Palestra Microlins

2,690
-1

Published on

Palestra Microlins - 17/11/2009
Administração para quê? Possibilidades de Gestão

Published in: Education, Travel, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,690
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
34
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Palestra Microlins

  1. 1. Bruno Azevedo Prado Acadêmico de Administração Universidade Federal de São João del-Rei Novembro de 2009
  2. 2. <ul><li>Um passeio pelas teorias da Administração </li></ul><ul><li>Formas de Gestão </li></ul><ul><li>Funções da Administração </li></ul>
  3. 3. Eficiência – Padronização - Racionalidade 1900 1910 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  4. 4. Estudos Baseados em: Satisfação humana no Trabalho Dignidade do Individuo Desenvolvimento do potencial humano 1925 1930 1940 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  5. 5. Estudos baseados em: Comportamentos e atitude do indivíduo Motivação e desempenho no ambiente de trabalho 1940 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  6. 6. Estudos baseados em: Comportamentos e atitude do indivíduo Motivação e desempenho no ambiente de trabalho 1940 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  7. 7. Estudos desenvolvido com foco na eficácia, pelo relacionamento entre o ambiente e a estrutura da organização 1945 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  8. 8. Estudos apoiados na visão de que os gerentes determinam qual a abordagem administrativa é mais eficaz em cada situação 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  9. 9. Estudos apoiados na visão de que os gerentes determinam qual a abordagem administrativa é mais eficaz em cada situação 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  10. 10. Processo sistemático administrado e planejado de mudança de cultura, sistemas e comportamentos de uma organização. 1960 1970 1980 1990 2000 2010
  11. 11. Ênfase na qualidade do produto com uma abordagem de melhorias contínuas nos processos, visando à satisfação do cliente 1970 1980 1990 2000 2010
  12. 12. Reestruturação total de uma organização. Envolve o redesenho radical dos processos de negócios para alcançar drásticas melhorias no desempenho organizacional, tais como custos, qualidade, serviços e velocidade. 1990 2000 2010
  13. 13. Alguns dos principais expoentes das ciências sociais aplicadas, deram contribuições efetivas e duradouras 1980 1990 2000 2010
  14. 14. Alguns dos principais expoentes das ciências sociais aplicadas, deram contribuições efetivas e duradouras 1980 1990 2000 2010
  15. 15. Administração renovada Recebe nomes diversos, que variam de acordo com cada autor. Trata-se de uma abordagem ampla – de cunho sócio-técnico-valorativo-ecológico, apoiada em um novo tipo de lógica, a lógica fuzzy - a qual incorpora uma outra racionalidade que não é meramente funcional, a racionalidade substantiva.
  16. 16. <ul><li>Resultados da crise econômica: desemprego ou novas oportunidades? </li></ul><ul><li>Organizações proativas </li></ul><ul><li>Empreendedorismo </li></ul><ul><li>Um novo desenvolvimento </li></ul><ul><li>Economia Solidária </li></ul><ul><li>... </li></ul>
  17. 17. Formas Políticas de Estado Estruturas Organizacionais Modos de Organização Formas de Gestão Interesses Objetivos Específicos Tipos Característicos de Organização Autoritarismo Radical ou Absoluto (Totalitarismo e Ditadura) Autoritária Inferior Hetero- gestão Totalmente definidos e realizados pelos dirigentes e impostos aos participantes Organização Burocrática; órgãos públicos, escolas, empresas, organizações militares, etc. Autoritarismo Relativo ou Parcial (Presidencialismo e Parlamentarismo) De Cooptação Co-gestão: Gestão Participativa Parcial/totalmente definidos pelos dirigentes e realizados total/parcialmente, pelos participantes. (Manipulação; Cooptação) O tipo característico depende da forma específica da gestão . Exemplos: Fábricas Alemãs ( mitbestimug) Democracia Relativa ou Parcial (Conselhos Dirigentes) De Transição De Transição Cooperativa Operária de Produção ; Conselho Operário Conjunta e conflitivamente definidos e realizados pelos participantes e dirigentes Conselhos Operários ( Turin; Hungria, Polonia, Tchecoslováquia). Cooperativas de produtores Associados (Iugoslávia); etc. Democracia Direta ou Absoluta (Autogestão Social) Democrática Superior Autogestão Totalmente definidos e realizados pelos participantes, que são todos, também, dirigentes, ou seja, gestores de suas próprias atividades. (Ausência de relações de subordinação) Mutirão; Movimentos Autônomos de Base.
  18. 18. <ul><li>Teorias Formas Funções </li></ul><ul><li>P lanejar </li></ul><ul><li>O rganizar </li></ul><ul><li>D irigir </li></ul><ul><li>C ontrolar </li></ul><ul><li> </li></ul>
  19. 19. <ul><li>De que tipos de organização você faz parte? </li></ul><ul><li>Quais suas funções nessas organizações? </li></ul><ul><li>Você está satisfeito com essas organizações? </li></ul><ul><li>O que você pode fazer para mudar ou transformá-las? </li></ul><ul><li>Como manter o processo de desenvolvimento / aprimoramento? </li></ul>
  20. 20. <ul><li>Contato: </li></ul><ul><li>Bruno Azevedo Prado </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>(35) 8445 8275 </li></ul><ul><li>Acadêmico do Curso de Administração da Universidade Federal de São João del-Rei </li></ul><ul><li>Pesquisador Fapemig/UFSJ sobre Economia Solidária e Autogestão no Campo das Vertentes em Minas Gerais </li></ul>
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×