Your SlideShare is downloading. ×
0
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Implantação da Área de Análise de Negócios na Serasa Experian

928

Published on

Case do Serasa Experian no BA Brazil 2011 (Porto Alegre, RS) por Bruno Santos e Paulo Nunes.

Case do Serasa Experian no BA Brazil 2011 (Porto Alegre, RS) por Bruno Santos e Paulo Nunes.

0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
928
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
47
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Serasa ExperianQuem somos
  • 2. Agenda A Experian A Serasa Experian Estrutura de TI Análise de Negócios Cronologia Conflito de Papéis Desafios 2
  • 3. A ExperianExperiência global, inteligência e dedicação locaisNo mundo – líder de mercadoGrupo de origem irlandesa, sede em LondresFaturamento: US$ 4,2 bilhõesLucro: US$ 1 bilhãoFuncionários: cerca de 15.000Unidades em mais de 40 paísesClientes em mais de 80 paísesMaiores mercados: EUA, Reino Unido, BrasilPrincipais unidades: Londres (Reino Unido),Califórnia (EUA), Nottingham (Reino Unido), São Paulo (Brasil)Listada na Bolsa de Valores de Londres 3
  • 4. A ExperianExperiência global, inteligência e dedicação locaisNa América Latina – líder de mercadoOperações: Brasil, Argentina, Chile, Costa Rica e MéxicoMais de 2.600 funcionáriosClientes em 9 paísesEstrutura e mobilidade de cobertura para todo o continente Linha do tempo 1997 2000 2007 2007 2007 2011 Início das Início das Aquisição da Aquisição da Início das Aquisição da operações operações Informarketing, Serasa, líder operações no Virid, maior na Argentina no Brasil líder no no mercado México empresa de mercado de de crédito e-mail serviços de brasileiro há marketing do marketing no 40 anos Brasil Brasil 4
  • 5. A ExperianExperian Global e América Latina Experian GlobalUnidades de Negócio América do América Reino Unido Ásia- EMEA Globais / Regiões Norte Latina e Irlanda Pacífico Consumer Information Business Information Decision Analytics Marketing Services Interactive Digital Identity 5
  • 6. A Serasa ExperianExperiência global, inteligência e dedicação locais No Brasil – líder de mercado Soluções para serviços de marketing e crédito Maior bureau de consumidores e de empresas Sede em São Paulo Operações em mais de 40 municípios 500 mil clientes diretos e indiretos: • de todos os portes; • de todos os setores da economia; • em mais de 2.500 municípios. Atendimento gratuito ao cidadão 6
  • 7. A Serasa ExperianVisão e Missão 7
  • 8. Nossa organização está estruturada para atender omercado de forma única e completa Dados Soluções Plataformas Consultoria Alta tecnologia Com muita segurança, precisão e agilidade 8
  • 9. Como apoiamos o sucesso de nossos clientes em cada etapa dos negóciosA Serasa Experian diferencia-se por oferecer soluções integradas que abrangem todas as etapas do ciclo de negócios:Prospecção Gestão de Aquisição e Gestão da Cobrança Fraude e Identificação Clientes e Concessão Carteira de Validação Digital Prospects de Crédito Crédito 9
  • 10. Organograma de TI CIO Latam Security Office Governança de TIDesenvolvimento de Arquitetura Soluções, Inovação Infra Estrutura Corporativa Sistemas e Projetos 10
  • 11. Análise de Negócios CIO Latam (~ 500) Desenvolvimento de Sistemas (~ 250) Análise de Negócios (23) CS / Captação eID, MS e DA Shared Services (12) (6) (4) 11
  • 12. Análise de Negócios TI 41% Infraestrutura 59% Desenvolvimento TI - Desenvolvimento 4% 8% Desenvolvimento de Sistemas Testes & Homologação Análise de Negócios 88% 12
  • 13. Análise de Negócios Composição de Cargos 5% 10% Gerente 10%10% Coordenadores Seniores Plenos Formação 65% 5% Consultores (3ºs) Bacharel 20% Pós Graduado (Latus senso) Pós Graduado 75% (Strictus senso) 13
  • 14. Análise de Negócios Em andamento x Backlog 16% Demandas em andamento Demandas em Backlog 84% Características das Demandas 2% Evolutivas de Negócios 14% Evolutivas de TI Corretivas 84% 14
  • 15. TI - Desenvolvimento de SistemasCronologia na Serasa Experian Até 2004, 2009, Área de Analista de Análise de Sistemas Negócios 2004, Analista 2010, Analista de Sistemas de Negócios, exercendo como cargo. papel de Analista de Negócios 15
  • 16. Análise de Negócios CronologiaPré-equipe 2º Fase da equipeAgo Dez Mar Out2009 2009 2010 2010 Abr 2011 Out Jan Set 2010 Nov Mai 2011 2009 2010 2010 1º Fase da equipe 16
  • 17. Primeira FasePonto Focal de TI 17
  • 18. Papéis e ResponsabilidadesAnalistas de Negócio Analista de Negócio Gerente de Projeto Estudo de viabilidade Proposta de Entrega Priorização Cronograma Requisitos de Negócio Premissas Requisitos Funcionais Restrições Requisitos não funcionais Riscos Requisitos de Infra-Estrutura Dependências Requisitos fora do escopo Portfólio de Projetos Releases Acompanhamento Ciclo de Negócio / Crédito Apoio na construção dos Business Case Visão da percepção do Cliente Para isso o Analista de Negócio deverá sempre ser suportado pelos especialistas! (analistas de sistemas, analista de testes, suporte, segurança e infra-estrutura). 18
  • 19. O que muda para ProdutosAnalistas de NegócioPara Produtos, o Analista de Negócios:Centraliza a relação de trabalho entre a BU e TI.Atua como Account Manager entendendo as necessidades das BU’s e Áreas.Assiste as BU’s na definição dos requisitos de negócio e técnicos, acelera o desenho e a definição da solução apoiando a aprovação dos projetos.Acompanha os níveis de serviço (SLAs).Investiga alternativas para satisfazer requisitos de negócios ou técnicos com apoio do Arquiteto de Solução.Apoia a construção dos “Business Case”.Suporta a pré-venda de novos produtos e soluções de TI (com apoio de gestão de serviços e lideranças). O Analista de Negócio é o ponto focal da BU com todas as dimensões de TI (sistemas e infra-estrutura tecnológica) 19
  • 20. O que muda para TIAnalistas de NegócioEm TI, o Analista de Negócios atua como:Gerente de Projetos, garante a comunicação e qualidade dos entregáveis.Assegura o envolvimento da TI nos projetos desde a concepção da necessidade.Garante o registro e acompanhamento de todas as demandas das BU’sLeva as questões mais relevantes ao Grupo Estratégico/Tático de TIAcompanha os indicadores de Desenvolvimento/Manutenção de SistemasApóia e Acompanha a implantação dos “Releases” Analistas de Negócio propaga o conhecimento da tecnologia para o desenvolvimento de soluções com mais especialização. 20
  • 21. Analista de NegócioFronteiras Gerências de Análise de Desenvolvimento Produtos e Negócios de Sistemas Processos Necessidade de definir as fronteiras de atuação entre as áreas envolvidas (processo contínuo) 21
  • 22. Segunda FaseFoco nos Requisitos 22
  • 23. EvoluçãoAnalistas de Negócio Definir o que queremos ser Fortalecer o conhecimento do time sobre o negócio Aproximar ações com os clientes internos Evoluir o modelo de Análise de Negócios na corporação 23
  • 24. Análise de NegóciosMissãoEntender e viabilizar as necessidades das áreas de negócio, atuando no detalhamento de demandas, na análise de viabilidade e avaliação de riscos por meio de especificação, planejamento e acompanhamento. 24
  • 25. Análise de NegóciosVisãoPonto focal para as áreas de negócio, atuando para viabilizar o atendimento de suas necessidades relacionadas a TI, negociando prioridades, apresentando alternativas de solução e acompanhando as demandas.Parceiro das áreas de TI, atuando para detalhamento das necessidades das áreas de negócio, apoiando o planejamento, explicando e negociando demandas conforme impacto no ambiente de TI. 25
  • 26. Foco em Análise de NegóciosAnalistas de NegócioAnalistas de Negócio Ênfase que o analista de negócios foque na especificação. Fazer as Perguntas certas / Envolver as pessoas certas. Proximidade do cliente. Qualidade da especificação Reduzir mudanças de escopo por complemento de informações. Acompanhamento do Portfólio de demandas.Lideranças das equipes de Sistemas Gerencia de Projeto, uma vez que já administravam a alocação dos recursos. Status report das demandas. 26
  • 27. EvoluçãoAnalistas de Negócio Indicador de Confiabilidade de Requisitos 27
  • 28. Análise de NegóciosPlano de Ação para Matriz de Cobertura Gerente Analista Analista de de de Produtos Sistemas NegóciosWorkshop com as Gerências Workshop com as Plano de Ação para de cada Produto para equipes de aumento da coberturaconhecer comercialização, desenvolvimento de e conhecimento dopontos fortes apresentados, sistemas de cada Analista de Negócio. mercado, demanda produto para conhecer Inclui repasse de reprimida, potencialidades módulos e regras conhecimento entre para ... ANs para ... para ... ... para melhorar qualidade das novas especificações. 28
  • 29. Comitês de Clientes de TIObjetivos Realizações Planejamento Prestações de Contas Contato CIO com Diretorias Pontos de Atenção Desafios 29
  • 30. Evolução do modelo de Análise de Negócios • Definição de um modelo de referência baseado no BABOK • Realização de workshops e entrevistas com clientes internos • Definição de planos de ação para melhorias 30
  • 31. Análise de NegóciosDesafios “Top of Mind” State of Art.... Aprimoramento Facilitação e Workshop c/ Negociação Parceiros e Cliente Interno Capacidade, Indicadores e métricas Evolução do Modelo de Análise de Negócios Consolidar atuação do Analista de Negócio 31
  • 32. Mensagem final “Seja a mudança que você quer no mundo.” Mahatma Gandhi Os benefícios da Análise de Negócios só podem ser notados quando passamos a de fato aplicar Análise de Negócios. 32
  • 33. Serasa Experian

×