Your SlideShare is downloading. ×
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Africa
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
698
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
17
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1.  “a principal característica dos negros é que sua consciência ainda não atingiu a intuição de qualquer objetividade fixa, como Deus, como leis, pelas quais o homem se encontraria com a própria vontade, e onde ele teria uma idéia geral de sua essência [...] O negro representa, como já foi dito o homem natural, selvagem e indomável. Devemos nos livrar de toda reverência, de toda moralidade e de tudo o que chamamos sentimento, para realmente compreendê-lo. Neles, nada evoca a idéia do caráter humano[...] A carência de valor dos homens chega a ser inacreditável. A tirania não é considerada uma injustiça, e comer carne humana é considerado algo comum e permitido [...] Entre os negros, os sentimentos morais são totalmente fracos – ou, para ser mais exato inexistentes. (HEGEL, 1999, pág. 83-86)
  • 2.  “Os negros da África não possuem, por natureza, nenhum sentimento que se eleve acima do ridículo. O senhor Hume desafia qualquer um a citar um único exemplo em que um Negro tenha mostrado talentos, e afirma: dentre os milhões de pretos que foram deportados de seus países, não obstante muitos deles terem sido postos em liberdade, não se encontrou um único sequer que apresentasse algo grandioso na arte ou na ciência, ou em qualquer outra aptidão; já entre os brancos, constantemente arrojam-se aqueles que, saídos da plebe mais baixa, adquirem no mundo certo prestígio, por força de dons excelentes. Tão essencial é a diferença entre essas duas raças humanas, que parece ser tão grande em relação às capacidades mentais quanto à diferença de cores. A religião do fetiche, tão difundida entre eles, talvez seja uma espécie de idolatria, que se aprofunda tanto no ridículo quanto parece possível à natureza humana. A pluma de um pássaro, o chifre de uma vaca, uma concha, ou qualquer outra coisa ordinária, tão logo seja consagrada por algumas palavras, tornam-se objeto de adoração e invocação nos esconjuros. Os negros são muito vaidosos, mas à sua própria maneira, e tão matraqueadores, que se deve dispersá-los a pauladas.” (KANT, 1993: pág. 75-76)
  • 3.  A idéia era fazer um balanço de seis dias de viagens por quatro países da África. O resultado foi a pior gafe do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em dez meses de governo. Num discurso de improviso ao lado do presidente da Namíbia, Sam Nujoma, Lula deu a entender que associava a África a pobreza e a feiura. E ainda manifestou seu desalento pela imagem de um Brasil habitado por "índios pobres". "Estou surpreso porque, quem chega a Windhoek, não parece que está num país africano", confessou Lula. "Acho que poucas cidades do mundo são tão limpas e bonitas arquitetonicamente quanto esta cidade. E um povo extraordinário como tem." Em seguida, o presidente fez uma analogia: "A visão que se faz da América do Sul é que nós somos todos índios pobres."
  • 4.  A idéia era fazer um balanço de seis dias de viagens por quatro países da África. O resultado foi a pior gafe do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em dez meses de governo. Num discurso de improviso ao lado do presidente da Namíbia, Sam Nujoma, Lula deu a entender que associava a África a pobreza e a feiura. "Estou surpreso porque, quem chega a Windhoek, não parece que está num país africano", confessou Lula. "Acho que poucas cidades do mundo são tão limpas e bonitas arquitetonicamente quanto esta cidade.” (presidente Lula)
  • 5.  Várias linhas de pensamento tentam definir a origem da palavra África, que ao longo do tempo, sofreu várias transformações, dependendo da língua dominante no continente. Porém, uma linha que nos dá uma ideia mais ilustrativa da origem do termo é a egípcia, que define áfrica como “berço”
  • 6.  Segundo Charles Darwin, a África foi o continente que primeiro testemunhou a origem do homem
  • 7. O QUE FOI?- partilha da África proposta pelas potências européias, num segundo momento colonialista europeu participaram: Portugal, Alemanha, Bélgica, França, Itália, Reino Unido, Dinamarca, EUA, Suécia, Austria- Hungria e o Império Otomano
  • 8. PRINCIPAIS DIVISÕES África Austral – Reino Unido (exceção das colônias portuguesas de Angola eMoçambique) Sudoeste Africano – Alemanha e toda a África Oriental Costa ocidental e o norte-africano: França, a Espanha e Portugal (Guiné-Bissau, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe); Congo e países ao leste (Ruanda e Burundi) - Bélgica
  • 9.  1955 – Conferência de Bandung- Reunião envolvendo os países afro-asiáticos subdesenvolvidos começam a lutar pelos princípios de autodeterminação- Várias reuniões são feitas até que na década de 1960, o movimento de descolonização atinge seu apogeu com a independência de 17 países
  • 10.  A onda de independência prossegue até o final do século 20
  • 11.  Falta de cooperação entre os estados independentes (devido ao traçado territorial ilógico e arbitrário) Dependência colonial (em determinados casos, como a Tunísia, por exemplo) Sobreposição de culturas europeias Problemas étnicos e religiosos Isolamento comercial Estado de pobreza extrema Problemas de saneamento, saúde (Aids), violência Fome Racismo
  • 12.  Terceiro continente mais extenso (30 milhões de quilômetros quadrados) Segundo continente mais populoso do planeta (1 bilhão de pessoas) Abriga 54 países independentes Grande diversidade étnica, cultural, social e política Dos 30 países mais pobres do mundo, 21 são africanos
  • 13.  ÁFRICA DO NORTE (ÁFRICA BRANCA)– composta por países islâmicos, ou seja, a maior parte da população é muçulmana. São países falantes das línguas árabes ÁFRICA NEGRA (OU ÁFRICA SUBSAARIANA) – todo o restante do continente, localizado a partir do sul do deserto do Saara.
  • 14.  África do Norte África Ocidental África Central África Oriental África Austral
  • 15.  PAÍSES• Argélia• Egito• Líbia• Marrocos• Mauritânia• Saara Ocidental• Tunísia
  • 16.  CARACTERÍSTICAS- Composta por maioria árabe- Apresenta os melhores indicadores econômicos e sociais do continente- Egito – maior país industrializado- Argélia – grandes reservas de petróleo- Possui forte intercâmbio comercial e cultural com a Europa
  • 17.  PAÍSES • Libéria• Benin • Mali• Burkina Faso • Níger• Cabo Verde • Nigéria• Costa do Marfim • Senegal• Gâmbia • Serra Leoa• Gana • Togo• Guiné• Guiné-Bissau
  • 18.  CARACTERÍSTICAS- Maior parte dos países foi composta por colônias francesas, durante o século 19- Rica em minério (bauxita, ferro, e estanho)- Rica em marfim- Destaque para Nigéria (petróleo e gás natural)- Vários países da região praticam a agricultura de subsistência (especialmente Mali e Burkina Faso, países com alguns dos piores índices de IDH do mundo)- Serra Leoa – país com grande parque industrial, mas com uma das populações mais pobres do continente- Fazem parte do CEDEAO – Comunidade Econõmica dos Estados da África do Oeste
  • 19.  PAÍSES • República Centro-Africana• Angola • República Democrática do• Chade Congo• Congo• Camarões• Gabão• Guiné Equatorial• São Tomé• Príncipe
  • 20.  CARACTERÍSTICAS- Região que apresenta uma das menores unidades culturais e geográficas do continente- Fazem parte do bloco denominado: Comunidade Econômica e Monetária da África Central- Trata-se de uma das regiões mais pobres do continentem, com os piores índices de desenvolvimento humano e de industrialização- Região que teve o maior número de colonizadores europeus (belgas, italianos, espanhós, franceses, portugueses e ingleses)- Região que abriga Angola, um dos países que mais forneceram escravos para o Brasil . Angola também é um dos p´rincipais países do continente, membro da OPEP e portanto, produtor de petróleo
  • 21.  PAÍSES • Mayotte• Burundi • Moçambique• Comoros • Reunión• Djibuti • Ruanda• Eritreia • Seychelles• Etiópia • Somália• Quenia • Uganda• Madagascar • Tanzânia• Malauí • Zâmbia• Ilhas Maurício • Zimbábue
  • 22.  CARACTERÍSTICAS- Segundo os cientistas, nessa região é que surgiram os ancestrais primitivos do homem e o próprio homem- Região dominada pelos ingleses, mas que também teve a atuação de belga e portugueses- Apesar do domínio inglês, a língua falada na região é o suali, falada por mais de 50 milhões de pessoas no continente- Possui também baixos indicadores sociais e econômicos- Possui alguns pólos de industrialização, agricultura de subsistência; é uma região rica em recursos minerais- Possui um dos maiores índices de população economicamente ativa
  • 23.  PAÍSES• África do Sul• Botsuana• Lesoto• Namíbia• Suazilândia• Zimbábue
  • 24.  CARACTERÍSTICAS- Uma das menores sub-regiões da áfrica, porém, assim como o norte, com elevados índices de industrialização e maiores índices de IDH- Destaque para a África do Sul, um dos países mais prósperos do continente- Região rica em biodiversidade e recursos minerais e naturais- Assim como nas outras regiões, a pobreza e a falta de saneamento são problemas comuns- A região foi a primeira a ser colonizada por europeus dominada pelos ingleses, mas que também teve a atuação de belga e portugueses- Apesar do domínio inglês, a língua falada na região é o suali, falada por mais de 50 milhões de pessoas no continente- Possui também baixos indicadores sociais e econômicos- Possui alguns pólos de industrialização, agricultura de subsistência; é uma região rica em recursos minerais- Possui um dos maiores índices de população economicamente ativa

×