Your SlideShare is downloading. ×
0
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Pesquisa OAB-PE / Novembro
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Pesquisa OAB-PE / Novembro

946

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
946
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PESQUISA DE OPINIÃO OAB - RMR RECIFE PESQ. Nº 062/2009
  • 2. ESPECIFICAÇÕES DA PESQUISA ÁREA DE ABRANGÊNCIA: Região Metropolitana do Recife. DATA DA COLETA: 18 e 19 de novembro de 2009. UNIVERSO: Advogados que atuam nos Fóruns e Tribunais da RMR. AMOSTRA: A amostra foi selecionada a partir de um plano de amostragem por cotas em pontos de fluxos estratégicos. As entrevistas foram realizadas na RMR. NÚMERO DE ENTREVISTAS: O tamanho da amostra foi de 626 entrevistas. FONTE: A amostra foi definida com base nos registros da OAB.
  • 3. CONCLUSÕES 1. Desde a primeira pesquisa do IMN (maio/2009), era clara a possibilidade de qualquer candidato apoiado por Jayme Asfora crescer, pois o atual presidente da Ordem tinha alta aprovação do eleitorado. Quando Henrique Mariano foi escolhido como o candidato de Jayme Asfora, construímos a hipótese de que ele cresceria eleitoralmente. Esta hipótese foi comprovada pelas diversas pesquisas realizadas pelo IMN. 2. Neste instante, com base nesta última pesquisa, consideramos que Henrique Mariano tem condições de vencer o pleito eleitoral da OAB. Afirmamos isto em razão de: a) Henrique Mariano obtém, junto ao eleitorado da Região Metropolitana do Recife (RMR), 38,5% de intenção de voto. Júlio Oliveira e Ricardo Correia dividem a segunda posição – 21,3% e 20,4%, respectivamente. É importante considerar que 16,2% dos entrevistados ainda estão indecisos. Indagamos: para onde irão estes votos? b) Na votação espontânea, Henrique Mariano obtém 30,9%. Júlio Oliveira tem 18,4%. E Ricardo Correia, 16,2%. Os resultados advindos da votação espontânea evidenciam que a intenção de voto em dado candidato está consolidada. Portanto, caso os eleitores de Henrique Mariano decidam ir votar, ele deve vencer o pleito eleitoral – 91,4% dos entrevistados afirmam que irão votar na próxima eleição da Ordem. c) É importante destacar que a administração de Jayme Asfora continua muito bem avaliada – 73,9% aprovam a administração do atual presidente da Ordem – frisamos que continuam a aprovar, já que as outras pesquisas realizadas pelo IMN mostraram sempre que a gestão de Jayme Asfora tem alta aprovação.
  • 4. CONCLUSÕES d) A seguinte relação causal é observada na disputa da Ordem: candidatos apoiados por administrações bem avaliadas crescem. Este é o caso de Henrique Mariano. Destacamos que 44,7% dos entrevistados pretendem votar no candidato apoiado por Jayme Asfora. e) A pesquisa revela que Júlio Oliveira, principal crítico da gestão de Jayme Asfora, é o candidato que tem maior percentual de rejeição – 31,4% dos pesquisados afirmam que não votam nele de modo algum. Frisamos que 18,1% afirmam que não votam de modo algum em Ricardo Correia. E 15% frisam que não votam de modo algum em Henrique Mariano. Estes percentuais revelam que Júlio Oliveira terá dificuldades de crescer nestes últimos dias de campanha. Contudo, não afirmamos o mesmo quanto a Henrique Mariano e Ricardo Correia. f) É importante frisar que a principal proposta da campanha de Ricardo Correia, Anuidade Zero, tem reduzida credibilidade junto aos pesquisados – 65,2% afirmam não acreditar na proposta Anuidade Zero. g) As denúncias realizadas pela oposição contra a administração de Jayme Asfora não surtiram o efeito desejado pela oposição: 39,9% tomaram conhecimento das denúncias, contra 53,4% que afirmam não saber das denúncias. No universo dos que tomaram conhecimento (39,9%), 58% sabem que as denúncias foram contra Jayme Asfora e Henrique Mariano. Contudo, 82,2% afirmam que as denúncias não lhes fazem pensar em mudar o voto.
  • 5. FÓRUNS PESQUISADOS
  • 6. Perfil dos entrevistados: Sexo
  • 7. Perfil dos entrevistados: Faixa etária
  • 8. Perfil dos entrevistados: Renda
  • 9. Perfil dos entrevistados: Classe socioeconômica
  • 10. [P. 01] Quanto tempo você tem de advocacia plena?
  • 11. [P. 02] Qual é a sua área de militância jurídica?
  • 12. [P. 03] Você considera a gestão de Jayme Asfora à frente da OAB:
  • 13. [P. 04] Em quem você gostaria de votar para presidente da OAB Pernambuco na próxima eleição?
  • 14. [P. 05] Se a eleição para presidente da OAB Pernambuco fosse hoje, e os candidatos fossem estes, em quem você votaria? [ESTIMULADA]
  • 15. [P. 06] Destes candidatos, qual deles tem o apoio do atual presidente da OAB Jayme Asfora? [ESTIMULADA]
  • 16. [P. 07] Você pretende, na próxima eleição, da OAB votar em um candidato apoiado pelo presidente Jayme Asfora?
  • 17. [P. 08] Em qual destes candidatos você não vota de modo algum?
  • 18. [P. 09] Você acredita na proposta Anuidade Zero?
  • 19. [P. 10a] Recentemente, você tomou conhecimento de alguma denúncia contra algum candidato à presidência da Ordem?
  • 20. [P. 10b] Se sim, contra qual candidato?
  • 21. [P. 11] Esta denúncia faz você pensar em mudar o seu voto para a presidência da Ordem?
  • 22. [P. 12] Você irá votar na próxima eleição da OAB?
  • 23. INSTITUTO MAURÍCIO DE NASSAU JANGUIÊ DINIZ DSc. ADRIANO OLIVEIRA ROBERTA TEKAVITA PRESIDENTE DO CONSELHO COORDENADOR DE PESQUISA/CIENTISTA POLÍTICO ESTAGIÁRIA DE ECONOMIA janguie@mauricionassau.com.br adriano.oliveira@rec.mauriciodenassau.edu.br roberta.tekavita@mauriciodenassau.edu.br JÂNYO DINIZ BSc. ROBERTO SANTOS ISABEL FRANÇA DIRETOR-PRESIDENTE SUPERVISOR DE PESQUISA/CIENTISTA SOCIAL ASSESSORA DE IMPRENSA janyo@mauricionassau.com.br roberto.santos@rec.mauriciodenassau.edu.br instituto@mauricionassau.com.br INÁCIO FEITOSA MSc. CARLOS GADELHA JÚNIOR EMMANUELLE CÉSAR DIRETOR DE PLANEJAMENTO EDUCACIONAL ESTATÍSTICO CONSULTORA DE RELACIONAMENTO inacio@mauricionassau.com.br carlos.gadelha@mauricionassau.com.br emmanuelle.cesar@mauriciodenassau.edu.br SÉRGIO MURILO JÚNIOR SIMARA COSTA MARIA AMANDA COORDENADOR EXECUTIVO/ADVOGADO ESTAGIÁRIA DE ESTATÍSTICA SECRETÁRIA ADMINISTRATIVA simara.costa@maurciodenassau.edu.br maria.amanda@rec.mauriciodenassau.edu.br smurilojr@mauricionassau.com.br Rua Manuel Caetano, 132 – Fone (81) 3413-4611 www.institutomauriciodenassau.com.br instituto@mauricionassau.com.br

×