Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this presentation? Why not share!

A mulher e a literatura

on

  • 376 views

 

Statistics

Views

Total Views
376
Views on SlideShare
376
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

A mulher e a literatura A mulher e a literatura Presentation Transcript

  • A Mulher e a Literatura na I República. Tradição e Modernidade
    Esc. Secundária Amadora,
    4 de Novembro de 2010
  • A Mulher e a Literatura
    Como Agente/Autora
    Como Tema/Objecto
    Como Destinatário/Público
  • Antecedentes
    Baixa Alfabetização Feminina
    Temáticas Restritas
    Literatura como Diversão, Ocupação de Tempo e não como Profissão
    Intelectuais como Excepção
  • A I República
    • Esperanças Feministas Frustradas
    • Aposta na Educação
    • A Mulher de Letras como Excepção
    • Visibilidade Gradual
    • Participação na Imprensa e Revistas
  • A Mulher Autora
    • O Cânone:
    • Maria Amália Vaz de Carvalho
    • Carolina Michaelis de Vasconcelos
    • Alice Pestana/Caiel
    • O Activismo
    • Ana de Castro Osório
    • Maria Velleda
    • Adelaide Cabete
    • As Modernas
    • Maria O’Neill
    • Fernanda de Castro
    • Virgínia Vitorino
    • Branca de Gonta Colaço
    • Veva de Lima
  • Os Temas
    • Poesia (mais autoras)
    • Pedagogia, Educação, Infância (mais obras)
    • Ficção, novelas, contos exemplares
    • Feminismo, questões sociais
    • Memórias, crónicas
    • Teses académicas
    Onde?
    • Revistas Femininas
    • Jornais
    • Imprensa “social”
  • A Modernidade?
    • Como autora vai-se impondo
    • Como tema vai-se diversificando
    • Como público vai-se alargando
    • 4,5% das obras registadas
    • Autonomia e modo de vida alternativo para algumas (celibato, divórcio)
  • O Estado Novo e o Retorno da Tradição
    • Nos temas (família, infância)
    • No recuo das teses feministas
    Virgínia de Castro e Almeida
    Emília de Sousa Costa
    Elina Guimarães
    Irene Lisboa