Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional

on

  • 3,790 views

Pesquisa realizada por alguns alunos da disciplina de Usuários, Produtos e Serviços de Informação, da Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás, no Instituto ...

Pesquisa realizada por alguns alunos da disciplina de Usuários, Produtos e Serviços de Informação, da Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (antigo Cefet-GO). Ano 2009.

Statistics

Views

Total Views
3,790
Views on SlideShare
3,776
Embed Views
14

Actions

Likes
1
Downloads
44
Comments
0

1 Embed 14

http://www.slideshare.net 14

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional Presentation Transcript

  • 01/12/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE COMUNICAÇÃO E BIBLIOTECONOMIA CURSO DE BIBLIOTECONOMIA DISCIPLINA: USUÁRIOS, PRODUTOS E SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO PROF.ª.: LÍVIA FERREIRA ALVES ALUNOS: CARLA, BETHÂNIA, LEONARDO, CIRLENE, SUZANA
  • Introdução
    • Esta pesquisa visa apontar o nível de satisfação dos usuários da Biblioteca Jorge Félix de Souza do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.
  • A Instituição
    • O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IF), antigo CEFET-GO oferece educação integrada de ensino médio à pós-graduação, com ênfase no ensino técnico integrado ao ensino médio, engenharias e licenciaturas nas áreas das ciências naturais e das disciplinas técnicas e/ou profissionalizantes. São oferecidos cursos técnicos, tecnólogos superior, bacharelado e licenciatura por todo o estado de Goiás, e a unidade de GOIÂNIA atende cerca de seis mil usuários .
    • A Instituição possui diversos campus, que se encontram nas cidades:
    • Anápolis - Implantação
    • Formosa - Implantação
    • Goiânia
    • Inhumas
    • Itumbiara
    • Jataí
    • Luziânia - Implantação
    • Uruaçu
  •  
  • Entrada da Biblioteca
  • Acervo
  • Sala de Estudos em Grupo
  • Sala de Estudo Individual e Sala de Referência
  • Sala de Processamento técnico e entrada principal
  • A Biblioteca Jorge Félix de Souza
    • A Biblioteca recebeu esse nome em homenagem ao ex-professor e engenheiro, o qual fez um levantamento de quadras e lotes além da elaboração de projetos arquitetônicos como o Coreto da Praça Cívica.
    • Foi fundada em 1973 e reinaugurada em 2007 .
    • É uma biblioteca universitária , conta com cerca de 34.000 livros.
    • O acervo é constituído por enciclopédias, dicionários, livros didáticos e infanto-juvenis, literatura nacional, estrangeira, DVDs, CD-ROMs, revistas científicas e de lazer, assinaturas de 3 jornais .
    Biblioteca Modelo para outras instituições federais
    • Seção de periódicos:
    • Seção atualizada : separados do acervo e vedados ao empréstimo, alguns exemplares constam no catálogo eletrônico.
    • Hemeroteca : coleção de revistas especializadas, que ficam em uma sala separada, o registro das mesmas não se encontra no catálogo e a consulta deve ser junto ao bibliotecário.
    • Quanto aos CD-ROMs e DVDs, podem ser emprestados somente quando acompanham o material .
    • A biblioteca conta com bibliografias básicas dos cursos, que estão separadas do acervo comum.
    • O catálogo eletrônico da biblioteca é de um software desenvolvido pela própria instituição e possibilita ao usuário a busca simples, combinada (operadores booleanos, pesquisa na biblioteca do campus de Inhumas, por tipo de material, etc).
    • O catálogo impresso é atualizado conforme novos materiais vão sendo incorporados à biblioteca. Permite busca por assunto, título e autor em ordem alfabética.
  • Serviços oferecidos e Recursos da Biblioteca
    • Elaboração da ficha catalográfica de TCC, tese e dissertação;
    • Serviço de referência (com horário marcado);
    • Normalização do trabalho acadêmico (ABNT, com horário marcado);
    • Circulação de materiais (empréstimos aos usuários);
    • Laboratório de informática;
    • Sala de estudo individual;
    • Sala de estudo em grupo.
    • Cerca de 1500 usuários frequentam a biblioteca diariamente.
    • Verba anual da biblioteca: R$ 100.000,00
    • A biblioteca também recebe doações. No mês de novembro (2009), foram mais de 100 itens doados.
    • A biblioteca possui 3 bibliotecários distribuídos em cada período do dia (um sendo coordenador), com 11 bolsistas e 10 servidores técnico-administrativos.
  • Referencial Teórico
    • Como fundamentação teórica da pesquisa de estudo de usuários, baseou-se no modelo de T. Wilson de 1981 , em que enfatiza a busca ativa da informação , baseada em duas proposições:
    • a informação é uma necessidade secundária que surge dos tipos mais básicos de necessidades, ditas primárias, como a necessidade de procriação, de alimentação e outros.
    • ao buscar informações, as pessoas, normalmente, deparam-se com barreiras que podem impedi-las de encontrar a informação desejada.
    • Para o entendimento do que venha a ser um estudo de comportamento de uso/busca de informação, se faz necessário explicitar alguns conceitos de suma importância para o entendimento do que venha a ser estudos de comportamento informacional. Em que:
    • comportamento informacional é todo comportamento humano relacionado às fontes e canais de informação, incluindo a busca e passiva de informação e o uso da informação.
    • necessidade informacional é uma experiência subjetiva que ocorre apenas na mente de cada indivíduo, não sendo, portanto, diretamente acessível ao observador.
    Referencial Teórico
  • Missão e Objetivos da Biblioteca
    • Missão:
    • Disseminar a informação para os usuários da unidade de informação, propiciando o acesso à informação para o exercício da cidadania.
    • Objetivos:
    • Atender as necessidades informacionais dos alunos, docentes e técnico-administrativos do IFG, além de receber a comunidade externa para consulta local ao acervo. Oferecer serviços eficientes em respostas às exigências da sociedade da informação, acompanhando as novas tecnologias para alicerçar o desenvolvimento intelectual e econômico dos usuários do IFG para fornecer serviços de qualidade.
  • Objetivos da Pesquisa
    • Objetivo geral:
    • Conhecer a necessidade informacional dos usuários da biblioteca e o nível de satisfação destes para com a mesma.
    • Objetivo específico:
    • Traçar o perfil dos usuários da biblioteca.
  • Justificativa
    • A escolha da instituição deve-se ao fato de se localizar em um ponto estratégico no centro de Goiânia a qual abarca diversos tipos de usuários, tanto de nível superior, técnico e ensino médio, dentre outros. Além disso, a unidade de informação é modelo para as demais instituições no Brasil.
    • Por isso faz-se necessário um estudo que contemple as satisfações dos usuários, a qualidade do acervo, e outros, e outros aspectos referentes ao bom andamento das atividades da instituição.
    • Saber quais os usuários reais e diagnosticar os potenciais sendo que uma parcela de estudantes não utiliza a biblioteca ou conhecem os serviços. Levantara a demanda a partir dos dados obtidos por meio de questionário, oferecer produtos/serviços de boa qualidade e que atendam às necessidades de informação .
  • Metodologia Utilizada
    • O método de pesquisa escolhido foi o questionário “misto”, ou seja, com questões abertas e fechadas.
    • O objetivo é aplicar o questionário a 150 pessoas, amostra que representa 10% dos usuários que freqüentam diariamente a biblioteca.
    • O questionário contém questões que visava delinear o perfil do usuário, saber qual o nível de escolaridade do mesmo, além de avaliara o acervo em relação ao conteúdo, estado de conservação, atendimento e serviços.
    • As questões abertas complementavam as questões fechadas e estavam sujeitas a reclamações, sugestões...
  • Gráficos dos Resultados da Amostra
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • Resultados da Pesquisa
    • Dentre as reclamações, podemos ressaltar:
    • o sistema nem sempre funciona;
    • não sabia da existência do bibliotecário;
    • não localiza o bibliotecário;
    • não encontra os livros nas estantes;
    • falta de mais de um exemplar;
    • o sistema de classificação dos livros é confuso;
    • os livros não apresentam conteúdo suficiente;
    • não há periódicos suficientes na biblioteca;
    • falta de determinados livros;
    • computadores lentos;
    • acervo incompleto.
  • Conclusão
    • No caso da Biblioteca do Instituto Federal de Goiás, percebe-se que ela oferece uma ótima estrutura física com um acervo considerado satisfatório, segundo os usuários.
    • Entretanto, o bibliotecário é desconhecido na unidade de informação, sendo que o acesso ao mesmo é mediante marcação de horário.
    • Falta uma maior divulgação dos serviços oferecidos pela instituição e melhora quanto o atendimento.
    • Talvez falte um constante diálogo entre os profissionais da unidade de informação e os usuários, porque a biblioteca do Instituto Federal de Goiás é um convite para os estudos.
  • Referências
    • FELICIO, Joana Carla de Souza Matta, et al. Estudo de usuário para a estratégia de gestão da informação e do conhecimento: um estudo de caso. In: Revista ABC : Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v. 13, n. 1, p. 59-79, jan/jun. 2008.
    • GASQUE, Kelly Cristine Gonçalves. COSTA, Suely Maria de Souza. Comportamento dos professores da educação básica na busca da informação para informação continuada. In: Ciência da Informação . Brasília: 2003. v.32 n. 3 p.54-61. set. dez.