Avid studiomanual br

1,225 views
1,102 views

Published on

Published in: Devices & Hardware
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,225
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
18
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Avid studiomanual br

  1. 1. Avid Studio Versão 1 Avid Studio UltimateSua vida nos filmes
  2. 2. Documentação por Nick Sullivan e Terri Morgan. Colaboradores: JoshFrench, Dieter Huber, Jim Sugg e Markus Weber.Copyright ©1996-2011 Avid Technology, Inc. Todos os direitosreservados.Respeite os direitos dos artistas e autores. O conteúdo, como músicas,fotos, vídeo e imagens de celebridades, está protegido pelas leis de muitospaíses. Você não deve usar o conteúdo de outras pessoas, a não ser quepossua os direitos ou tenha permissão do proprietário. Este produto oupartes dele são protegidos por uma ou mais das seguintes patentes nosEstados Unidos: 5,495,291; 6,469,711; 6,532,043; 6,901,211; 7,124,366;7,165,219; 7,286,132; 7,301,092 e 7,500,176; e, na Europa, por uma oumais das seguintes patentes europeias: 0695094 e 0916136. Outras patentesestão pendentes.Mpegable DS 2.2 ©2004 Dicas Digital Image Coding GmbH.  Fabricadosob licença da Dolby Laboratories. Dolby e o símbolo de D duplo sãomarcas comerciais da Dolby Laboratories. Trabalhos confidenciais nãopublicados. Copyright 1993 - 2005 Dolby Laboratories. Todos os direitosreservados.  Tecnologia licenciada de codificação de áudio MPEG Layer-3 da Fraunhofer IIS e Thomson Multimedia.  Partes deste produto foramcriadas usando LEADTOOLS ©1991-2006, LEAD Technologies, Inc.Todos os direitos reservados.  Partes utilizam tecnologias WindowsMedia ©1999-2005 Microsoft Corporation.  Real Producer SDK ©1995-2005 Real Networks Inc.  Este produto contém partes do código deimagem propriedade e protegido por direitos autorais da Pegasus ImagingCorporation, Tampa, FL. Todos os direitos reservados.  Áudio MPEGLayer II da QDesign Corp.  Este produto contém o YouTube API.Tecnologia de áudio MPEG poderá estar incluída neste produto. AudioMPEG, Inc. e S.I.SV.EL., S.P.A. requerem esta nota: Este produto contémtecnologia de áudio MPEG licenciada pela Audio MPEG e SISVEL apenaspara uso de acordo com o contrato de licença de usuário final (EULA) daAvid.Nenhuma parte deste manual pode ser copiada ou distribuída, transmitida,transcrita, armazenada em um sistema de recuperação ou traduzida paraqualquer língua ou linguagem de computação, de qualquer forma e porquaisquer processos, eletrônicos, mecânicos, magnéticos, manuais ououtros, sem a permissão expressa por escrito da Avid Technology, Inc.Avid280 North Bernardo AvenueMountain View, CA 94943Impresso nos EUA.ii Avid Studio
  3. 3. Índice analíticoÍNDICE ANALÍTICO .......................................................................... IIIANTES DE COMEÇAR .................................................................... IX Requisitos de equipamento ..................................................................... ix Abreviaturas e convenções ..................................................................... xi Ajuda on-line ........................................................................................ xiiiCAPÍTULO 1: UTILIZAÇÃO DO AVID STUDIO ...............................1 A Biblioteca ............................................................................................. 3 O Editor de Filme e o Editor de Disco..................................................... 6 Os editores de mídia ................................................................................ 7 O Player ................................................................................................... 8CAPÍTULO 2: A BIBLIOTECA ..........................................................9Compreensão da biblioteca...................................................................... 12 Guias de localização .............................................................................. 14 A Árvore de itens................................................................................... 15 Coleções ................................................................................................ 17 Gerenciamento de itens da Biblioteca ................................................... 19 O Navegador.......................................................................................... 21 A pré-visualização da Biblioteca ........................................................... 25Utilização da Biblioteca............................................................................ 28 Escolha do que exibir ............................................................................ 28 Marcas ................................................................................................... 30 Corrigir mídia ........................................................................................ 33Índice analítico iii
  4. 4. Detecção de cenas de vídeo ................................................................... 33SmartSlide e SmartMovie ........................................................................ 36 SmartSlide ............................................................................................. 37 SmartMovie ........................................................................................... 39CAPÍTULO 3: O EDITOR DE FILME ..............................................43A linha de tempo do projeto .................................................................... 45 Fundamentos da linha de tempo ............................................................ 45 A barra de ferramentas da linha de tempo ............................................. 48 O cabeçalho da trilha da linha de tempo ................................................ 53 Funções do áudio da linha de tempo...................................................... 55Edição de filmes ........................................................................................ 55 Adicionar clipes à linha de tempo ......................................................... 56 Editor de títulos, ScoreFitter, sobreposição de voz................................ 60 Excluir clipes ......................................................................................... 61 Operações dos clipes ............................................................................. 61 Utilização da área de transferência ........................................................ 71 Velocidade ............................................................................................. 73 Filmes dentro de filmes ......................................................................... 75 Transições .............................................................................................. 75 Efeitos do clipe ...................................................................................... 79 Menus de contexto do clipe ................................................................... 80CAPÍTULO 4: EDIÇÃO DE MÍDIA: CORREÇÕES .........................83 Visão geral da edição de mídia .............................................................. 85Corrigir fotos ............................................................................................ 90 Ferramentas de edição de fotos.............................................................. 90 Correções de fotos ................................................................................. 91Corrigir vídeo ........................................................................................... 95 Ferramentas de vídeo ............................................................................. 96 Correções de vídeo ................................................................................ 99Corrigir áudio ......................................................................................... 100CAPÍTULO 5: EDIÇÃO DE MÍDIA: EFEITEOS ............................101 Efeitos nos editores de mídia ............................................................... 103iv Avid Studio
  5. 5. Efeitos na linha de tempo .................................................................... 106 O painel Configurações ....................................................................... 107 Trabalhar com quadros-chave.............................................................. 109 Efeitos de vídeo e foto ......................................................................... 111 Panorâmico e zoom ............................................................................. 114CAPÍTULO 6: MONTAGEM ..........................................................119 A seção Montagem da Biblioteca ........................................................ 121Utilização de modelos de montagens..................................................... 122 Clipes de montagem na linha de tempo do projeto .............................. 123 Anatomia de um modelo...................................................................... 125O Editor de montagens .......................................................................... 128CAPÍTULO 7: O EDITOR DE TÍTULOS ........................................131 Inicialização (e saída) do Editor de títulos........................................... 133 O menu Arquivo .................................................................................. 134A Biblioteca ............................................................................................. 135O Seletor de ajustes prévios ................................................................... 136 Estilos predefinidos ............................................................................. 137 Movimentos predefinidos .................................................................... 138Criação e edição de Títulos .................................................................... 141 Configurações de fundo ....................................................................... 143 Configurações de estilo ....................................................................... 144 A Janela de edição ............................................................................... 148 Texto e configurações do texto ............................................................ 151A Lista de camadas ................................................................................ 155 Trabalhar com a Lista de camadas....................................................... 156 Trabalhar com grupos de camadas ...................................................... 160CAPÍTULO 8: SOM E MÚSICA .....................................................165O Editor de áudio ................................................................................... 167 Correções do áudio .............................................................................. 172 Efeitos de áudio ................................................................................... 176Índice analítico v
  6. 6. Áudio na linha de tempo ........................................................................ 178 Funções do áudio da linha de tempo.................................................... 179Ferramentas de criação de áudio .......................................................... 186 ScoreFitter ........................................................................................... 187 A Ferramenta de sobreposição de voz ................................................. 189CAPÍTULO 9: PROJECTOS DE DISCO .......................................191 Menus de disco .................................................................................... 192 Adição de menus de disco ................................................................... 195 Pré-visualização de menus de disco .................................................... 197Edição de menus na linha de tempo ...................................................... 199 Marcadores de menus na linha de tempo ............................................. 199 Ferramentas de criação ........................................................................ 200 O Assistente de capítulos ..................................................................... 203O Editor de menus.................................................................................. 206 Botões de menus .................................................................................. 206O Simulador de disco ............................................................................. 209CAPÍTULO 10: O IMPORTADOR .................................................211 Utilização do Importador ..................................................................... 212Painéis do Importador ........................................................................... 213 O painel Importar de ............................................................................ 213 O painel Importar para......................................................................... 216 O painel Modo ..................................................................................... 220 A janela Opções de compressão .......................................................... 222 A janela Opções de detecção de cena .................................................. 223 O painel Metadados ............................................................................. 224 O painel Nome do arquivo................................................................... 225Seleção de mídia para importação ........................................................ 227 Importar de mídia baseada em arquivos .............................................. 227 Seleção de arquivos para importação .................................................. 227 Procurar por mídia ............................................................................... 233 Importar de camera DV ou HDV......................................................... 234 Importar de fontes analógicas .............................................................. 238 Importar de DVD ou disco Blu-ray ..................................................... 240vi Avid Studio
  7. 7. Importar de cameras digitais ................................................................ 241 Stop Motion ......................................................................................... 241 Instantâneo ........................................................................................... 243CAPÍTULO 11: O EXPORTADOR.................................................247Saída para disco ...................................................................................... 250Saída para arquivo ................................................................................. 253Saída para a Web ................................................................................... 261CAPÍTULO 12: CONFIGURAÇÕES ..............................................265APÊNDICE A: RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS ..........................271Contato do suporte ................................................................................. 272Principais problemas de suporte ........................................................... 273 Compatibilidade com conteúdo anterior .............................................. 273 Compatibilidade com hardware de captura ......................................... 276 Informação de número de série............................................................ 277 Erro ou bloqueio durante a instalação.................................................. 278 Falhas ou bloqueios durante a inicialização ........................................ 280 Resolução de bloqueios do software .................................................... 281 Problemas na exportação ..................................................................... 286 Problemas na reprodução de discos ..................................................... 286 Recursos, tutoriais e treinamento ......................................................... 289APÊNDICE B: DICAS DE VIDEOGRAFIA....................................291 Criação de um plano de filmagem ....................................................... 291 Edição .................................................................................................. 292 Regras de ouro para a edição de vídeo ................................................ 295 Produção da trilha sonora .................................................................... 297 Título ................................................................................................... 298APÊNDICE C: GLOSSÁRIO .........................................................299APÊNDICE D: ATALHOS DE TECLADO .....................................313Índice analítico vii
  8. 8. ÍNDICE REMISSIVO ......................................................................319viii Avid Studio
  9. 9. Antes de começarObrigado por comprar o Avid Studio. Esperamos que aproveite os váriosrecursos do software.Caso nunca tenha utilizado o Avid Studio anteriormente, recomendamosque mantenha o manual à mão para consulta se não o ler integralmente.De modo a garantir uma entrada no mundo da edição de vídeo com o pédireito, favor rever os três tópicos abaixo antes de avançar para o Capítulo1: Utilização do Avid Studio. Requisitos de equipamentoAlém de seu software Avid Studio, um sistema de edição eficiente requerdeterminados níveis de desempenho do sistema, conforme realçado abaixo.Tenha também em conta que embora as especificações sejam importantes,elas não dizem tudo. Por exemplo, o correto funcionamento dosdispositivos de hardware também pode depender do software do driverfornecido pelo fabricante. A consulta do website do fabricante paraatualizações do driver e informação de suporte pode ser muitas vezes útilpara a resolução de problemas com placas gráficas, placas de som e outrosdispositivos.Sistema operacionalRecomenda-se um sistema operacional de 64 bits, se desejar editar materialHD.RAMQuanta mais RAM tiver, mais fácil será trabalhar com o Avid Studio. Serápreciso pelo menos 1 GB de RAM para garantir um funcionamentosatisfatório, contudo recomendamos 2 GB (ou mais). Se você trabalhar comvídeo HD ou AVCHD, a recomendação aumenta para 4 GB.Antes de começar0B ix
  10. 10. Placa-mãeIntel Pentium ou AMD Athlon 2.4 GHz ou superior – quanto mais elevadomelhor. A edição AVCHD exige uma CPU mais potente. A recomendaçãomínima é de 2.66 GHz para a edição de vídeo AVCHD de 1920 pixels.Recomenda-se um sistema multicore como o Core i7, Core i5 ou Core i3.Placa gráficaPara executar o Avid Studio, a sua placa gráfica compatível com DirectXrequer:• Para uma utilização normal, pelo menos 128 MB de memória interna (preferencial: 256 MB).• Para HD e AVCHD, pelo menos 256 MB (preferencial: 512 MB).O disco rígidoSeu disco rígido deve ser capaz de ler e gravar a uma taxa sustentável de 4MB/s. A maioria dos discos é capaz disso. A primeira vez que capturar, oAvid Studio testará seu disco para se certificar de que é suficientementerápido.Os arquivos de vídeo são, freqüentemente, demasiado grandes, por issotambém requerem uma grande quantidade de espaço disponível no discorígido. Por exemplo, o vídeo em formato DV ocupa 3,6 MB de espaço nodisco rígido por segundo de metragem, o que corresponde a um gigabytepor cada quatro minutos e meio. Dica: Para a captura a partir de fita de vídeo, recomendamos a utilização de uma unidade separada de disco rígido, no sentido de evitar a competição entre o Avid Studio e outro software, incluindo o Windows, para utilizar a unidade de disco.Hardware de captura de vídeoO Avid Studio pode capturar vídeo a partir de uma variedade de fontesdigitais e analógicas. Para detalhes, consulte “O painel Importar de” napágina 213.x Avid Studio
  11. 11. Hardware de saída de vídeoO Avid Studio pode enviar vídeo para:• Qualquer filmadora ou videocassete HDV, DV ou Digital8. Isto exige uma porta IEEE-1394 (FireWire) compatível com OHCI (tal como fornecido pelo Avid Studio DV). A filmadora deve ser configurada para gravar a partir da entrada DV.• Qualquer filmadora ou videocassete analógicos (8mm, Hi8, VHS, SVHS, VHS-C ou SVHS-C). Isto exige Avid Studio USB-700, PCI-500, PCI-700 ou outra placa Avid com saídas analógicas. O envio para filmadoras ou videocassetes analógicos também é possível utilizando o Avid Studio DV ou outra porta 1394 compatível com OHCI se sua filmadora ou videocassete DV ou Digital8 puder enviar um sinal DV para suas saídas analógicas (para mais informações, consulte o manual de sua filmadora e o Capítulo 11: O Exportador). Abreviaturas e convençõesEste guia utiliza as seguintes convenções para ajudar a organizar o material.Termos comunsAVCHD: Um formato de dados de vídeo utilizado por algumas filmadorasde alta definição e para a criação de DVDs passíveis de ser lidos em playersde Blu-ray. A edição bem sucedida de arquivos AVCHD requer maiscapacidade computacional do que outros formatos suportados pelo AvidStudio.DV: Este termo se refere a filmadoras, videocassetes e fitas DV e Digital8.HDV: Um formato de “vídeo de alta definição” que permite que o vídeonos tamanhos de quadro de 1280x720 ou 1440x1080 seja gravado noformato MPEG-2 em mídia DV.1394: O termo “1394” se refere a interfaces, portas e cabos IEEE-1394,FireWire, DV ou i.LINK compatíveis com OHCI.Analógico: O termo “analógico” se refere a filmadoras, videocassetes efitas 8mm, Hi8, VHS, SVHS, VHS-C ou SVHS-C, e a cabos e conectoresVídeo composto/RCA e S-Video.Antes de começar0B xi
  12. 12. Botões, menus, caixas de diálogo e janelasOs nomes de botões, menus e itens relacionados são escritos em itálico paraos distinguir do texto circundante, ao passo que os nomes de janelas ecaixas de diálogo são escritos com iniciais maiúsculas. Por exemplo: Clique no botão Editar menu para abrir seu menu no Editor de títulos.Escolha de comandos de menuO símbolo com uma seta apontando para a direita () indica o caminhopara itens hierárquicos do menu. Por exemplo: Selecione Arquivo  Gravar imagem de disco.Menus de contextoUm “menu de contexto” é uma lista pop-up de comandos que surge quandovocê clica com o botão direito do mouse em determinadas áreas dainterface do aplicativo. Dependendo da área onde é aplicado o clique, ummenu de contexto pode dizer respeito a um objeto editável (como um clipeem uma linha de tempo de edição), a uma janela ou a uma zona como opainel de controle. Uma vez abertos, os menus de contexto reagem damesma maneira que aqueles na barra de menus principais.Os menus de contexto estão disponíveis na maioria das partes da interfacedo Avid Studio. A nossa documentação parte, geralmente, do princípio quevocê sabe como abrir e utilizá-los.Cliques com o mouseQuando é necessário um clique com o mouse, o clique predefinido é sempreum clique com o botão esquerdo, salvo especificado o contrário ou se oclique for para abrir um menu de contexto: Clique com o botão direito e selecione Editor de títulos. (Ou, também se poderia dizer, “Selecione o Editor de títulos a partir do menu de contexto.”)Nomes das teclasOs nomes das teclas são indicados com inicial maiúscula e sublinhados.Um sinal de mais sugere uma combinação de teclas. Por exemplo: Pressione Ctrl+A para selecionar todos os clipes na Linha de tempo.Consulte o Apêndice D: Atalhos de teclado para uma tabela abrangente dosatalhos disponíveis.xii Avid Studio
  13. 13. Ajuda on-lineEstão sempre disponíveis dois tipos de ajuda imediata enquanto trabalhacom o Avid Studio:• Arquivo de ajuda: Para abrir o arquivo de ajuda do Avid Studio, clique no botão ajuda na barra de menus principais ou pressione F1.• Dicas de ferramentas: Para descobrir o que um botão ou outro controle do Avid Studio faz, posicione o ponteiro do mouse sobre o mesmo durante uns momentos. Surge uma “dica de ferramenta”, como a “Ajuda (F1)” ilustrada acima, explicando a sua função.Antes de começar0B xiii
  14. 14. CAPÍTULO 1: Utilização do Avid StudioPara um simples esboço do processo de criação de filme, você não precisade sair do grupo central de guias da janela principal do Avid Studio. A barra de controle principal do Avid Studio resume o processo de criação de filme. (Se você selecionar a guia Biblioteca, o botão Exportar não aparece.) O ImportadorImportar, à esquerda, é uma etapa de preparação. Envolve procedimentoscomo a “captura” de vídeo da filmadora analógica ou digital, atransferência de fotos de uma câmera digital e a cópia de arquivos de mídiapara o disco rígido local a partir de uma localização na rede.O Importador do Avid Studio disponibiliza ferramentas para essas tarefas,juntamente com um recurso Instantâneo para isolar quadros de arquivos devídeo e uma ferramenta Stop Motion para construir um vídeo quadro aquadro. Consulte o Capítulo 10: O Importador para detalhes.Capítulo 1: Utilização do Avid Studio 1
  15. 15. Principais controles na ferramenta Instantâneo do Importador. O ExportadorNa outra extremidade do processo de criação de filme está Exportar.Quando você chegar a essa fase, a parte mais dura da tarefa já estará paratrás. A energia criativa investida na criação de seu filme resultou naprodução que agora apenas requer um único ingrediente – um público. Preparação para criar um arquivo de vídeo no Exportador.O Exportador do Avid Studio ajuda nessa última barreira com ferramentasque permitem levar o seu filme aos seus espectadores, não importa quemsejam ou onde estejam. Crie um arquivo de filme digital no formato da suaescolha, grave um DVD ou, mesmo, carregue-o diretamente para sua contano YouTube.2 Avid Studio
  16. 16. Tal como o Importador, o Exportar é aberto em uma janela separada e voltaà janela principal após realizar a sua tarefa. Consulte o Capítulo 11: OExportador para mais informações. As guias centraisAs três guias centrais, Biblioteca, Filme e Disco, são os locais onde temlugar a maior parte do trabalho no Avid Studio. A primeira destas abre avista principal da Biblioteca, onde você pode “curar” suas coleções demídia.As outras guias abrem os dois editores de projeto, um para filmes digitais eo outro para projetos de disco, os quais são filmes digitais melhorados cominteratividade na forma de menus de DVD. A BibliotecaA Biblioteca é uma ferramenta de catalogação e gestão de todos os recursosbaseados em arquivos – ou itens – em que você pode basear-se durante acriação. Quase todos os materiais do filme – metragem de vídeo, arquivosde música e áudio, e muitos recursos especializados, como transições eefeitos – se originam de itens na Biblioteca. A maioria dos itens daBiblioteca é fornecida com o Avid Studio e está disponível para usogratuito. Estes incluem títulos com design profissional, menus de DVD,efeitos sonoros e muitos mais.A Biblioteca utiliza pastas de monitorização para acompanharautomaticamente a quantidade mutável de arquivos de mídia no sistema. Napágina Pastas de monitorização das Configurações do Avid Studio insira osnomes das pastas de mídia, principalmente aquelas que são freqüentementeatualizadas. A partir deste momento, a Biblioteca procurará regularmentepor alterações nessas pastas e se atualizará de modo correspondente.Consulte “Pastas de monitorização” na página 266 para detalhes.Vista principal: Se você clicar na guia Biblioteca, a janela principal éocupada pela Biblioteca. Esta “vista principal” oferece amplo acesso a umasérie de ferramentas de catalogação e pesquisa, incluindo aquelas paracategorizar itens por meio de classificações e marcas, e aquelas para criarcoleções de itens definidas pelo usuário.Capítulo 1: Utilização do Avid Studio 3
  17. 17. Vista compacta: A “vista compacta” da Biblioteca comprime virtualmentea total funcionalidade da vista principal em um painel integrado dentro dedeterminadas janelas, tais como o Editor de Filme e o Editor de Disco. Aprincipal funcionalidade da vista compacta consiste em permitir trazer itensda Biblioteca para um projeto de filme ou disco por meio do recursoarrastar-e-soltar. A vista principal da Biblioteca é composta por controles de navegação para a exploração da estrutura de catálogo (esquerda) e um navegador para analisar e selecionar itens (direita).Player: As ferramentas disponíveis a partir da Biblioteca incluem o Player,um visualizador que funciona para todos os tipos de mídia processados peloaplicativo. Quando utilizado a partir da vista principal da Biblioteca, oPlayer é aberto em uma janela separada. Se for utilizada a Bibliotecacompacta, uma versão integrada do Player surge na mesma janela. Consulte“O Player” na página 8 para mais informações.4 Avid Studio
  18. 18. Pré-visualização de um item de vídeo da Biblioteca na janela redimensionável do Player, com controles de transporte com total funcionalidade, incluindo uma roda de transporte. Você pode continuar a trabalhar na janela principal enquanto o Player pop-up estiver aberto.Para uma descrição abrangente da Biblioteca e seus usos, consulte oCapítulo 2: A Biblioteca.O passo seguinteO passo seguinte, depois de ter-se familiarizado com a Biblioteca e ter feitotodas as alterações necessárias à configuração padrão, consiste em iniciar acriação de um filme. Há duas maneiras para executar esse passo.A maneira habitual: Se desejar exercer um controle detalhado sobre amaneira como os itens de mídia são utilizados na produção, você terá deiniciar a construção do projeto de filme ou disco a partir do zero em um dedois editores de projetos. Estes são descritos abaixo.A maneira mais fácil: Para resultados ultra rápidos, a Bibliotecadisponibiliza outra maneira. Clicando nas ferramentas SmartSlide ouSmartMovie situadas na área inferior da vista principal da Biblioteca éaberta uma bandeja adicional de controles. Com qualquer uma destas, vocêsó precisa selecionar alguns itens de mídia visual para servir de base doprojeto, escolher música para uma trilha sonora e efetuar várias outraspersonalizações. Depois o software assume o controle, gerandoautomaticamente um projeto do Avid Studio à escala real, contendo a mídiae as opções solicitadas. Você pode exportar o projeto imediatamente oueditá-lo manualmente, se preferir. Para detalhes, consulte “SmartSlide” napágina 37 e “SmartMovie” na página 39.Capítulo 1: Utilização do Avid Studio 5
  19. 19. O Editor de Filme e o Editor de DiscoUma vez coletados os materiais e organizados a gosto na Biblioteca,chegou a hora de trabalhar em um vídeo ou uma apresentação de slides. Seestiver trabalhando especificamente em uma produção de disco, você podecomeçar imediatamente no Editor de Disco, que é quase igual ao Editor deFilme, mas tem ferramentas adicionais para a criação e configuração demenus de DVD. O Editor de Disco é descrito no Capítulo 9: Projetos dedisco.Se você estiver pensando em criar um disco ou ainda não tiver a certeza, ouse o disco não for a única mídia de saída planejada, o Editor de Filme será olocal ideal para começar. Uma vez concluído o filme, você pode exportá-lopara o Editor de Disco e adicionar os menus.O Editor de Filme e o Editor de Disco existem lado a lado, porém, além dorecurso de exportação agora mencionado, eles não interagem. Se desejar,você pode carregar em simultâneo um projeto de filme comum e um projetode disco, e alternar à vontade entre eles. Quer no Editor de Filme quer no Editor de Disco, uma linha de tempo com múltiplas trilhas ocupa a parte inferior da tela. A maioria dos “clipes” na linha de tempo vem da Biblioteca; alguns tipos, como a música de fundo automática, são gerados com o auxílio de ferramentas especiais.Conforme mencionado acima, ambos os editores de projetos incluemversões integradas da Biblioteca e do Player, além da tela da linha detempo. Para construir um projeto, arraste itens da Biblioteca para as trilhasda linha de tempo, onde são chamados de “clipes”.6 Avid Studio
  20. 20. O controle Tipo de pré-visualização acima do Player permite alternar entrea vista do item atual da Biblioteca (“fonte”) e o clipe atual da linha detempo. No Editor de Disco, um tipo de pré-visualização adicional (“menu”)permite utilizar o Player como editor para vincular menus de disco a pontosna linha de tempo do projeto.A edição na linha de tempo, uma atividade central na criação de um projeto,é descrita de modo detalhado no Capítulo 3: O Editor de Filme. Os editores de mídiaSe necessário, a Biblioteca e a linha de tempo do projeto abrem janelasadicionais para trabalhar com tipos específicos de mídia e outros itens.Geralmente, você pode abrir uma janela do editor adequada a qualquer itemou clipe clicando duas vezes no item.Correções a partir da Biblioteca: Os editores para os tipos de mídiapadrão de vídeo, foto e áudio são particularmente importantes. Quandochamados a partir da Biblioteca (clicando duas vezes em um item), cada umdestes editores fornece um conjunto de ferramentas de correção adequadasao respectivo tipo de mídia. Estas ferramentas podem ser aplicadasdiretamente a itens da Biblioteca para remover movimentos da câmera dovídeo, cortar material indesejado de uma foto ou suprimir ruídos, apenasindicando alguns exemplos.Se for aplicada uma correção a um item da Biblioteca, o arquivo de mídianão será alterado. Em vez disso, os parâmetros de correção são salvos nobanco de dados da Biblioteca. Eles podem ser alterados a qualquermomento ou removidos, conforme necessário. As correções efetuadas naBiblioteca acompanham o item quando este é adicionado à linha de tempodo projeto na forma de clipe.Correções a partir da linha de tempo: Se você abrir um dos editores demídia padrão clicando duas vezes em um clipe na linha de tempo, asferramentas de correção estarão novamente disponíveis, embora, nestecaso, elas se apliquem apenas ao clipe no projeto e não ao item daBiblioteca subjacente.Capítulo 1: Utilização do Avid Studio 7
  21. 21. Efeitos: Se forem chamados a partir da linha de tempo do projeto, oseditores de mídia também oferecem efeitos que cobrem uma amplavariedade de aprimoramentos em todos os três tipos de mídia. Os efeitososcilam entre práticos (Brilho e Contraste) a teatrais (Fogo fractal). Osefeitos podem ser animados com alterações dos parâmetros comquadros-chave até qualquer grau de complexidade. Eles permitem inúmerasmaneiras de acrescentar interesse criativo a suas produções.Panorâmico e zoom: O Editor de Foto disponibiliza ainda outraferramenta, Panorâmico e zoom. Como os efeitos agora descritos,Panorâmico e zoom pode ser animado com quadros-chave, de modo a criaruma combinação de movimentos simulados de câmera com quadros-chavedentro dos limites de uma única foto.As ferramentas de correção, e os editores de mídia no geral, são o tema doCapítulo 4: Edição de mídia: Correções. Os efeitos, e a ferramentapanorâmico e zoom, são descritos no Capítulo 5: Edição de mídia: Efeitos. O PlayerO Player é uma tela de pré-visualização, na qual você pode analisar a mídiada Biblioteca, reproduzir seu projeto de filme, editar menus de disco emuito mais. Em cada janela ou contexto em que seja utilizado, o Playerexibe controles algo diferentes.Para uma introdução ao Player e seus controles básicos, consulte “Apré-visualização da Biblioteca” na página 25. Para o uso do Player no modode corte na linha de tempo, consulte “Operações dos clipes” na página 61.Para informações sobre a utilização do Player com Montagens, consulte “OEditor de montagens” na página 128. Para a utilização do Player durante aedição de menus de disco, consulte “Pré-visualização de menus de disco”na página 197.8 Avid Studio
  22. 22. CAPÍTULO 2: A BibliotecaA Biblioteca do Avid Studio, ou, simplesmente, “a Biblioteca”, é umaferramenta de catalogação e gestão de todos os recursos baseados emarquivos em que você pode basear-se durante a criação. Sua finalidadeconsiste em permitir escolher e utilizar segmentos de vídeo, fotos, alaridos,transições, títulos e outros “itens” (como são geralmente designados) paraos seus filmes o mais fácil, rápido e intuitivo possível. A Biblioteca de mídia do Avid Studio aberta em uma pasta de imagens gráficas.O esquema de classificação da Biblioteca é parecido com o existente novisualizador do sistema de arquivos. Enquanto o visualizador agrupaarquivos com base nas suas localizações de armazenamento físicas, taiscomo discos rígidos, a Biblioteca agrupa os itens com base no seu tipo –vídeo, foto e assim sucessivamente.Capítulo 2: A Biblioteca 9
  23. 23. Além disso, o conceito da vista de árvore para acessar subgrupos de itens évirtualmente idêntico e deve parecer imediatamente familiar.Além dos arquivos de áudio, foto e vídeo em formatos padrão, a Bibliotecainclui mídia auxiliar especializada, como títulos e menus de disco. Estesestão, juntamente com as transições, filtros e outros efeitos, na categoriaprincipal designada por “Elementos criativos”.A Biblioteca pode facilmente gerenciar grandes quantidades de mídia, taiscomo aquelas atualmente encontradas mesmo num sistema doméstico.Todas as dezenas de tipos de arquivo de mídia utilizáveis no Avid Studiopodem ser pesquisados, organizados e pré-visualizados dentro da interfaceintegrada.Os itens são exibidos como ícones ou registros de texto nas pastasrecolhíveis que se acumulam no Navegador da Biblioteca. As pastas podemcorresponder a diretórios reais no sistema de arquivos do computador ou agrupos virtuais baseados em classificações, tipo de arquivo, data de criaçãoou inclusão em uma Coleção definida pelo usuário. Adicionar itens a um projetoEstão disponíveis duas vistas da Biblioteca no Avid Studio. A vistaPrincipal ocupa a janela do aplicativo ao clicar na guia Biblioteca. Estautiliza todo o espaço disponível para fornecer o máximo de informaçãopossível. Para abrir a vista da Biblioteca principal, clique na guia Biblioteca no topo da janela do aplicativo Avid Studio.A vista Compacta da Biblioteca consta de um painel, fixo (tal como noseditores de projetos Filme e Disco) ou móvel (como no Editor de títulos). Avista Compacta conserva toda a funcionalidade da Biblioteca. A suaprincipal funcionalidade consiste em permitir trazer itens da Biblioteca paraum projeto de filme ou disco por meio do recurso arrastar-e-soltar.10 Avid Studio
  24. 24. O conjunto atual de guias da Biblioteca e o conteúdo do Navegador sãocomuns a todas as vistas da Biblioteca. Por exemplo, se estiver pesquisandoem uma pasta específica de menus de disco na vista Principal, essa mesmapasta será aberta na vista Compacta se mudar agora para o Editor de Filme. Corrigir arquivos de mídiaNo que respeita à qualidade técnica, os arquivos de mídia não são todosiguais. Ocasionalmente, você encontra a foto, o clipe ou o efeito sonoroperfeitos. Porém, muitas vezes, a foto precisa ser cortada, o vídeo estáinstável ou o som inicia com um ruído irritante. As ferramentas de correçãode mídia do Avid Studio permitem reparar estes e outros problemassemelhantes, aplicando filtros de correção a um clipe com problemas apósa sua colocação na linha de tempo do projeto.Muitas vezes, contudo, uma solução ainda melhor consiste em aplicar acorreção ao próprio item na Biblioteca, antes de ser adicionado ao projeto.Dessa maneira, todas as produções que utilizem esse item começarão com aversão corrigida em vez do original insatisfatório. Essas correções podemser rapidamente efetuadas abrindo os editores de mídia a partir daBiblioteca. O arquivo subjacente ao item corrigido não é modificado: emvez disso, os parâmetros de correção são armazenados no banco de dadosda Biblioteca e reaplicados sempre que o item seja exibido ou utilizado. Gratificação instantânea: SmartSlide e SmartMovieAlém das funções centrais mencionadas até aqui, a Biblioteca oferece umpar correspondente de ferramentas para a construção automática de umprojeto completo usando os recursos de mídia que você especificar. Bastaselecionar algumas fotos ou seqüências de vídeo, inserir algumasconfigurações e iniciar. Você pode aceitar o projeto gerado pelo AvidStudio sem modificações adicionais ou ajustá-lo com o auxílio da ediçãomanual, conforme preferir.Capítulo 2: A Biblioteca 11
  25. 25.  COMPREENSÃO DA BIBLIOTECAA Biblioteca do Avid Studio permite gerenciar e utilizar de modo eficienteo conjunto completo de mídia e outros itens disponíveis para uso nas suasproduções.O que contém exatamente a biblioteca?O conjunto completo de itens que podem ser utilizados nos seus projetos éresumido pelas quatro ramificações principais da Árvore de itens. Cadaramificação é, por sua vez, dividida em subseções mais especializadas.Toda a mídia contém os arquivos de mídia padrão em seu sistema emsubseções chamadas Fotos, Vídeo e Áudio. São suportados muitos tipos dearquivo padrão. O objetivo da quarta subseção, Mídia ausente, é descritoabaixo.Projetos são os seus próprios projetos de filme e disco do Avid Studio, comsubseções nomeadas de modo correspondente. Você pode abrir um projetodiretamente a partir da Biblioteca e começar a editá-lo ou você podeadicioná-lo à linha de tempo de outro projeto para ser utilizado como umclipe comum.Coleções são grupos personalizados de mídia da Biblioteca. Quanto maistempo você gastar gerenciando mídia, provavelmente mais coleçõesutilizará. Elas podem servir de locais de armazenamento temporário duranteo seu trabalho ou para classificar e arrumar mídia para utilização posterior.As coleções também podem ser geradas automaticamente, porém a maioriaé definida pelo usuário. Também são suportadas coleções hierarquicamenteorganizadas. As coleções no nível superior da hierarquia são utilizadascomo subseções da ramificação Coleções.A ramificação Elementos criativos éapresentada aberta na ilustração à direita,revelando suas subseções. Cada umacorresponde a um tipo de efeito especial(Efeitos e Transições) ou um tipo demídia especial (o resto). Estão incluídasno Avid Studio coleções gratuitas eprontas a utilizar de todos os sete tipos.12 Avid Studio
  26. 26. Armazenamento de itens da BibliotecaCada item na Biblioteca – clipe, som, transição e assim sucessivamente –corresponde a um arquivo no armazenamento local do sistema docomputador. A Biblioteca não “possui” esses arquivos e nunca fazalterações aos mesmos, salvo se especificamente solicitado. Em vez disso,ela mantém o registro dos seus nomes, localizações e propriedades em umbanco de dados interno. A informação armazenada também inclui eventuaismarcas e classificações atribuídas a itens específicos e os parâmetros detodos os filtros de correção aplicados. O banco de dadosOs arquivos que compõem o banco de dados da Biblioteca sãoarmazenados, no Microsoft Windows, em uma pasta com direitos de acessopor um único usuário, em vez de acesso compartilhado. Se o Avid Studiofor utilizado no seu computador por múltiplos usuários com loginsindividuais, será criada uma Biblioteca para cada um. Mídia ausenteAs operações como adicionar, remover e renomear um item da Bibliotecasão operações associadas ao banco de dados que não têm efeito no próprioarquivo de mídia. Se você remover um item da Biblioteca, uma opção nacaixa de diálogo de confirmação permite ir mais além e excluir também oarquivo real, porém a opção está desativada por padrão – você tem desolicitar especificação a ação.Do mesmo modo, ao excluir ou mover o arquivo deum item no Windows Explorer ou outro aplicativofora do Avid Studio, o registro do arquivo no bancode dados não deixa de existir. No entanto, uma vezque a Biblioteca não pode acessar o arquivo, éadicionado um elemento gráfico de erro à listagemdo arquivo. Se o arquivo ainda existir, porém tenha sido movido para outrapasta ou dispositivo, a sua nova vinculação à Biblioteca é simples. Cliqueduas vezes no item para abrir uma caixa de diálogo padrão Abrir arquivo,onde pode indicar o caminho até à nova localização do arquivo.Aliás, para verificar se há mídia ausente em alguma parte da Biblioteca,procure na subseção especial Toda a mídia  Mídia ausente da Árvore deitens. A Árvore de itens é descrita abaixo (página 15).Capítulo 2: A Biblioteca 13
  27. 27. Guias de localizaçãoA edição de um projeto de vídeo envolve a coordenação da mídia maisvariada e outros itens à disposição. À medida que você prossegue, éprovável que pesquise repetidas vezes em várias partes da Bibliotecarelevantes para o projeto. Não há dúvida de que você também alteraráocasionalmente as opções de visualização e filtragem, dependendo domaterial obtido.Tal como um navegador da Web que utiliza uma fila de guias para alternarsem esforço entre os múltiplos sites da Web abertos, a Biblioteca permitecriar e configurar guias de localização à medida que você trabalha. As guiasfornecem acesso direto a cada uma das diferentes localizações em que vocêestá atualmente trabalhando. Neste exemplo, três guias fornecem acesso à mídia necessária para diferentes partes de um projeto de disco. O ponteiro do mouse está preparado para criar uma nova guia. Para fechar uma guia, clique no ícone x à direita da legenda da guia.Para definir a localização da guia atual, clique em um nome na Árvore deitens. As alterações efetuadas nas opções de visualização e filtragem com aguia ativa são mantidas entre acessos.14 Avid Studio
  28. 28. A Árvore de itensA gama completa de itens da Biblioteca é organizada em uma árvore depastas, cuja estrutura e uso geral devem ser familiares de ferramentas dosistema de arquivos como o Windows Explorer. Quando você selecionauma localização na Árvore de itens, o nome da pasta surge na legenda daguia de localização ativa e o seu conteúdo é exibido no Navegadoradjacente. Na Biblioteca principal, aqui ilustrada, a Árvore de itens ocupa o painel esquerdo do espaço de trabalho. Na vista compacta da Biblioteca utilizada pelo projeto do Avid Studio e pelas ferramentas de edição de mídia, é apresentada a Árvore de itens em vez da lista suspensa na guia ativa.As quatro “ramificações” principais da Árvore de itens foram apresentadasacima (página 12). O menu Agrupar porA linha de cabeçalho da ramificaçãoToda a mídia oferece um pequenomenu suspenso de opções paracontrolar a criação de agrupamentosdentro de cada subseção daramificação.Capítulo 2: A Biblioteca 15
  29. 29. Se você escolher agrupar por pasta (o padrão), a estrutura de pastascorresponderá a pastas reais no disco rígido, unidade flash ou outrodispositivo de sistema de arquivos. Algumas pastas padrão estão incluídaspor padrão; você pode adicionar outras utilizando o sistema de pastas demonitorização. O agrupamento por pasta é indicado na ilustração acima daBiblioteca principal.Se você utilizar outro agrupamento, por classificação, por data ou por tipode arquivo, são listados exatamente os mesmos arquivos de itens dentro decada subseção que no agrupamento por pasta. No entanto, em vez declassificá-los pelas pastas do sistema de arquivos em que estãoarmazenados, a Árvore de itens agrupa-os em “pastas virtuais” de acordocom a propriedade escolhida.O agrupamento por classificação, por exemplo, divide cada subseção emseis pastas virtuais. Cinco delas exibem os arquivos de mídia classificadospor meio de estrelas; a sexta corresponde à pasta ainda não classificada.Consulte “O Navegador” (página 21) para mais informações sobre asclassificações de arquivos e seu uso. A Biblioteca principal com agrupamento Por data selecionado na ramificação Toda a mídia da Árvore de itens. As pastas do nível inferior na Árvore de itens são exibidas no Navegador (à direita). Estas pastas “virtuais” representam todas as fotos com data do arquivo atribuída a um mês específico.Na ilustração acima, a subseção Fotos da ramificação Toda a mídia éexibida de modo agrupado por tipo de arquivo. As pastas virtuais têmnomes como bmp, gif e jpg – uma pasta virtual para cada extensão dearquivo reconhecida nos arquivos de mídia da subseção. No agrupamentopor data, as pastas representam o ano de criação do arquivo; nestas, osarquivos estão ainda agrupados por mês.16 Avid Studio
  30. 30. Agrupamento em outras subseçõesAs ramificações Projetos e Elementos criativos da Árvore de itens tambémdisponibilizam um menu agrupar por, daí que é possível agrupar asramificações de modo diferente umas das outras. Os comandos de menu sãoos mesmos descritos acima para a ramificação Toda a mídia, exceto que aopção por tipo de arquivo não é aqui necessária e, por isso, não estádisponível. O botão Adicionar coleçãoA ramificação Coleções não exibe ummenu agrupar por. Este botão nocabeçalho da ramificação permite criaruma nova coleção, conforme descritoabaixo em “Operações em coleções”. ColeçõesDo ponto de vista da Biblioteca, uma Coleção é apenas um agrupamentoarbitrário de itens – um conjunto de itens da Biblioteca não sujeito a umprincípio de organização. Você pode ter um bom motivo para coletardeterminados arquivos em uma coleção específica, porém a Biblioteca nãotem de ter conhecimento dele. Dentro de uma coleção, um item podecompartilhar algo com todos os outros.Uma coleção especial, com o nome Última importação, é automaticamenteatualizada após cada operação de importação para mostrar a mídiaadicionada. Imediatamente após a importação, você pode voltar a estacoleção e começar a trabalhar com o novo material.Última criação Smart é outra coleção gerada automaticamente, a qualarmazena a mídia selecionada para a produção SmartSlide ou SmartMoviemais recente. Operações em coleçõesPara criar uma nova coleção, clique no ícone na linha de cabeçalho daramificação Coleções e digite um nome no campo de texto fornecido.Termine o processo pressionando a tecla Enter.Capítulo 2: A Biblioteca 17
  31. 31. Em alternativa, escolha Adicionar a coleção  Criar nova coleção a partirdo menu de contexto de qualquer item.Gerenciar coleções: O menu de contexto de qualquer coleção fornececomandos para renomear e excluir a Coleção e outro para criar umasubcoleção com a Coleção atual como “pasta pai”.Arrastar-e-soltar: As coleções podem ser organizadas na Árvore de itenscom o auxílio do mouse. Uma Coleção arrastada torna-se uma subcoleçãose for soltada dentro de outra. Exibir itens coletadosClicando no nome de uma Coleção faz com que ela seja exibida noNavegador.Há uma importante diferença entre a vista das Coleções no Navegador e avista de todas as outras categorias. Os itens de mídia em todas assubcoleções estão visualmente misturados com aqueles da coleçãoselecionada, porém não em subgrupos.Contudo, um recurso especial do Navegador facilita o controle dos itensdurante a visualização de Coleções, mesmo que você não seja uma pessoasistemática no domínio da robótica: À medida que o ponteiro do mousepassa sobre um item listado, as Coleções a que o item pertence “acenderão”na Árvore de itens. Operações em itens coletadosEstas operações podem ser efetuadas a partir do menu de contexto dequalquer item de uma Coleção. Para afetar um grupo de itens, selecione-osprimeiro com o mouse (utilizando Ctrl+clique e Shift+clique para seleçõesmúltiplas, conforme necessário) ou desenhando um quadro à volta dositens. Clique, depois, com o botão direito dentro da seleção para acessar omenu de contexto.Adicionar a coleção: Escolha uma coleção de destino no submenuAdicionar a coleção para adicionar o item ou itens selecionados. Emalternativa, arraste a seleção para a coleção de destino.Remover da coleção: O comando Remover remove o item (ou itens) dacoleção. Tal como acontece com a Biblioteca, os itens de mídia subjacentesenvolvidos não são afetados, por isso a remoção de vídeo ou outro item deuma coleção na Biblioteca não exclui o arquivo de mídia do disco rígidonem da categoria de tipo de item.18 Avid Studio
  32. 32. Gerenciamento de itens da BibliotecaA mídia e outros itens dão entrada na Biblioteca de várias maneiras. Porexemplo, o conteúdo original da ramificação Elementos criativos daBiblioteca é instalado com o Avid Studio.A Biblioteca descobre automaticamente alguns itens no sistema,pesquisando regularmente as localizações de mídia padrão do Windows.Estas são configuradas como pastas de monitorização aquando dainstalação do Avid Studio. Os arquivos de mídia nestas localizações serãoautomaticamente trazidos para a Biblioteca. Você pode adicionar as suaspróprias pastas de monitorização (consulte abaixo) e estas também serãoautomaticamente atualizadas.Por último, você pode importar mídia manualmente utilizando váriosmétodos (consulte “Importação” abaixo).Pastas de monitorizaçãoAs “pastas de monitorização” são pastas no computador monitorizadas peloAvid Studio. Se você adicionar arquivos de mídia, tais como clipes devídeo, a uma pasta de monitorização ou uma das suas subpastas, eles farãoautomaticamente parte da Biblioteca. A atualização tem lugar com cadainicialização do aplicativo e durante a execução do aplicativo.As pastas de monitorização são configuradas na página Pastas demonitorização da caixa de diálogo Configurações. Para cada pastaadicionada, você pode especificar um tipo de mídia suportado específicopara ser monitorizado ou, então, todos.ImportaçãoSe for necessário importar uma grande quantidade ou variedade de mídia,ou importar a partir de uma mídia analógica como uma fita VHS, clique nobotão Importar próximo do topo da janela do aplicativo para abrir oImportador. Consulte o Capítulo 10: O Importador para todas asinformações.Capítulo 2: A Biblioteca 19
  33. 33. Importação rápidaO botão Importação rápida no canto superior esquerdo da Bibliotecaabre uma caixa de diálogo de arquivo do Windows para aimportação rápida de arquivos de um disco rígido ou outro armazenamentolocal.São criadas novas pastas nas categorias de mídia correspondentes (vídeo,áudio e imagens) para os arquivos especificados. Além disso, os itensimportados são incluídos na Coleção Última importação. (O temaColeções surge descrito numa seção anterior deste capítulo, na página 17.) Importação direta com o recurso arrastar-e-soltarPara selecionar e importar itens de uma só vez, utilize o recursoarrastar-e-soltar do Windows Explorer ou da área de trabalho para oNavegador. Os novos itens são imediatamente exibidos na Coleção “Últimaimportação”, que é criada especificamente, se necessário.Remoção de itens da BibliotecaPara remover um item da Biblioteca ou uma seleção contendo múltiplositens, escolha Excluir itens selec. de seu menu de contexto ou pressione atecla Delete. Uma caixa de diálogo de confirmação verifica os nomes dosarquivos de mídia a serem removidos do banco de dados da Biblioteca. Porpadrão, os próprios arquivos de mídia não serão afetados, porém a opçãoRemover da biblioteca e excluir também permite excluir os arquivos, sedesejar. Proceda com cuidado, uma vez que este comando funciona comtodos os tipos de itens da Biblioteca, incluindo os projetos do Avid Studiocaso forem selecionados.Se forem removidos todos os arquivos em uma pasta, a Biblioteca tambémoculta a pasta.Você também pode remover uma pasta e todos os seus itens da Bibliotecaao remover a pasta da lista de pastas de monitorização. Contudo, estaoperação não é automática e você terá de responder se pretende manter ositens atualmente listados na Biblioteca e deixar de monitorizar a sualocalização.20 Avid Studio
  34. 34. O NavegadorEsta é a área onde a Biblioteca exibe os seus itens de mídia – os vídeos,fotos, áudio, projetos, coleções e “elementos criativos” que estãodisponíveis para uso nos seus projetos de filme e disco. Os itens sãoexibidos como uma lista de registros de texto ou como uma grelha deícones. Os tipos de itens visuais utilizam imagens de miniatura para os seusícones, outros tipos usam símbolos gráficos.A Biblioteca não seria de grande ajuda se o Navegador exibisse todos osseus itens de uma só vez. Tem, por isso, vários controles que ajudam afiltrar os itens que não sejam relevantes para o seu objetivo. Consulte“Escolha do que exibir” abaixo para detalhes.Miniaturas, Detalhes, Mostrar cenasCada item é exibido no Navegador em um de dois formatos, dependendo davista selecionada. Uma vez que os ícones da vista de miniaturas e osregistros de texto da vista de detalhes representam os mesmos itens, elestêm determinados recursos em comum. Por exemplo, o menu de contextodos itens é igual, independentemente da representação utilizada.Da mesma maneira, os itens de mídia padrão (vídeo, foto e áudio),juntamente com Efeitos sonoros na ramificação Elementos criativo, abremum editor de correção de mídia adequado quando se dá dois cliques emqualquer vista. Os editores de correção também estão disponíveis a partir dalinha de tempo do projeto, porém, quando aplicados a um item daBiblioteca, eles transitam para todos os projetos futuros que incluam essemesmo item. Consulte “Correção de defeitos da mídia” na página 33 paramais informação. DetalhesNa vista de detalhes, cada item é apresentado na forma de uma linha nalista de registros de texto. Na vista de miniaturas, ele surge como umaimagem de miniatura (para tipos de mídia visual) ou ícone gráfico.Para mudar o Navegador para a vista de detalhes, clique no íconeno botão de vista de detalhes na área inferior da Biblioteca. A setaao lado do botão abre um painel onde você pode escolher as colunas aserem incluídas nos registros de texto. As colunas disponíveis para inclusãosão: Nome, Tamanho do arquivo, Tipo de arquivo, Data, Marcas (Tags),Classificação e Duração.Capítulo 2: A Biblioteca 21
  35. 35. Na vista de Detalhes, cada item é apresentado na forma de um registro de texto de uma linha. Uma lista suspensa ao lado do botão de vista de Detalhes permite selecionar as colunas a mostrar. Na ilustração, “animais” e “cenário” são o nome das pastas na ramificação Toda a mídia da Biblioteca. MiniaturasO botão à esquerda do botão da vista de detalhes seleciona a vistade miniaturas, na qual os itens são representados por ícones em vezde texto. A seta ao lado do botão abre um painel onde você pode escolherdados adicionais a serem mostrados em combinação com cada ícone. Asopções são Texto, Indicador de marca, Indicador de coleção,Classificações e Indicador de correções.Além destes controles opcionais, sempre que o ponteiro do mouse pararsobre um ícone, será exibido um botão de informação. Clicando nessebotão é aberto o painel de informação na área inferior da vista doNavegador. Consulte a página 25 para detalhes. Se o ponteiro do mouse estiver sobre o ícone de um item da Biblioteca, surge o botão Informação (canto superior direito).No canto inferior esquerdo do ícone da maioria dos itensé exibido um botão de pré-visualização, um símbolopadrão de reprodução triangular dentro de um círculo.Na versão compacta da Biblioteca (utilizada no editor deprojetos e em alguns editores de mídia), apré-visualização é apresentada na guia Fonte do Player integrado.22 Avid Studio
  36. 36. Na Biblioteca principal, a pré-visualização ocorre em uma janela separadado Player. Consulte “A pré-visualização da Biblioteca” na página 25 paramais informações.Nas duas versões da Biblioteca, Alt+clique no botãopré-visualizar iniciará uma pequena pré-visualizaçãodo próprio ícone do item. Com a mídia de vídeo eáudio, você poderá controlar manualmente apré-visualização com um controle deslizante quesurge por baixo da miniatura sempre que o mouseestiver sobre o ícone. Mostrar cenasNos arquivos de vídeo, este botão muda para vista de cenas. Ascenas são gerenciadas pelo Player da Biblioteca. Consulte “Apré-visualização da Biblioteca” na página 25 para mais informações. Os controles opcionaisOs indicadores e botões opcionais no ícone de um item permite acessarinformação sobre o item sem ter de procurar mais.Texto: A legenda sob o ícone é o alias da Bibliotecapara o item, que você pode definir com o comandodo menu de contexto Editar legenda para qualqueritem. Não é necessariamente o nome de arquivo doitem (o qual é mostrado na dica da ferramenta).Indicador de marca: O símbolo inferior dos doisdisponíveis no canto inferior direito da miniatura éexibido se o item tiver marcas atribuídas a ele. Movao ponteiro do mouse sobre o indicador para chamarum menu, onde são mostradas as marcas existentespara o item. À medida que você passa o ponteirosobre o nome de uma marca neste menu, surge umbotão Remover. Clique nele para retirar a marca.Clique em Remover tudo na área inferior do menu para limpar todas asmarcas do item. A criação e a aplicação de marcas são descritas maisabaixo e na seção “Marcas” na página 30.Capítulo 2: A Biblioteca 23
  37. 37. Indicador de coleção: Imediatamente acima doIndicador de marca, a presença deste ícone indicaque você incluiu o item em uma ou maisColeções. Para ver em quais, mova o mouse sobreo ícone.Tal como acontece com o menu Indicador demarca, um botão Remover é mostrado ao parar o mouse o nome de cadaColeção; clique nele para remover o item da Coleção. O comando Removertudo remove o item de todas as Coleções de que faça parte. O controle Classificações é apresentado à esquerda, por cima da miniatura (ou ícone gráfico, dependendo do tipo de mídia). No canto superior direito está o botão Informação. O Indicador de correções também está no canto superior direito, porém dentro da miniatura.Classificações: A fila de estrelas no canto superior esquerdo do íconepermite definir a classificação do item. Se não estiverem acesas estrelas, oitem é considerado não classificado. Para definir a classificação de um itemou uma seleção de itens, clique na estrela correspondente no indicador(clique duas vezes na primeira estrela para deixar o item de novo nãoclassificado) ou escolha a configuração no submenu de contexto Aplicarclassificação.Indicador de correções: A Biblioteca permite aplicar filtros de correção deimagem e áudio de modo “não destrutível” a itens de mídia da Biblioteca,permanecendo o arquivo original intacto. Os tipos de correções aplicadas aum item e os parâmetros que foram utilizados para controlá-los sãoarmazenados no banco de dados da Biblioteca. O indicador de correções émostrado em todos os itens onde foram aplicadas correções. Consulte apágina 33 para informações sobre a aplicação de correções a itens daBiblioteca.24 Avid Studio
  38. 38. A pré-visualização da BibliotecaA maioria dos tipos de item da Biblioteca suporta a pré-visualização noNavegador. Essa capacidade é indicada pelo botão Pré-visualizar no íconedo item e pela presença do comando Mostrar pré-visualização no seu menude contexto.Tenha também em conta que a maioria dos tipos de item pode serpré-visualizada no próprio ícone com Alt+clique no botão Reproduzir.O Player da BibliotecaClicando no botão Pré-visualizar no canto inferior esquerdo do ícone doitem carrega o item no Player da Biblioteca para uma pré-visualização. Pré-visualização de um clipe de vídeo na janela do Player da Biblioteca: Os controles de transporte estão na área inferior, começando com um botão Reproduzir continuamente no extremo esquerdo e uma roda de seleção. O terceiro no grupo de cinco botões de setas inicia a reprodução. Os dois botões de cada lado dele são para navegar de item para item na pasta da Biblioteca.Capítulo 2: A Biblioteca 25
  39. 39. Ao longo do topo do Player é indicada a posição atual de visualização.Na área inferior está a barra de ferramentas com controles de transporte ebotões de funções. Controles de transporteO primeiro dos controles de transporte é o botão Reprodução infinita quegera a reprodução contínua desde o início da mídia. A seguir está uma rodade seleção que permite controlar a velocidade de reprodução, arrastando ocontrole para trás e para a frente.O botão central Reproduzir no grupo de cinco controles com setas inicia apré-visualização do item de vídeo ou áudio. Os dois botões de ambos oslados dele são para navegar do item visualizado para outros na sua pasta.Ao pré-visualizar uma foto, o botão Reproduzir não é exibido; permanecemapenas os botões de navegação.Clique no botão Sem som à direita dos controles de transporte paraativar/desativar o áudio associado ao clipe. Um controle deslizante dovolume surge ao lado do botão Sem som quando o mouse pára sobre ele. Botões de funçõesAlguns botões no grupo final na área inferior doPlayer apenas aparecem com determinados tipos deitem. Um arquivo de vídeo utiliza todos os quatro tipos, na seqüênciaindicada e aqui descrita.Mostrar cenas: Este botão ativa um modo em que o Navegador mostra umícone ou registro de texto separado para cada cena no arquivo de vídeo.(Conforme descrito em Detecção de cenas de vídeo, uma cena no seusentido mais geral é apenas uma parte de um arquivo de vídeo.)Quando o botão Mostrar cenas está ativo, o botão Abrir no Editor demídias é removido e o botão Dividir cena toma o seu lugar. Este permitedefinir as suas próprias cenas ou, também, confiar no recurso de detecçãoautomática de cena.Para mais informações sobre as cenas de vídeo na Biblioteca, consulte“Detecção de cenas de vídeo” na página 33.Abrir no Editor de mídias: O arquivo de mídia é aberto para edição noeditor de correção adequado para o seu tipo.26 Avid Studio
  40. 40. Tela inteira: A pré-visualização é apresentada em uma janela especial detela inteira, com seu próprio conjunto básico de controles de transporte.Para fechar a exibição em tela inteira, clique no botão Fechar no cantosuperior direito da janela ou pressione Esc.Informação: Este botão alterna entre as vistas de informação e reproduçãodo Player. A vista de informação pode ser aberta diretamente clicando nobotão Informação no ícone de um item de mídia no Navegador. Os itens deáudio não têm uma vista de reprodução separada; em vez disso sãoexibidos controles de depuração total na vista de informação. Neste exemplo, os dados relativos a um item da Biblioteca, uma foto, são exibidos na vista de informação do Player. Clique novamente no botão Informação para retornar à vista de reprodução.Capítulo 2: A Biblioteca 27
  41. 41.  UTILIZAÇÃO DA BIBLIOTECAA Biblioteca é muito mais que um armazém passivo de material para assuas produções do Avid Studio. Escolha do que exibirO Navegador da Biblioteca tem vários recursos para libertar espaço navista, ocultando itens que não sejam relevantes para a finalidade em causa.Não importa o tamanho dos arquivos de mídia, o poder combinado destastécnicas pode acelerar fortemente a sua navegação. Guias de localizaçãoCada guia de localização corresponde, acima de tudo, a uma seleçãodiferente na Árvore de itens. Tal como as guias no navegador da Web, asguias de localização são prontamente definidas (basta clicar no ícone “+”na extremidade direita da lista de guias) e são bastante úteis para manter ocontrole de várias coisas em simultâneo.Um clique dentro da Árvore de itens define a localização da guia atual; demodo inverso, um clique em outra guia muda para a sua localização naárvore. São exibidos no Navegador apenas os itens dentro da localizaçãoescolhida. Conduto, se a localização tiver subpastas, o seu conteúdo seráincluído. Para simplificar as coisas, escolha uma localização o maispróximo possível do fim da hierarquia das pastas.Outros controles permitem limitar a exibição ainda mais, filtrando algunsitens na localização escolhida. Cada guia de localização mantém o seupróprio conjunto de filtros, de tal modo que uma alteração nasconfigurações de filtragem afeta apenas a guia atual. Filtrar por classificaçãoO controle Filtrar por classificação no topo da biblioteca oculta todos ositens que não têm a classificação especificada de uma a cinco estrelas (zeroestrelas significa “não classificado”).28 Avid Studio
  42. 42. Para utilizar o filtro, basta clicar na estrela que representa a classificaçãomínima com que você deseja ocupar-se. A configuração padrão do filtroconsiste em mostrar todos os itens, independentemente da classificação.Consulte “Filtragem acidental” (página 30) para instruções sobre adesativação de todos os filtros de uma só vez. Para desativar apenas o filtrode classificação, clique na estrela selecionada por último ou clique duasvezes em qualquer estrela. Neste grande plano estão destacadas três estrelas, significando que serão exibidos apenas os itens com classificações de três ou mais estrelas. O mouse está preparado para clicar na quinta estrela, a qual definiria o filtro de classificação para ocultar todos os itens com exceção daqueles com cinco estrelas. Filtrar por marcasOutra maneira de limitar o número de itens exibidos consiste na filtragempor marcas. As marcas são palavras-chave que você pode atribuir a itensdurante a execução do seu trabalho. Uma vez definidas marcas, você podeutilizá-las de várias maneiras para controlar os itens a exibir no Navegador.Consulte “Marcas” na página 30 para informações detalhadas. ProcurarNo canto superior direito da Biblioteca está um campo de pesquisa queconstitui outra maneira de filtrar a exibição. À medida que você começa adigitar o termo de pesquisa, o Navegador atualiza continuamente a vista demodo a incluir apenas aqueles itens com um texto que corresponde aotermo de pesquisa.Capítulo 2: A Biblioteca 29
  43. 43. Mesmo quando os termos múltiplos são separados por espaços, também sãopermitidas correspondências parciais e totais para todos os termos. Umalista suspensa permite definir se a pesquisa deve ser dada por concluídacom êxito se um único termo de pesquisa corresponder ao texto do item ouse todos os termos devem corresponder ao item. Filtragem acidentalOs três tipos de filtros podem ser combinados, se assim desejar. Se vocêdeixar um dos tipos de filtros ativado quando não precisa dele, é provávelque alguns itens sejam ocultados, embora não devessem sê-lo. Se um itemfaltar inesperadamente no Navegador, verifique se os filtros estão inativos.O Navegador é protegido contra a possibilidade de filtragem acidental,exibindo um “alerta de filtro” que permanece visível enquanto um filtroestiver sendo utilizado. Um alerta de filtro como o ilustrado aqui é exibido no topo do Navegador sempre que esteja aplicado algum filtro. Clique no ícone x na extremidade direita para limpar todos os filtros de uma só vez. MarcasA Biblioteca pode gerenciar um grande número de arquivos de itens, porvezes muitos mais em uma única pasta do que aqueles que podem servisualizados de forma conveniente. O Navegador fornece, por isso, umasérie de métodos para eliminar itens irrelevantes da exibição.Um método de simplificação da exibição de itens no Navegador consiste nautilização do filtro por marcas. Uma marca pode ser, simplesmente, umapalavra ou uma frase curta que você considere útil como termo de pesquisa.Cabe a você saber se deve atribuir marcas à mídia, porém se decidir fazê-lo,elas ajudarão a selecionar os itens a exibir.30 Avid Studio
  44. 44. Gerenciamento de marcas e filtragemO gerenciamento de marcas e a filtragem por marcas são o objetivo de umpainel que surge se clicar no botão Marcação no topo da Biblioteca. Gerenciar e Filtro, as duas guias do painel das marcas. Gerenciar marcasA guia Gerenciar do painel das marcas lista todas as marcas definidas atéao momento e permite excluir ou renomeá-las. Passando o mouse sobreuma marca são revelados os controles para essas tarefas. Passando o mouse sobre uma marca na guia Gerenciar são revelados os botões Renomear e Excluir. Se clicar na própria marca, ela é aplicada a todos os itens atualmente selecionados.O botão Criar nova marca abre uma entrada de texto para a inserção deoutra palavra-chave. Não há limite para o número de marcas que você podedefinir.Para aplicar uma marca a todos os itens atualmente selecionados noNavegador, clique no nome da marca. A seleção de múltiplos itens paramarcar torna o processo mais eficiente do que seria se a marca fosseaplicada a um item de cada vez.Capítulo 2: A Biblioteca 31
  45. 45. Filtragem com marcasA guia Filtro do painel das marcas é aquela que limita o conjunto de itensexibidos no Navegador. À medida que você marca e desmarca as marcas, avista é automaticamente atualizada.O efeito exato das suas seleções depende de outro controle, a lista suspensaCorrespondência na área inferior da guia Filtro. A lista disponibiliza trêsopções.Nenhuma exibe apenas os itens que não tenham nenhuma das marcasselecionadas. Se você tiver um conjunto marcado de fotos de animais, aseleção das marcas “cão” e “gato”, seguida da seleção de “Nenhuma”,deverá ocultar a maioria das fotos de animais de estimação.Parcial seleciona itens com qualquer uma das marcas, sendo exatamenteaquelas que são ocultadas por “Nenhuma”. Se você deixar as marcas “cão”e “gato” selecionadas, porém mudar para “Parcial”, serão exibidos todos oscães e gatos, incluindo o grupo de fotos em que ambos os animaisaparecem. Serão ocultadas as fotos sem nenhuma dessas marcas.Total exibe apenas os itens que tenham todas as marcas. Com as mesmascaixas marcadas, você verá apenas as fotos em que apareçam pelo menosum gato e um cão. Tenha em conta que, com “Parcial”, você verá mais itensexibidos à medida que seleciona mais marcas, porém com “Total” os itensserão menos. Desativação da filtragem por marcasPara cancelar a filtragem por marcas, desmarque eventuais marcasselecionadas na guia Filtro e escolha “Parcial” ou “Total” na lista suspensaCorrespondência. Classificação de marcasNa área inferior da guia Filtro está a lista suspensa Classificar por,disponibilizando apenas duas opções: “Abc”, em que as marcas sãoclassificadas alfabeticamente, ou ‘Relevância’, que classifica as marcas porordem decrescente da sua popularidade no conjunto de itens atualmenteexibidos. No âmbito da segunda opção, você verá as marcas a seremnovamente classificadas cada vez que uma seja marcada ou desmarcada.32 Avid Studio
  46. 46. A arte da marcaçãoNão há uma maneira definida para a utilização de marcas. A melhormaneira de utilizá-las – se o fizer – consiste na maneira que consideremelhor para a situação específica. No entanto, a consistência é importante.Quanto mais fiel e sistemático você for na atribuição de marcas à mídia,mais úteis elas serão.Uma vez que o objetivo consiste em localizar um item de modo mais rápidoquando necessário, as marcas devem ser escolhidas para tambémfuncionarem como termos de pesquisa. Com fotos de familiares, as marcaspodem incluir os nomes das pessoas em cada foto. No caso de cenas devídeo de férias, as marcas com indicação dos locais visitados serãoprovavelmente úteis.Os termos videográficos (“tomada de dois”, “silhueta”, “exterior”) tambémpodem servir de marcas, facilitando a localização dos itens que cumpramdeterminados requisitos estruturais e criativos. Corrigir mídiaVocê pode aplicar as ferramentas de correção de mídia dos editores devídeo, foto e áudio diretamente nos itens da Biblioteca. Este tipo de ediçãonão altera os arquivos subjacentes. Em vez disso, os parâmetros de ediçãosão armazenados no banco de dados da Biblioteca e reaplicados sempre queo item seja novamente chamado. Consulte o Capítulo 4: Os editores demídia para detalhes. Detecção de cenas de vídeoUsando a função de detecção automática de cena da Biblioteca, a metragemde vídeo pode ser dividida em múltiplas cenas de modo automático oumanual. A divisão dos arquivos não editados em partes com duração decenas pode tornar algumas tarefas de edição menos complicadas do queseriam de outro modo.Capítulo 2: A Biblioteca 33
  47. 47. O tempo necessário para a detecção de cenas varia dependendo da duraçãodo clipe e do método de seleção selecionado. Uma barra de progressoinforma sobre o estado.Para iniciar a detecção de cenas, selecione um dos métodos no comando domenu de contexto Detectar cenas para itens de vídeo.Por data e hora: Esta opção resulta muitas vezes em limites lógicos decenas que refletem a sua intenção durante a filmagem. Em muitos formatosde gravação digital, como DV e HDV, uma descontinuidade nos dados docódigo temporal gravado ocorre sempre que a câmara seja reiniciada apósuma paragem. Estas interrupções na filmagem são tratadas como quebras decenas com esta opção.Por conteúdo: Com esta opção, a ferramenta de detecção de cenas analisao conteúdo da imagem do material quadro a quadro e estabelece uma novacena sempre que haja uma interrupção brusca no conteúdo. No entanto, umbreve panorâmico ou um rápido movimento através do quadro podemproduzir algumas quebras desnecessárias.Por intervalo de tempo: Nesta variante, vocêpode definir a duração das cenas a seremcriadas. Uma pequena janela de edição abrepara a inserção do valor desejado em horas, minutos, segundos emilissegundos; pressione Enter para confirmar a entrada.Mostrar as cenasPara mostrar o catálogo de cenas para um determinado arquivo de vídeo,selecione Mostrar cenas a partir do menu de contexto; ou selecione o clipee, depois, clique no botão Mostrar cenas que surge no canto inferior direitoda Biblioteca.34 Avid Studio
  48. 48. Um único arquivo de vídeo pode conter muitas cenas. Isso torna a manipulação da metragem mais fácil durante a edição do que seria se fosse tratada como um único segmento. As cenas são visualmente indicadas por perfurações estilizadas na película.A vista de cenas é um modo de visualização temporário. A barra laranja notopo do Navegador indica que a vista de cenas está ativa. Na extremidadedireita da barra está um botão x que pode ser utilizado para finalizar omodo. Um novo clique na ferramenta Mostrar cenas tem o mesmo efeito.Durante a edição, os clipes de cenas têm um comportamento idêntico aoutros clipes de vídeo.Criar cenas manualmenteSe você desejar dividir manualmente um arquivo de vídeo em cenasindividuais, selecione Mostrar cenas a partir do menu de contexto do item.Se o arquivo ainda não tiver sido subdividido, o mesmo surgirá noNavegador como uma única cena.No Player da Biblioteca, navegue para cada quadro dentro do clipe ondedeva ocorrer uma quebra de cena e, depois, clique no botão Dividir cena.Consulte “Botões de funções” na página 26 para mais informações.Capítulo 2: A Biblioteca 35
  49. 49. Remover cenasPara esvaziar a lista complete de cenas de um arquivo de vídeo, selecioneDetecção de cena  Remover cenas no menu de contexto do item.Para remover cenas individuais, selecione uma ou mais cenas e, depois,pressione Delete. SMARTSLIDE E SMARTMOVIESmartSlide e SmartMovie são geradores integrados de projetos quepermitem criar automaticamente uma apresentação de slides ou um filmecom base na mídia fornecida. A produção criada incluirá transiçõesanimadas, uma trilha sonora completa e efeitos de imagem chamativos. Na área inferior da janela da Biblioteca, clique em SmartSlide para apresentações de slides rápidas ou SmartMovie para filmes rápidos.Para começar, selecione na Biblioteca uma série de fotos (ou outrasimagens) ou arquivos de vídeo. A sua música pode provir de itens de áudiodigital já existentes na Biblioteca ou você pode criar uma trilha sonora nolocal com a ferramenta Scorefitter.Isto é tudo quanto basta, embora você pode complementar o projeto com aedição manual, se desejar. Assim que você esteja satisfeito com o produtofinal, bastam alguns cliques para gravá-lo em um disco ou salvá-lo comoarquivo para outras utilizações, tais como carregá-lo para a Web.36 Avid Studio
  50. 50. SmartSlidePara abrir a ferramenta SmartSlide, clique no botão SmartSlide na áreainferior da janela do Navegador.Os controles de SmartSlide são apresentados em um painel que aparece najanela vindo de baixo. Ele contém três subpainéis. O subpainel esquerdoapresenta informação sobre SmartSlide e sugestões sobre a quantidade dearquivos a incluir. O subpainel central é uma área de armazenamento comcontentores para fotos e outras imagens (topo) e áudio. O subpainel direitocontém controles para personalizar a apresentação. Adicionar mídiaPara adicionar imagens à apresentação de slides, arraste-as do Navegadorpara o contentor superior na área de armazenamento. Arraste miniaturasdentro da área de armazenamento para obter a seqüência desejada. Continueadicionando imagens até você ficar satisfeito.Para adicionar música, arraste um ou mais arquivos de som para ocontentor inferior na área de armazenamento. Em alternativa, vocêpode clicar no botão clave no canto inferior esquerdo do contentor de áudiopara criar uma trilha sonora no ScoreFitter. Pré-visualizar, editar e exportarUma vez posicionada a mídia, clique no botão Pré-visualizar na barra derodapé por baixo da ferramenta. O projeto é criado e apresentado em umajanela de pré-visualização. Se necessário, você pode voltar à ferramentaSmartSlide para modificar as seleções da mídia.Clicando no botão Pré-visualizar, a mídia escolhida é automaticamentesalva em uma Coleção designada por Última criação Smart. Se vocêpretender reutilizar este grupo de itens, renomeie a Coleção para evitar asua substituição na próxima vez que pré-visualizar um projeto SmartSlideou SmartMovie.O botão Editar transfere a sua apresentação de slides para a linha de tempodo Editor de Filme para uma edição detalhada. É recomendável verificar seas configurações do vídeo na linha de tempo correspondem aos requisitospara a apresentação. O botão Configurações de vídeo no painel deconfigurações (abaixo) permite acessá-las. Consulte também “Linha detempo” na página 45.Capítulo 2: A Biblioteca 37
  51. 51. Se o resultado da apresentação for do seu agrado, clique no botão Exportarpara gravar um disco ou criar um arquivo para carregamento.A área de armazenamentoAs fotos no contentor superior são exibidas como ícones, enquanto osarquivos de música e som no contentor inferior aparecem como linhas detexto, indicando o nome de arquivo e a duração de cada item. Ambos oscontentores suportam a seleção múltipla, a alteração da seqüência por meiodo recurso arrastar-e-soltar e um menu de contexto com apenas doiscomandos:Excluir itens selec.: A mídia selecionada é removida da produçãoSmartSlide. Porém permanece disponível na Biblioteca para outrasutilizações. (Atalho: Delete.)Abrir editor: Este comando abre a ferramenta Correções do Editor de Fotoou do Editor de Áudio. As modificações efetuadas à mídia são aplicadasapenas no âmbito desta produção SmartSlide. (Atalho: clique duas vezes.)Configurações de SmartSlideAs configurações neste subpainel são para personalizar a produçãoSmartSlide. Neste exemplo, o ponteiro do mouse seleciona a ordem cronológica na lista Ordem da mídia do painel de configurações de SmartSlide. Na área inferior do painel estão botões para ajuste das configurações do vídeo para o projeto gerado e para recomeçar do zero.38 Avid Studio
  52. 52. As configurações inseridas serão utilizadas na próxima vez que aapresentação de slides for gerada. O botão Configurações de vídeo permiteconfigurar as opções da linha de tempo que serão aplicadas se a produçãofor transferida para o Editor de Filme. O botão Limpar projeto remove todaa mídia do projeto e retorna às configurações padrão.Título: Digite uma legenda para ser utilizada como título da apresentaçãode slides.Ajustar duração à música: Se esta opção for selecionada, SmartSlidetentará ajustar seus parâmetros de tempo de tal modo que a apresentação deslides tenha a duração da trilha sonora especificada. O subpainel deinformação fornece sugestões sobre a quantidade de imagens a empregarcom esta opção ativa.Panorâmico e zoom: A seleção desta opção alegra a sua apresentação commovimentos simulados da câmera.Ajustar imagem: Marque esta opção para aumentar as imagens que sejamdemasiado pequenas para o formato selecionado. Para uma abordagem maisflexível, você também pode considerar a correção do item com a ferramentade correções Cortar.Ordem da mídia: Selecione uma opção para a seqüência dos slides, desde“Personalizada” (a seqüência é definida pelo usuário), “Cronológica” (deacordo com o carimbo temporal do arquivo) e “Aleatória”. SmartMoviePara abrir a ferramenta SmartMovie, clique no botão SmartMovie na áreainferior da janela do Navegador.SmartMovie, tal como SmartSlide, apresenta seus controles em um painelque aparece na Biblioteca vindo de baixo. Estão novamente disponíveis trêssubpainéis. O subpainel esquerdo apresenta informação e sugestõesrelacionadas com o projeto SmartMovie. O subpainel central é uma área dearmazenamento com contentores para vídeo e fotos (topo) e áudio. Osubpainel direito contém controles para personalizar o projeto.Capítulo 2: A Biblioteca 39
  53. 53. Adicionar mídiaOs elementos visuais no projeto SmartMovie podem incluir fotos e outrasimagens fixas, juntamente com o vídeo. Arraste os itens que você desejautilizar do Navegador para o contentor superior na área de armazenamento.Você também pode arrastar miniaturas dentro da área de armazenamentopara obter a seqüência desejada. Continue adicionando material até vocêficar satisfeito.Para adicionar música, arraste um ou mais arquivos de som para ocontentor inferior na área de armazenamento. Em alternativa, vocêpode clicar no botão clave no canto inferior esquerdo do contentor de áudiopara criar uma trilha sonora no ScoreFitter.À medida que é adicionada mídia, a duração total do material de origem éexibida no canto superior esquerdo do contentor. Esta não correspondenecessariamente à duração do filme resultante. Pré-visualizar, editar e exportarDepois de posicionada a mídia, clique em Pré-visualizar na barra de rodapépor baixo da ferramenta. O projeto é criado e aberto em uma janela depré-visualização. Se necessário, você pode voltar à ferramenta SmartMoviepara modificar as seleções da mídia. A fase de análise de criação de um SmartMovie pode demorar algum tempo a ser concluída na primeira vez que o material for analisado. A renderização completa do projeto, com o progresso indicado pelo sombreamento da régua temporal do Player, pode acrescentar um atraso adicional antes de estar disponível uma pré-visualização com todos os detalhes.Clicando em Pré-visualizar, a mídia escolhida é automaticamente salva emuma Coleção designada por Última criação Smart. Se você pretenderreutilizar este grupo de itens, renomeie a Coleção para evitar a suasubstituição na próxima vez que gerar a pré-visualização de um projetoSmartSlide ou SmartMovie.O botão Editar transfere a sua produção para a linha de tempo do Editor deFilme para uma edição detalhada. Como habitualmente, é recomendávelverificar se as configurações do vídeo na linha de tempo correspondem aosrequisitos para a apresentação.40 Avid Studio
  54. 54. O botão Configurações do vídeo no painel de configurações (abaixo)permite acessá-las. Consulte também “Linha de tempo do projeto” napágina 45.Se o resultado da apresentação for do seu agrado, clique no botão Exportarpara gravar um disco ou criar um arquivo para carregamento.A área de armazenamentoOs itens visuais no contentor superior são exibidas como ícones, enquantoos arquivos de música e som no contentor inferior aparecem como linhas detexto, indicando o nome de arquivo e a duração de cada item. Ambos oscontentores suportam a seleção múltipla, a alteração da seqüência por meiodo recurso arrastar-e-soltar e um pequeno menu de contexto:Excluir itens selec.: A mídia selecionada é removida da produçãoSmartMovie. Porém permanece disponível na Biblioteca para outrasutilizações. (Atalho: Delete.)Abrir editor: Este comando abre a ferramenta Correções do Editor deVídeo, do Editor de Foto ou do Editor de Áudio. As modificações efetuadasà mídia são aplicadas apenas no âmbito desta produção SmartMovie.(Atalho: clique duas vezes.)Configurações de SmartMovieAs configurações neste subpainel são para personalizar a produçãoSmartMovie. Neste exemplo, o ponteiro do mouse seleciona a configuração “Longo" relativa às Durações do clipe no painel de configurações de SmartMovie. Na área inferior do painel estão botões para ajuste das configurações do vídeo para o projeto gerado e para recomeçar do zero.Capítulo 2: A Biblioteca 41
  55. 55. As configurações inseridas serão utilizadas na próxima vez que o filme forgerado. O botão Configurações do vídeo permite configurar as opções dalinha de tempo que serão aplicadas se a produção for transferida para oEditor de Filme. O botão Limpar projeto remove toda a mídia do projeto eretorna às configurações padrão.Título: Digite uma legenda para ser utilizada como título do filme.Durações dos clipes: O tempo visual do filme aumenta à medida que aduração do clipe é encurtada. Para utilizar a duração original do item,escolha Máximo.Panorâmico e zoom: A seleção desta opção alegra a sua apresentação commovimentos simulados da câmera.Ajustar imagem: Marque esta opção para aumentar o material que sejademasiado pequeno para o formato de quadros do projeto.Volume do clipe de vídeo: Defina o volume do áudio original nossegmentos de vídeo que estão sendo utilizados. Se você desejar que a trilhasonora contenha apenas música de fundo, defina este valor para zero.42 Avid Studio
  56. 56. CAPÍTULO 3: O Editor de FilmeO Editor de Filme é a tela de edição principal do Avid Studio para a criaçãode filmes digitais. O editor combina três componentes principais:A Biblioteca, na sua vista compacta, disponibiliza os itens para o projeto.A linha de tempo do projeto permite organizar os itens na forma de clipesno âmbito de uma representação esquemática da produção.O Player permite pré-visualizar os itens da Biblioteca antes de seremadicionados ao projeto. Também permite visualizar – passo a passo, sedesejar – o resultado de qualquer parte da produção quando for exportado(salvo como arquivo ou carregado para o YouTube).Além disso, o Editor de Filme conta com uma variedade de ferramentas ejanelas para criar e editar títulos, adicionar efeitos e outras finalidades.Capítulo 3: O Editor de Filme 43

×