos e técnicas de resolução de problemas Métodos e Técnicas de Trabalho•Desenvolvimento WEB e Computação em nuvem•Sistemas de automação remota e mobilidade•Sistemas embarcados e ubíquo•Inteligência artificialSENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 6/12
  • 7. •Sistemas com estilos de interação natural Condições de TrabalhoCondições ambientais:•Trabalham em qualquer setor da atividade econômica. Empresas rurais e urbanas,instituições públicas e privadas, empreendimento próprio. Seu trabalho se desenvolve,majoritariamente em equipe, de forma cooperativa, presencial e a distância. Não há apredominância de um tipo de vínculo de trabalho: o profissional pode ser empregado ouliberal.Turnos e horários:•Normalmente trabalha em período diurno, podendo atuar em horários alternativos.Riscos profissionais:•Riscos ergonômicos.Equipamentos de proteção Individual (EPI) recomendados:•...• Posição no Processo ProdutivoContexto Profissional:•Empresas do setor da indústria, do comércio, de serviços, da agropecuária ou daadministração pública.•Instituições de Ensino e Pesquisa.•Ambientes de Escritório ou Residência.•Laboratórios de tecnologia da informação e comunicação.•Empreendimento próprioTipo e porte de empresa: Empresas públicas e privadas de pequeno, médio e grande porte.Contexto Funcional e Tecnológico: O tecnólogo pode coordenar equipes de trabalho ou fazer parte de uma equipe multidisciplinar. No que se refere aos aspectos de desenvolvimento e gerenciamento de projetos informatizados, o tecnólogo possui grande autonomia. Em projetos mais complexos e, principalmente interdisciplinares, as decisões são tomadas em conjunto com profissionais de outras áreas. O tecnólogo conta com um grau considerado de responsabilidade. O nível de complexidade das tecnologias utilizadas pelo tecnólogo é alto, uma vez que esse profissional atua com aquelas consideradas de ponta e altos valores agregados.Possíveis Saídas para o Mercado de Trabalho: Qualificação profissional de nível tecnólogo de graduação em Analista de Software Qualificação profissional de nível tecnólogo de graduação em Desenvolvedor de Software Habilitação profissional de nível de tecnólogo de graduação em Análise eSENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 7/12
  • 8. Desenvolvimento de SistemasSENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 8/12
  • 9. Evolução da QualificaçãoNovos meios de produçãoNovas ferramentas e instrumentosInovações tecnológicas de gestãoNovas técnicas e tecnologias de controle de qualidade e inspeçãoNovas legislações ou normasPossíveis mudanças na organização da produçãoPrincipais fatores tecnológicos e organizacionais que impactam a ocupaçãoMudanças na atuação do profissional Tendem a perder a importância: atividades presenciais; trabalho isolado e centralizado; desenvolvimetno de software stand alone. Tendem a ganhar importância: elicitar requisitos a partir de observações das necessidades do outro; prototipar com criatividade as diferentes soluções; testar projetos; desenvolver e gerenciar sistemas embarcados; desenvolver sistemas de reconhecimento de padrões; desenvolver sistemas de automação; desenvolver jogos; cumprir normas e padrões; aplicar metodologias de desenvolvimento e gerenciamento de projetos; especificar e modelar arquiteturas de sistemas. Educação Profissional relacionada à área tecnológica da qualificação•Aperfeiçoamento em Gerenciamento Avançado com Auxílio de Softwares.•Qualificação em Redação Técnica / Oratória•Aperfeiçoamento em Sistema de gestão da qualidade, saúde, segurança e meioambiente.•Aprendizagem em Idioma Estrangeiro (Inglês).•Formação técnica em Tecnologia da Informação•Formação técnica nível de graduação de Gestão em Tecnologia da Informação eComunicação•Formação técnica de nível de especialização lato sensu.•Formação técnica nível de graduação de Engenharia da Computação.SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 9/12
  • 10. INDICAÇÃO PRELIMINAR DE CONHECIMENTOS REFERENTE AO PERFIL PROFISSIONALBanco de dadosGerenciamento de projetosInglês técnicoTécnicas de modelagem de sistemasTécnicas de interfaciamento de sistemasCálculoCálculo NuméricoEstatísticaMétodos NuméricosSistemas LinearesRedes NeuraisInteligência ArtificialReconhecimento de PadrõesDesenvolvimento de Software ComerciaisSistemas de interação naturalNoções de EletricidadeDesenvolvimento de JogosDesenho ArtísticoSENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 10/12
  • 11. RELAÇÃO DAS UNIDADES DE QUALIFICAÇÃOUnidade de Qualificação 1: Análista de softwareCompetência Geral:Analisar sistemas de software e desenvolver modelos conceituais.Unidades de Competência que agrupa:U.C. 1: Analisar o contexto de uso de software.U.C. 2: Prototipar soluções para geração de modelos.Unidade de Qualificação 2: Desenvolvedor de SoftwareCompetência Geral:Desenvolver programas de computadores a partir de modelos conceituais.Unidades de Competência que agrupa:U.C. 3: Coordenar o desenvolvimento e o gerenciamento de projetos computacionais.U.C. 4: Desenvolver códigos a partir de modelos conceituaisUnidade de Qualificação 3: Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de SistemasCompetência Geral:Analisar o contexto de uso de software, prototipar soluções para geração de modelos,coordenar o desenvolvimento e o gerenciamento de projetos computacionais, aplicandometodologias de construção de sistema, desenvolver códigos a partir de modelosconceituais e realizar testes, atuando com eficácia profissional, respeitando as normas,os padrões e as relações interpessoais.Unidades de Competência que agrupa:U.C. 1: Analisar o contexto de uso de software.U.C. 2: Prototipar soluções para geração de modelos.U.C. 3: Coordenar o desenvolvimento e o gerenciamento de projetos computacionais.U.C. 4: Desenvolver códigos a partir de modelos conceituais.U.C. 5: Estruturar a realização de testesSENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 11/12
  • 12. COMITÊ TÉCNICO SETORIAL DO TECNÓLOGO EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMASEspecialistas do seguimento tecnológico e da área tecnológica em estudo - dasempresas e demais instituições:Nome Empresa / Instituição EstadoAlex Sandro SIN PEBenedito Macedo C.E.S.A.R PECarlos Campello QUALINFO PEFábio Morais QUALINFO PEFlavio Almeida PROATIVA PEMaurício Almeida UNITECNOLOGIA PETony Carvalho iSOFTY PEColaboradores do SENAI: Coordenação do Comitê Nome Função UnidadeAline Tiburcio Gomes Analista de Educação Profissional ETS CaruaruCarlos Eduardo do Vale Melo Docente ETS AreiasGiovanna Xavier da Silva Analista de Educação Profissional ETS Areias Especialistas Nome Função UnidadeAntônio Augusto de Medeiros Neto Docente ETS AreiasFlávio Castro de Couto Analista de Sistemas ETS AreiasObservadores do Comitê: Nome Instituição/Função EstadoJosenildo Fernando da Silva SENAI-ETS Areias / Diretor da Escola PE SENAI-DET / Analista de EducaçãoAna Pernambuco de Souza PE Profissional SENAI-DET / Analista de EducaçãoJaciline Gomes Buarque L. da Silveira PE ProfissionalLocal: Departamento Regional do SENAI-PE / Escola Técnica SENAI Areias JosephTurton JúniorValidação do perfil: Recife/PE, / / .Prazo de validade: / / .SENAI-PE/CTS.1-2011perfilprofissional20tecnlogo20anliseedesenvol-110314145226-phpapp01.doc – para análise e validação. 12/12