RIPEAM

13,407 views
13,005 views

Published on

Regulamento para evitar abalroamentos no mar

Published in: Travel, Technology
0 Comments
7 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
13,407
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
86
Actions
Shares
0
Downloads
448
Comments
0
Likes
7
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • RIPEAM

    1. 1. NAV II – AULA 1.1-3 <ul><li>R EGULAMENTO I NTERNACIONAL P ARA E VITAR A BALROAMENTO NO M AR </li></ul><ul><li>RIPEAM </li></ul><ul><li>Livro Texto - página 489-536 </li></ul>
    2. 3. NM Saudi Riyadh USS Arthur W. Radford Danos: $65M
    3. 14. PROPÓSITO <ul><li>REVISÃO DE: </li></ul><ul><li>TERMINOLOGIA; </li></ul><ul><li>LUZES E MARCAS; E </li></ul><ul><li>REGRAS DE GOVERNO E NAVEGAÇÃO </li></ul><ul><li>CONDUÇÃO DE EMBARCAÇÕES EM VISIBILIDADE RESTRITA </li></ul>
    4. 15. REGRA 7 - RISCO DE COLISÃO <ul><li>MARCAÇÕES CONSTANTES (OU VARIANDO POUCO) E DISTÂNCIA DIMINUINDO </li></ul>
    5. 16. MARCAÇÃO VARIANDO
    6. 17. MARCAÇÃO CONSTANTE DISTÂNCIA DIMINUINDO = COLISÃO
    7. 18. REGRA 8 <ul><li>MANOBRAS PARA EVITAR COLISÃO </li></ul><ul><li>com antecedência </li></ul><ul><li>ampla, </li></ul><ul><li>substancial, </li></ul><ul><li>positiva, </li></ul><ul><li>aparente à outra embarcação </li></ul><ul><li>conforme a boa marinharia </li></ul><ul><li>MANOBRE FRANCAMENTE E COM ANTECEDÊNCIA </li></ul>
    8. 19. REGRAS 9 e 10 <ul><li>TRÁFEGO ORDENADO </li></ul><ul><li>Canais Estreitos (Regra 9) </li></ul><ul><li>Esquema de Separação de Tráfego (Regra 10) </li></ul>
    9. 20. REGRA 9 <ul><li>CANAIS ESTREITOS </li></ul><ul><li>com segurança a BE </li></ul><ul><li>NÃO cruzar um canal. Se já estiver cruzando, manobra. </li></ul><ul><li>N Ã O devem atrapalhar quem só pode navegar dentro do canal. </li></ul><ul><ul><li>menos de 20 metros de comprimento, </li></ul></ul><ul><ul><li>barcos a vela, </li></ul></ul><ul><ul><li>engajadas na pesca </li></ul></ul>
    10. 21. REGRA 9 <ul><li>CANAIS ESTREITOS </li></ul><ul><li>As embarcações devem evitar fundear no canal. </li></ul><ul><li>As embarcações maiores serão classificadas como RESTRITAS PELO CALADO . </li></ul><ul><li>As embarcações devem usar o apito: </li></ul><ul><li>nas ultrapassagens; </li></ul><ul><li>nas curvas; </li></ul><ul><li>para alertar outra embarcação . </li></ul>
    11. 22. 5 4
    12. 23. REGRA 9 - CANAIS ESTREITOS
    13. 24. REGRA 10 <ul><li>ESQUEMA DE SEPARAÇÃO DE TRÁFEGO (EST) - VESSEL TRAFFIC SYSTEM (VTS) . NÃO HÁ NO BRASIL. É ADOTADO PELA IMO. O EST ESTÁ DESENHADO NA CARTA NÁUTICA. </li></ul>REGRA 11 AS REGRAS DESTA SEÇÃO SE APLICAM A EMBARCAÇÕES NO VISUAL DA OUTRA.
    14. 25. REGRA 12 Barcos a vela
    15. 26. REGRA 12 - PARTE B SEÇÃO II <ul><li>DUAS EMBARCAÇÕES A VELA </li></ul><ul><li>Quando cada uma das embarcações a vela tiver o vento soprando de bordo diferente, a embarcação que estiver recebendo o vento por BB deve manobrar. </li></ul><ul><li>Quando cada uma das embarcações a vela tiver o vento soprando do mesmo bordo a embarcação que estiver a barlavento deve manobrar, deixando safa a que estiver por sotavento. </li></ul>
    16. 27. w A B
    17. 28. w A B
    18. 29. REGRA 12 - PARTE B SEÇÃO II <ul><li>DUAS EMBARCAÇÕES A VELA </li></ul><ul><li>QUANDO UMA EMBARCAÇÃO COM VENTO A BB AVISTAR OUTRA EMBARCAÇÃO A BARLAVENTO E NÃO PUDER DETERMINAR QUAL O BORDO QUE A OUTRA RECEBE O VENTO, ELA DEVE MANOBRAR. </li></ul>
    19. 30. w A B
    20. 31. REGRA 13 - PARTE B - SEÇÃO II <ul><li>ULTRAPASSAGEM </li></ul><ul><li>Toda embarcação que estiver ultrapassando a outra deve se manter FORA DO CAMINHO da outra. </li></ul><ul><li>Uma embarcação está ultrapassando outra se estiver vendo SOMENTE a luz de alcançado . </li></ul><ul><li>22,5 o </li></ul>
    21. 32. ULTRAPASSAGEM
    22. 33. REGRA 14 <ul><li>RODA A RODA </li></ul><ul><li>DUAS EMBARCAÇÕES DE PROPULSÃO MECÂNICA APROXIMANDO-SE EM RUMOS DIRETAMENTE OPOSTOS OU QUASE DIRETAMENTE OPOSTOS, EM SITUAÇÃO QUE ENVOLVA RISCO DE COLISÃO ... CADA UMA DEVE GUINAR PARA BE , PASSANDO A BB UMA DA OUTRA. </li></ul>
    23. 35. RODA A RODA
    24. 36. REGRA 15 - PARTE B - SEÇÃO II <ul><li>RUMOS CRUZADOS </li></ul><ul><li>DUAS EMBARCAÇÕES DE PROPULSÃO MECÂNICA ... NAVEGANDO EM RUMOS QUE SE CRUZAM, EM SITUAÇÃO QUE ENVOLVA RISCO DE COLISÃO ...DEVE MANOBRAR A EMBARCAÇÃO QUE AVISTA A OUTRA PELO SEU PRÓPRIO BE (ou avista o BB da outra) ... EVITANDO CRUZAR A PROA DA OUTRA </li></ul>
    25. 37. RUMOS CRUZADOS
    26. 38. B GUINARÁ A GUINARÁ
    27. 39. D GUINARÁ A GUINARÁ
    28. 40. A GUINARÁ G GUINARÁ
    29. 41. REGRA 16 - PARTE B - SEÇÃO II <ul><li>AÇÃO DA EMBARCAÇÃO OBRIGADA A MANOBRAR </li></ul><ul><li>MANOBRAR ANTECIPADAMENTE E SUBSTANCIALMENTE PARA MANTER UMA DISTÂNCIA SAFA DA OUTRA EMBARCAÇÃO. </li></ul>
    30. 42. REGRA 17 - PARTE B - SEÇÃO II <ul><li>AÇÃO DE QUEM TEM A PREFERÊNCIA NA MANOBRA </li></ul><ul><li>Deve manter seu rumo e velocidade; </li></ul><ul><li>Entretanto, caso o outro não esteja manobrando de acordo com o RIPEAM, PODE manobrar para evitar a colisão; </li></ul><ul><li>Quando for imprescindível para evitar a colisão, DEVE fazê-lo. </li></ul>
    31. 43. EMBARCAÇÃO SENDO ULTRAPASSADA EMBARCAÇÃO SEM GOVERNO EMBARCAÇÃO COM MANOBRA RESTRITA EMBARCAÇÃO RESTRITA PELO CALADO EMBARCAÇÃO ENGAJADA NA PESCA EMBARCAÇÃO À VELA EMBARCAÇÃO DE PROPULSÃO MECÂNICA HIDROAVIÃO REGRA 18 - PREFERÊNCIA DE MANOBRA
    32. 44. REGRA 19 <ul><li>VISIBILIDADE RESTRITA </li></ul><ul><li>Embarcações NÃO estão no visual uma da outra. (Só no radar). </li></ul><ul><li>A embarcação deve navegar com velocidade segura e estar pronta para manobrar quando necessário. </li></ul><ul><li>Atenção com os sinais de cerração . </li></ul><ul><li>Uma embarcação que detectar outra apenas pelo radar e que estiver em rumo de colisão DEVE MANOBRAR COM ANTECEDÊNCIA para evitar o risco de colisão. Se alterar o rumo, deve cumprir o seguinte: </li></ul>
    33. 45. REGRA 19 <ul><li>Alvo A VANTE do TRAVÉS => DEVE EVITAR guinar para BB, exceto se for ultrapassagem. </li></ul><ul><li>Alvo no TRAVÉS ou A RÉ do TRAVÉS => DEVE EVITAR guinar na direção do alvo. </li></ul><ul><li>Em visibilidade restrita NÃO existe preferência. MANOBRE! </li></ul><ul><li>Em visibilidade restrita, quem deve manobrar? Resposta: EU! Cumprindo o descrito acima. E com a maior antecedência possível. </li></ul>
    34. 46. A B B A NÃO GUINAR P/ BB NÃO GUINAR P/ CIMA DE A AMBOS NÃO DEVEM GUINAR P/ BB A B NÃO GUINAR P/ BB NÃO GUINAR P/ BB
    35. 47. SUMÁRIO <ul><li>TERMINOLOGIA; </li></ul><ul><li>LUZES E MARCAS; E </li></ul><ul><li>REGRAS DE GOVERNO E NAVEGAÇÃO </li></ul><ul><li>CONDUÇÃO DE EMBARCAÇÕES EM VISIBILIDADE RESTRITA </li></ul>

    ×