• Like
Palavras verdes
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Palavras verdes

  • 1,175 views
Uploaded on

Dezoito poemas colocados de forma aleatória, selecionados da produção poética resultante da Oficina de Poesia PALAVRAS VERDES, realizada nas aulas de português pelas turmas do 5.º ano, tendo o 5.º E …

Dezoito poemas colocados de forma aleatória, selecionados da produção poética resultante da Oficina de Poesia PALAVRAS VERDES, realizada nas aulas de português pelas turmas do 5.º ano, tendo o 5.º E articulado com a professora de Ciências Naturais.
Esta atividade está englobada no trabalho de projeto da formação TEL – Teachers Exercising Leadership.
Junho 2014

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,175
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
1
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Oficina de Poesia: Palavras verdes Professoras Natália Paiva e Rita Sousa
  • 2. Como é a natureza? ! Linda é a natureza Com rios e florestas Animais de várias espécies Brincando todo o dia. ! Nos mares, rios e oceanos Existem vários animais Brincando, comendo e falando Cada um a seu gosto. ! Linda é a natureza Com rios e florestas Animais de várias espécies Brincando todo o dia. ! Nas florestas e selvas Estão os animais selvagens Rugindo, dormindo e cantando Todos em festa. ! Linda é a natureza Com rios e florestas Animais de várias espécies Brincando todo o dia. 1
  • 3. O mar ! O mar é belo Belo é o mar No verão é para lá Que vou nadar ! No mar podes estar O tempo que quiseres Mas primeiro deves recordar Que as regras tens que respeitar ! No mar encontras Tudo o que quiseres Desde búzios a peixes E tesouros a valer. ! No mar, a maré Sobe e desce todo o dia E a sua ondulação Provoca-me alegria! ! 2
  • 4. A natureza é bela! ! Os pássaros a cantar As árvores a dançar E o cheiro das rosas A pairar. ! A natureza é bela! ! Quando estou só Quando estou baralhada E quando não consigo Fazer nada, É ela que me inspira É ela que segura a minha raiva É ela que me consola. ! A natureza é bela! 3
  • 5. Os amigos da natureza ! A água desce a ribeira Com um som encantador Fico deslumbrado Com tanta beleza! ! O fogo é inimigo da água. Quando um vulcão entra em erupção, Toda a ilha fica queimada. Que tristeza não amada… ! A água amiga da terra Inimiga do fogo Terra dos campos de cultivo Onde a natureza floresce. ! Céu azul da cor do mar Mas quando chove, o azul morre e nasce o cinzento e eu encho-me de tristeza. 4
  • 6. As flores do meu jardim ! Era uma vez uma Tulipa Gigante como um elefante, Ela vivia no meu jardim E falava para mim. ! A Tulipa era amiga de outra flor Que se chamava Margarida Que era tão pequenita Como uma formiguita. ! A Tulipa e a Margarida Eu fui ao jardim cortar Depois levei-as para minha casa E ficaram a enfeitar! 5
  • 7. O mundo ! Ó mundo, ó mundo Ai que belo tu és Tão azul, tão verde Que observo de lés a lés. ! Ó mundo, ó mundo Tu danças sem parar E olhas constantemente Para o sol que está a brilhar. ! Tens a lua à tua volta Sempre, sempre a girar. De noite, olho para ela E observo-a a cintilar. ! Olho para as estrelas Que não param de piscar São tantas e tão belas Que não me canso de olhar. ! Céu azul, estrelas brilhantes Como pirilampos no ar Ou como o mar dele Com corais amarelos a bailar. ! Mas voltemos ao mundo Ele, uma esfera a girar Ele que nunca se cansa Para o dia continuar 6
  • 8. O mar, o sol e a lua ! Se eu fosse o mar Tu serias a areia. Se eu fosse um cavalo- marinho Tu serias uma concha. Se eu fosse um príncipe Tu serias uma sereia. ! Se eu fosse o sol Tu serias lume. Se eu fosse quente Tu serias ardente. Se eu fosse luminosa Tu serias uma estrela. ! Se eu fosse a lua Tu serias a gravidade. Se eu fosse um astronauta Tu serias uma descoberta. Se eu fosse um asteroide Tu serias um sistema androide. ! 7
  • 9. O lobo a uivar Na floresta muito negra A fauna a conversar Os animais a dormir E o lobo a uivar Noite e dia sem parar. ! Quando fica mais claro Todos voltam a acordar E o lobo solitário Continua a uivar Noite e dia sem parar. ! Uiva como gente a gritar Uiva como o vento a soprar Uiva como o veado a resistir A tentação de fugir Noite e dia sem parar. ! Os dias passaram E o lobo envelheceu. Até que um dia Pereceu. 8
  • 10. Os elementos da natureza ! O céu é infinito Por vezes, coberto de nuvens. Está sempre a pingar E nunca mais vai parar? ! As folhas molhadas São verdes ou amarelas Mas as do meu quintal São muito mais belas ! Fogo, ar, terra Três dos elementos da natureza São muito importantes Para a nossa sobrevivência. ! A água é o mais necessário Sem ela não vivemos A nossa bela vida… Por que morremos?! ! Sopra, sopra o vento Mais forte, mais fraco, enfim! Põe os cabelos no ar Numa noite de luar. ! 9
  • 11. A cascata ! Alguma vez já pensaste o que uma cascata Pode ter? ! Na minha opinião, A cascata traz pleno sossego, Traz paixão Que aperta o coração. ! A cascata, Mais que a pureza, A sua água cristalina. Mas que beleza! ! Os peixes, Uma grande doçura. As pedras no meio da água E lá em cima na corrente, a mais dura. ! E à noite, Eu nem sei explicar, Lá na água refletida Vemos a luz do luar. ! 10
  • 12. A natureza ! Quando se fala em natureza Imagina-se algo distante Ela dá-nos tanta beleza E não só o que é gigante. ! A fauna, a flora São coisas simples e belas Estão presentes a toda a hora E a vida seria triste sem elas. ! As florestas, a vegetação Que o oxigénio nos dá A cascata, o azul do céu Que nos fazem sonhar com um troféu. ! Um escaravelho e um rato Um caracol e um pato Uma família de aranhas Que gosta de comer castanhas No pomar de macieiras Carregadas de lindas maçãs Cheirinho a fruta fresca A perfumar as manhãs. ! A natureza tem o poder de me tornar um homem feliz Ninguém consegue dizer Tudo o quanto ela nos diz. ! E agora para terminar Do arco-íris vou falar Que com as suas sete cores No céu aparece a brilhar. 11
  • 13. O luar ! ! Vou caminhando No silêncio da noite Sempre iluminada Pela lua que é a minha estrada. ! ! Vendo sempre o meu trilho Guiada pelas estrofes Encadeada pelo seu brilho A lua está sempre com elas. ! ! Nesta escuridão tão triste São as estrelas que nos animas Com a lua lá no alto Com cor a nossa vida pintam. 12
  • 14. Estações do ano ! No inverno, vem o nevão, tenho frio e apanho uma constipação. ! ! Na primavera, aparece o sol, nascem as flores e o primeiro caracol. ! No verão, vou à praia, está muito calor e como uma papaia. ! No outono, Caem as folhas, Aparecem as nuvens E emigram as rolas. ! 13
  • 15. As quatro estações ! As flores selvagens Crescem nos recantos do passeio, crescem livremente, Sem ajuda do jardineiro. ! A neve cai, Cai sobre a floresta sombria, Mas ela disse-te Quando começa o dia. ! A maré sonolenta Embala caranguejos, peixes, algas adormecidas, Mas acordam com um grande Splash! São as crianças distraídas. ! O vento dança, dança com as folhas caídas no chão, E quando as andorinhas se juntam Trazem com elas uma canção. ! Diferentes mas iguais São estas quatro estações, Pois cada uma está cheia de emoções! 14
  • 16. A primavera ! A primavera acordou… Um fruto da árvore caiu, O pássaro cantou E uma flor se abriu. ! Eu falo com a natureza, Falo de noite e de dia, Porque para mim, A primavera parece magia. ! Os passarinhos cantam, Cantam de madrugada. E enchem os meus ouvidos Com aquela música encantada. ! As árvores caducas Ficam com as folhas verde-claras Gosto de ficar nas suas sombras E de brincar com elas não paro. 15
  • 17. A rosa ! A rosa tem um cheiro Um cheiro especial Por isso esta flor Se torna fenomenal. ! Se for de cor branca Simboliza a amizade Sentimento que nos une A amigos de verdade. 16
  • 18. A natureza ! A natureza é para brincar Tem muitos rios E muito espaço para estar. ! Na natureza podes ver os pássaros voar São muito bonitos Porque andam no ar ! Na natureza há muitas flores As que eu gosto mais São os amores ! Na natureza podemos passear E há muito para admirar 17
  • 19. A Natureza A natureza é bela Rios, campos, árvores e animais tem. A natureza é bela, bela como mais ninguém. ! Na natureza brinco Pelos campos a correr Quando caio trinco A língua sem querer. ! Na natureza há rios, com os respetivos afluentes. Para que saibam, a água, Vem de puras nascentes. ! Também há os campos Cobertos de flores As que eu gosto mais São os amores. ! Olhando para as árvores Consigo pensar Apetece-me logo Outras plantar. ! Por fim os animais Terrestres, aquáticos e voadores. Adoro os animais: São perfeitos mini-terrores! 18
  • 20. Junho de 2014