A Arquitetura da Informação nas revistas webjornalísticas: TPM e Boa Forma
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

A Arquitetura da Informação nas revistas webjornalísticas: TPM e Boa Forma

on

  • 1,941 views

A pesquisa Observatório de Revistas Online, realizada em 2008, buscou mapear, analisar e compreender as características do jornalismo praticado na web. ...

A pesquisa Observatório de Revistas Online, realizada em 2008, buscou mapear, analisar e compreender as características do jornalismo praticado na web.

Nesse contexto, a análise da Arquitetura da Informação (A.I.) configura-se como um dos mecanismos de observação da estrutura de produtos comunicacionais. Os sites das revistas TPM e BOA FORMA foram selecionados como objetos dessa análise.

Statistics

Views

Total Views
1,941
Views on SlideShare
1,935
Embed Views
6

Actions

Likes
2
Downloads
22
Comments
0

2 Embeds 6

http://www.slideshare.net 5
http://facebook.slideshare.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

A Arquitetura da Informação nas revistas webjornalísticas: TPM e Boa Forma A Arquitetura da Informação nas revistas webjornalísticas: TPM e Boa Forma Presentation Transcript

  • A ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NAS REVISTAS WEBJORNALÍSTICAS: TPM E BOA FORMA. Autores: Caio Sá Telles / Hortência Nepomuceno / Marcel Ayres Orientadora: Leonor Graciela Natansohn
    • A pesquisa Observatório de Revistas Online visa a mapear, analisar e compreender as características do jornalismo praticado na web;
    • A análise da Arquitetura da Informação (A.I.) configura-se como um dos mecanismos de observação da estrutura de produtos comunicacionais. Os sites das revistas TPM e BOA FORMA foram selecionados como objetos dessa análise.
    INTRODUÇÃO
    • Através do mapeamento da macro e microestrutura dos sites, o estudo da A.I. concentra-se nos aspectos de usabilidade, adequação visual e tecnologias utilizadas pelo produto.
    OBJETIVO
    • O conceito “Arquitetura da informação” foi criado por Richard Würman em 1962, em seu livro Arquitetos da Informação . Para ele, um arquiteto da informação é “uma pessoa que cria o mapa da estrutura de informação que permite a outros encontrar seu caminho pessoal ao conhecimento”.( Würman, 1997: 62);
    • “ A arquitetura da informação se refere ao desenho da organização, etiquetação, navegação e sistemas de busca para ajudar as pessoas a encontrar e gerir informações mais adequadamente”. (Rosenfeld e Morville. In: Information Architeture for the World Wide Web . 1998).
    O que é Arquitetura da Informação?
  • METODOLOGIA
    • Os procedimentos utilizados nesse trabalho são:
    • a) levantamento bibliográfico
    • b) pesquisa na Internet
    • c) aplicabilidade dos conceitos em análise de produtos.
    • 1.Revisão Bibliográfica
    • Definições da Arquitetura da Informação;
    • Aplicabilidade no ciberjornalismo;
    • Usabilidade do produto;
    • Adequação visual.
    METODOLOGIA
    • 2. Mapeamento da Arquitetura da Informação do objeto
    • 2.1 - Macroarquitetura  
    • Mapear a macroarquitetura do produto; 
    • Esboço do fluxograma da macroarquitetura; 
    • Mapeamento dos recursos interativos utilizados na macroarquitetura; 
    • Mapeamento dos recursos multimidáticos utilizados na macroarquitetura.  
    METODOLOGIA
    • 2. Mapeamento da Arquitetura da Informação do objeto
    • 2.2 - Microarquitetura  
    • Definição da área do produto que se irá mapear;
    • Captura periódica da área escolhida, identificando a estrutura narrativa do conteúdo; 
    • Esboço do fluxograma das informações; 
    • Identificação dos recursos interativos utilizados nas matérias; 
    • Identificação dos recursos mutimidiáticos utilizados nas matérias. 
    METODOLOGIA
    • 3. Elaboração de categorias de análise e processamento do material  
    • Comparação e análise dos fluxogramas, dos recursos interativos e de multimídia utilizados. De acordo com os objetivos da pesquisa e com o auxílio da bibliografia, definir as categorias de análise . 
    METODOLOGIA
    • 4. Definição conceitual das particularidades da A.I. do Produto
    • Descrever a AI do produto ciberjornalístico de acordo com seu posicionamento editorial, gêneros, editorias, posicionamento mercadológico, buscando avançar conceitualmente, de acordo com a bibliografia utilizada. 
    METODOLOGIA
  • RESULTADOS ESPERADOS
    • Através da análise da Arquitetura da Informação das revistas online TPM e BOA FORMA, espera-se:
    • Identificar se há simbiose entre os sistemas do meio tradicional e os conteúdos veiculados na web;
    • Comparar as tendências do design na Rede e do design de impresso;
    • Verificar de que maneira o mapa da informação e a usabilidade dos produtos analisados facilitam a navegabilidade do usuário;
    • A análise encontra-se em andamento com a previsão de ser finalizada em dezembro de 2008 .
  • site da Revista TPM – TRIP para Mulheres TPM – Out. 2008
  • site da Revista Boa Forma Boa Forma – Nov. 2008
  • REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
    • CODINA, L. Hiperdocumentos: composición, estructura y evaluación . In: NOCI, J.D,; SALAVERRÍA, R. (Orgs.). Manual de Redacción Ciberperiodista. Barcelona, Ariel, 2003. p. 143-194
    • LEMOS, A. Cibercultura: tecnologia e vida social na vida contemporânea . Porto Alegre: Sulina, 2002.
    • LÓPEZ, X.; GAGO, M.; PEREIRA, X. Arquitectura y organización de la información . In: NOCI, J.D,; SALAVERRÍA, R. (Orgs.). Manual de Redacción Ciberperiodista. Barcelona, Ariel, 2003. p. 195-230.
    • MACHADO, E. O ciberespaço como fonte para os jornalistas . Salvador: Calandra, 2003.
    • MELQUI JR, A. Arquitetura de Informação do planejamento à publicação dos websites . In: 12° Encontro de Web Design. Setembro de 2007. Curitiba. Brasil.
    • MIELNICZUK, Luciana. Sistematizando alguns conhecimentos sobre jornalismo na web . In: MACHADO, Elias; PALÁCIOS, Marcos. Modelos de jornalismo digital. Salvador: Calandra, 2003.
    • NIELSEN, Jakob; LORANGER, Hoa. Usabilidade na web . Rio de Janeiro: Elsevier/ Campus, Hoa. web. Elsevier/ 2007.
    • OLIVEIRA, Leonardo Bueno de. A Arquitetura da Informação aplicada na construção de um sistema publicador para jornais digitais . Departamento de Jornalismo e Editoração da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, 2005. Dissertação. 
    • PALACIOS, Marcos. A teoria e a prática na concepção de uma ferramenta de publicação para o jornalismo digital . In: MACHADO. E; PALÁCIOS. M. (Orgs.). Modelos de Jornalismo Digital. Salvador: Calandra, 2003. 187 -211.
    • PALACIOS, Marcos. Ruptura, Continuidade e Potencialização no Jornalismo Online: o Lugar da Memória. In: MACHADO, Elias & PALACIOS, Marcos (Orgs), Modelos do jornalismo Digital, Salvador: Editora Calandra, 2003.
    • PALOMO, B. (2005). “Estructura editorial: diseño, navegación y usabilidad”, en Salaverría (coord.), Cibermedios. El impacto de internet en los medios de comunicación en España . Comunicación Social. Sevilla. Pp.186-222.
    • ROSENFELD, L; MORVILLE, P. Information Architecture for the World Wide Web . Santa Clara: O'Reilly & Associates, 1998.
    • SCHWINGEL, C. . A arquitetura da informação e o sistema de publicação do Independent Media Center . In: Congresso Iberoamericano de Periodismo en Internet - la enseñanza del periodismo en Iberoamérica, 2004, Salvador - Ba. A arquitetura da informação e o sistema de publicação do Independent Media Center, 2004.
    • SCHWINGEL, C. . Metodologias de Pesquisa de Arquiteturas da Informação no Ciberjornalismo brasileiro. In: I Colóquio Internacional Brasil-Espanha sobre Cibermeios, 2007, Salvador. Anais do I Colóquio Internacional Brasil Espanha sobre Cibermeios, 2007 .