Your SlideShare is downloading. ×
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Evolução do homem e sociedades recolectoras
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Evolução do homem e sociedades recolectoras

9,695

Published on

Published in: Education
2 Comments
9 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
9,695
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
426
Comments
2
Likes
9
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. História – 7º anoProfessora Carla Freitas
  • 2. Antes do Homem... Continente AfricanoPlesiadapis Proconsul58 a 55 MA 20 a 17 MA O Berço da Humanidade
  • 3. Ao longo de milénios o ser humano evoluiu e transformou-se. A este lento processo de evolução chama-se Hominização. Os primeiros hominídeos viveram na Pré-História - período anterior à invenção da escrita. O primeiro período da Pré-História é o Paleolítico – período da pedra antiga ou lascada
  • 4. Os primeiros Hominídeos pré postura bípede Sahelantropus tchadensis (Chade - 2001) •6 a 7 milhões de anos •320 a 380 cc. •Dentição com semelhanças ao homem Orrorin tugenensis (Baringo - 2000) •6 milhões de anos (aproximadamente) •Dentição e maxilar com semelhanças ao homem Ardipithecus ramidus e Ardipithecus ramidus kadabba (Etiópia - 1994) •4.4. a 4.5 milhões de anos (aproximadamente) •Provavelmente mais ligado à evolução dos primatas do que à dos homens
  • 5. AustralopitecosAustralopitecos Anamensis Localização Quénia Datação 3,9 a 4,2 M.a. Peso entre 46 e 55 Kg. Crânio desconhecido Paleontologia descoberta em 1994 por Meave Leakey, 21 fósseis no total
  • 6. AustralopitecosAustralopitecos afarensis Localização África Datação 3.9 a 2.9 M.a. Peso entre 30 e 40 Kg. Crânio 380 a 480cm³ Paleontologia Lucy, descoberta em 1974 por Tom Gray na Etiópia
  • 7. AustralopitecosAustralopitecos africanus Localização África Datação 2 a 3 M.a. Peso Cerca de 40 Kg Crânio Cerca de 440cm³ Paleontologia Criança de 6 anos descoberta por Raymond Dart, na Tanzânia
  • 8. AustralopitecosAustralopitecos aethiopicus Localização África Datação 2,8 a 2,2 M.a. Peso desconhecido. Crânio Cerca de 410 cm³ Paleontologia Descoberto em 1924, na Tanzânia
  • 9. AustralopitecosAustralopitecos boisei Localização África Datação 2,6 a 1,2 M.a. Peso 45 – 68 kg. Crânio Entre 500 and 550 cm³ Paleontologia Descoberto por Mary Leakey em 1959 , na Tanzânia
  • 10. AustralopitecosAustralopitecos robustos Localização África Datação 2 a 1.2 M.a. Peso Cerca de 54 kg Crânio entre 410 e 530 cm³ Paleontologia Descoberto em 1949, na África do Sul
  • 11. AustralopitecosAustralopitecos Localização África garhi Datação 2,5-2,6 M.a. Peso desconhecido. Crânio Cerca de 450 cm³ Paleontologia descoberto em 1999, por Berhane Asfaw e Tim White, na Etiópia
  • 12. Homo habilis Apesar de pertencer ao género Homo esta espécie era bastante diferente de nós, os seus braços eram bastante longos, o seu crânio muito menor e assemelhava-se a um australopitecos. O seu nome habilis provem da sua habilidade para o manuseio e criação de utensílios de osso e pedra. Embora muitos cientistas o considerem o antepassado directo do homem, esta opinião não é consensual.
  • 13. Homo habilisCaracterísticas Localização Sul e Leste de África Datação 2,4 a 1,6 M.a. Peso 30 a 40 kg Altura +/- 1 metro Crânio Cerca de 510 cm³ a 750 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia descoberto na Suazilândia em 1964 por Louis Leakey
  • 14. Homo rudolfensisHomo rudolfensis O Homo rudolfensis e o Homo habilis coexistiram há cerca de 2 milhões de anos atrás. Não se sabe ao certo qual das duas surgiu primeiro, no entanto há cientistas que defendem que o Homo rudolfensis é uma variação do Homo habilis.
  • 15. Homo rudolfensisCaracterísticas Localização África Datação 2,4 a 1,8 M.a. Peso desconhecido Altura controversa Crânio 600-800 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia descoberto por Bernard Ngeneo em 1972
  • 16. Homo ergaster Ergaster deriva do grego ergaster que significa trabalhador. Este nome é-lhe atribuído devido ao facto de terem sido encontrados machados e facas perto dos seus fósseis. Alguns cientistas defendem que esta espécie já domina o fogo. Foram os primeiros a dominar um sistema complexo de linguagem, juntamente com o Homo erectus.
  • 17. Homo ergasterCaracterísticas Localização África do Sul Datação 1,9 a 1,4 M.a. Peso 60 a 70 kg Altura +/- 1.9 m Crânio 700 - 850 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia Descoberto em 1984, por Kamoya Kimeu no Quénia
  • 18. Homo erectus O Homo erectus foi o primeiro hominídeo a deixar a África, existem evidencias da sua presença, para além desse continente, na Europa, Vietnam e China. O Homo erectus evidencia-se pelo domínio do fogo e pela habilidade de comunicação com os outros da mesma espécie. Viviam essencialmente em cavernas e faziam ferramentas de osso, madeira e pedra.
  • 19. Homo erectusCaracterísticas Localização Africa, Europa, Indonesia, Vietnam e China Datação 1,8M.a 300 Mil anos Peso +/- 60 kg Altura +/- 1. 8 m Crânio 850 - 1100 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia Descoberto por Eugéne Dubois, na região central de Java
  • 20. Homo heidelbergensis O Homo heidelbergensis é um antepassado directo do Homo neanderthalensis, no entanto, hoje sabe-se que não é um antepassado directo do Homo sapiens sapiens. A sua tecnologia já era bastante desenvolvida e contava com machados, lanças e utensílios de caça, visto não haver vegetação devido ao gelo. Dominavam o fogo, pois existem evidencias de fogueiras.
  • 21. Homo heidelbergensisCaracterísticas Localização Africa, Europa Datação 600 - 400 Mil anos Peso +/- 100 kg (masculinos) Altura +/- 1,8 m Crânio 1100-1400 cm³ Alimentação Carnívora Paleontologia Descoberto em 1907 em Mauer
  • 22. Homo sapiens nenderthalensis Os Neandertais comiam essencialmente carne, não se sabe ao certo porque foram extintos pensa-se que tenha sido devido ao frio ou devido a confrontos com outras espécies. Eram caçadores natos e formavam equipas para isso. O seu queixo e testa eram diminutos, ao contrário da cavidade craniana que era maior do que a dos sapiens sapiens. No entanto não eram tão inteligentes. Esta espécie era muito hábil na construção de ferramentas e enterrava os mortos.
  • 23. Homo sapiens nenderthalensis Características Localização Europa, Oeste da Ásia, Datação 300 a 29 Mil anos Peso +/- 80 kg Altura 1. 65 m Crânio 1200 e 1700 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia Descoberto por Engis, Belgium em 1829
  • 24. Homo sapiens sapiens Cro-Magnon Cro-Magnon foram os primeiros Homo sapiens sapiens. Usavam pendentes e colares, pensa-se que tenham a ver com rituais de morte para os elementos da comunidade que morriam. A sua única diferença para os Humanos actuais era a sua robustez e a caixa craniana um pouco maior. Tinham os seus próprios abrigos e utilizavam produtos químicos para pintar, tendo criado o primeiro calendário.
  • 25. Homo sapiens sapiens Cro-MagnonCaracterísticas Localização Africa, Europa, Asia Datação 40 – 10 Mil anos Peso 60 - 70 kg Altura +/- 1. 7 m Crânio 1350 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia Descoberto por Louis Lartet, 1868
  • 26. Homo sapiens sapiens Pensa-se que o Homo sapiens surgiu há 200 Mil anos no Este de África. Esta espécie caracteriza-se por um comportamento social muito desenvolvido e pela extrema capacidade de invenção e criação de objectos. Destacam-se também pela simbologia e pela constante criação de arte.
  • 27. Homo sapiens sapiensCaracterísticas Localização Todo o mundo Datação Surgiu há 150 mil anos Peso +/- 86 kg Altura +/- 1. 7 m Crânio 1400 cm³ Alimentação Omnívora Paleontologia -
  • 28. Arvore genealógica dos Homínideos
  • 29. Modificações FísicasAumento do tamanho do cérebro Esqueleto – Bipedia Pele
  • 30. Modificações FísicasMaxilar e dentição Formato da mão e polegar oponente Desenvolvimento da garganta
  • 31. Conquistas
  • 32. O fogoFabricava-se friccionando dois pedaços de madeira ou batendo duas pedras.Provocou importantes transformações na vida do Homem:  melhor alimentação (cozinhar);  defesa e protecção de animais ferozes;  iluminação das cavernas;  protecção do frio;  endurecer as pontas de seta;  contribuiu para estreitar laços e solidariedade (desenvolvimento da fala).
  • 33. Os UtensíliosUtilidade dos primeirosutensílios: caça; defesa epreparação de alimentos.Técnica de fabrico de utensílios –lascagem. Efectuava-se batendouma pedra contra a outra,tentando aguçá-la, à medida quese iam tirando lascas.Tipos de utensílios: seixosquebrados, raspadores, bifaces,pontas de seta, agulhas, lanças,arpões. Silex
  • 34. Os Utensílios RaspadorSeixo talhado Bifaces Arpões em osso Pontas de seta Agulha e pontas de em lança lâmina osso
  • 35. Os Utensílios Objectos de adorno PropulsorArco e flecha
  • 36. A caça em grupo
  • 37. As Sociedades RecoletorasEconomia - RecoletoraBaseada em actividades que não implicam produção dealimentos, como a caça, a pesca e a recolecção,•Recolhiam frutos, raizes, folhas, etc.•Afastavam os predadores e ficavam com os restos das suaspresas•Caçavam individualmente pequenos animais, recorrendo aarmadilhas ou em grupo animais de grande porte•Pescavam nos rios e nos mares recorrendo a lanças, arpões eredes (?)
  • 38. As Sociedades RecoletorasModo de Vida - NomadismoMudam constantemente de sítio porque:Acabavam as plantas de que se alimentavamSeguiam as migrações dos animais de que se alimentavamCaça em grupoLeva ao desenvolvimento de:Instrumentos, como o propulsor, o arco e a flechaDa inteligência, para poderem caçar animais maiores e maisrápidosDa linguagem, para poderem trabalhar em equipa
  • 39. As Sociedades RecolectorasMelhoria das condições de vidaAlimentação mais variada e abundanteMaior domínio da naturezaUtilização de peles e ossos para aquecimento e tendasMaior capacidade de sobrevivênciaDivisão de Tarefas por Sexos e IdadeMulheres – recolecção, preparação de alimentos, tratamentode peles e cuidar das criançasHomens – caça, pesca, fogo, utensíliosCrianças – acompanham as mulheresMais velhos – chefiam o grupo, feiticeiros/curandeiros Aumento da população e das áreas habitadas
  • 40. As novas áreas habitadas
  • 41. ReligiãoVénus de Willendorf Ritos Mágicos Ritos funerários Bisonte, gruta de La Madeleine
  • 42. Religião• Ligada ao culto de elementos naturais (como o sol, a lua e os animais) e à explicação de fenómenos como o parto (culto da deusa- mãe), desenvolvendo crenças religiosas.• Domínio das forças da Natureza através de ritos mágicos como danças, gestos e sacrifícios de animais• Crença na vida depois da morte, com a prática de ritos funerários (enterro de mortos com adornos, flores e comida).
  • 43. Arte Paleolítica - Arte Móvel Dama de Brassempouy Vénus de Laussel Dama de SireuilCabeça de Cavalo, gruta Utensílios decorados Cavalo, Gruta de Vogelherd.de La madeleine
  • 44. Arte Paleolítica – Pintura Rupestre Altamira, Espanha Caverna de Gargas, França Chauvet, França Trois Fréres, França Lascaux, França Pech-Merle, França
  • 45. Arte Paleolítica – Gravuras rupestres Mazouco, Portugal Gruta La Gréze, França Escoural, Portugal Foz Côa, Portugal Foz Côa, Portugal
  • 46. Arte PaleolíticaArte Móvel – pequenos objectos que se podem transportar• Sobretudo representações da deusa-mãe, de animais e utensilios decorados• Feita em pedra, osso, haste/corno, dentes• Possivelmente para dar sorte na caça (animais) e no parto (vénus) e como símbolos de poderArte Rupestre – Pinturas e gravuras em cavernas, abrigos erochedos junto a rios (arte parietal)• Representam cenas de caça, mãos, animais, grafismos• Utilizam tintas feitas de plantas, sangue, carvão, pintando com os dedos ou fibras animais e vegetais, à luz do fogo• Dar sorte na caça, cerimónias religiosas, poder sobre a natureza.
  • 47. Será que a evolução do homem játerminou?...

×