House e a Revolução do Empreendedorismo

  • 646 views
Uploaded on

Slides do webinar "Dr. House e a Revolução do Empreendedorismo" realizada pelo CINEBusiness que mostra os traços de empreendedorismo da personalidade do médico mais controverso de todos os tempos.

Slides do webinar "Dr. House e a Revolução do Empreendedorismo" realizada pelo CINEBusiness que mostra os traços de empreendedorismo da personalidade do médico mais controverso de todos os tempos.

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
646
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
20
Comments
0
Likes
4

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. TODO MUNDO ODEIA O HOUSE. MAS, NO FINAL DO DIA, TODO MUNDO QUERIA SER PARECIDO COM ELE!
  • 2. Você sabia que House foi influenciado por Sherlock Holmes?
  • 3. éú ê à çã çã ã Ó à é
  • 4. á ê é
  • 5. é ó ó ã í
  • 6. ÃÍ ÇÃ
  • 7. E, nesse caso, literalmente.House não tem medo dedesafiar pacientes efamiliares e, convenceu atéa um pai remover uma partedo cérebro de seu filho.Ele não respeita vaidades,muito menos a fé de seuspacientes.Se você veio no meuhospital, para ser tratadopor mim, vai se submeter àminha loucura. Eu sou o Deusaqui!“Se você fala com Deus,você é religioso. Mas, seDeus fala com você, você éum psicótico.
  • 8. á Pensar e fazer as coisas do mesmo jeito não vai fazer você alcançar resultados diferentes. Você sempre será o mesmo medíocre se pensar da mesma maneira e fazer tudo de maneira superficial. Tire a bunda da cadeira, procure mais, faça melhor e, lembre-se: “não é Lupus. Nunca é Lupus”.
  • 9. êAfinal todo mundo que é original eexpressa suas opiniões, ideias eteorias será polêmico. Fale o quevocê pensa, seja sincero.Ao ser autêntico e original, você serápolêmico. Ao ser autêntico e originalvocê irá atrair pessoas autênticas eoriginais e afastará aquelas que nãotem nada a ver com você. Isso, nadamais é do segmentação de mercado.Escolha uma linguagem. Escolha umamaneira de comunicar. Escolha umtom. Use isso para afastar quem nãotem nada a ver com você e, praatrair quem tem a ver com os seusideais.Não agrade ninguém, tenha umapersonalidade e seja coerente comela. Você irá atrair as pessoas certas.“Estou nessa. Estilo Rambo”.
  • 10. é . Sim, se House fosse um ser medíocre, que buscasse apenas coisas medianas, sua equipe seria a extensão disso. Mas, éjustamente por ser um médico brilhante é que ele consegue atrair pessoas tão ou mais peculiares do que ele. Apesar de ser o gênio da medicina de diagnóstico, o elevado padrão da sua equipe só poderá ir até o patamar que ele permitir. “Perseverança não é igual a merecimento.
  • 11. ó . Em termos de medicina – e empreendedorismo – nada é absoluto. Por isso, aprender a assumir os riscos eresponsabilidades daquilo que faz por que acreditamos é uma grande virtude. Quantas vezes House já foi chamado de louco pelas suas ideias e comportamentos alucinados quando estava convencido de algo? Quantas vezes ele jogou a responsabilidade em outros? E, quantas vezes ele estava totalmente errado. Assuma os riscos, faça aquilo que acredita. “Você não pode ter sempre aquilo que quer”.
  • 12. êA solução não vai aparecer quandovocê quer. A ideia mirabolante donegócio não vai aparecer sóporque você precisa.Às vezes, você pode estar jogandovídeo-game, dormindo ou mesmofazendo algo que não tenha nada aver com a o problema que asolução surge como um estalo.Mas, lembre-se: isso não vaiacontecer se você não tiver amente aberta para o que estáacontecendo ao seu redor.Portanto, seja paciente, atento àtudo e entenda que tudo é questãodas peças se encaixarem, ou seja:tempo. “Nós somos o que aspessoas acham que nós somos”.
  • 13. . Sim! O problema pode ser o foco, mas você tem que manter o foco na solução. O diagnóstico de um médico, ou de um empreendedor é na solução, não no problema. Portanto, pense na solução pro problema, não noproblema. Nenhum problema pode ser maior que a sua solução. “Quase morrer não muda nada. Morrer muda tudo”.
  • 14. . Issomesmo. Você precisa estar focado em diagnosticaro problema e, pra isso, precisa aprender ainvestigar. Sem investigar, você não vai conseguirestudar as causas, as reações, as variáveis e aspossibilidades do seu negócio. Foco nainvestigação. É ela que te leva até o resultado.“Os sintomas nunca mentem”.
  • 15. . Sem criatividade você não sai do chão, não consegue pensarfora do quadrado, nem imaginar as coisas em outro cenário. Quantas vezes House estava fazendo algo simples e descobriu um diagnóstico de alguma doença? Ou melhor, quantas vezes ele se permitiu tocar música, ver TV ou fazer alguma coisa pra relaxar e soltar a cabeça para que a criatividade surgisse e com ela viessem boas ideias?! Um empreendedor sem boas ideias não é ninguém. Por isso ouse soltar as amarras e ser livre para pensar... “Pessoas não mudam”.
  • 16. ã . Não se limite à realidade; não se limite às teorias, àsideias de outros. pensar no todo e fazer analogias. Empreendedorismo não tem regrasprontas. Permita-se princípios, nem nada. Pense como quiser, afinal é a única coisaque nos permite ser infinito é a imaginação. “A realidade está quase sempre errada”.