Conselhos às Mães


A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que os bebés sejam

amamentados em exclusivo até aos se...
E se o meu leite for fraco?

Não existe leite fraco! O leite materno é sempre da melhor qualidade e está

adaptado às nece...
acontece se aparecerem gretas ou fissuras, um encaroçamento ou mesmo uma

mastite. Para evitar que estas situações aconteç...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Conselhos àS MãEs

513

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
513
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Conselhos àS MãEs

  1. 1. Conselhos às Mães A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que os bebés sejam amamentados em exclusivo até aos seis meses e depois, pelo menos até aos 2 anos, como complemento. Se essa é a sua opção, resista às dificuldades e não deixe de cumprir o sonho de amamentar o seu bebé. Informe-se, esclareça dúvidas, e não esqueça: dar de mamar é um projecto do casal/família. CONSELHOS PARA UMA AMAMENTAÇÃO BEM SUCEDIDA: • Amamentar o seu filho o mais precocemente possível (de preferência, na primeira meia hora de vida); • Amamentar em horário livre e durante o tempo que o bebé quiser; • Praticar o alojamento conjunto, ou seja, manter o bebé ao lado da mãe desde o nascimento até à alta hospitalar; • Adoptar a técnica correcta de amamentação, posicionando o bebé para abocanhar o mamilo e grande parte da aréola e mantendo o corpo do bebé totalmente voltado para o da mãe (barriga com barriga); • Não introduzir tetinas e/ou chupetas; • Envolver o companheiro e familiares; • Ter confiança em si e na sua capacidade para amamentar! O leite materno é o melhor presente que pode dar ao seu filho. DÚVIDAS FREQUENTES: O meu leite é suficiente? Na maior parte dos casos, sim. No entanto, para que a mãe não sinta que está a produzir pouco leite, é fundamental que a primeira mamada ocorra o mais cedo possível, de preferência na primeira meia hora após o parto. Quanto mais der de mamar, mais leite vai ter.
  2. 2. E se o meu leite for fraco? Não existe leite fraco! O leite materno é sempre da melhor qualidade e está adaptado às necessidades específicas de cada bebé. Quando dar de mamar? Normalmente, o intervalo entre cada mamada é de 3 horas. Contudo, o ideal é o bebé poder mamar quando quiser – em horário livre. Não há dois bebés iguais, por isso não se admire se o seu tiver um padrão alimentar completamente diferente do bebé da sua amiga. Certifique-se apenas que lhe deu de mamar pelo menos oito vezes em cada 24 horas. As mamadas devem durar quanto tempo? Não deve haver tempos definidos. O importante é que, uma vez que a composição do leite se vai alterando ao longo da mamada, o bebé consiga esvaziar pelo menos uma mama em cada refeição. O leite do início da mamada é mais rico em água e contém a maior parte das proteínas e dos açúcares. O leite do fim é mais rico em calorias, gorduras e vitaminas lipossolúveis. O bebé é que sabe quando fica satisfeito e para isso é importante que tenha ingerido leite suficiente do final da mamada. E a mamada seguinte? Deve oferecer ao bebé a mama em que ele não mamou ou aquela que antes ofereceu em segundo lugar e na qual o bebé mamou menos tempo. Dar de mamar sem stress Desligue os telefones e não abra a porta. Pode dar de mamar sentada, numa cadeira de braços confortável, ou então deitada na cama. Se gosta de música, ponha um CD e, a partir daí, pense só em si e no bebé. Amamentar pode deixar de ser um prazer se provocar dores e sofrimento, o que
  3. 3. acontece se aparecerem gretas ou fissuras, um encaroçamento ou mesmo uma mastite. Para evitar que estas situações aconteçam é muito importante estar atenta à forma como o bebé «pega» na mama, pois disso depende todo o sucesso da amamentação: Segure na mama com o polegar por cima e os restantes dedos por baixo (mão em C). Toque com o mamilo no lábio superior do bebé. Quando a boca do bebé estiver bem aberta, coloque todo o mamilo (incluindo a aréola) dentro da boca (deve ficar a ver-se mais aréola acima do lábio superior do que em baixo). Se o mamilo estiver a doer-lhe, repita todo o processo, para que o bebé pegue bem na mama. Para fazer o bebé largar a mama não puxe bruscamente: coloque um dedo entre a boca do bebé e o mamilo.

×