Your SlideShare is downloading. ×
0
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
CPC-sismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

CPC-sismo

1,079

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,079
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. CONHECER PARA PREVENIR<br />
  • 2. Quais as áreas de maior risco sísmico?<br />Como nos podemos defender de um sismo?<br />Porque surgem os sismos?<br />
  • 3. O que é um sismo?<br />Um sismo é uma libertação súbita de energia acumulada na crosta terrestre, que se manifesta pela propagação de ondas sísmicas, provocando movimentos vibratórios no solo.<br /> Este fenómeno natural não é previsível, tem curta duração e repete-se habitualmente nas mesmas áreas.<br />
  • 4. Como se mede um sismo<br />A grandeza de um sismo pode ser medida de duas formas:<br />Pela MAGNITUDE, através de amplitude das ondas sísmicas registadas nos sismogramas, a qual está relacionada com a quantidade de energia libertada no foco. <br />Trata-se de uma forma qualitativa de medir o sismo. <br />
  • 5. Como se mede um sismo<br />A escala mais utilizada é a Escala de magnitude de Richter, composta por nove graus.<br />Cada grau desta escala corresponde a um aumento de energia cerca de trinta vezes superior, em relação ao grau anterior.<br />
  • 6. Aqui podemos observar a Escala de Richter:<br />
  • 7. Como se mede um sismo<br />Pela INTENSIDADE, através da avaliação dos efeitos produzidos em termos de danos nas estruturas edificadas e no modo como as vibrações são sentidas pela população. <br />Os efeitos são escalonados em níveis, segundo uma escala de intensidades de natureza qualitativa.<br />
  • 8. Como se mede um sismo<br />A escala mais conhecida é a Escala de Intensidades de Mercalli Modificada, constituida por doze graus.<br /> Existem, no entanto, outras escalas de intensidades. <br />Actualmente, a comissão Sismológica Europeia recomenda o uso da Escala SME (European Macroseismic scale), que entra em linha de conta com a percentagem e tipo de danos registados.<br />
  • 9. Aqui podemos observar a Escala de Mercalli Modificada:<br />
  • 10. Trabalho realizado por:<br />Ana Rita Rosado 7ºC nº1;<br />Lúcia Lobão 7ºB nº17;<br />Viviana Costa 7ºB nº27.<br />

×