Médicos sem fronteiras e banco alimentar

2,612 views
2,448 views

Published on

Published in: News & Politics, Technology
1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,612
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
69
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Médicos sem fronteiras e banco alimentar

  1. 1. Escola Básica 2º e 3º ciclos de Penafiel Nº3 <br />Ano lectivo 2010/2011<br />Solidariedade<br />Médicos sem fronteirasEBanco Alimentar contra a fome<br />Área de Projecto<br />Professora: Patrícia Magalhães<br />Trabalho elaborado por:<br />Cátia Santos Nº 10<br />Lúcia Rodrigues Nº 15<br />Rita Soares Nº 27<br />
  2. 2. Índice<br />Introdução……………………………………………….3<br />Médicos sem fronteiras:<br />Quem são?............................................................4<br />Quando foi criada?……………..............................5<br />O que fazem?........................................................6<br />Os principais modos de acção da MSF…………..7<br />Banco alimentar contra a fome:<br />O que é?.............................................................11<br />O que fazem?.....................................................12<br />Agir com instituições……………………………...13<br />Conclusão………………………………………………16<br />Webgrafia…………………………………………........17<br />2<br />
  3. 3. Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Área de Projecto.<br />Ao longo deste trabalho, vamosfalar sobre as seguintes organizações:<br /><ul><li>Médicos sem Fronteiras;
  4. 4. Banco alimentar contra a Fome.</li></ul>Esperemos que gostem!<br />Introdução<br />3<br />
  5. 5. Médicos sem fronteiras <br />Quem são?<br />Os Médicos Sem Fronteiras são uma organização médico-humanitária internacional, independente e comprometida em levar ajuda às pessoas que mais precisam. Também é missão de MSF tornar públicas as situações enfrentadas pelas populações atendidas. <br />4<br />http://www.msf.org.br/<br />
  6. 6. Quando foi criada?<br />A organização foi criada em 1971, na França, por jovens médicos e jornalistas, que actuaram como voluntários no fim dos anos 60 em Biafra, na Nigéria. <br />5<br />
  7. 7. O que fazem?<br />Oferecer cuidados de saúde em situações de crise é a base do trabalho de Médicos Sem Fronteiras. Conflitos, epidemias, catástrofes naturais, desnutrição e exclusão do acesso à saúde são os principais eixos de actuação da MSF. Tais situações pedem ajuda rápida, com atendimento médico especializado e apoio logístico. <br />6<br />
  8. 8. Os principais modos de acção dos MSF são: <br /><ul><li> Assistência de saúde primária em centros de saúde e clínicas móveis;
  9. 9. Alimentação e nutrição;
  10. 10. Saúde materno-infantil;
  11. 11. Campanhas de vacinação;
  12. 12. Diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças específicas (malária, tuberculose, chagas, HIV/ SIDA etc.);
  13. 13. Atendimento a feridos e realizações de cirurgias de guerra; </li></ul>7<br />
  14. 14. <ul><li>Cuidados de saúde mental;
  15. 15. Atendimento a vítimas de violência sexual;
  16. 16. Distribuição de alimentos e de itens de abrigo de primeira necessidade;
  17. 17. Construção e manutenção de estruturas de água e saneamento;
  18. 18. Recuperação de hospitais e clínicas. </li></ul>8<br />
  19. 19. Imagens<br />9<br />
  20. 20. 10<br />
  21. 21. Banco alimentar contra a fome<br />O que é?<br /> O banco alimentar contar a fome é uma resposta necessária mas provisória, porque "toda a pessoa tem direito a um nível de vida suficiente que lhe assegure e à sua família, a saúde e o bem-estar, principalmente quanto à alimentação, ao vestuário, ao alojamento, à assistência médica e, ainda, aos serviços sociais necessários." (Excerto do artigo 25º da Declaração Universal dos Direitos do Homem).<br />11<br />http://bancoalimentar.pt/<br />
  22. 22. O que fazem?<br />“Aproveitar onde sobra, para distribuir onde falta”. É este o objectivo do Banco Alimentar contra a fome: evitar o desperdício de alimentos fazendo-os chegar às pessoas que têm fome. O Banco Alimentar recebe toda a qualidade de géneros alimentares, ofertas de empresas e particulares, em muitos casos excedentes de produção da indústria agro-alimentar, excedentes agrícolas, da grande distribuição e ainda, produtos de intervenção da União Europeia.<br />12<br />
  23. 23. Agir com as instituições<br /> Cada Banco Alimentar celebra acordos com as instituições de solidariedade da sua região, tendo em conta as suas características próprias de actuação. A ajuda alimentar é efectuada na forma que melhor se adapta às necessidades da população apoiada:<br /><ul><li>cabazes de produtos alimentares entregues às famílias;
  24. 24. refeições confeccionadas: servidas nos lares, creches, ATL, ou outros centros; distribuídas na rua aos sem abrigo; entregues ao domicílio; etc. </li></ul>13<br />
  25. 25. Imagens<br />14<br />
  26. 26. 15<br />
  27. 27. Conclusão<br />Gostamos muito de realizar este trabalho porque ficamos a conhecer mais sobre as instituições que falamos. Esperamos que tenham gostado.<br />16<br />
  28. 28. http://www.msf.org.br/<br />http://www.msf.org.br/conheca-msf<br />http://www.msf.org.br/conteudo/4/quem-somos/<br />http://bancoalimentar.pt/<br />WebGrafia<br />17<br />
  29. 29. Fim!<br />18<br />

×