I guerra mundial

  • 2,044 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,044
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
49
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914- 1918 ) PROFESSORA: TEREZA SODRÉ MOTA
  • 2. OS MOTIVOS DA GUERRA
    • 1- O IMPERIALISMO:-
    • Vários problemas atingiam as principais nações européias no início do século XX. O século anterior havia deixado feridas difíceis de curar. Alguns países estavam extremamente descontentes com a partilha da Ásia e da África , ocorrida no final do século XIX. Alemanha e Itália, por exemplo, haviam ficado de fora no processo neocolonial. Enquanto isso, França e Inglaterra podiam explorar diversas colônias, ricas em matérias-primas e com um grande mercado consumidor. A insatisfação da Itália e da Alemanha , neste contexto, pode ser considerada uma das causas da Grande Guerra.
    •  
  • 3.  
  • 4.
    • 2- O ROMPIMENTO DO EQUILÍBRIO EUROPEU:-
    • Com o advento da Alemanha como potência.O crescimento econômico da Alemanha foi algo fantástico, pela rapidez e dimensão tomadas. Unificada politicamente em 1870, a Alemanha, em pouquíssimo espaço de tempo, superou a produção de aço francesa e, no início do século XX, já podia abalar a posição hegemônica da Grã-Bretanha.
  • 5.
    • 3- RIVALIDADES IMPERIALISTAS :
    • anglo-alemã :- A origem dessa rivalidade entre a Inglaterra e a Alemanha foi a competição industrial e comercial.
    • b) Franco-alemã :- Na França, o antigermanismo também era muito forte, devido à derrota francesa na Guerra Franco-Prussiana e à perda da Alsácia-Lorena para a Alemanha.
    • c) Austro-russa:- A Rússia desejava dominar o Império Turco-Otomano, a fim de obter uma saída para o mar Mediterrâneo,e, também, controlar a península Balcânica.
  • 6.
    • 4- NACIONALISMOS :
    O espírito nacionalista tomou conta dos países europeus envolvidos na primeira Guerra. Cartões postais da época expressam esse sentimento : o alemão (A) mostra uma Valquíria (figura mítica) segurando uma coroa de louros; o francês (B) evoca a participação das mulheres na guerra.
  • 7.
    • Pan-eslavismo :- liderado pela Rússia (que buscava uma saída livre para o Mediterrâneo), pregava a união de todos os povos eslavos da Europa oriental, principalmente aqueles que se encontravam dentro do Império Austro-Húngaro.
    • b) Pan-germanismo :- liderado pela Alemanha, pregava a completa anexação de todos os povos germânicos da Europa central.
    • c) Revanchismo francês :- com a derrota da França, em 1870, na guerra contra a Alemanha, os franceses foram obrigados a ceder aos alemães os territórios da Alsácia-Lorena, região rica em minérios de ferro e em carvão. A partir dessa guerra, desenvolveu-se na França um movimento de cunho nacionalista-revanchista, que visava desforrar a derrota sofrida contra a Alemanha e recuperar os territórios perdidos.
  • 8.  
  • 9.
    • 5- POLÍTICA DE ALIANÇAS :
  • 10.  
  • 11.
    • 6- A PAZ ARMADA :-
    Enquanto se organizavam em blocos rivais, as principais potências européias lançaram-se numa desenfreada corrida armamentista : adotaram o serviço militar obrigatório, criaram novas armas e passaram a produzir armamento e munição em quantidades cada vez maiores.A situação permaneceu nesse equilíbrio delicado por anos, e esse período foi denominado Paz Armada .
  • 12.
    • 7- A QUESTÃO MARROQUINA (1904):
    Desde 1880, o Marrocos , localizado numa posição estratégica no norte da África,era considerado região propícia ao comércio e negócios das potências imperialistas. Em 1904, porém, França e Inglaterra assinaram um acordo, no qual a França dava aval para os ingleses dominarem o Egito e, em troca, obtinha o apoio britânico para o controle do Marrocos. Isso causou reações da Alemanha, que buscava ampliar seus domínios na região. A crise foi resolvida em 1906, na Conferência de Algeciras , na qual se reconheceram os interesses franceses e garantiram-se também os dos alemães naquele país.A Alemanha não se conformou e em 1911, surgiram novos conflitos com a França.Para evitar a Guerra, a França concedeu à Alemanha uma considerável parte do Congo francês .
  • 13.
    • 8- A QUESTÃO BALCÂNICA:
    Um dos principais focos de atrito entre as potências européias era a península Balcânica, onde se chocavam o nacionalismo da Sérvia (apoiada pela Rússia) e o expansionismo da Áustria (aliada da Alemanha). Em 1908, a Áustria anexou a região da Bósnia-Herzegovina , ferindo os interesses da Sérvia, que pretendia criar a Grande Sérvia, incorporando aquelas regiões habitadas por eslavos.
  • 14.
    • 9- O ATENTADO DE SARAVEJO
    No dia 28 de junho de 1914, na cidade de Sarajevo, na Bósnia, o herdeiro do trono austro-húngaro, Francisco Ferdinando , foi assassinado juntamente com sua esposa. O responsável pelo atentado foi um estudante sérvio Gavrilo Princip, membro de uma organização nacionalista chamada União ou Morte , cujo braço armado era o grupo terrorista Mão negra . Esse acontecimento foi o estopim para a eclosão da guerra. A Áustria culpou a Sérvia pelo assassinato e lhe declarou guerra. A Alemanha se declarou solidária com a Áustria. Por sua vez , a Rússia apoiou a Sérvia, e, finalmente, a França e a Inglaterra declararam guerra à Alemanha. Dava-se início ao grande conflito mundial.
  • 15.
    • FASES DA GUERRA
    • 1- A GUERRA DE MOVIMENTO: - Durou de agosto a novembro de 1914 e foi marcada por um intenso movimento de tropas.O plano da Alemanha ( Plano Schlieffen ) consistia em concentrar suas forças militares no ataque à França, para depois enfrentar a Rússia.Certo de que venceria guerra em pouco tempo, o exército invadiu a Bélgica, o que violou sua neutralidade, e, depois, de suplantá-la, penetrou no território francês. Esse foi o pretexto para a Inglaterra declarar guerra à Alemanha.Uma ofensiva russa na frente oriental, entretanto, obrigou o general alemão Moltke a uma divisão de forças.A França salvou-se do fulminante ataque alemão na Batalha do Marne (1914) .
  • 16.  
  • 17.  
  • 18.  
  • 19.
    • 2- GUERRA DE TRINCHEIRAS (1915-1917)
    • -Com a estabilização das forças em luta, passou-se a uma nova fase da guerra, a chamada Guerra de Trincheiras.
  • 20.
    • Nesta fase, os exércitos adversários procuravam firmar suas posições com o objetivo de vencer o adversário por meio do desgaste progressivo de suas tropas.Os exércitos da Inglaterra e da França , de um lado, e o da Alemanha , de outro lado, tomaram posições em trincheiras desde o mar do Norte até a fronteira da Suíça.
    • Na frente oriental, o exército alemão vencia sucessivas batalhas contra o maltreinado e mal-armado exército russo. Na Ásia, porém, os japoneses venciam e se apoderavam das colônias alemães no oriente.
    • - As contínuas derrotas russas aceleraram a queda da autocracia czarista ,culminando nas revoluções de 1917, que implantaram um governo socialista. Com o novo governo concluiu-se um acordo de paz em separado, o Tratado de Brest-Litovski , de 1918, oficializando a saída dos russos da guerra.
  • 21.  
  • 22.  
  • 23.
    • -
  • 24.  
  • 25.  
  • 26.
    • - ARMAMENTOS :-
  • 27.  
  • 28.
    • -Os aviões eram biplanos,e carregava três tripulantes, armados co metralhadoras e bombas.Outro tipo de arma aérea era o dirigível,usado para bombardear cidades com o objetivo de abalar o moral das populações.
  • 29.
    • -Outros armamentos: lança-chamas,submarinos e encouraçados.
  • 30.
    • Em 1915, a Itália rompe com a Alemanha e alia-se à Entente.E enquanto milhares de jovens morriam nas trincheiras, outros países entravam na guerra, ampliando as dimensões do conflito.
  • 31.
    • No início de 1917, a Alemanha decidiu adotar a guerra submarina: qualquer navio encontrado em águas territoriais inimigas seria afundado.
  • 32.
    • -No dia 7 de maio , um submarino alemão torpedeou o navio de passageiros inglês Lusitânia na costa irlandesa, provocando a morte de 1.198 pessoas, entre as quais 128 cidadãos norte-americanos.O que serviu de pretexto para a entrada dos Estados Unidos na guerra, em 1917.
  • 33.
    • 3- A ENTRADA DOS ESTADOS UNIDOS:- NOVA GUERRA DE MOVIMENTO.
    • Seguindo os Estados Unidos, outros países americanos, inclusive o Brasil (que também teve seu navio Paraná afundado pelos alemães), engajaram-se no conflito ao lado da Entente.
  • 34.
    • Em virtude da paz selada com os russos, os alemães deslocaram suas tropas para a frente ocidental e lançaram uma poderosa ofensiva apoiada pela aviação e pela artilharia pesada no início de 1918. Recomeçava a “guerra de movimento”. Mas os países da Entente conseguiram reagir e venceram as forças alemãs na segunda Batalha do Marne.
    • Assim, graças à superioridade econômico-militar dos aliados, paulatinamente as potências centrais foram sendo derrotadas, e , em novembro de 1918, o próprio Kaiser Guilherme II renunciava, refugiando-se na Holanda. O novo governo social-democrata da Alemanha assinou o Armistício de Compiegne , finalizando a Primeira Guerra Mundial.
  • 35.
    • OS TRATADOS DE PAZ
    • - Encerrado o conflito armado, os países vitoriosos se reuniram na França, no início de 1919, no Palácio de Versalhes , para definir o mundo pós-guerra, tendo a liderança de Woodrow Wilson, dos Estados Unidos, Lloyd George, da Inglaterra e Georges Clemenceau, da França.
  • 36.
    • No mesmo ano, com a Áustria , os aliados assinaram o Tratado de Saint-Germain, que desmembrou o Império Austro-Húngaro, retirando a saída para o mar da Áustria e forçando-a a reconhecer a independência da Polônia, da Tchecoslováquia, da Hungria e da Iugoslávia.
    • Com a Hungria foi assinado o Tratado de Trianon, com a Bulgária o de Neuilly e com a Turquia, o de Sévres , este último reformado por um outro tratado bem mais tarde, o de Lausanne em 1923, devido a reação turca às imposições de Sévres.
    • - Os Tratados de Paz impostos aos derrotados, especialmente o de Versalhes , semearam o espírito de revanche e descontentamento que iria desembocar, vinte anos mais tarde, na Segunda Guerra Mundial .
  • 37.  
  • 38.  
  • 39.
    • CONSEQËÊNCIAS
    • O saldo trágico da Primeira Guerra foi de cerca de 13 milhões de mortos e 20 milhões de mutilados.
    • A criação da Liga das Nações, com sede em Genebra, com a função de garantir a paz internacional. Já nasceu enfraquecida, pois faltava-lhe legitimidade. Não participavam desse organismo a Alemanha (derrotada), a Rússia (com governo comunista) e os Estados Unidos (descontentes com muitas das decisões tomadas em Versalhes).
    • Ascensão dos Estados Unidos como grande potência mundial.
    • - Aparecimento de regimes políticos autoritários, como o nazismo e fascismo .
  • 40.
    • Surgimento de novos Estados, como a Tchecoslováquia,a Polônia, Iugoslávia, da Hungria e Áustria.