<ul><li>Logística de Transportes para a Desenvolvimento Nacional  </li></ul><ul><li>A Visão do Governo Federal </li></ul><...
Predominância  da Visão Setorial  (por modo de transporte) Elo Relevante da Cadeia Logística Produção - Consumo PASSADO Co...
<ul><li>Os custos de transporte representam 31% do custo logístico </li></ul><ul><li>Custos logísticos / PIB </li></ul><ul...
13% 25% 4% 11% 81% 43% 46% 53% 43% 32% 43% 50% 37% 62% 14% 24% Rússia Canadá Austrália EUA China Brasil 8% 11% Ferroviário...
Capacidades dos Transportes 1 Barcaça  1500 t  15  Vagões “JUMBO HOPPERS”  100 t 15 x 100 t = 1.500 t  60 Caminhões 25 t 6...
Os fretes acima dependem de cada origem/fluxo, cada modal e cada  concessória Comparativo de Fretes por Modal Fonte: Caram...
2004 - Crescimento de 32% em relação a 2003 (US$ MILHÕES ) Perspectivas Brasil  – Exportações Fonte: MDIC
Perspectivas Brasil  - Contêineres Fonte: ABRATEC
Perspectivas de Demanda por Transportes Estimativas: área plantada de 48,3 milhões de Ha. Produção de grãos de 131,9 milhõ...
Perspectivas Brasil  – Expansão Agrícola distribuição territorial – estimativa (safra 2003-2004) EM MILHÕES DE HA Floresta...
Demanda por Transportes Crescimento do volume de carga transportada até 2008 Fonte: Anut / Mdic Siderurgia Grãos e Fertili...
Perspectivas Brasil - Hidrovia do Madeira Movimentação - Hermasa META PARA 2005 META PARA 2006 META PARA 2007
Situação Atual <ul><li>Rodovias </li></ul><ul><ul><li>Infra-estrutura degradada, com deterioração das condições operaciona...
Situação Atual <ul><li>Portos </li></ul><ul><ul><li>Infra-estrutura próxima da saturação (falta de berços) </li></ul></ul>...
Desafios <ul><li>INFRA-ESTRUTURA CAPAZ DE: </li></ul><ul><li>Atender  com  eficiência  à  demanda  decorrente do  crescime...
A ORIGEM DOS PROBLEMAS Investimentos em Transportes / PIB (%) (1) Fundo Rodoviário Nacional –  período 1945 a 1988. ANO % ...
Evolução do Orçamento do MT 0 1.000.000 2.000.000 3.000.000 4.000.000 5.000.000 6.500.000 1995 1996 1997 1998 1999 2000 20...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>RODOVIAS </li></ul><ul><li>Conservação de 25 mil km </li></ul><ul><li>Recuperação de 14 mil km ...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>RODOVIAS </li></ul><ul><li>Construção de rodovias em 5 estados </li></ul><ul><ul><li>BR 230/ PA...
BR-174 BR-364 BR-317 BR-319 BR-230 BR-230 BR-163 BR-364 BR-230 BR-158 BR-364 BR-010 BR-316 BR-222 BR-020 BR-020 BR-230 BR-...
 
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>FERROVIAS  - Diretriz Governamental </li></ul><ul><li>Reestruturação Operacional das malhas </l...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>Ferrovia Norte-Sul </li></ul><ul><li>Contorno de Belo Horizonte </li></ul><ul><li>Contorno de S...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>PORTOS </li></ul><ul><li>Obras de melhoria da infra-estrutura portuária e da segurança nos prin...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>HIDROVIAS </li></ul><ul><li>Construção das eclusas de Tucuruí/PA e Lajeado/TO </li></ul><ul><li...
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>INTEGRAÇÃO CONTINENTAL </li></ul><ul><li>Pontes Internacionais </li></ul><ul><ul><li>BR 317/AC ...
Projetos de Integração Continental
PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>Trechos Incluídos  – 3.038 km  </li></ul><ul><li>BR 153/SP - Div. MG/SP – Div. SP/PR </li></ul>...
PPP – Projetos sob Análise <ul><ul><li>Ferrovia Norte-Sul </li></ul></ul><ul><ul><li>Ferroanel de São Paulo </li></ul></ul...
<ul><ul><li>PAULO SÉRGIO OLIVEIRA PASSOS </li></ul></ul><ul><ul><li>[email_address] </li></ul></ul><ul><ul><li>Tel. (61) 3...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Transporte

1,610
-1

Published on

rsrsr

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,610
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
53
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Transporte

    1. 1. <ul><li>Logística de Transportes para a Desenvolvimento Nacional </li></ul><ul><li>A Visão do Governo Federal </li></ul><ul><li>PAULO SÉRGIO OLIVEIRA PASSOS </li></ul><ul><li>Secretário-Executivo </li></ul>15º Fórum de Debates Projeto Brasil: LOGÍSTICA – Como Integrar para Crescer São Paulo, SP. 23 de Março de 2005
    2. 2. Predominância da Visão Setorial (por modo de transporte) Elo Relevante da Cadeia Logística Produção - Consumo PASSADO Concepção Moderna Evolução da Função Transporte
    3. 3. <ul><li>Os custos de transporte representam 31% do custo logístico </li></ul><ul><li>Custos logísticos / PIB </li></ul><ul><ul><ul><li>Brasil – 20% </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Canadá – 12% </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Portugal – 12,7% </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Taiwan – 13% </li></ul></ul></ul>Custos Logísticos e Transportes
    4. 4. 13% 25% 4% 11% 81% 43% 46% 53% 43% 32% 43% 50% 37% 62% 14% 24% Rússia Canadá Austrália EUA China Brasil 8% 11% Ferroviário Rodoviário Hidroviário Matrizes de Transportes – Comparativo Internacional
    5. 5. Capacidades dos Transportes 1 Barcaça 1500 t 15 Vagões “JUMBO HOPPERS” 100 t 15 x 100 t = 1.500 t 60 Caminhões 25 t 60 x 25 t = 1.500 t = =
    6. 6. Os fretes acima dependem de cada origem/fluxo, cada modal e cada concessória Comparativo de Fretes por Modal Fonte: Caramuru HIDROVIA FERROVIA RODOVIA 36,00 60,00 95,00 R$ POR 1.000 KM/T
    7. 7. 2004 - Crescimento de 32% em relação a 2003 (US$ MILHÕES ) Perspectivas Brasil – Exportações Fonte: MDIC
    8. 8. Perspectivas Brasil - Contêineres Fonte: ABRATEC
    9. 9. Perspectivas de Demanda por Transportes Estimativas: área plantada de 48,3 milhões de Ha. Produção de grãos de 131,9 milhões de toneladas Perspectivas Brasil - Grãos Safra 2004/05
    10. 10. Perspectivas Brasil – Expansão Agrícola distribuição territorial – estimativa (safra 2003-2004) EM MILHÕES DE HA Floresta amazônica 350 Pastagens nat/cultivada 220 Reservas legais 55 Lavouras anuais 47 Culturas permanentes 14 Centros urbanos, lagos, estradas e pântanos 20 Plantações florestais 5 708 Outros usos 50 ÁREA AGRICULTÁVEL DISPONÍVEL 90 total 851
    11. 11. Demanda por Transportes Crescimento do volume de carga transportada até 2008 Fonte: Anut / Mdic Siderurgia Grãos e Fertilizantes Exportações Agrícolas via Marítima* 100,0 176,0 62,5 40 22 33,6 Setor Produção Atual (Milhões/T) Acréscimo Previsto (Milhões/T) 40,0 40,0 21 Crescimento (%) * Volume em 2003 (granéis e produtos agroindustriais). Até out. 2004, exportações agrícolas somaram 61,8 mi/ton.
    12. 12. Perspectivas Brasil - Hidrovia do Madeira Movimentação - Hermasa META PARA 2005 META PARA 2006 META PARA 2007
    13. 13. Situação Atual <ul><li>Rodovias </li></ul><ul><ul><li>Infra-estrutura degradada, com deterioração das condições operacionais (aumento do número de acidentes e perda energética elevada) </li></ul></ul><ul><ul><li>Inexistência de capacidade nas regiões desenvolvidas </li></ul></ul><ul><ul><li>Extensão inadequada da malha nas regiões com potencialidade de desenvolvimento </li></ul></ul><ul><li>Ferrovias </li></ul><ul><ul><li>Invasão da faixa de domínio nos centros urbanos e nos acessos aos portos </li></ul></ul><ul><ul><li>Idade média elevada e quantidade insuficiente de vagões e locomotivas </li></ul></ul><ul><ul><li>Integração operacional deficiente entre concessionários </li></ul></ul><ul><ul><li>Malha pouco extensa para o atendimento da demanda </li></ul></ul>
    14. 14. Situação Atual <ul><li>Portos </li></ul><ul><ul><li>Infra-estrutura próxima da saturação (falta de berços) </li></ul></ul><ul><ul><li>Restrições de acesso marítimo (profundidade) </li></ul></ul><ul><ul><li>Restrições de acesso terrestre (rodoviário e ferroviário) </li></ul></ul><ul><li>Hidrovias </li></ul><ul><ul><li>Inadequação da sinalização e do balizamento </li></ul></ul><ul><ul><li>Restrições de calado </li></ul></ul><ul><li>Marinha Mercante </li></ul><ul><ul><li>Inadequação da frota nacional para cabotagem e longo curso </li></ul></ul><ul><ul><li>Déficit elevado no mercado de fretes </li></ul></ul>
    15. 15. Desafios <ul><li>INFRA-ESTRUTURA CAPAZ DE: </li></ul><ul><li>Atender com eficiência à demanda decorrente do crescimento interno e do comércio exterior </li></ul><ul><li>Permitir a ligação do Brasil com os países limítrofes, fortalecendo a integração na América do Sul </li></ul><ul><li>Reduzir o Custo Brasil: </li></ul><ul><ul><li>Acidentes </li></ul></ul><ul><ul><li>Tempos de viagem </li></ul></ul><ul><ul><li>Custos de transportes </li></ul></ul><ul><li>Estruturar os corredores estratégicos de transportes </li></ul><ul><li>Estimular a participação dos modais hidroviário e ferroviário, com maior utilização da intermodalidade </li></ul><ul><li>Apoiar o desenvolvimento da indústria do turismo </li></ul>
    16. 16. A ORIGEM DOS PROBLEMAS Investimentos em Transportes / PIB (%) (1) Fundo Rodoviário Nacional – período 1945 a 1988. ANO % (1)
    17. 17. Evolução do Orçamento do MT 0 1.000.000 2.000.000 3.000.000 4.000.000 5.000.000 6.500.000 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 mil R$ Investimentos realizados Investimentos previstos na Lei Orçamentária
    18. 18. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>RODOVIAS </li></ul><ul><li>Conservação de 25 mil km </li></ul><ul><li>Recuperação de 14 mil km </li></ul><ul><li>Adequação de capacidade e duplicação em 7 estados </li></ul><ul><ul><ul><li>BR 101 Sul </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>BR 101 Nordeste </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Arco Rodoviário do RJ (BR 493) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>BR 381 – BH – Gov. Valadares </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>BR 060 – Brasília – Anápolis </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>BR 050 – Uberaba Uberlândia </li></ul></ul></ul>RJ RIO DE JANEIRO Niteroi BR-040 BR-116 BR-101 BR-116 BR-101 SP Sepetiba Arco Rodoviário do RJ
    19. 19. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>RODOVIAS </li></ul><ul><li>Construção de rodovias em 5 estados </li></ul><ul><ul><li>BR 230/ PA </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 317/AC/AM </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 156/AP </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 364/MT </li></ul></ul><ul><li>Instalação de 30 postos fixos de pesagem – 13 estados </li></ul>BR-364/MT, Sapezal – Comodoro CUIABÁ BR-163 BR-364 BR-174 MT Diamantino Sapezal Comodoro
    20. 20. BR-174 BR-364 BR-317 BR-319 BR-230 BR-230 BR-163 BR-364 BR-230 BR-158 BR-364 BR-010 BR-316 BR-222 BR-020 BR-020 BR-230 BR-230 BR-304 BR-407 BR-232 BR-242 BR-020 BR-116 BR-040 BR-153 BR-158 BR-174 BR-163 BR-262 BR-050 BR-070 BR-163 BR-116 BR-376 BR-277 BR-153 BR-290 Itacoatiara Santarém RIO BRANCO MANAUS BOA VISTA MACAPÁ BELÉM SÃO LUIS TERESINA FORTALEZA NATAL JOÃO PESSOA RECIFE MACEIÓ ARACAJU SALVADOR BR-101 VITÓRIA BRASÍLIA GOIÂNIA RIO DE JANEIRO FLORIANÓPOLIS PORTO ALEGRE CUIABÁ AM RR AP PA MA PI CE RN BA MG ES RJ SP PR SC RS MS MT RO AC TO PALMAS GO DF Santos Sinop Comodoro Ribeirão Cascalheira Água Boa Legenda CURITIBA Alto Garças Pedra Preta Alto Araguaia Rondonópolis PORTO VELHO Sapezal Porto de Vitória Porto do Rio de Janeiro Porto de Sepetiba Porto de Santos Porto de São Francisco do Sul Porto de Itajaí Porto de Rio Grande Principais rotas rodoviárias utilizadas no escoamento das safras Diamantino BR-101 CAMPO GRANDE PB PE AL SE BR-060 BR-364 BELO HORIZONTE SÃO PAULO Recuperação Ampliação de capacidade Projeto Piloto Ampliação de capacidade CREMA Demais projetos PIR - IV Rotas de escoamento das safras
    21. 22. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>FERROVIAS - Diretriz Governamental </li></ul><ul><li>Reestruturação Operacional das malhas </li></ul><ul><li>Fortalecimento empresarial das concessões </li></ul><ul><li>Cr iação de mecanismo eficaz para fiscalização e controle do desempenho das concessionárias </li></ul><ul><li>Expansão e Aumento da Capacidade das Ferrovias </li></ul><ul><li>Eliminação de conflitos urbanos </li></ul><ul><li>Transporte Regional e Turístico de passageiros </li></ul>
    22. 23. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>Ferrovia Norte-Sul </li></ul><ul><li>Contorno de Belo Horizonte </li></ul><ul><li>Contorno de São Félix - Cachoeira/BA </li></ul><ul><li>Contorno de Curitiba/PR </li></ul><ul><li>Variante Guarapuava-Ipiranga/PR </li></ul><ul><li>Ferroanel de São Paulo </li></ul><ul><li>Nova Transnordestina </li></ul>AGENDA FERROVIAS - Projetos Nova Transnordestina <ul><li>Ferronorte – Alto Araguaia/Rondonópolis/MT </li></ul><ul><li>Reestruturação da Brasil Ferrovias </li></ul>Redefinição de padrão e bitola Construção e recuperação de 2.070 km US$ 1,5 B
    23. 24. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>PORTOS </li></ul><ul><li>Obras de melhoria da infra-estrutura portuária e da segurança nos principais portos brasileiros </li></ul><ul><li>Prioridade às ações de dragagem e derrocagem </li></ul><ul><li>ISPS CODE </li></ul><ul><li>AGENDA PORTOS </li></ul><ul><ul><li>11 principais portos – 89% das exportações </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Itaqui, Salvador, Aratu, Vitória, Rio de Janeiro, Sepetiba, Santos, Paranaguá, São Francisco do Sul, Itajaí e Rio Grande </li></ul></ul></ul>Áreas de dragagem no Porto de Santos/SP
    24. 25. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>HIDROVIAS </li></ul><ul><li>Construção das eclusas de Tucuruí/PA e Lajeado/TO </li></ul><ul><li>Construção de 27 terminais hidroviários na Amazônia   </li></ul><ul><li>Tucuruí </li></ul>Tucuruí PA GO MA AP BELÉM Marabá <ul><li>MARINHA MERCANTE </li></ul><ul><li>Financiamento para construção de 90 novas embarcações </li></ul><ul><li>Reforma e implantação de 3 estaleiros </li></ul>TOCANTINS RIO CARAJÁS FERROVIA
    25. 26. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>INTEGRAÇÃO CONTINENTAL </li></ul><ul><li>Pontes Internacionais </li></ul><ul><ul><li>BR 317/AC – Rio Acre (Peru) </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 401/RR – Rio Tacutu (Guiana) </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 156/AP – Rio Oiapoque (Guiana Francesa) </li></ul></ul><ul><li>Pontes Internacionais em estudo </li></ul><ul><ul><li>BR 277/PR – Rio Paraná (2ª ponte de Foz do Iguaçu/ Paraguai) </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 472/RS – Rio Uruguai (Argentina) </li></ul></ul><ul><ul><li>BR 116/RS – Rio Jaguarão (Uruguai) </li></ul></ul><ul><li>Financiamento de rodovias para integração </li></ul><ul><ul><li>Carretera Pailón/Puerto Suarez (Bolívia) </li></ul></ul><ul><ul><li>Carretera Atlântico – Pacífico (Assis Brasil/AC – Portos peruanos) </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Rota 1 - Iñapari / Puente Inambari / Azangaro (Peru) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Rota 2 - Iñapari / Puente Inambari / Urcos (Peru) </li></ul></ul></ul><ul><li>Hidrovia do Paraguai </li></ul>
    26. 27. Projetos de Integração Continental
    27. 28. PLANO DE AÇÃO 2005 <ul><li>Trechos Incluídos – 3.038 km </li></ul><ul><li>BR 153/SP - Div. MG/SP – Div. SP/PR </li></ul><ul><li>BR 116/PR/SC – Curitiba – Div. SC/RS </li></ul><ul><li>BR 393/RJ – Div. MG/RJ – Entr. BR-116 (Via Dutra) </li></ul><ul><li>BR 101/RJ – Div. ES/RJ – Ponte Presidente Costa e Silva </li></ul><ul><li>BR 381/MG/SP – Belo Horizonte – São Paulo </li></ul><ul><li>BR 116/SP/PR – São Paulo – Curitiba </li></ul><ul><li>BR 116-376-101/PR/SC – Curitiba – Florianópolis </li></ul><ul><li>BR 101/ES – Div. BA/ES – Divisa ES/RJ </li></ul>Programa de Concessões de Rodovias Federais Corredor do Mercosul MG ES PR SC SP RJ Osório FLORIANÓPOLIS SÃO PAULO PORTO ALEGRE BELO HORIZONTE CURITIBA RS BR-381 BR-116/101
    28. 29. PPP – Projetos sob Análise <ul><ul><li>Ferrovia Norte-Sul </li></ul></ul><ul><ul><li>Ferroanel de São Paulo </li></ul></ul><ul><ul><li>Variante Ferroviária Guarapuava-Ipiranga/PR </li></ul></ul><ul><ul><li>Arco Rodoviário do Rio de Janeiro - RJ </li></ul></ul><ul><ul><li>BR-116 – Rio/Bahia </li></ul></ul>PLANO DE AÇÃO 2005 Ferroanel de São Paulo
    29. 30. <ul><ul><li>PAULO SÉRGIO OLIVEIRA PASSOS </li></ul></ul><ul><ul><li>[email_address] </li></ul></ul><ul><ul><li>Tel. (61) 311-7090 / 7099 Fax (61) 311-7843 </li></ul></ul>
    1. A particular slide catching your eye?

      Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

    ×