Your SlideShare is downloading. ×
0
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Apresentação Arq. Joao Aboim
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Apresentação Arq. Joao Aboim

672

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
672
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. A CIDADE EM MOVIMENTO A VISÃO DOS CENÁRIOS A VISÃO DOS ACTORES
  • 2. <ul><li>RELACIONAMENTO INTERPESSOAL </li></ul><ul><li>FUNÇÕES URBANAS </li></ul><ul><ul><li>HABITAR </li></ul></ul><ul><ul><li>TRABALHO / EMPRESA </li></ul></ul><ul><ul><li>ABASTECIMENTO </li></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>SERVIÇOS </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>PRODUTOS </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><li>LAZER </li></ul></ul><ul><li>AGREGAÇÃO DE FUNÇÕES </li></ul><ul><ul><li>Revolução industrial – bairros operários </li></ul></ul><ul><ul><li>Grandes Superficies Comerciais </li></ul></ul><ul><ul><li>ARCOLOGIAS </li></ul></ul>A CIDADE EM MOVIMENTO <ul><ul><ul><li>… mas é a cidade do passado, que temos no presente, que devemos preparar para o futuro. </li></ul></ul></ul>
  • 3. <ul><li>ENQUADRAMENTO ESTRATÉGICO </li></ul>8 VECTORES DE DESENVOLVIMENTO AGRÍCOLA EMPRESARIAL ACESSIBILIDADE / MOBILIDADE TURISMO AMBIENTE CULTURA E EDUCAÇÃO SAÚDE DESPORTO
  • 4. AS ACESSIBILIDADES
  • 5. EVOLUÇÃO ECONÓMICA – C. da RAINHA
  • 6. O PRESENTE A CIDADE EM MOVIMENTO
  • 7. A VISÃO DO FUTURO
  • 8. A VISÃO DO FUTURO after introducing clean cars... before introducing clean cars...
  • 9. ESPAÇO OCUPADO PELO AUTOMÓVEL
  • 10. <ul><li>ESTACIONAMENTO E ESPAÇO PÚBLICO </li></ul><ul><li>Transporte privado (carro) </li></ul><ul><li>Ocupação de espaço público equivalente a 10 pessoas (12,5 m2 ) – estacionado </li></ul><ul><li>Ocupação de largura de via equivalente a 4-5 pessoas ( 2,8 – 3 ml ) – em movimento </li></ul><ul><li>Factores adicionais </li></ul><ul><li>Poluição sonora e atmosférica, poluição de águas, reciclagem em fim de vida e dependência energética do exterior. </li></ul><ul><li>A cidade </li></ul><ul><li>Estruturou-se com vias dedicadas ao automóvel </li></ul><ul><li>O crescente uso do carro monopolizou o uso do espaço urbano </li></ul><ul><li>A crescente especialização da cidade, separando a habitação do trabalho/abastecimento originou movimentos pendulares diários baseados no carro particular. </li></ul><ul><li>PRINCÍPIOS UNIVERSALMENTE(?) ACEITES </li></ul><ul><li>A VIA PÚBLICA É UM CANAL DE CIRCULAÇÃO. </li></ul><ul><li>CADA VIATURA DEVE POSSUIR O SEU ESPAÇO PRIVADO DE ESTACIONAMENTO </li></ul><ul><li>A VIATURA PRIVADA É UM EXCELENTE MEIO DE TRANSPORTE </li></ul><ul><li>OBJECTIVOS </li></ul><ul><li>DEVOLVER A CIDADE AO PEÃO </li></ul><ul><li>FACILITAR A ACESSIBILIDADE </li></ul><ul><li>DIMINUIR A POLUIÇÃO </li></ul><ul><li>MEIOS </li></ul><ul><li>CRIAÇÃO DE ESTACIONAMENTO AUTO FORA DA VIA PÚBLICA </li></ul><ul><li>IMPLEMENTAÇÃO DE TRANSPORTE PÚBLICO </li></ul>A CIDADE EM MOVIMENTO
  • 11. O CUSTO DE TER CARRO - 1 PROPOSTA : Averiguar o impacto económico na Cidade de Caldas da Rainha se as famílias pudessem prescindir de um carro utilizando os transportes públicos e/ou mobilidades suaves. ÁREA de ESTUDO : Cidade de Caldas da Rainha PREMISSAS : 50% das famílias em área urbana têm dois ou mais carros Um dos carros serve apenas para deslocações de curta duração em meio urbano, sendo o segundo carro familiar um pequeno utilitário com um valor médio de aquisição de cerca de 15.000 € Aquisição do 2º carro por leasing a 5 anos. Utilização deste 2º carro em deslocações para levar os filhos à escola, compras e actividades diversas no meio urbano consolidado com uma área de 2x2 km. CUSTO ANUAL 3266,712 € (272,226 €/mês) (<>83 viagens de táxi/mês) (4 viagens/dia útil = 88 viagens )
  • 12. O CUSTO DE TER CARRO - 2 DESDOBRAMENTO de CUSTOS CUSTO de AQUISIÇÃO 2431,56 € / ano Valor do carro – 15.000 € Leasing a 5 anos com 15% de entrada + 15 % de valor residual Renda mensal – 235,13 € (x 12 mêses – 390 €) = 2431,56 Despesas de contrato – 142,11€ + IVA (n/ considerado) (fonte Santander-Totta) Considerámos 4 marcas de carro utilitário a gasolina com preços aproximados ao valor de referência. – Citroen C3, Ford Fiesta, Honda Jazz e Opel Corsa. Comparámos o valor de venda em 2008 com o valor de venda de usado do modelo equivalente de 2003 e obtivemos um valor médio de desvalorização de 43% do preço actual. (fonte Guia do automóvel nº 283). Assim, ao fim de cinco anos, um carro de 15000 € valerá 6450 €. Para obter um novo contrato de leasing do mesmo valor haverá que pagar novamente 30 % (4500 €) 15% de valor residual mais 15% de entrada para novo contrato. A diferença de valores (6450-4500) será distribuída ao longo de 5 anos amortizando o custo do leasing. (1950/5= 390 €)
  • 13. O CUSTO DE TER CARRO - 3 CUSTO de PARQUEAMENTO 109,2 € / ano Custos directos 109,2 € ( 0,30 € x 5 dias + 0,60 ao sábado ) x 52 semanas Custos indirectos (n/ considerado) CUSTO de FUNCIONAMENTO 514,272 € / ano Viagens diárias: 17 km 1- levar os filhos à escola, pequenas compras e voltar – 6 km 2- Ir buscar os filhos à escola – 5 km 3- Assuntos diversos (visitas, ginásio, assuntos administrativos etc.)– 6 km Total semanal 91 km (17 km x 5 dias úteis + 6 km ao sábado de manhã) Total Anual 4732 km ( 52 semanas x 91 km ) Consumo combustível - 454,272 € (4732/100) x 8 = 378,56 litros x 1,2€ Manutenção anual 60 € SEGUROS e TAXAS 211,68 € / ano Seguro contra terceiros 131,25 € / ano (simulação na Nseguros para um seguro de resp. civil até 1.800.000 € ) Imposto único de circulação (25,50 + 51,10) x 1,05 = 80,43 €
  • 14. O CUSTO DE (não) TER CARRO - 4 DESPESA COM TRANSPORTE PÚBLICO 694 €/ano (2 membros) 347 €/ano (1 membro) 2 membros da família passam a usar TP. Custo de carregamentos dia-a-dia – 2 cartões (255 dias úteis) 314 €/ano (40 € < > 65 dias ) 3,923 x 40€ = 157 € Custo com 2 cartões viagem-a-viagem (2 viagens/sábado) 42 €/ano (30 €< > 150 viagens) 21 €/ano 1 viagem de táxi / membro, por semana na área urbana 3,25 €/viagem (169 €/ano) POPULAÇÃO Considerando que Caldas da Rainha tem neste momento cerca de 10.000 familias. Considerando que 50% das famílias tem dois ou mais carros. Considerando que uma aposta forte nos transportes públicos e mobilidades suaves poderia conduzir a metade destas famílias prescindirem do 2º carro. Considerando que a despesa por família em transporte público se cifraria em 694 €/ano. Teríamos 2.500 famílias a pouparem 2 572 €/ano injectando 6 430 000 €/ano na economia urbana de Caldas da Rainha
  • 15. <ul><li>1 286 000 contos/ ano </li></ul>
  • 16. O CUSTO DE TER CARRO – CUSTOS ABSOLUTAMENTE ESCONDIDOS ESPAÇO OCUPADO POR UM AUTOMÓVEL – 16,3 m2 (média) 5X2,5 m + 2,5 X 3 m = 20 m2 ( perpendicular) 5,5 x 2,3 = 12, 65 m2 (longitudinal) Nº de CARROS EM C.R. - 17.000 viaturas (estimativa na área urbana) 10.000 famílias ( 30.000 hab ) 50% possui 2 ou mais carros (dados TIS) = 10.000 viaturas 30% possui um carro = 3.000 viaturas 10% possui quatro ou mais carros = 4.000 viaturas ESPAÇO NECESSÁRIO PARA A PLENA UTILIZAÇÃO DO CARRO EM MEIO URBANO 17 000 X 16,3 X 2 = 554 200 m2
  • 17. O CUSTO DE TER CARRO – CUSTOS ABSOLUTAMENTE ESCONDIDOS 554 200 m2 !!!!! Em pleno meio urbano !?!? QUAL O CUSTO ?
  • 18. O CUSTO DE TER CARRO – CUSTOS ABSOLUTAMENTE ESCONDIDOS 554 .200 m2 UTILIZADOS PARA ESPAÇO PÚBLICO SIGNIFICA: 4,3 PARQUES PÚBLICOS DO TAMANHO DO PARQUE D. CARLOS I (128 660 m2) 554 .200 m2 VALEM EM MEIO URBANO - 20.000 € /120 m2 edificáveis x 4 pisos = 80.000 € / 120 = 667 € / m2 369 651 400 €
  • 19. A cidade em movimento CONCLUSÕES <ul><li>A acessibilidade e mobilidade automóvel é predominante na cidade </li></ul><ul><li>O uso intensivo do transporte individual (TI) é predador do espaço público, de recursos económicos privados e públicos e dos recursos ambientais </li></ul><ul><li>O carro tornou-se uma necessidade inquestionável. </li></ul>
  • 20. A cidade em movimento DIRECTIVAS DE ACTUAÇÃO <ul><li>Fomento do Transporte Público </li></ul><ul><li>Fomento do uso do veículo de duas rodas </li></ul><ul><li>Fomento da mobilidade pedonal </li></ul><ul><li>Fomento da concentração urbana </li></ul><ul><li>Fomento de medidas de melhor utilização do TI. </li></ul>
  • 21. A cidade em movimento
  • 22. A cidade em movimento O projecto ligar mobilidades
  • 23. A cidade em movimento O projecto orientação urbana
  • 24. A cidade em movimento O projecto cicloparque
  • 25. A cidade em movimento O projecto parques de proximidade
  • 26. A cidade em movimento O projecto TORNADA
  • 27. A cidade em movimento O projecto TOMA
  • 28. <ul><li>O perfume da Rita sabe a alicerces </li></ul><ul><li>Rita é pois cidade </li></ul><ul><li>E também </li></ul><ul><li>Distâncias mais pequenas </li></ul><ul><li>Luís, 1949 - 1968 </li></ul>
  • 29. A cidade em movimento joão aboim – Abril 2009

×