0
Presença de poros           Presença de uma           abertura, ósculoPossuem uma cavidadeinterna, átrio
▪ Demospongiae                              ▪ Hexactinellida▪ Calcarea
▪ Habitat: Grande parte dos animais deste filo são marinhos▪ Características embrionárias: Não apresentam folhetos embrion...
Simetria                                                        Radial                               *Exoesqueleto calcári...
▪ Antozoários                                 ▪ Cubozoários                ▪ Hidrozoários                ▪ Cifozoários
▪ Habitat: São animais aquáticos com predominância marinha▪ Características embrionárias: Diblásticos e protostômios▪ Repr...
Corpo achatado Corpo alongado (pode ter vários metros de comprimento)Simetria Bilateral
▪ Cestoda – Taenia                                        Causadora da teníase▪ Turbellaria▪ Trematoda - Schistosoma causa...
▪ Habitat: Geralmente parasitas, são encontrados no tubo digestório de vertebrados.▪ Características embrionárias: Triblás...
Corpo Cilíndrico                        Simetria Bilateral PseudocelomaCorpo recoberto por uma cutícula flexível, expessa ...
▪ Adenophorea               ▪ Secernentea:Subfilos:                   Subfilos:Chromadoria     Rhabditia                  ...
▪ Habitat: Todos os ambientes, tanto aquáticos como terrestres▪ Características embrionárias: Triblásticos, protostômios, ...
Corpo cilíndricoCorpo FlácidoPresença de Cerdas                     Corpo úmido
ClitellataSubfilos:Oligoqueta                Polychaeta             Hirudíneos
▪ Habitat: Vivem em água doce e salgada, e nos ambientes terrestres onde não hajaescassez de água.▪ Características embrio...
Corpo Mole             Possuem cabeça, Pé e massa             visceral                     Presença de Concha
Scaphopoda                                        BivalviaGastropoda                MonoplacophoraAplacophora             ...
▪ Habitat: Ambientes aquáticos, porém também terrestres▪ Características embrionárias: São triblásticos▪ Reprodução e dese...
Corpo segmentadoPossuem exoesqueleto                       Cefalotórax e abdome (característica específica do             ...
▪ Habitat: aquático e terrestre e representam os únicos invertebrados voadores.▪ Características Embrionárias: Triblástico...
Possuem cefalotórax e abdomePossuem Quelíceras                                     Apresentam Pedipalpos
2 pares de antenas                                     Cefalotórax coberto por                                     carapaç...
Apêndices não bifurcados    Apresentam mandíbulasPresença de antenas
▪ Habitat: São abundantes em todos os habitats exceto no mar, embora a maioria seja terrestre ouaéreo.▪ Características Em...
▪ Habitat: Vivem em lugares escuros e úmidos▪ Características Embrionárias: Triblásticos e protostômios.▪ Reprodução e des...
▪ Habitat: em galerias pluviais, canalizações subterrâneas e em troncos emdecomposição, lixo, etc...▪ Características Embr...
Dentro delas, existem canaisradiais que se ramificam empequenas estruturas, as ampolas.Estas se prolongam e terminamem Ven...
EchinoideaAsteroideaHolothuroidea                 Crinoidea                Ophiuroidea
▪ Habitat: O habitat dos equinodermos depende de cada espécie, mas todas elas vivem no mar.▪ Características Embrionárias:...
▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Tubo neural▪ F...
▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Tubo neural▪ F...
 deuterostômios triblásticos celoma verdadeiro simetria bilateral presença de notocorda etubo neural, que se perdemna...
▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Extremidade an...
 deuterostômios triblásticos celoma verdadeiro simetria bilateral presença de umaforma primitiva denotocorda tubo ne...
 Deuterostômios triblásticos celoma Verdadeiro simetria bilateral presença de coluna vertebral presença de sistema m...
   Triblásticos   Deuterostômios   Celoma verdadeiro   Simetria bilateral   Esqueleto formado por    cartilagem   Pr...
▪ Os peixes ósseos possuem endoesqueleto eopérculo formados, predominantemente, porossos. Essa estrutura protege as brânqu...
▪ Habitat: Ocupam ambientes de água doce ou marinhos.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e deuterostômios.▪ Repro...
• uma fase da vida na água e  outra em ambiente terrestre• Pele úmida e lisa, glandulífera e  sem escamas externas• sangue...
▪ Habitat: Os anfíbios têm a capacidade de viver tanto dentro quanto fora daágua, porém, sua pele precisa estar constantem...
• Vertebrados• Tetrápodes• Ectotérmicos• Amniotas• Coração com 3  cavidades• Triblásticos e  deuterostômios
▪ Habitat: os répteis são animais ectotérmicos. Isto significa que eles não produzem boa parteda temperatura do seu corpo,...
▪ Possuem penas, que possibilitam o voo econtribuem também para a manutenção datemperatura interna corporal▪ Grande desenv...
▪ Habitat: As aves são encontradas em quase todas as partes do planeta. Mesmo em áreas comtemperaturas extremas (desertos ...
▪ Endotérmicos, portanto sobrevivem emlugares frios também▪ Presença de pelos▪ Existência de glândulas mamárias▪ Presença ...
▪ Habitat: Ocupam quase todos os ecossistemas, porem a maioria tem hábitos terrestres▪ Características embrionárias: Deute...
2,0 eq.7  84,88,89,95,111,112
2,0 eq.7  84,88,89,95,111,112
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

2,0 eq.7 84,88,89,95,111,112

620

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
620
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
12
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "2,0 eq.7 84,88,89,95,111,112"

  1. 1. Presença de poros Presença de uma abertura, ósculoPossuem uma cavidadeinterna, átrio
  2. 2. ▪ Demospongiae ▪ Hexactinellida▪ Calcarea
  3. 3. ▪ Habitat: Grande parte dos animais deste filo são marinhos▪ Características embrionárias: Não apresentam folhetos embrionários verdadeirosdurante o desenvolvimento. Não apresentam tecidos diferenciados em nenhumaetapa da sua vida, tendo portanto um plano de organização corporal parazoário.▪ Reprodução e desenvolvimento: Pode ser assexuada: Por regeneração quandofragmentos se desenvolvem em outro indivíduo ou por brotamento em algumasespécies marinhas; Ou Sexuada: A maioria das esponjas sãohermafroditas, produzem espermatozoides e óvulos. Quando ocorre a fecundação eforma-se o zigoto, este dá origem a uma larva natante. Essa larva, com o tempofixa-se e desenvolve-se até o ciclo se iniciar de novo. Portanto desenvolvimentoindireto.▪ Circulação: Não possuem sistema circulatório; A nutrição portanto, ocorre atravésda água que circula no interior das esponjas que leva com ela partículasnutritivas, detritos, algas orgânicas, etc.▪ Excreção: A eliminação de resíduos alimentares não digeridos ocorre porexocitose.▪ Coordenação: Os celenterados possuem um sistema nervoso difuso. Apresentauma rede de células nervosas espalhadas pelo corpo do animal.▪ Orgãos sensoriais : estatocistos▪ Revestimento corporal: Apresentam uma camada externa de revestimentochamada pinacoderme que é perfurada por poros; A superfície interna das esponjasé revestida por coanócitos, que formam a coanoderme.
  4. 4. Simetria Radial *Exoesqueleto calcário*Forma de um tubo cilíndrico * Características presentes em pólipos (coral)
  5. 5. ▪ Antozoários ▪ Cubozoários ▪ Hidrozoários ▪ Cifozoários
  6. 6. ▪ Habitat: São animais aquáticos com predominância marinha▪ Características embrionárias: Diblásticos e protostômios▪ Reprodução e desenvolvimento: Pode ser por brotamento▪ Circulação: Não possuem sistema circulatório; Cavidade gastrovascular eramificações nos tentáculos cumprem este papel▪ Excreção: Ocorre por difusão entre a epiderme e a água circundante ouentre a gastroderme e a água que preenche a cavidade gastrovascular.▪ Coordenação: Sistema nervoso do tipo difuso. Neurônios nãopolarizados, portanto são capazes de transmitir impulsos nervoso emambas direções. As células sensoriais são mais abundantes nas regiões daboca e dos tentáculos para facilitar a captura de presas.▪ Órgãos sensoriais: Possuem cnidócitos, presentes principalmente nostentáculos e na boca. Estes, contém uma organela denominadanematocisto, célula urticante que possui em seu interior um filamento.Alguns deste cnidócitos possuem substâncias tóxicas que envenenam oanimal que provocou o disparo do filamento.▪ Revestimento corporal: Possuem a epiderme e a gastroderme.Nesta, existe a cavidade gastrovascular, que se prolonga para o interior dostentáculos, prolongamentos que circundam a boca.
  7. 7. Corpo achatado Corpo alongado (pode ter vários metros de comprimento)Simetria Bilateral
  8. 8. ▪ Cestoda – Taenia Causadora da teníase▪ Turbellaria▪ Trematoda - Schistosoma causador daesquistossomose
  9. 9. ▪ Habitat: Geralmente parasitas, são encontrados no tubo digestório de vertebrados.▪ Características embrionárias: Triblásticos. A mesoderme embrionária origina, no adulto,um parênquima (tecido de preenchimento que ocupa espaço entre epiderme e o tubodigestório.▪ Reprodução e desenvolvimento: Maioria dos platelmintos são hermafroditas, porémrealizam fecundação cruzada.▪ Circulação: Ausente (o alimento é difundido pelo organismo passando de uma célula paraoutra)▪ Excreção: Os fluidos corporais contendo restos metabólicos difundem-se dos tecidos para ointerior de túbulos. Nas extremidades cegas desses túbulos, encontram-se bulbos-flama noqual possuem flagelos que, quando agitados, provocam movimento do líquido que seacumula nos túbulos, resultando assim na excreção.▪ Coordenação: Sistema nervoso consiste de um par de gânglios cerebrais. De cada gânglioorigina-se um cordão nervoso longitudinal, os dois cordões são unidos por nervosconectivos, que percorrem o corpo todo emitindo ramificações.▪ Órgãos sensoriais: Incluem ocelos, grupo de celular sensitivas que detectam a direção e aintensidade da luz, sem formar imagens. Células tácteis e células sensíveis a substanciasquímicas também são encontradas dispersas por toda superfície do corpo.▪ Revestimento corporal: Revestido por uma epiderme rica em células glandulares, queproduzem um muco que envolve o corpo. Essa camada protege o animal contra a perdaexcessiva de água por evaporação.
  10. 10. Corpo Cilíndrico Simetria Bilateral PseudocelomaCorpo recoberto por uma cutícula flexível, expessa enão ciliada
  11. 11. ▪ Adenophorea ▪ Secernentea:Subfilos: Subfilos:Chromadoria Rhabditia SpiruriaEnoplia Diplogasteria
  12. 12. ▪ Habitat: Todos os ambientes, tanto aquáticos como terrestres▪ Características embrionárias: Triblásticos, protostômios, pseudocelomados▪ Reprodução e desenvolvimento: Apresenta sexo separado; os espermatozoides sãoeliminados no intestino terminal, e os ovários são empurrados para as demais partes dosistema de canais. A fecundação é interna, e o desenvolvimento é direto.▪ Circulação: A movimentação do corpo ajuda a circulação do fluidopseudocelomático, facilitando o transporte de gases respiratórios e de nutrientesliberados pelas células do tubo digestório.▪ Excreção: Células excretoras retira, as toxinas e o excesso de agua do fluido corporal.Os resíduos são eliminados por meiode um poro excretor ventral▪ Coordenação: consiste em um anel que circunda o esôfago. Uma coroa de nervoscomunico esse anel nervoso aos órgãossensoriais da cabeça. Além desses existem os nervos que se prolongam pela hipodermeaté a extremidade posterior▪ Órgãos sensoriais: Incluem receptores táteis e químicos. Alguns de vida livre têmocelos.▪ Revestimento corporal: A cutícula (cobertura) é composta de varias camadassuperpostas, principalmente de colágenos. Forma uma camada protetorae impermeável, possibilitando a vida em ambientes hostis. Abaixo da cutícula tem ahipoderme e logo abaixo os músculos longitudinais.
  13. 13. Corpo cilíndricoCorpo FlácidoPresença de Cerdas Corpo úmido
  14. 14. ClitellataSubfilos:Oligoqueta Polychaeta Hirudíneos
  15. 15. ▪ Habitat: Vivem em água doce e salgada, e nos ambientes terrestres onde não hajaescassez de água.▪ Características embrionárias: triblásticos, protostômios e celomados.▪ Reprodução e Desenvolvimento: Varia entre suas espécies, podendo ser tantoassexuada (quando hermafroditas) quanto sexuada. No segundo caso os óvulos eespermatozoides são liberados e agregados ao muco liberado pelo clitelo. Apenas nospoliquetos o desenvolvimento é indireto.▪ Circulação: na maioria dos anelídeos é do tipo fechado. Em algumas espéciespequenas, bem como em algumas sanguessugas, a circulação ocorre através dascavidades celomáticas.▪ Excreção: realizada através de estruturas filtradora, os nefrídios, existindo dois emcada segmento, eles filtram os líquidos circulantes e eliminam as excretas.▪ Coordenação: ganglionar, composto basicamente por nervos localizados na regiãodorsal anterior e cordões nervosos que seguem para as outras partes do corpo.▪ Órgãos Sensoriais: olhos e tentáculos sensoriais.Revestimento Corporal: Fina cutícula produzida pela epiderme, algumas vezes muco.
  16. 16. Corpo Mole Possuem cabeça, Pé e massa visceral Presença de Concha
  17. 17. Scaphopoda BivalviaGastropoda MonoplacophoraAplacophora Polyplacophora Cefalópodes
  18. 18. ▪ Habitat: Ambientes aquáticos, porém também terrestres▪ Características embrionárias: São triblásticos▪ Reprodução e desenvolvimento: Podem ser hermafroditas ou terem sexosseparados. Fecundação pode ser externa ou interna e o desenvolvimentotambém pode ser direto ou indireto.Circulação: O sangue nem sempre está no interior de vasos, mas flui também porcavidades corporais, antes de ser recolhido por outros vasos, portanto têmsistema circulatório aberto.▪ Excreção: Os fluidos corporais vão do celoma para o interior do metanefrídio(um ou mais pares de rins) e, os resíduos, contendo sobretudo amônia ou ácidoúrico, são eliminados pelo poro excretor.▪ Coordenação: Constituído por um conjunto de gânglios nervosos longitudinaisventrais, interligados por nervos transversais.▪ Órgãos sensoriais: Olhos e tentáculos▪ Revestimento corporal: Possuem cabeça, pé e massa visceral; Seu corpo érevestido pela epiderme que é formada por proteínas e aminoácidos; A epidermeventral secreta um muco protetor; Possuem concha que serve como proteção outambém como manutenção do formato hidrodinâmico de alguns moluscos.
  19. 19. Corpo segmentadoPossuem exoesqueleto Cefalotórax e abdome (característica específica do subfilo chelicerata)
  20. 20. ▪ Habitat: aquático e terrestre e representam os únicos invertebrados voadores.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e protostômios.Reprodução e desenvolvimento: Os artrópodes são, em sua maioria, dióicos e muitosutilizam seus apêndices modificados para a cópula. A fecundação é interna nasformas terrestres, podendo ser externa nas aquáticas. O desenvolvimento pode serdireto ou indireto. A cópula e a fecundação variam muito de acordo com a espécie.▪ Circulação: O coração dos artrópodes ocupa posição dorsal e é primitivamentetubular. A circulação é do tipo aberta. Possuem artéria aorta. Respiração traqueal▪ Excreção: Nos artrópodes a excreção é feita, na maioria deles, por meio de tubos deMalpighi, que são estruturas pouco mais evoluídas do que as nefrídias de umaminhoca, pois não lançam resíduos metabólicos na superfície corporal externa, massim no interior do intestino.▪ Coordenação: Os artrópodes possuem um alto grau de cefalização. Olhos, antenas epadrões complexos de comportamento exigiram destes animais um cérebro maior emais desenvolvido. A maioria possui olhos, que variam em complexidade de acordocom a espécie. Enquanto uns são pequenos com alguns fotorreceptores, outros sãograndes e formam imagens.▪ Órgãos sensoriais: Olhos, antenas▪ Revestimento corporal: Os artrópodes possuem um exoesqueleto formado porquitina, que cobre o corpo todo. Este é unido entre si por membranas articulares. Acutícula é dividida em placas separadas, permitindo a movimentação do animal.
  21. 21. Possuem cefalotórax e abdomePossuem Quelíceras Apresentam Pedipalpos
  22. 22. 2 pares de antenas Cefalotórax coberto por carapaçaCefalotórax eabdome
  23. 23. Apêndices não bifurcados Apresentam mandíbulasPresença de antenas
  24. 24. ▪ Habitat: São abundantes em todos os habitats exceto no mar, embora a maioria seja terrestre ouaéreo.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e protostômios.▪ Reprodução e desenvolvimento: Os insetos apresentam fecundação interna, e as fêmeas depositam osovos para se desenvolverem fora do corpo. São, portanto, ovíparas.▪ Circulação: O coração está localizado no seio pericárdico e é de forma tubular. O sangue dos insetos éde cor verde ou incolor. A circulação é do tipo aberta.▪ Excreção: A excreção é feita pelos túbulos de Malpighi e a principal excreta nitrogenada é o ácidoúrico, que é excretado junto com as fezes. Nem todas as excretas saem pelos túbulos de Malpighi.Alguns sais são depositados na cutícula e são descartados na muda.▪ Coordenação: Próximo ao esôfago existe o gânglio supra-esofagiano (cérebro), do qual partem duascadeias de gânglios ventrais e, destes. numerosos filamentos nervosos que se ramificam por todo ocorpo do inseto.▪ Órgãos sensoriais: Representado pelos olhos (simples e compostos), cerdas e antenas tácteis;apresentam também órgãos auditivos e quimioreceptores.▪ Revestimento corporal: Todos os artrópodes, grupo em que os insetos estão inseridos, possuem umaparede do corpo revestida pela cutícula. A cutícula é composta por substâncias produzidas por célulasda própria parede do corpo.A cutícula, em alguns locais do corpo do inseto, se torna endurecida (esclerotizada), formando placas nocorpo, que são chamados escleritos. Os escleritos, que usualmente possuem formadefinidas, constituem o exoesqueleto que tem um papel importante nos mecanismo motor do animal.
  25. 25. ▪ Habitat: Vivem em lugares escuros e úmidos▪ Características Embrionárias: Triblásticos e protostômios.▪ Reprodução e desenvolvimento: A transmissão de espermatozoides é indireta.Frequentemente há um ritual de acasalamento e o macho libera o espermatóforo, e afêmea apanha-o. A fêmea guarda os ovos até o momento da eclosão. Odesenvolvimento é direto.Circulação: Sistema circulatório é aberto, com um coração dorsal alongado.▪ Excreção: Através de tubulos de Malpighi, onde ocorre a modificação do fluido porprocessos secretórios, bem como reabsortivos, e a seguir, há a passagemdo fluido para o intestino posterior, onde os solutos e grande parte da água sãoreabsorvidos, ocorrendo a precipitação de ácido úrico▪ Coordenação: O sistema nervoso consiste de um cordão nervoso ventral que tem umgânglio em cada segmento.▪ Orgãos sensoriais: Possuem visão por meio de ocelos, e cerdas táteis como órgãossensoriais.▪ Revestimento corporal: Muita semelhança com os quilópodes, com cabeça e troncosegmentado. A cabeça tem um par de antenas, de mandíbulas e de maxilas, além dedois conjuntos de ocelos formando olhos simples. Ao contrário dos quilópodes cadasegmento corporal (a partir do 4º) te dois pares de pernas. Possuem um esqueletorígido e podem enrolar o corpo, como um espiral, para se proteger.
  26. 26. ▪ Habitat: em galerias pluviais, canalizações subterrâneas e em troncos emdecomposição, lixo, etc...▪ Características Embrionárias: Triblásticos e protostômios.▪ Reprodução e desenvolvimento: Na época de botar ovos a fêmea costuma abrir um buraco nochão para depositá-los. As larvas da centoṕeia são parecidas com os adultos. Sua reprodução ésexuada com sexos separados. A fecundação é interna. Depois da fecundação, a fêmea põe osovos de onde saem as larvas que se convertem em indivíduos adultos após muitas mudanças.▪ Circulação: A circulação dos quilópodes é aberta. Esse "sangue" é incolor ou ligeiramenteazulado e não transporta gases, apenas os nutrientes.▪ Excreção: A excreção é feita pelos túbulos de Malpighi▪ Sistema Nervoso: O sistema nervoso dos quilópodes não está fortemente cefalizado. Ele incluium cérebro tripartido, conectivos circum-entéricos e um pequeno gânglio subesofágico.▪ Órgãos sensoriais: Possuem um par de longas patas em cada segmento corporal; têm duasantenas compridas, com muitos órgãos sensoriais, que lhes permitem perceber a presa, e asduas primeiras patas transformadas em forcípulas, para a inoculação de veneno.▪ Revestimento corporal: Possuem uma parede do corpo revestida pela cutícula. A cutícula écomposta por substâncias produzidas por células da própria parede do corpo. A cutícula, emalguns locais do corpo do inseto, se torna endurecida (esclerotizada), formando placas nocorpo, que são chamados escleritos. Os escleritos, que usualmente possuem formadefinidas, constituem o exoesqueleto.
  27. 27. Dentro delas, existem canaisradiais que se ramificam empequenas estruturas, as ampolas.Estas se prolongam e terminamem Ventosas que são os pésambulacrais. Possuem um endoesqueleto calcário ▪ Simetria Pentarradial
  28. 28. EchinoideaAsteroideaHolothuroidea Crinoidea Ophiuroidea
  29. 29. ▪ Habitat: O habitat dos equinodermos depende de cada espécie, mas todas elas vivem no mar.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e deuterostômios.▪ Reprodução: A reprodução se dá em animais de sexos diferentes, que liberam seus gametasmasculinos e femininos na água (fecundação externa).▪ Circulação: Os equinodermos tipicamente possuem um sistema hidrovascular ou sistemaaquífero (também denominado sistema ambulacral), que funciona na locomoção destesanimais. O sistema hidrovascular funciona através de um sistema de canais hidráulicos, nosquais a diferença de pressão produz movimentos físicos. Também existem ventosas nasextremidades dos canais que permitem ao animal fixar-se ao substrato, exceto osrepresentantes da classe Ophiuroidea.▪ Excreção: Sistema excretor ausente.▪ Sistema Nervoso: Eles têm um sistema nervoso radial simples que consistem em uma redenervosa modificada (neurônios interconectados sem nenhum órgão central) e composto poranéis nervosos nervos radiais em volta da boca se estendendo por cada braço. Os ramos dessesnervos coordenam o movimento do animal. Os equinodermos não têm cérebro, embora algunspossam ter gânglios.▪ Órgãos sensoriais: Os órgãos dos sentidos são poucos desenvolvidos. Órgãos táteis e outrascélulas sensoriais estão espalhados pela superfície do corpo, e um ocelo ocorre na extremidadedo braço. Reagem principalmente ao toque, temperatura, substâncias químicas e diferenças naintensidade luminosa.▪ Revestimento corporal: Apresentam espinhos recobertos por uma fina camada de pele eassumem diferentes formas e tamanhos.
  30. 30. ▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Tubo neural▪ Fendas faringianas
  31. 31. ▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Tubo neural▪ Fendas faringianas▪ Diferença entre este evertebrados: Estes nãodesenvolvem vértebras esua sustentação é dada pelanotocorda durante a vidatoda.
  32. 32.  deuterostômios triblásticos celoma verdadeiro simetria bilateral presença de notocorda etubo neural, que se perdemna metamorfose (larva deascídia se transformandoem adulto) Animais filtradores
  33. 33. ▪ Deuterostômios▪ Celoma verdadeiro▪ Três folhetos embrionários▪ Simetria bilateral▪ Presença de notocorda▪ Extremidade anterior dotubo neural se desenvolveum pouco mais▪ Possuem pequenostentáculos naboca, chamados cirros, queservem para filtrar alimento
  34. 34.  deuterostômios triblásticos celoma verdadeiro simetria bilateral presença de umaforma primitiva denotocorda tubo neural completo
  35. 35.  Deuterostômios triblásticos celoma Verdadeiro simetria bilateral presença de coluna vertebral presença de sistema muscular presença de crânio que protege océrebro
  36. 36.  Triblásticos Deuterostômios Celoma verdadeiro Simetria bilateral Esqueleto formado por cartilagem Presença de fendas branquiais
  37. 37. ▪ Os peixes ósseos possuem endoesqueleto eopérculo formados, predominantemente, porossos. Essa estrutura protege as brânquias eaumenta a eficácia da circulação deágua e, portanto, da respiração.▪ São bastante variáveis quanto àforma, tamanho, cores.▪ Possuem epiderme com escamas e célulasespecializadas em secretar muco; nadadeirasflexíveis; boca anterior, com dentessemelhantes entre si;fígado, pâncreas, intestino e ânus.▪ A maioria dos representantes possui bexiganatatória, auxiliando na flutuação.▪ Triblásticos e Deuterostômios
  38. 38. ▪ Habitat: Ocupam ambientes de água doce ou marinhos.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e deuterostômios.▪ Reprodução: São dióicos e muitas vezes apresentam dimorfismo sexual. Areprodução é sexuada e em geral com fecundação externa. Nas espécies defecundação interna a nadadeira caudal modificada atua como órgão de cópula. Amaioria é ovípara. Há porém, espécies vivíparas. Possuem apenas o anexo sacovitelino. A forma jovem (larval) é o alevino. Muitos peixes de água doce realizam ofenômeno da piracema, isto é, sobem os rios na época da reprodução (anádromos).▪ Circulação: O coração possui um átrio e um ventrículo, com circulação simples evenosa.▪ Excreção: Excretam ureia e/ou amônia, com o rim auxiliando neste sentido.▪ Sistema Nervoso e Órgãos Sensoriais: Possuem encéfalo com cerebelobem desenvolvido, olhos bem desenvolvidos, sacos olfativos e ouvido interno.▪ Revestimento corporal: Possuem epiderme com escamas e células especializadas emsecretar muco; nadadeiras flexíveis.
  39. 39. • uma fase da vida na água e outra em ambiente terrestre• Pele úmida e lisa, glandulífera e sem escamas externas• sangue frio• coração com 3 cavidades• Vertebrados• Triblásticos e deuterostômios
  40. 40. ▪ Habitat: Os anfíbios têm a capacidade de viver tanto dentro quanto fora daágua, porém, sua pele precisa estar constantemente úmida, pois funciona como um meio derespiração para este animal.▪ Características embrionárias: Deuterostômios e Triblásticos▪ Reprodução e desenvolvimento: A necessidade por água é mais premente para os ovos e osgirinos do adulto, que vivem somente em ambiente líquido respirando através deguelras, assim como os peixes. Durante seu desenvolvimento ocorrem alterações genéticas que fazem com que as guelras dêem lugar ao pulmão.▪ Circulação: Circulação dupla. Na pulmonar o sangue venoso é enviado aos pulmões, onde éoxigenado, e retorna ao coração. Na circulação sistêmica, o sangue oxigenado éimpulsionado para os órgãos do corpo, tornando-se venoso e retornando ao coração▪ Excreção: Por um par de rins, que filtram o sangue produzem urina rica em ureia.▪ Coordenação: O sistema nervoso dos anfíbios tem como principal órgão o encéfalo e amedula espinhal. Do encéfalo partemnervos cranianos que o conectam a músculos e órgãos sensoriais da cabeça, ja na medulaespinhal, saem nervos espinhaispara os órgãos do restante do corpo▪ Órgãos sensoriais: A visão é muito importante, glândulas lacrimais e pálpebras móveisajudam a manter os olhos limpos,o tato, olfato e paladar são bem desenvolvidos.▪ Revestimento corporal: Duas camadas de tecidos, a epiderme (mais externa) que temcélulas que secretam creatina e célulasque originam glândulas mucosas, e a derme que é apenas um frouxamento ligada amusculatura.
  41. 41. • Vertebrados• Tetrápodes• Ectotérmicos• Amniotas• Coração com 3 cavidades• Triblásticos e deuterostômios
  42. 42. ▪ Habitat: os répteis são animais ectotérmicos. Isto significa que eles não produzem boa parteda temperatura do seu corpo, por isso, são dependentes de fontes externas de calor. Por estarazão, eles são muito sensíveis a variações de temperatura, o que faz com que a maiorconcentração de répteis aconteça em locais próximos aos trópicos e, à medida que nosaproximamos dos pólos, encontraremos cada vez menos espécies.▪ Características Embrionárias: Triblásticos e deuterostômios.▪ Reprodução e desenvolvimento: A fecundação em répteis é interna e geralmente com órgãoscopuladores (pênis nos crocodilianos ou hemipênis nos lagartos e cobras, permitindo atransferência direta do esperma para o interior do corpo da fêmea). Sempre ovíparos. Os ovossão grandes e muito ricos em vitelo, com cascas córneas ou calcárias e anexos embrionários. Odesenvolvimento é direto.▪ Circulação: A circulação é fechada, dupla e completa nos crocodilianos, sendo incompleta nosoutros grupos.▪ Excreção: A excreção é feita por dois rins achatados e tubulares, localizados dorsalmente naparte posterior do corpo.▪ Sistema Nervoso e Órgãos Sensoriais: O sistema nervoso dos répteis contém a mesma base docérebro do anfíbio, mas cérebro e cerebelo do réptil são ligeiramente maiores. A maioria dossentidos típicos são bem desenvolvidos, com algumas exceções. Há doze pares de nervoscranianos.▪ Revestimento corporal: Os répteis têm o corpo protegido por escamas que estão fixas na zonasuperficial da pele. Estas escamas superficiais estão ligadas umas às outras e não crescem. Porisso, os répteis sofrem mudas de crescimento periódicas. Os répteis têm escamas ásperas esecas. As escamas não protegem o corpo da temperatura exterior.
  43. 43. ▪ Possuem penas, que possibilitam o voo econtribuem também para a manutenção datemperatura interna corporal▪ Grande desenvolvimento do sistemanervoso▪ membros anteriores transformados emasas▪ Formato aerodinâmico▪ Presença de bico e moela em vez de dentes▪ Presença de ossos secos (pneumáticos)▪ Sistemas de saco aéreos conectados aospulmões▪ Triblásticos, Deuterostômios
  44. 44. ▪ Habitat: As aves são encontradas em quase todas as partes do planeta. Mesmo em áreas comtemperaturas extremas (desertos e pólos) podemos encotnrar algumas espécies adaptadas. Porém, a maior quantidade de aves habita regiões de floresas em função da grandedisponibilidades de alimentos.▪ Características embrionárias: Deuterostômios e Triblásticos.▪ Reprodução e desenvolvimento: As aves possuem reprodução interna. A fêmea possui umovário, enquanto o macho libera espermatozoides através dos dois testículos. A fecundação éinterna e as fêmeas põem ovos que são cobertos por uma casca calcária.▪ Circulação: Fechada, dupla e completa. O coração tem 4 cavidades onde sangue venoso earterial não se misturam.e) Excreção: uricotélica, os rins filtram o sangue, removem o resíduos nitrogeados e transformam-nos em ácido úrico.▪ Coordenação: Muito desenvolvido, com capacidade de receber e interpretar estímulos externose de coordenar as respostas do corpo a esses estímulos. Possui os hemisférios cerebrais(orientação, acasalamento), o cerebelo (coordenação muscular e o equilíbrio)e o lobo óptico (visão).▪ Órgãos sensoriais: Sentidos mais importante são o da visão e audição, visão é essencial paravisualizar alimentos e audição para vocalizações de aves da própria espécie▪ Revestimento corporal: A pele das aves possui penas e escamas anexas. Formadasprincipalmente pela proteina queratina, as penas são muito leves e também são eficiente naconcervação do calor, atuando como isolante térmico.
  45. 45. ▪ Endotérmicos, portanto sobrevivem emlugares frios também▪ Presença de pelos▪ Existência de glândulas mamárias▪ Presença de outras glândulas na pele comdiferentes funções▪ Cérebro muito desenvolvido▪ Dentes com formas diferentes▪ Músculo diafragma separando o tórax eabdome▪ Triblásticos, Deuterostômios
  46. 46. ▪ Habitat: Ocupam quase todos os ecossistemas, porem a maioria tem hábitos terrestres▪ Características embrionárias: Deuterostômios e Triblásticos.▪ Reprodução e desenvolvimento: Os sexos são separados. O dimorfismo sexual éacentuado, isto é, as fêmeas possuem características externas que as diferenciam dosmachos e vice-versa. A fecundação é interna. Na grande maioria, o desenvolvimentoembrionário ocorre no interior do corpo materno, em um órgão musculoso chamado útero.▪ Circulação: A circulação é dupla e completa. Coração (revestido pelo pericárpio)completamente dividido em 4 câmaras. (2 átrios, 2 ventrículos); persiste apenas o arcoesquerdo; glóbulos vermelhos anucleados, geralmente em forma de discos bicôncavos. Acirculação é fechada, dupla e completa.▪ Excreção: ureotélicos, dois rins filtram o sangue, e a urina segue pelos ureteres para abexiga urinária, onde fica armazenada até ser eliminada através da uretra.▪ Coordenação: Os mamíferos possuem encéfalos excepcionalmente grandes entre osvertebrados, os quais evoluíram em caminhos, de certa forma, independentes dos demaisamniotas. Grande inteligência, memória e capacidade de aprendizagem.▪ Órgãos sensoriais: Oufato bem desenvolvido, por isso alguma espécies fazem marcações(urina, fezes),a audição é fundamental para algumas espécies, que localizam objetos peloeco de sons obtidos pelo animal, a pele é um órgão tátil muito útil, que alerta obstáculospara alguma espécies, a visão é bem desenvolvida e é muito importante para locomoção ebusca por alimento
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×