• Like
Modelos de Negócios Canvas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

Modelos de Negócios Canvas

  • 2,766 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,766
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4

Actions

Shares
Downloads
86
Comments
0
Likes
5

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Pequenas apostas Inovação e Modelos de negóciosO que isso tem em comum?
  • 2. Você provavelmente conhece essas marcas: Já parou para pensar como elas se tornaram GRANDES MARCAS?
  • 3. Isso mesmo,errando!Essas empresas,assim como a maioriadas empresasinovadoras sãoresultado de umatrajetória na qualseus donosaperfeiçoam pouco apouco uma ideiainicial.
  • 4. Apoio de colaboradores e clientesE como esseaperfeiçoamentoacontece? Inspiração em contato com o mercado
  • 5. Depois é só pegar as ideias e testar,testar e testar muitas vezes, até chegar à INOVAÇÃO.
  • 6. “Paraaprender einovar éprecisotambémfalhar.”Peter Sims
  • 7. Esse é Peter Sims, autor do conceito "Pequenas Apostas”, destaque internacional na área de inovação e autor do bestseller Little Bets, escrito em colaboração com a The d.School de Stanford.
  • 8. Peter Sims é consultor epalestrante nos temas deempreendedorismo einovação de empresascomo Pixar, Eli Lilly, CiscoSystems e Qualcomm.Seu livro mostra comograndesempreendedoresalcançam o sucessotestando pequenasideias e fazendopequenas apostas.
  • 9. “A escola tradicional ensina a não errar e isso amedronta o indivíduo a arriscar, mas é arriscando e sesujeitando a falhas que alcançamos a inovação”. Peter Sims
  • 10. Concordamos com PeterSims que a inovação nãotecnológica está e éacessível para todos.Mas para alcançar ocaminho da inovação, épreciso conhecermetodologias eferramentas, e praticar aspequenas apostas commétodos objetivos.
  • 11. Destacamos o DesignThinking que éamplamente utilizadopelas empresas maisinovadoras e tem como umadas principais escolas a Thed.School de Stanford , oBMGEN Canvas, que permitea inovação através deModelos de Negócios, e oDesenvolvimento doCliente, que é aplicado paraa busca de um negócioescalável, replicável erentável.
  • 12. As metodologias e técnicas são complementares e o domínio e prática das mesmas ajuda na mudança demodelo mental, abrindo o caminho para a inovação.
  • 13. Mas o que é umModelo de Negócio Inovador?
  • 14. NÃO É PLANODE NEGÓCIOPor plano de negócio entende-se odocumento descritivo queapresenta o estado atual e futurode uma organização, relata osobjetivos de um negócio e asetapas que devem ser cumpridaspara que esses objetivos sejamalcançados.
  • 15. MODELO DE NEGÓCIOÉ a representação dosprocessos de uma empresade como esta oferece valoraos seus clientes, obtémseu lucro e se mantém deforma sustentável ao longode um período de tempo.
  • 16. A METODOLOGIADE BUSINESSMODEL CANVAS
  • 17. Cocriado por 470 praticanteswww.businessmodelgeneration.com em 45 países
  • 18. Modelos de Negóciodescrevem a lógica de como uma organização cria, captura e entrega valor (@AlexOsterwalder)
  • 19. É um conceito
  • 20. Exemplo: oconceito de flor.Um esquimó podeentender o que éuma orquídea,mesmo que elenunca tenha vistouma. Se eleconhece o conceitode uma flor, elesaberá o que éuma flor.
  • 21. O conceito de modelo de negócio proposto porAlex Osterwalder é simples e claro.
  • 22. É uma linguagem
  • 23. Exemplo: a escrita musical. A linguagem da músicapermite que se escreva letras de músicas, histórias ou óperas musicais.
  • 24. É umalinguagemvisual.A combinaçãode texto eimagens ativa oshemisférios docérebro. Asolução deproblemas é deaté 75% melhor.O desempenhoda memória é600% melhor.
  • 25. É possível ver as relações entre os elementos.Esta linguagem permite uma fotografia do modelo de negócio emquestão.Já em um texto as informações ficam em sequência e osrelacionamentos não são ficam evidentes de imediato.
  • 26. É um método
  • 27. O método sugere cinco fases de processo para desenhar omodelo de negócio, que cobre todo o ciclo de vida do mesmo.
  • 28. O método integra várias técnicas de inovação.Customer Insights, Ideation, Visual Thinking, Prototyping,Storytelling, Scenarios.
  • 29. O método se integra com muitas ferramentas e técnicas deestratégia organizacional. Oceano Azul; Análise SWOT,Desenvolvimento do cliente entre outras.
  • 30. www.strategyzer.com
  • 31. Criação de um negócio no formato convencional •Plano de Negócio •Desenvolvimento do produto •Lançamento no mercadoFoco no produto
  • 32. Criação de um negócio de forma inovadora Foco no cliente Desenvolvi Investimento Modelo deideias Negócio Hipóteses mento do e escala cliente
  • 33. Encontrar um negócio escalável, replicável e rentável
  • 34. é um conjunto de pequenas características que traz a maiorMVP– quantidade deMinimun  OrdensViable  Aprendizado  FeedbackProduct  Falhas… com o menor esforço possível
  • 35. O modelo denegócio é umconjunto dehipóteses quedevem sertestadas emcontato com ocliente#bmgen
  • 36. Gostou? Quer saber mais?Participe do Curso Business ModelGeneration – Modelos de NegóciosInovadores, na ESPM em São Paulo, nosdias 18 e 19/jan e 1 e 2/fev de 2013
  • 37. Essa é a proposta do Curso Business Model Generation - Modelos deNegócios Inovadores. Apresentar ferramentas que contribuam para amudança do modelo mental e de forma colaborativa com outraspessoas, ajudar a encontrar o caminho da inovação.
  • 38. Participe do Curso Business Model Generation – Modelos deNegócios Inovadores, na ESPM em São Paulo, nos dias 18 e19/jan e 1 e 2/fev de 2013 e ministrado por Maria AugustaOrofino e Renato Nobre.Informações no site www.bmgenbrasil.com/cursoseworkshops/
  • 39. www.bmgenbrasil.com http://www2.espm.br/cic
  • 40. @maria_augusta [Contatos [@rvnobrefalecom@mariaaugusta.com.brrenato.nobre@bmgenbrasil.com BmgenBrasil Augusta Guta Orofino Renato Nobre www.bmgenbrasil.com
  • 41. [Créditos [Blank, Steven Gary. Do Sonho à realização em 4 passos – Four steps to the Epiphany, São Paulo,Ed. Évora, 2012.Fotos extraídas do site: http://compfight.com – Acesso em 27/01/2012Landing Page Clear Educação & Inovação de novembro de 2012 – www.cleareducacao.com.brOrofino, Maria Augusta. Técnicas de criação do conhecimento no desenvolvimento de modelos denegócio. Dissertação de mestrado UFSC, Florianópolis, 2011Osterwalder, Alex et al. Inovação em modelos de negócios, Rio de Janeiro, Editora Alta Books,2011