A importância do profissional de segurança   receita federal
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

A importância do profissional de segurança receita federal

on

  • 1,747 views

A Importância do Profissional de Segurança no Mercado de Trabalho.

A Importância do Profissional de Segurança no Mercado de Trabalho.
Foi realizada uma breve explanação do Cenário da Segurança Privada.

Statistics

Views

Total Views
1,747
Views on SlideShare
1,747
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
13
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

A importância do profissional de segurança   receita federal A importância do profissional de segurança receita federal Presentation Transcript

  • A IMPORTÂNCIA DO PORFISSIONALDE SEGURANÇARECEITA FEDERAL29 de Novembro de 2012
  • Objetivo Revisar os procedimentos legais e de segurança visando melhorar a qualidade nos seus serviços prestados. Introdução 2
  • O caso da segurança 3
  • Ambiente de Trabalho 4
  • Estudo de Caso• Conhecendo a Planta Baixa• Instruções de Trabalho• Com Segurança não se Brinca• Estereótipo do Vigilante Noturno• Falta de Cumprimento do Procedimento• Experiência 5
  • 05 Cases Importantes para o Profissional deRecife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Segurança Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 6
  • 1º - A Importância da Comunicação 7
  • Como? 8
  • Propósito 9
  • 10
  • 2º - A Importância do ConhecimentoÀs vezes não é suficiente verificar se o processo esta sendo seguido, mas se esta adequado ao momento. 11
  • 3º - A Importância da Imagem Recife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 12
  • 4º - A Importância da Auto-Avaliação 13
  • 5º - Sabe a Importância da Motivação “Motivar é gerar uma força interior que te leve a realizar um esforço adicional para alcançar um objetivo de acordo com suas necessidades.” Recife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 14
  • Formas habituais de influenciar na Motivação Recife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 15
  • AssertividadeA assertividade é a capacidade de agir de forma correta,sincera e pontual.Assertiva tem como principal diferencial o entendimentodo impacto que esta ação tem sobre o outro. 16
  • Assertividade O5 DICAS PARA SER MAIS ASSERTIVO AUTO-CONHECIMENTO - o primeiro passo para agir deforma mais assertiva é ampliar o conhecimento sobre sua forma de lidar com as situações do dia-a-dia. SEJA PRÓ-ATIVO - agir com assertividade significatomar uma posição a respeito das coisas que acontecem, não se omitir, opinar, realizar 17
  • Assertividade SEJA HONESTO - é fundamental agir com honestidade para si mesmo. Apenas tome cuidado para não ser rude SEJA DIRETO - não enrole, não deixe para depois, faça agora. PENSE ANTES DE AGIR - o que diferencia a assertividade da agressividade é esta capacidade de pensar antes de agir.Sapateado Motivacional (vídeo) 18
  • MANUSEIO E CUIDADOS COMARMAS DE FOGORECEITA FEDERAL29 de Novembro de 2012
  • Cuidados com Armas de Fogo 20
  • Noções Básicas de Direito• Responsabilidade Civil e Penal• Imperícia, Imprudência e Negligência• A arma é um instrumento legítimo para a defesa própria e do patrimônio e deve ser usada nas situações de perigo e sob estas condições a Lei assegura a legitimidade da ação.• Vigilância Patrimonial – atividade exercida dentro dos limites dos estabelecimentos, urbanos ou rurais, públicos ou privados, com a finalidade de garantir a incolumidade física das pessoas e a integridade do patrimônio no local, ou nos eventos sociais.• Órgão Fiscalizador (Fundamentação e Fiscalização nos Postos de Serviço) 21
  • Cuidados com Armas de Fogo• O constante manuseio de armas de fogo, inerentes à atividade exercida pelos nossos vigilantes, muitas vezes levam-nos ao esquecimento de cuidados básicos que devemos ter nesta tarefa. Vamos aproveitar este contato e as instruções para lembrar a todos como a questão deve ser tratada para evitar acidentes.• Noções de Segurança Privada, Legislação Aplicada e Direitos Humanos, Relações Humanas no Trabalho, Sistema de Segurança Pública e Crime Organizado, Prevenção e Combate a Incêndio e Primeiros Socorros, Educação Física, Defesa Pessoal, Armamento e Tiro, Vigilância, Radiocomunicação e Alarmes, Criminalística , Técnica de Entrevista. 22
  • Cuidados com Armas de Fogo • A arma somente pode ser portada pelo Vigilante que atenda todos os requisitos legais e obrigatoriamente dentro do centro de trabalho, durante o horário de serviço. É proibido seu uso em outro horário. • Em via de regra, a arma deverá permanecer no coldre, exceção feita ao momento da passagem de serviço ou quando em ação legítima. • Em hipótese alguma, o cano da arma deverá ser apontado para pessoal ou material, exceto nos casos de emprego real. • O recebimento ou a passagem do serviço deve ocorrer em local reservado, sem exposição ao público ou ao cliente, evitando-se ocorrências indesejadas. 23
  • Cuidados com Armas de Fogo • O manuseio da arma deverá ocorrer em local adequado, ou seja, o cano da arma deverá estar sempre apontado para um local seguro, que não venha a causar ricochete do projétil, atingindo material ou pessoal. • É recomendável que existam caixas de areia para as armas que são manuseadas no interior das instalações, evitando-se o ricochete no caso de disparo acidental. • O vigilante, ao guardar a arma, deverá fazê-lo com a mesma descarregada. • No cofre devem permanecer somente as armas, munições e seus respectivos registros, não sendo permitida a guarda de nenhum outro material. 24
  • Cuidados no Manuseio com ArmamentoA passagem e recebimento da arma constituem-se em um procedimento muitoimportante na segurança, uma vez tal procedimento deve ser feito assim que se recebeou passa o posto de serviço.Existem diversas formas de se passar uma arma, porém, desde que a mesma sejapassada aberta e sem munições, todas elas estarão corretas. Conforme as fotos abaixo,apresentaremos o nosso padrão: Recife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 25
  • Cuidados com Armas de Fogo • O vigilante que não reunir as condições mínimas para executar o seu serviço, deverá ser substituído, após ser ouvido e a sua situação avaliada pela chefia imediata. • Na ocorrência de discussões entre empregados, que estejam portando arma de fogo e, antes da possibilidade de agravamento da situação, as armas deverão ser imediatamente retiradas da posse dos envolvidos. 26
  • Estado das Munições• O tempo de vida útil de uma munição está diretamente relacionada ao seu emprego. Segundo o fornecedor CBC, as munições armazenadas em caixas fechadas, em ambiente arejado e sem umidade teriam sua vida útil estendida até 10 anos. Porém, não é o caso das munições da Dínamo, pois as mesmas são utilizadas quase que diariamente e variam desde a forma de acondicionamento das mesmas (ambientes climatizados) e a manipulação diária por usuários que tenham alto nível de sudorese nas mãos. Em ambos os casos, a vida útil da munição é diminuída.• 1) Munição com o projétil rodando;• 2) Munição com o projétil saindo do estojo;• 2) Munição com o projétil afundado no estojo;• 3) Munição com o estojo amassado;• 4) Munição com o estojo enferrujado;• 5) Munição sem espoleta;• 6) Munição com a espoleta picotada. 27
  • Cuidados no Manuseio com MuniçõesRecife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br 28
  • Comunicação de Sinistros com Produtos Controlados• A comunicação de incidente com armamento ou coletes balísticos (roubo, furto, perda, extravio ou recuperação), deve ser feita para a Polícia Federal no prazo máximo de 24 horas. Após a comunicação formal da ocorrência temos 10 (dez) dias úteis para encaminhamento da documentação sobre o fato, contendo cópia do boletim de ocorrência policial, cópia do registro da arma e informações sobre as apurações realizadas pela empresa.• Trata-se de infração facilmente evitável se adotarmos um simples procedimento de comunicação imediata ao ocorrido pelos diversos meios que são disponibilizados pela Polícia Federal. Relembramos que sábados e domingos são contados como prazo para a comunicação do fato e que existem plantões para receberem as comunicações. O Coordenador deverá ser avisado de imediato para as devidas orientações quanto à esta responsabilidade, já que estas comunicações são centralizadas no Operacional. 29
  • A PALAVRA CONVENCE, O EXEMPLO ARRASTA.“A força não provém da capacidade física e sim de uma vontade indomável”. (Mahatma Gandhi) 30
  • O que esperamos de vocês... Expectativa Aprendizado Confiança Criatividade Determinação Persistência Liderança Trabalho em Equipe Autonomia DisciplinaRecife | Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem | Fone: (81) 3031-1249 Motivação Salvador | Rua Bahia, 176 - Pituba | Fone: (71) 3507-1200 Harmonia www.dinamovigilancia.com.br Superação 31
  • Recife | Rua |Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa Viagem Viagem(81) 3031-1249 Recife Rua Comp. Ataulfo Alves, 131 - Boa | Fone: | Fone: (81) 3031-1249 Salvador | Rua Bahia, Bahia, 176 - |Pituba (71) 3507-1200 Salvador | Rua 176 - Pituba Fone: | Fone: (71) 3507-1200 www.dinamovigilancia.com.br www.dinamovigilancia.com.br 32