Game Linguagem
comunicação e novas mídias
O que é jogo?
Um jogo é uma atividade envolvente em
que os jogadores acreditam ter uma
participação ativa onde concordam
c...
Como são os jogos?
Sociais;
Atividades e objetos;
Possuem regras;
Avaliam e medem o
desempenho dos jogadores;
Jogadores ac...
“No coração, no âmago, no cerne de
quaisquer mediações - culturais,
tecnológicas, midiáticas - está a
linguagem” (Santaell...
“Toda linguagem tem um
corpo, encarna-se,
materializa-se em algo
físico.”
(Santaella, 2007)
Segundo Pierce (apud SANTAELLA...
“Linguagem é o conjunto estruturado de
signos que se combinam de uma
determinada maneira com vistas a
comunicação humana.”...
Elementos básicos de um game
(Hunicke; LeBlanc; Zubek, 2001) (Schell, 2011)
Na estrutura ordenada do código está a
sintaxe.
Game Linguagem
“Linguagem é
pensamento.
Qualquer coisa que esteja
presente à mente - fragmentos de
frases, quase-imagens, ...
Percepção x Ação
Imersão “A imersão pode requerer um simples
inundar da mente com sensações. [...]
Mas num meio participativo, a imersão
im...
Gameplay
"Gameplay é o que acontece
entre o início e o final de um
game.[...] Os desafios ao longo
dessa jornada de gamepl...
Experiência
“Jogos são inúteis a menos que as pessoas os
joguem. Por quê? Que mágica acontece
quando os jogos são jogados?...
Jogo digital pode ser um Game
Mas um Game não é só um jogo
digital
Mas um Game não é só um jogo
digital
Jogos antecedem a cultura
O jogo é fato mais antigo que a cultura, pois esta, mesmo em suas definições mais
rigorosas,
pre...
Referência Bibliográfica
FRASCA, Gonzalo. Play the Message: Play, Game and Videogame Rhetoric. 2007. 213 p. Tese
(Doutorad...
Obrigado!
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Game Linguagem

223
-1

Published on

Apresentação sobre as estruturas da Game Linguagem no Workshop sobre Design de Interação. O trabalho apresentado é resultado da pesquisa de mestrado em linguagens e tecnologias no programa de Educação, Arte e História da Cultura na Universidade Presbiteriana Mackenzie.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
223
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • “Com ênfase nos meios como extensão, como se, nas artérias dos meios, não corresse o sangue das linguagens.” (Santaella, 2007:204)
    Jogos digitais são meios de comunicação e como meio de comunicação são dotados de uma linguagem capaz de compor a mensagem.
  • Relacionar a estrutura de textos com entendimento, a percepção das coisas através de uma linguagem. As sintaxes terão relação com a percepção humana sobre o meio. -> semiótica
  • Como buscar as sintaxes da Game Linguagem? Escolher um jogo, dissecá-lo e analisar a partir de um modelo de game design.
    Sintaxe de sobre outras linguagens. Game linguagem, meta-linguagem. Assim como na sintaxe da linguagem visual o entendimento do Game decorre do processo de percepção humana.
  • A semiótica nos permite analisar o entendimento dos elementos que constituem a linguagem
  • Game Linguagem

    1. 1. Game Linguagem comunicação e novas mídias
    2. 2. O que é jogo? Um jogo é uma atividade envolvente em que os jogadores acreditam ter uma participação ativa onde concordam com um sistema de regras que atribui status social ao seu desempenho quantificado. A atividade restringe os jogadores a um futuro imediato de probabilidades de cenários que eles estão dispostos a tolerar.(Frasca, 2007:70) (Jesper Juul, 2003)
    3. 3. Como são os jogos? Sociais; Atividades e objetos; Possuem regras; Avaliam e medem o desempenho dos jogadores; Jogadores acreditam em sua participação; Consequências não são opcionais; (Frasca, 2007)
    4. 4. “No coração, no âmago, no cerne de quaisquer mediações - culturais, tecnológicas, midiáticas - está a linguagem” (Santaella, 2007)
    5. 5. “Toda linguagem tem um corpo, encarna-se, materializa-se em algo físico.” (Santaella, 2007) Segundo Pierce (apud SANTAELLA, 2007) linguagem é um pensamento, é qualquer coisa presente na mente (signo).
    6. 6. “Linguagem é o conjunto estruturado de signos que se combinam de uma determinada maneira com vistas a comunicação humana.”¹ (José Luiz Fiorin) ¹ O Que é Linguagem - Disponível em <http://www.youtube.com/watch?v=I1Zusz__3e8>
    7. 7. Elementos básicos de um game (Hunicke; LeBlanc; Zubek, 2001) (Schell, 2011)
    8. 8. Na estrutura ordenada do código está a sintaxe.
    9. 9. Game Linguagem “Linguagem é pensamento. Qualquer coisa que esteja presente à mente - fragmentos de frases, quase-imagens, movimentos de atração e repulsão de ideias, sentimentos, emoções - é signo. Além disso, linguagem inclui percepção e ação.” (Santaella, 2007:190)
    10. 10. Percepção x Ação
    11. 11. Imersão “A imersão pode requerer um simples inundar da mente com sensações. [...] Mas num meio participativo, a imersão implica aprender a nadar, a fazer as coisas que o novo ambiente torna possível.” (Murray, 2012:102)
    12. 12. Gameplay "Gameplay é o que acontece entre o início e o final de um game.[...] Os desafios ao longo dessa jornada de gameplay e as pequenas e grandes vitórias de um jogador é que criam uma experiência lúdica instigante e emocionante." (Schuytema, 2008:8) Gameplay
    13. 13. Experiência “Jogos são inúteis a menos que as pessoas os joguem. Por quê? Que mágica acontece quando os jogos são jogados?” (Schell, 2011:10) http://brobeee.wordpress.com/tag/game/ “Então, próximo da morte, pouco antes de perder o game, você consegue uma combinação incrível de sorte e habilidade e destrói o inimigo final no momento em que se joga através da passagem para o próximo nível. Ofegante e suado, recosta na cadeira e solta um suspiro. Isso foi divertido.” (Schuytema, 2008)
    14. 14. Jogo digital pode ser um Game
    15. 15. Mas um Game não é só um jogo digital
    16. 16. Mas um Game não é só um jogo digital
    17. 17. Jogos antecedem a cultura O jogo é fato mais antigo que a cultura, pois esta, mesmo em suas definições mais rigorosas, pressupõe sempre a sociedade humana; mas, os animais não esperaram que os homens os iniciassem na atividade lúdica. (Huizinga, 2001:3)
    18. 18. Referência Bibliográfica FRASCA, Gonzalo. Play the Message: Play, Game and Videogame Rhetoric. 2007. 213 p. Tese (Doutorado em Filosofia) - IT University of Copenhagen, Copenhagen. 2007. HUIZINGA, Johan. Homo ludens: o jogo como elemento da cultura. Tradução: João Paulo Monteiro. São Paulo: Perspectiva, 2001. HUNICKE, Robin; LEBLANC, Marc; ZUBEK, Robert. MDA: A Formal Approach to Game Design and Game Research. San Jose, 2001. Disponível em: http://www.cs.northwestern.edu/~hunicke/MDA.pdf> JUUL, J. The Game, the Player, the World: Looking for a Heart of Gameness. Em Level Up: Digital Games Research Conference Proceedings. Utrecht: Utrecht University, 2003, pp. 30-45. disponível em: http://www.jesperjuul.net/text/gameplayerworld/ LUZ, Alan Richard da. Vídeo Games: História Linguagem e Expressão Gráfica. São Paulo: Blucher, 2010. MURRAY, Janet H. Hamlet no Holodeck. O futuro da narrativa no ciberespaço. São Paulo: Itaú Cultural: Unesp, 2012. SANTAELLA, Lúcia. Linguagens líquidas na era da mobilidade. São Paulo: Paulus, 2007. SANTAELLA, Lúcia. Matrizes da linguagem e pensamento: sonora, visual, verbal. Aplicações na hipermídia. São Paulo: Iluminuras / Fapesp, 2012. SCHELL, Jesse. A arte do game design: o livro original. Tradução: Edson Furmankiewicz. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011. SCHUYTEMA, Paul. Design de Games, Uma abordagem Prática. São Paulo: Cengage Learning, 2008.
    19. 19. Obrigado!
    1. A particular slide catching your eye?

      Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

    ×