Empreendedorismo corporativo - Workshop Empresarial do ABC

1,514 views
1,395 views

Published on

Palestra realizada no Worskshop Empresarial do ABC em 24/05

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,514
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
15
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Empreendedorismo corporativo - Workshop Empresarial do ABC

  1. 1. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.brBernardo Leite / assessoria@bernardoleite.com.br
  2. 2. PORQUE, HOJE, FOCO EM PESSOAS? A ERA DO CONHECIMENTO- O fenômeno da Participação / grupos / etc.- A técnica ainda não envolve a ação administrativa- SABER X SABER FAZER X FAZER FAZER- Todo treinamento começa QUANDO TERMINA!- As novas exigências do perfil profissional. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  3. 3. PORQUE A IMPORTÂNCIA, HOJE, DO EMPREENDEDORISMO?Peter Drucker pondera que o empreendedorismo é: - uma revolução no mundo do trabalho - aumenta o controle sobre nossas decisões - nos dá a oportunidade de influenciar o futuro - e, desenvolver o empreendedorismo é uma maneira de fazer isso com sucesso! - E que Você pode fazer isso dentro de uma empresa! Ações de Desenvolvimento! Acadêmicas Empresariais- Babson College - Gestão por Competência- Centro Kauffman - Gestão do Conhecimento- London Business School - Projetos / multifuncionalidade- + de 1.000 faculdades - Fusões / Unid. Negócios / etc.- GEM Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  4. 4. O EMPREENDEDOR INTERNO - ALTA VALORIZAÇÃO NAS EMPRESAS - NOVAS EXIGÊNCIAS EXIGEM AS CARACTERÍSTICASO FUTURO DA SUA ORGANIZAÇÃO DEPENDE DESTEPERFIL PROFISSIONAL ATUANDO EM SUA EMPRESA ! MAS HÁ DIFERENÇAS SIGNIFICATIVAS ENTRE AS NECESSIDADES DO EMPREENDEDORE AS NECESSIDADES E CONDIÇÕES DE TRABALHO PARA O EMPREENDEDOR INTERNO NA ORGANIZAÇÃO! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  5. 5. EMPREENDER???TRABALHAR POR CONTA PRÓPRIA? NÃO! QUE INGREDIENTES SÃO INDISPENSÁVEIS?- Colocar um sonho em prática.- Convicção, ás vezes até insensata, da possibilidade.- Disciplina e objetivo definido (mesmo que difuso).- A presença do fenômeno da OPORTUNIDADE!- A contribuição pessoal. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  6. 6. O EMPREENDEDOR! Algumas pessoas vêem as coisas como são, e perguntam: “Por que?” Eu sonho com as coisas que nunca existiram e pergunto: “Por que não?” Bernard Shaw Louis Filion define como: “a pessoa que imagina, desenvolve e realiza visões”.Uma síntese de várias definições contempla os seguintes adjetivos: criativo inovador sonhador ousado brilhante planejador independente visionário Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  7. 7. DESMISTIFICAÇÃO DA FIGURA DOEMPREENDEDOR É UM PERFIL EXIGENTE MAS...... PODEMOS CONSIGNÁ-LO, ANTES DE TUDO, COMO UM PROFISSIONAL: perseveranteexigente sistemático auto-confiante humilde realista cuidadoso disciplinado Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  8. 8. CONSIDERAÇÕES “ser o próprio chefe” “livrar-se das pressões”Alguns mitos: “ser autônomo” “arriscar um negócio” Índices de mortalidade de empresas 32% no primeiro ano SUCESSO = e de 71% das outras até o 5o. ano 20 % Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  9. 9. www.empreendermelhor.com.br EMPREENDEDORISMO A arte de transformar umasimples idéia em Resultado! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  10. 10. TESTEA- O sucesso organizacional depende principalmente daqueles que decidem. De nada adianta decidir bem se a execução é falha.B- O sucesso organizacional depende principalmente daqueles que executam as decisões que são tomadas nos níveis superiores.C- O sucesso organizacional depende tanto dos que decidem quanto dos que executam. Decisão e execução tem igual importância para o sucesso organizacional. NOVO TESTE - ESCOLHER O PIOR! A- executar deficientemente uma decisão inadequada, B- executar deficientemente uma decisão adequada, C- executar eficientemente uma decisão inadequada.“ fazer certo as coisas certas” - Peter Drucker Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  11. 11. EFICIÊNCIA X EFICÁCIA fazer certo as coisas certas meio objetivos atividades MissãoQual a missão de Treinamento? Pessoas Aptas! Outro exemplo: Qual a missão de Manutenção de Ar condicionado? AR CONDICIONADO FUNCIONANDO! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  12. 12. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  13. 13. O PODER DA “VISÃO” “Aquele que tem um porquê para viver pode suportar quase qualquer coisa” Nietzche VISÃO DE FUTURO (horizonte de tempo) Extensão máxima de tempo que nossa mente alcança para definir objetivos no futuro.Ter VISÃO é, antes de tudo, LIDERAR A SI PRÓPRIO! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  14. 14. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  15. 15. UCESSO OU FRACASSO NÃO SÃO EXPERIÊNCIAS QUE OCORREM DA “NOITE PARA O DIA”! SÃO SEMPRE AS PEQUENAS DECISÕES AO LONGO DO CAMINHO.NÃO HÁ FRACASSOS NA VIDA. SÓ RESULTADOS! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  16. 16. TABELA DE EXPECTATIVAS (análise de causa e efeitos)Como tenho Como gostaria agido? Como estou (último ano) hoje? de estar? Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  17. 17. CRIATIVIDADE X INOVAÇÃO- Nossas Empresas estão repletas de novas idéias.- E carecem de inovação!!!- Inovação é mais do que criatividade.- INOVAR é transformar uma idéia em RESULTADO- As Empresas precisam de profissionais que FAZEM!"As três coisas mais importantes que você precisa medirem seu negócio são: clima organizacional,satisfação do cliente e fluxo de caixa"Jack Welch - em Lições para o Sucesso Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  18. 18. A INOVAÇÃO Intra- EmpreendedoresPessoas com idéias Patrocina- dores INOVAÇÃO Gestão Equipe IntraFavorável Empreendedora Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  19. 19. Os dez mandamentos do Empreendedor Corporativo1- Lembre-se de que é mais fácil pedir desculpas do que permissão2- Faça o que for necessário para que seu projeto dê certo, mesmo que escape ás atribuições de sua função.3- Vá trabalhar todo dia com o espírito de quem será demitido.4- Forme uma equipe sólida.5- Peça conselhos antes de solicitar recursos.6- Deixe de lado o orgulho da autoria; divulgue a credibilidade. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  20. 20. Os dez mandamentos do Empreendedor Corporativo -2 7- Ao quebrar as regras, lembre dos principais interesses da empresa e de seus clientes. 8- Respeite seus patrocinadores e equipe. 9- Faça menos promessa e mais entrega.10 – Seja leal às suas metas, mas realista sobre os meios para atingi-las. Fonte: Gifford Pinchot III “intrapreneurship” Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  21. 21. COMPARAÇÃO DE PAPÉISForça da ação, Orienta o desenvolvimento da Tem interêsserelacionamento e ação e exerce ação política. institucional, mas nãoprocura constante!!! interfere na ação. Inventor Empreendedor Patrocinador ProtetorConhece o Age! Coloca sua Caminha na Patrocinador denovo produto / atenção na remoção dos nível muito altoserviço, mas realidade dos obstáculos que aprova enem sempre negócios. administrativos protege, masconsegue Poderá esquecer e na orientação não tem contatotransforma-lo as realidades do empreendedor com oem negócio. coorporativas. interno. empreendedor. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  22. 22. AÇÕES EMPREENDEDORASObs.: Pesquisa (David McClelland) da Harvard – 3 anos e34 paises – concluiu:1 – não existe diferença significativa de conhecimento entre os empreendedores de sucesso e os que fracassam!2- os empreendedores de sucesso AGEM de maneira peculiar dos demais, possuindo características comportamentais distintas concluindo que elas aumentam a probabilidade de sucesso em qualquer tipo de desenvolvimento de projetos. VAMOS ANALISAR ALGUNS DESSES COMPORTAMENTOS QUE FAZEM PARTE DO PERFIL EMPREENDEDOR Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  23. 23. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -1 CURIOSIDADE / OPORTUNIDADES / INICIATIVA- ONDE OS OUTROS VÊEM PROBLEMAS O EMPREENDEDOR VÊ OPORTUNIDADES- CARACTERÍSTICA DE QUEM PROCURA SOLUÇÕES E NOVAS MANEIRAS DE FAZER MELHOR (EXPONTÂNEAMENTE) -“milhões viram a maçã cair, mas só Newton perguntou por quê”. - Bernard M. Baruch (Cons. Presidencial) UMA CARACTERÍSTICA BÁSICA DO PERFIL Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  24. 24. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -2 PERSEVERANÇA / COMPROMETIMENTO- ESTA CARACTERÍSTICA SUSTENTA TODAS AS OUTRAS.- ELA PERMITE QUE AS OUTRAS SEJAM REALIZADAS.- SER PERSISTENTE NOS OBJETIVOS E FLEXÍVEL NAS ESTRATÉGIAS. Focar persistência, não teimosia!- Quando perguntado se considerava os mais de mil experimentos realizados para descobrir a lâmpada como sendo o exemplo de mais de mil fracassos Thomas Edison respondeu: “Não! Apenas descobri mais de mil maneiras de não se fazer uma lâmpada”.-“quando eu era jovem descobri que nove em cada dez coisas que fazia eram um fracasso. Eu não queria ser um fracasso. Então passei a trabalhar dez vezes mais. Bernard Shaw Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  25. 25. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -3 CORRER RISCOS / OUSAR- ESTA CARACTERÍSTICA, DE CERTA FORMA, É QUASE SINÔNIMO DE EMPREENDEDORISMO, MAS.... ELA SÓ É POSSÍVEL COM A PREOCUPAÇÃO PELA BUSCA DE INFORMAÇÕES (próxima característica)O EMPREENDEDOR NÃO É UM AVENTUREIRO!CORRER RISCOS CALCULADOS!!!- O EMPRENDEDOR NÃO ESTÁ EM BUSCA DE AVENTURAS, ESTÁ EM BUSCA DE RESULTADOS!-“é preciso menos tempo para fazer algo da maneira certa do que explicar por que foi feito da maneira errada. Longfellow” o único homem que jamais erra é aquele que não faz nada! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  26. 26. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -4 BUSCA DE INFORMAÇÕES- ESTA É A BASE DE MUITAS OUTRAS CARACTERÍSTICAS DOS EMPREENDEDORES COMO: CALCULAR RISCOS, PLANEJAR, DEFINIR METAS, OPORTUNIDADES, ETC.- PECULIARIDADES: 1- empreendedores normalmente não delegam esta atividade. 2- esta ação é complementada por uma postura objetiva. A maioria dos empreendedores assume sua humildade em ter que saber mais! -“Não existem perguntas tolas. Só os tolos não perguntam”-“Eu avistei mais longe que muitos porque fiquei de pé em ombros de gigantes – A Einsten” Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  27. 27. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -5 PERSUASÃO / RELACIONAMENTO- ALÉM DO FATOR DE LIDERANÇA, QUE FAZ COM QUE OUTRAS PESSOAS ESTEJAM ENVOLVIDAS COM A META DEFINIDA, ESTA CARACTERÍSTICA REQUER A HABILIDADE DE CONSEGUIR AUXÍLIO ÀS SUAS NECESSIDADES.-DESENVOLVA O PODER DE INFLUÊNCIA: 1- tenha um objetivo claro em mente 2- tenha clareza do que realmente a outra pessoa pode fazer 3- descubra no que a outra pessoa tem interesse 4- defina a possibilidade de ganhos para ambos Lembre-se: não há sucesso solitário. Mesmo a sua idéia precisa ser conhecida pelos outros para existir! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  28. 28. Um exemplo de trabalho em equipe Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  29. 29. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  30. 30. ALGUMAS CARACTERÍSTICAS DO PERFIL (INTRA)EMPREENDEDOR -6 DISCIPLINA - ESTA É A CARACTERÍSTICA QUE PERMITE O SUCESSO. EMPREENDEDORES, ACIMA DE TUDO, FAZEM! Para isto é necessário ter sistemática de trabalho. 1-SENTIMENTO 2-PENSAMENTO Todos os empreendedores de sucesso desenvolvem esta 3-ATITUDE característica. Disciplina, método, planejamento, são atributos AÇÃO VONTADE O QUE FAZER inerentes da execução, do resultado, do alcance de objetivos.Se 2,3,1 > o pensamento em prazos se for de Define o queSe 1,2,3 >SEQÜÊNCIA DOa1o., quedefinidos e indicadoresdeveSe 2,1,3 >claras,não espera FRACASSO:preciso ter 1o. a vontade Metas Você específicas, vontade chegar. boa qualidadeser para e faz. Se o pensamento é adequado e a atitude ocorre é feito gerando motivação como sentimento e irá para aacabará acompanhamento são fatores indispensáveis paraAçãoquaseSUCESSO! vontade virá. O certo que a Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  31. 31. QUESTÕES INERENTE À PRESENÇA DO EMPREENDEDOR NA EMPRESAIDÉIAS NÃO BASTAM! A implementação é fundamental. HÁ UMA GRANDE DISTÂNCIA ENTRE A IDÉIA E A REALIZAÇÃO!PAIXÃO! Uma boa idéia não sobrevive sem alguém apaixonado por ela. A imprevisibilidade é esperada!!! O profissional com perfil empreendedor enfrenta esta situação todos os dias. PRECISA, PORTANTO, PREPARAR-SE PARA VENCER! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  32. 32. COMO DESENVOLVER O CLIMA ADEQUADO PARA O EMPREENDEDOR CORPORATIVO (com base em Pinchot) 1- DIVULGAÇÃO DA VISÃO E DA ESTRATÉGIADefender uma “causa” cria o “espírito de corpo” necessáriopara o envolvimento autêntico da estrutura.Permita contribuições para que se crie “identidade” pessoal.Divida o objetivo em etapas compreensíveis para todos. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  33. 33. 2- AUMENTE A TOLERÂNCIA AOS ERROS E AOS RISCOS.Procure evitar, ao máximo, a famosa “caça ás bruxas”que impedem a tentativa e as alternativas “fora do manual”.Faça com que se perceba a grande diferença entre os errospor tentativa e os erros por descaso.Desenvolva uma cultura de busca de alternativas.Lembre-se de que inovar significa “destruir” o estabelecido(inovação = “destruição criativa”). Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  34. 34. 3- APOIE OS EMPREENDEDORES CORPORATIVOSSua empresa necessita desse perfil profissional.Incentive o desenvolvimento. Alguns já são, outros podemtornar-se. Desenvolva-os, treine e recompense.Crie o “Venture Capital” interno (capital -$- de recompensaem forma de orçamento e, eventualmente, em participaçãonos resultados, para que o empreendedor (e equipe)possam investir em outras idéias, sem necessitar aprovação).Este capital de risco ficará em mãos de empreendedoresexperientes para novas iniciativas.Mobilize a área de RH para a identificação desses talentos. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  35. 35. 4- FORTALEÇA EQUIPES AUTÔNOMASQuando perceber que em alguma área uma equipe assume,espontaneamente, alguma atribuição específica,certifique-se em dar crédito e importância ás ações.Vá até eles, mostre seu interesse e disposição para auxiliar.Permita que essas equipes possam ultrapassar as “barreirasdepartamentais” da estrutura.Não se preocupe com a dimensão da tarefa. Pequenastarefas podem ser o “embrião” (e treinamento) para açõesmaiores e mais rentáveis para o negócio.Treine todos os gerentes para exercerem a função de“patrocinadores” de eventuais equipes. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  36. 36. 5- PERMITA A DECISÃODar liberdade para a decisão inclui, inevitavelmente,aumento da responsabilidade por parte de quem decide.Aproveite esta oportunidade para incrementar esseespírito de responsabilidade pelas ações.Em algumas situações podemos enxergar decisões melhores,mas não interfira (durma com ela). O processo deaprendizado é prioritário e necessita da experiência paradar resultados e Você pode melhorar a ação durante oprocesso. Não lhes tire a paternidade da idéia!Aprender com os erros é ruim, mas ensina.Uma boa idéia não sobrevive sem alguém apaixonado por ela! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  37. 37. 6- DEFINA TEMPO DISCRICIONÁRIOO dia a dia normalmente não nos permite tempo parapensar em algo novo.Institua um período (10%) do tempo semanal para queutilizem em projetos de interesse da empresa.Acompanhe para orientar objetivos e resultados.Selecione as melhores iniciativas e incentive. Permitaas de menores impactos, mas incentive as melhores.A seleção deverá ser natural, mas clara e transparente. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  38. 38. 7- “OLHAR” NO FUTURO Temos que acompanhar o lucro trimestral, mas faça exercícios de projeção. Procure identificar quem pensa em projeção maior que dois anos, ou mais. Incentive a relação de “causa e efeito” analisando iniciativas tomadas há mais de dois anos e seus resultados.FAÇA O HOJE OLHANDO O AMANHÃ! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  39. 39. 8- MANTENHA AS EQUIPESEvite trocar as equipes em razão de fracasso nas tentativasrealizadas. Estará se perdendo um valor considerável daaprendizagem do processo.Se for necessário fazer mudanças na equipe, transfira umde cada vez. Mantenha a memória da equipe (Gestão doConhecimento).Selecione as críticas que são feitas ás equipesintra-empreendedoras. Normalmente elas não são muitobem aceitas pela estrutura formal das Empresas. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  40. 40. 9- PENSE A EMPRESA “SEM FRONTEIRAS”A inovação sempre vão extrapolar as fronteirasDepartamentais (Relação Clientes e Fornecedores internos).Cuide para que o comportamento de “defesa de território”não impeça as ações de resultados.Se necessário incentive o “job rotation” e equipesmultifuncionais. O resultado é da empresa, não apenasda equipe ou departamento fim.Leve a estrutura a perceber que na colaboraçãointerdepartamental o resultado é de ambos (cumplicidade). Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  41. 41. 10 – CLIENTES E FORNECEDORES INTERNOS Divulgue esta concepção, de clara compreensão e poderosa aliada para a sinergia de resultados. Clarifique que todos trabalhamos para o foco do cliente, interno e externo (visão de processo). A própria empresa, muitas vezes, tem que investir no desenvolvimento de seus fornecedores de mercado para melhorar seus próprios resultados.A corrente sempre quebra no seu elo mais fraco! Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  42. 42. 11- TRANSPARÊNCIA“FEED BACK” rápidos e precisos são elementosindispensáveis para o monitoramento e reorientaçãodas ações e garantia de melhores resultados.Jack Welch sempre primou pela política de que asPessoas: “enfrentem a realidade e sejam francas”.Desenvolva a cultura da liberdade de expressão e daresponsabilidade pessoal. Assumir um erro, mudarum rumo, aceitar uma limitação são comportamentosque devem ser reforçados em todos os níveis. Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  43. 43. Estou apaixonado! portanto......Bernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br
  44. 44. TEMOS INTELIGÊNCIA? AGIR, EIS A INTELIGÊNCIA VERDADEIRA. SEREI O QUE QUISER, MAS TENHO QUE QUERER O QUE FOR. O ÊXITO ESTÁ EM TER ÊXITO! CONDIÇÕES DE PALÁCIO, QUALQUER TERRA LARGA TEM, MAS..., ONDE ESTARÁ O PALÁCIO, SE NÃO O FIZEREM ALI! FERNANDO PESSOABernardo Leite – assessoria@bernardoleite.com.br / 9408.8347

×