Revolução francesa
<ul><li>Social  </li></ul><ul><li>‡  Burguesia  </li></ul><ul><li>insatisfeita  </li></ul><ul><li>‡  Povo  </li></ul><ul><...
3º Estado (Povo) Exigia uma votação justa  (Per Capita) 5 de Maio de 1789 Abrem os Estados Gerais Cadernos de queixas- doc...
O Fim do Antigo Regime  14 de Junho Tomada da Bastilha  símbolo do Absolutismo e  opressão do Antigo Regime  Causa : <ul><...
4 de Agosto de 1789  -  Assembleia Nacional Constituinte  abole os direitos e privilégios feudais  26 de Agosto -  Declara...
A Monarquia Constitucional  1791 É criada a Constituição  Sendo instituída a  MONARQUIA CONSTITUCIONAL  Mudança: <ul><li>O...
A Convenção e o Radicalismo Republicano  1792 França é invadida pelos exércitos dos outros  países para recuperar os poder...
Montanheses Tiveram grande importância na  morte de Luís XVI pela guilhotina 1793 <ul><li>Girondinos são afastados  </li><...
Surgem os sans-culotes  Revolucionários populares radicais e exaltados que pressionaram os deputados a tomar medidas favor...
O Directório  1795/1799  1795 A Convenção conclui uma nova Constituição  Nova fase da Revolução: o Directório  Alta burgue...
 
 
 
 
 
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Invasões Francesas em Portugal

3,904

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
3,904
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Invasões Francesas em Portugal"

  1. 1. Revolução francesa
  2. 2. <ul><li>Social </li></ul><ul><li>‡ Burguesia </li></ul><ul><li>insatisfeita </li></ul><ul><li>‡ Povo </li></ul><ul><li>sobrecarregado </li></ul><ul><li>‡ Nobreza e Clero privilegiados </li></ul><ul><li>Económica </li></ul><ul><li>‡ Fraca modernização agrícola </li></ul><ul><li>‡ Concorrência inglesa e perda de colónias </li></ul><ul><li>Financeira </li></ul><ul><li>‡ Despesas com o </li></ul><ul><li>exército </li></ul><ul><li>‡ Gastos da corte </li></ul><ul><li>‡ Ausência de contribuições dos privilegiados </li></ul><ul><li>Política </li></ul><ul><li>‡ Incapacidade </li></ul><ul><li>do rei para </li></ul><ul><li>solucionar os </li></ul><ul><li>problemas </li></ul>O Ambiente Pré-Revolucionário Revolucionário Finais do séc. XVIII França encontrava-se numa crise profunda
  3. 3. 3º Estado (Povo) Exigia uma votação justa (Per Capita) 5 de Maio de 1789 Abrem os Estados Gerais Cadernos de queixas- doc.B pag 35 3º Estado - 1º Acto Revolucionário constituindo-se em Assembleia Nacional (Juramento da sala do jogo da Pela) doc. C pag. 37 Nobreza e clero recusam a proposta 17 de Junho de 1789 O Início da Revolução
  4. 4. O Fim do Antigo Regime 14 de Junho Tomada da Bastilha símbolo do Absolutismo e opressão do Antigo Regime Causa : <ul><li>Reacção do povo face à carênciade pão </li></ul><ul><li>Reacção violenta à atitude do rei que ordenara a presença de soldados às portas de Paris e Versalhes </li></ul>
  5. 5. 4 de Agosto de 1789 - Assembleia Nacional Constituinte abole os direitos e privilégios feudais 26 de Agosto - Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão 24 de Agosto - Constituição civil do Clero Doc. 7 pag 39 pag 39 e 40 Pag.42 e 43 <ul><li>Doc.40 pag.40 – podemos considerar que esta declaração é uma ruptura em relação ao Antigo Regime? Porquê? </li></ul><ul><li>Explica porque é que a D.D.H. é uma afirmação da igualdade de direitos e de supremacia do principio da soberania nacional sobre a legitimidade dinástica? Justifica com excerto da fonte </li></ul><ul><li>Responde a todas as outras questões. </li></ul>
  6. 6. A Monarquia Constitucional 1791 É criada a Constituição Sendo instituída a MONARQUIA CONSTITUCIONAL Mudança: <ul><li>O rei partilha o poder com a Assembleia e com os tribunais </li></ul><ul><li>‡ A Burguesia conquista o direito do voto e consegue a </li></ul><ul><li>abolição das corporações e a liberdade do comércio </li></ul><ul><li>‡ o povo miúdo e as mulheres apenas conseguem </li></ul><ul><li>o estatuto de cidadãos </li></ul><ul><li>Pag. 45. </li></ul><ul><li>Princípios constantes da Constituição </li></ul><ul><li>Que classe sai mais beneficiada com a constituição? Porquê? </li></ul><ul><li>Responder perg. 1,2,3 </li></ul>
  7. 7. A Convenção e o Radicalismo Republicano 1792 França é invadida pelos exércitos dos outros países para recuperar os poderes de Luís XVI Girondinos Montanheses
  8. 8. Montanheses Tiveram grande importância na morte de Luís XVI pela guilhotina 1793 <ul><li>Girondinos são afastados </li></ul><ul><li>‡ Convenção radicaliza-se </li></ul><ul><li>‡ Inicia-se o período do Terror durante o qual </li></ul><ul><li>milhares de franceses são julgados e decapitados </li></ul>
  9. 9. Surgem os sans-culotes Revolucionários populares radicais e exaltados que pressionaram os deputados a tomar medidas favoráveis ao terceiro estado 27 de Julho de 1794 Robespierre é guilhotinado A FASE MAIS RADICAL DA REVOLUÇÃO CHEGAVA AO FIM
  10. 10. O Directório 1795/1799 1795 A Convenção conclui uma nova Constituição Nova fase da Revolução: o Directório Alta burguesia Aproveitou para legislar a seu favor e com firmeza reprimir os focos da insurreição Instabilidade interna As pessoas mais lúcidas equacionam os beneficios da ditadura militar Pretendem mante r: ‡Ordem; ‡Paz; ‡Poder; ‡Lucros Napoleão Bonaparte homem ideal para o desempenho desta missão

×