Your SlideShare is downloading. ×
0
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Alimentos Prebióticos e Probióticos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Alimentos Prebióticos e Probióticos

6,635

Published on

Aula em Power Point de Alimentos Prebióticos e Probióticos.

Aula em Power Point de Alimentos Prebióticos e Probióticos.

Published in: Education
1 Comment
4 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
6,635
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
1
Likes
4
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Alimentos prebióticos e probióticos<br />
  • 2. Alimentos prebióticos<br />São determinados tipos de fibras, ou seja, carboidratos não digeríveis pelo organismo pois, possuem uma configuração molecular que os tornam resistentes à ação de enzimas.<br />Ex: frutooligossacarideos(FAO) e inulina<br />(alho, cebola tomate, cevada, banana, aveia, trigo)<br />Funções:<br /><ul><li> Mantém a flora intestinal
  • 3. Estimula a motilidade intestinal.
  • 4. Contribui para a consistência normal das fezes.
  • 5. Evita diarréias e constipação intestinal.
  • 6. Colabora para o organismo absorver substâncias necessárias eliminando o excesso de glicose, colesterol e triglicérides.</li></li></ul><li>Importância da fibras<br />
  • 7. As fibras alimentares podem ser classificadas em 2 categorias:<br /><ul><li>Fibras Solúveis (pectinas, gomas, algumas hemiceluloses)
  • 8. Fibras Insolúveis (celuloses, grande parte das hemiceluloses e lignina) </li></li></ul><li>Alimentos Probióticos<br />São considerados alimentos funcionais.<br />São microorganismos adicionados aos alimentos, como os leites fermentados, por exemplo.<br />
  • 9. Funções<br />Aumentam de maneira significativa o valor nutritivo e terapêutic<br />dos alimentos, pois ocorre um aumento dos níveis de vitaminas do<br />complexo B , aminoácidos,cálcio e ferro;<br />Fortalecem o sistema imunológico, através de uma maior produção de células protetoras;<br />Possuem efeito funcional benéfico no organismo, equilibrando a flora intestinal, atuando no controle do colesterol e na redução do risco de câncer; <br />Possuem uma particular importância para os indivíduos com intolerância à lactose, devido ao aumento de uma enzima que facilita a digestão da lactose.<br />
  • 10. GLÚTEN<br />E uma proteínaamorfa que se encontra na semente de muitos cereais combinada com o amido. Representa 80% das proteínas do trigo e é composta de gliadina e glutenina. O glúten é responsável pela elasticidade da massa da farinha, o que permite sua fermentação, assim como a consistência elástica esponjosa dos pães e bolos<br />Atenção<br />As pessoas portadoras de doença celíaca têm uma hipersensibilidade ao glúten. Nestas pessoas o glúten provoca danos na mucosa do intestino delgado, impedindo uma digestão normal. Após eliminar o glúten da dieta, o intestino volta a funcionar com normalidade. <br />
  • 11. <ul><li>O Glutamato Monossódico (MSG) é o salsódico do ácido glutâmico, um aminoácido presente em todas as proteínasanimais e vegetais.</li></ul> Muito utilizado na indústria alimentícia, o MSG cria um sabor suave, rico e encorpado e pode ser adicionado em carnes, peixes, frangos, vegetais e frutos do mar, sendo que em muitos países é usado como tempero de mesa. Ainda, em certos alimentos, o MSG pode ajudar a reduzir o conteúdo de sódio sem comprometer o gosto. O MSG contem apenas um terço da quantidade de sódio em comparação ao sal de cozinha.<br />

×