Your SlideShare is downloading. ×
Video participativo como técnica de pesquisa
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Video participativo como técnica de pesquisa

200

Published on

Apresentação usada no Workshop sobre o método de Vídeo Participativo, realizado via Cinese.me.

Apresentação usada no Workshop sobre o método de Vídeo Participativo, realizado via Cinese.me.

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
200
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. VÍdeo participativocomo técnica de pesquisa
  • 2. Agendinha[para gente não se perder porque tá apertada!]‣ 10h00 às 10h30: Ois e olás‣ 10h30 às 11h00: Parte teórica‣ 11h00 às 11h15: A minha experiência‣ 11h15 às 11h45: Exercícios de câmera‣ 11h45 às 12h00: Escolhendo o tema‣ 12h00 às 12h30: Construindo o storyboard‣ 12h30 às 13h30: Filmando!‣ 13h30 às 14h00: Edição Fast and Furious e Sessão Pipoca
  • 3. Ois
  • 4. Pesquisa participativa?1.
  • 5. “O nosso entendimento sobre as coisasmuda a forma como agimos sobre elas.”
  • 6. Participant ObserverRapid Rural Appraisal (RRA)Participatory Rural Appraisal (PRA)Participatory Action Research (PAR)Principais tipos de Método
  • 7. Participatory Action RESEARCH
  • 8. (Alguns) exercícios• Mapeamento participativo• Mapeamento de stakeholders• Transect walk• Exercícios de visão de futuro➡ Levantamento de problemas➡ Levantamento de recursos• Vídeo participativo
  • 9. Vídeo participativo2.
  • 10. • Processo > Resultado• Pesquisador = Facilitador• Desapego!(Algumas) Considerações
  • 11. • Participantes aprendem a usar os equipamentos através de jogose exercícios;• Facilitadores ajudam os grupos a identificar e analisar assuntosimportantes;• Videos curtos são dirigidos e filmados pelos participantes (comou sem edição externa).• Resultado é compartilhado com um grupo extendido (toda acomunidade?) em exibições diárias.• Se inicia um processo dinâmico de aprendizado e troca, podendohaver complementação do filme.• A comunidade tem controle editorial total. Resultados podem serusados para iniciar processos internos ou conscientizaraudiências externas.Passo a passo
  • 12. Um caso prático3.
  • 13. DICASExtra.
  • 14. •Planejamento coletivo da mensagem,“gênero” e roteiro.•Detalhamento das cenas: elementosessenciais e elementos extras (que podemser acrescidos na edição)•Imagem: personagens, cenário, ação.•Som: narração, trilha.Lembrete: durante a gravação muito atenção ao som! É semprepossível “consertar” ou substituir uma imagem ruim, mas o som(falas, entrevistas) se perdido ou de má qualidade, comprometemuito o entendimento da mensagem.Storyboard
  • 15. •Extreme long shot e Long Shot:Contextualização (tempo, espaço,relacionamentos)•Full Shot: Ação•Medium Shot: Diálogo•Close-up: Emoção•Extreme close-up: Ênfase no detalheshots: campo de visão
  • 16. extreme long shot long shot full shotmedium shot close up extreme close up
  • 17. •Bird’s eye: cotextualização•Ângulo alto: enfatiza a pequenez•Ângulo baixo: enfatiza a grandiosidade•Sobre os ombros: conversação•Ponto de vista: cena pelos olhos dopersonagemshots: ângulo da câmera
  • 18. ângulo alto ângulo baixoponto de vistasobre os ombrosbird’s eye
  • 19. Crédito das imagens (cc)Capa: imagem por JaylopezPágina 05: imagem por LeroyPágina 06: imagem por Camila HaddadPagina 07: imagem por tallphilPágina 10: imagem por OpensourcewayPágina 13: imagem por tuareqPáginas 16 a 25: imagens por Fong Yee Chan,Camila Haddad e Eddie Wong.
  • 20. Referências(acrescidas das que citamos no encontro)Livros e artigos:Amartya Sen. Desenvolvimento como Liberdade.Juan Bordenave. O que é participação?Sabina Alkire. Counting and Multidimensional Poverty.Robert Chambers. Participation and poverty.InsightShare. Insights into Participatory Video.Fontes interessantes (para quem quiser se aprofundar):DPUIISDInsightShareCommunity Empowerment Collective: Phill BartleVídeos:O Prisioneiro da grade de ferro (completo)Obs: Infelizmente a maioria das minhas referências é em inglês. Se eu encontrar versõestraduzidas dos artigos, ou mais referências brasileiras interessantes eu envio.

×