Istanbul   Palacio De Beylerbeyi
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Istanbul Palacio De Beylerbeyi

on

  • 820 views

Istanbul Palacio De Beylerbeyi

Istanbul Palacio De Beylerbeyi

Statistics

Views

Total Views
820
Views on SlideShare
818
Embed Views
2

Actions

Likes
0
Downloads
8
Comments
0

2 Embeds 2

http://www.slideshare.net 1
http://www.health.medicbd.com 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Istanbul Palacio De Beylerbeyi Presentation Transcript

  • 1. O Palácio de Beylerbeyi, em Istambul, na Turquia, foi projectado no estilo barroco do último período Otomano e construído entre 1861 e 1865 por membros da família Balyan sob as ordens do sultão Abdül Aziz. Existira neste local um anterior palácio e os jardins já tinham sido projectados por Murat IV em 1639. À medida que o Império Otomano crescia os palácios proliferavam em grandiosidade e orgulho. Abdül Aziz construiu este palácio como um local de lazer para entreter dignitários e realezas. A imperatriz Eugénia de França (mulher de Napoleão III) foi hóspede do palácio em 1869, quando esteve aí para inaugurar o Canal do Suez. A sala mais atractiva é o salão de recepção, com fonte e piscina, hoje sem água. A água corrente era muito popular nas casas otomanas devido ao som agradável que produzia e pelo efeito refrescante. Os candelabros de cristal são quase todos da Boémia. Os jardins, dos quais se tem uma vista espectacular sobre o Estreito do Bósforo, são magníficos. PALÁCIO de BEYBERLEYI Istambul-Turquia Progressão automática
  • 2.  
  • 3.  
  • 4.  
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8.  
  • 9.  
  • 10.  
  • 11.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 14.  
  • 15.  
  • 16.  
  • 17.  
  • 18.  
  • 19.  
  • 20.  
  • 21.  
  • 22.  
  • 23.  
  • 24.  
  • 25.  
  • 26.  
  • 27.  
  • 28.  
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34.  
  • 35. Música: Nana Mouskouri (una furtiva lágrima) Fotos e Formatação: [email_address]