• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Portfolio disciplina planejamento e avaliação
 

Portfolio disciplina planejamento e avaliação

on

  • 3,465 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,465
Views on SlideShare
3,455
Embed Views
10

Actions

Likes
0
Downloads
17
Comments
0

3 Embeds 10

http://docenciasuperior-30turma.blogspot.com 7
http://www.docenciasuperior-30turma.blogspot.com 2
http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Portfolio disciplina planejamento e avaliação Portfolio disciplina planejamento e avaliação Document Transcript

    • Faculdade de Ciências Educação e Comunicação Curso de Pos-Graduação Formação para a Docência do Ensino Superior PORTFÓLIO Maceió – AL 2011
    • Equipe composta pelos alunos:João AurelianoSâmara Silva Rêgo Tânia Regina Pinha Harkensee
    • João Aureliano Curriculum LattesSou uma pessoa disposta a enfrentar a vida,pois sempre tenho força de vontade e coragempara atingir meus objetivos, sejam elesprofissionais ou pessoais. Sou graduado emFilosofia pela UFAL e Marketing pela UNOPAR,mas busco sempre aperfeiçoar e aprimorarmeus conhecimentos, pois pretendo seguir ocaminho acadêmico, cursando Mestrado eDoutorado, os quais são itens dos meus sonhos.Sou alegre, de fácil trato, e bastante dedicadoao que me proponho fazer. Tenho muitadisposição para a pesquisa, como poderão verem meu curriculum lattes.No entanto, sei que atingir meus objetivos, iráexigir de mim muito empenho, paciência epersistência. Por enquanto, pretendo ser útilcom o que aprendi até agora, desenvolvendominhas habilidades profissionais na área deeducação e na área de marketing . Aprendi que na vida, O que vale é fazer bem feito.
    • Sâmara Silva Rêgo Curriculum VitaeSou uma pessoa dinâmica, determinada e romântica, acredito muitona existência de DEUS, e sei que com fé e força de vontade seremoscapazes de realizar todos os nossos sonhos.Sou formada em Biologia, licenciatura plena pelo Centro de Estudossuperiores (CESMAC), hoje estou com 31 anos, terminando minhapós graduação em Docência do Ensino superior, cumprindo assimmais uma etapa de conhecimentos que serão exercidos futuramentecom êxito, seja na área educacional, pessoal e social. Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria Coríntios 13:1 como o metal que soa ou como o címbalo que retine.I Coríntios 13:2 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.I Coríntios 13:3 E ainda que distribuísse todos os meus bens para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.I Coríntios 13:4 O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece,I Coríntios 13:5 não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal;I Coríntios 13:6 não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade;I Coríntios 13:7 tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.I Coríntios 13:8 O amor jamais acaba; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;I Coríntios 13:9 porque, em parte conhecemos, e em parte profetizamos;I Coríntios 13:10 mas, quando vier o que é perfeito, então o que é em parte será aniquilado.I Coríntios 13:11 Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.I Coríntios 13:12 Porque agora vemos como por espelho, em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei plenamente, como também sou plenamente conhecido.I Coríntios 13:13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor.
    • Tânia Regina Pinha HarkenseeCurriculum Vitae Profissionalmente, considero-me responsável, dinâmica e dedicada. Sou coordenadora de uma instituição privada, nível médio, e procuro encontrar estratégias e novas metodologias que atendam as expectativas de uma sociedade em constante mutação, ressignificando conteúdos e motivando alunos durante o processo de ensino aprendizagem. Nas relações interpessoais, sou muito prestativa, leal e, principalmente, acredito ser fundamental respeitar a individualidade e limites de cada um. Considero importante cultivar boas amizades e viver sem maximizar problemas que fazem parte do cotidiano. Alias, estes são, muitas vezes, alavanca para novos posicionamentos e novas conquistas. "A tarefa essencial do professor é despertar a alegria de trabalhar e de conhecer." (Albert Einstein)
    • 1 – Trabalho : Texto Planejamento 2 – Trabalho: Plano de Ensino 3 - Trabalho – Mapa Conceitual 3.1 – João Aureliano 3.2 – Sâmara Silva Rêgo 3.3 – Tânia Regina P.Harkensee 3.4 – Texto Portfólio 4 – Trabalho: Hipertexto
    • Trabalho 1 – Texto Planejamento
    • “Quem compreender o conceito de necessidade e pudertrabalhar eficientemente com ele descobriu a essência doplanejamento”Danilo GandinPlanejamento é um processo que tem como finalidade, estabelecerfins e meios que apontem para sua superação, de modo a atingirobjetivos antes previstos, pensando e prevendo o futuro, levando emconta as condições do presente, ou seja, a realidade, asexperiências do passado e os pressupostos filosófico, cultural,econômico e político de quem planeja e com quem se planeja. Oplanejamento evita a improvisação, arranjos mal definidos, prever ofuturo, estabelece caminhos que podem ser norteados maisapropriadamente de acordo com a realidade educacional, preveremo acompanhamento e a avaliação da própria ação. Planejar e avaliarcaminham juntos, conforme Paulo Freire:Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar possibilidades parasua produção ou construção. Quem ensina aprende ao ensinar equem aprende ensina ao aprender.O planejamento é a etapa mais importante do processo pedagógico,é onde estratégias e metas são desenvolvidas e adequadas àrealidade, envolve reflexão de decisões sobre a organização, seufuncionamento e trabalha em cima da proposta pedagógica dainstituição docente. O planejamento possui uma organizaçãometodológica do conteúdo baseado na realidade do principalinteressado que são os alunos, visando o seu crescimento edesenvolvimento dentro da sociedade.Professores e alunos trabalham em comunhão numa sala de aula, éuma troca de conhecimentos e saberes, cada um compartilhando desuas habilidades e realidade, não é um processo educativo cujosresultados podem ser predefinidos, de forma alguma, oplanejamento existe para que através de uma organizaçãometodológica do conteúdo ministrado pelos professores, o alunovenha desenvolver o seu raciocínio e forma de pensar, visando oseu crescimento na sociedade em que vive. O uso do planejamentodentro da sala de aula é uma das atividades mais importantes doeducador, pois o mesmo servirá de base, alicerce a ser desenvolvidodentro da instituição docente.
    • Apesar de o planejamento ser de grande importância pedagógica,político e social, existem professores que são totalmente contra asua prática educativa, utilizando em suas aulas e atividades todo tipode improviso, artifícios e arranjos, tendo como resultado a falta dedesenvolvimento do alunado. Professores desse tipo estãopreocupados em ministrar conteúdos que só servem para ele, issoacontece muito em Universidades Federais, professores queensinam no mesmo curso e lecionam a mesma disciplina a mais de10 anos ou mais, muitas vezes utilizam as mesmas aulas nos diasatuais, desconsiderando de forma bruta a realidade e culturaexistente de seus alunos.O professor tem que entender que o planejamento é um amigo, umaforte ferramenta de trabalho no qual ele vai ser norteado paradesenvolver e alcançar seus objetivos, desde a resolução deproblemas, suas escolhas até a sua formação como cidadão.Professores que pensam que ter mestrado, doutorado e outrasgraduações é o bastante, estão enganados, muitos carregamapenas seus títulos em encontros sociais, políticos e pedagógicos,mas na realidade não conseguiram um bom desenvolvimento emsuas aulas, ficam ultrapassados pelo tempo esperando por suasaposentadorias, relatando para os que estão chegando àquilo quenão fizeram seus títulos só servem para eles mesmos.O planejamento possibilita ao professor, manter a articulação e odesenvolvimento da disciplina, a sala de aula exige reflexão doprofessor para criar e recriar ações sempre que novos interessessurjam, por isso é exigido organização, sistematização, previsão,decisão e outros.È importante deixar claro que o professor necessita planejar, refletirsobre sua ação, pensar sobre o que faz, antes, durante e depois,pois lidar com pessoas em processo de formação é necessário teruma atitude cientifica didático – pedagógica, para que o alunoconsiga se desenvolver na sociedade.Referencias:GANDIN, D. e L. Temas para um projeto político-pedagógico.Petrópolis: Vozes, 1999.FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessáriosà prática educativa. São Paulo: Paz e Terra. 1996.
    • Trabalho 2 – Plano de Ensino
    • PLANO DE ENSINO • DADOS DA UNIDADE CURRICULARCurso: Licenciatura em PedagogiaUnidade Curricular: Filosofia da Educação ICarga Horária do Módulo: Carga Horária Semanal36 h/a (h/a): 2Docentes Responsáveis: João Aureliano Sâmara Silva Rêgo Tânia Regina Pinha Harkensee OBJETIVO GERALDemonstrar atitude crítico-reflexiva em relação aosproblemas educacionais encontrados na realidade social,buscando direcionar o futuro professor a uma compreensãoglobal do problema educacional, abstraídas as variações deespaço e tempo. EMENTAAnálise das relações entre educação e filosofia mediantereflexão crítica sobre as bases filosóficas, princípios einfluências da principais concepções do pensamentopedagógico, expondo perspectivas de uma Filosofia daEducação Brasileira para o século XXI.
    • OBJETIVOS ESPECIFICOSRefletir o cotidiano, a formação de valores, a relativizaçãodos conceitos, fazendo uso do censo crítico social;Perceber a importância da epistemologia, da antropologia eda axiologia na reflexão filosófica, e a necessidade dedistinguir entre conhecimento, ideologia e valores sociais,ampliando os conceitos de verdade e racionalidade;Estudar o processo histórico da pedagogia e o papel datecnologia na educação contemporânea, identificando afilosofia como instrumento de ação e de interpretação domundo. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: 1ª UNIDADE: Filosofia, Educação e Sociedade 1.1 - Filosofia, Educação e Pedagogia 1.2 – A formação do Educador 1.3 - Cultura e humanização 1.4 - Educação formal, informal, não-informal 1.5 - Educação e Inclusão 2ª UNIDADE: Presssupostos e Concepções 2.1 – Antropologia e Epistemologia Filosófica 2.2 - Pedagogia nos séculos XVIII e XIX 2.3 - Concepções liberais do Séc. XX 2.4 - Política e Educação 2.5 – Críticas à Escola
    • AVALIAÇÃO Diagnóstica, levando-se em consideração conhecimentos existentes e vivenciados; Processual, reavaliando o planejamento e incorporando inovações necessárias para o avanço do processo de ensino; Somativa, objetivando avaliar individualmente os aspectos cognitivos assimilados. METODOLOGIA Aula expositivas utilizando método ativo, incentivando a participação do aluno. Debates, estudo dirigido e estudo de casos, provas dissertativas e seminários. BIBLIOGRAFIAARENDT, H. A condição humana, 10ª ed. Rio de Janeiro, 2004Aristóteles. Política, Brasília, Ed. UnB, 1985.BAUMAN, Z. A Globalização: As conseqüências humanas, Rio de Janeiro,Ed. Zahar, 1999.CHAUÍ, M. Convite à Filosofia, Ed. Ática, São Paulo, 1994.FERRATER, M. Dicionário de Filosifia, 4ª ed. São Paulo, Martins Fontes, 2001.HADOT, P; O que é filosofia antiga?, São Paulo, Loyola, 1999.LEGOFF, J. Para um novo conceito de Idade Média, Lisboa, Estampa, 1999.LEGOFF, J. Os intelectuais na Idade Média, São Paulo, Brasiliense, 1988.REALE, G & ANTISERI, D. História de Filosofia do humanismo a Kant, Vol II,Ed. Paulinas, São Paulo, 1990.REALE, G. História de Filosofia Antiga, São Paulo, Loyola, 1994.VASQUEZ, A.S. Ética, 4ª Edição, Ed. Civilização Brasileiro, Rio de Janeiro,1980.VERNANT, J-P. Entre Mito e Política, 2ª Edição, São Paulo, Edusp. 2002.
    • Trabalho 3 – Mapa Conceitual
    • 4 – Trabalho: Hipertexto
    • Pela InternetGilberto GilComposição : Gilberto GilCriar meu web siteFazer minha home-pageCom quantos gigabytesSe faz uma jangadaUm barco que veleja ...(2x)Que veleje nesse informarQue aproveite a vazante da infomaréQue leve um oriki do meu orixáAo porto de um disquete de um micro em TaipéUm barco que veleje nesse infomarQue aproveite a vazante da infomaréQue leve meu e-mail até CalcutáDepois de um hot-linkNum site de HelsinquePara abastecerEu quero entrar na redePromover um debateJuntar via InternetUm grupo de tietes de ConnecticutDe Connecticut de acessarO chefe da Mac Milícia de MilãoUm hacker mafioso acaba de soltarUm vírus para atacar os programas no JapãoEu quero entrar na rede para contatarOs lares do Nepal,os bares do GabãoQue o chefe da polícia carioca avisa pelo celularQue lá na praça Onze tem um videopôquer para sejogar...
    • Atividade indicada para disciplina: FilosofiaGilberto Gil, na música Pela Internet,apresenta sua visão sobre aInternet, meio de comunicaçãomundial que vem revolucionandonossos hábitos de obtenção etransmissão de informações.O objetivo dessa atividade é realizaruma reflexão sobre a importância dainternet como meio de comunicaçãoe a transformação das pessoas àmedida que ela evoluiu, além derelacionar com questões do nossocotidiano.